História Desire - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), SHINee, Wonder Girls
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lee Sunmi, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Taemin Lee
Tags Jikook, Lemon, Sope, Taekook, Vkook, Vminkook, Yaoi, Yoonseok
Visualizações 149
Palavras 680
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa noite babies 💗

Capítulo 2 - Bora né


Fanfic / Fanfiction Desire - Capítulo 2 - Bora né

Eu sei que no meu lugar, outras pessoas se afastariam e mandariam a criatura ir tomar no cú, porém eu sou fraco galera. Sou fraco com o Jungkook, e sei que não posso fazer isso porque o Jimin gosta dele... Pois é, longa história, mas mesmo se eu quisesse ficar com o Jungkook, eu me sentiria mal pelo Jimin. E não, os meus pais não se importam, eles têm uma mente bem aberta.

- Jungkook, não faz isso... - Eu realmente não sabia lidar com aquilo, ele sempre me provoca e sai, então fiquei esperando isso acontecer.

- E por que eu não posso fazer isso? - Ele perguntou pressionando o seu corpo contra o meu enquanto apertava a minha bunda.

- Porque não é certo. - Eu disse quase cochichando, porque eu estava ficando sem ar, e a água do chuveiro estava quente, resultando em um banheiro abafado e eu ficando desesperado sem saber o que fazer.

- Pra mim parece ser muito certo. - Jungkook tinha ultrapassado de todos os limites, ele nunca tinha chegado tão perto assim de mim. Senti os seus dentes mordendo a minha orelha e depois um beijo no meu pescoço. Ele deu um tapa em minha bunda enquanto abafava o meu gemido com a outra mão. Naquele momento eu perdi totalmente a noção e senti um arrepio percorrer por todo o meu corpo. - Terminei o meu banho. - Ele disse me dando um beijo nas minhas costas me deixando mais arrepiado ainda enquanto me soltava.

- Filho da mãe. - Eu disse me virando vendo o corpo dele nu e todo molhado. Eu odiava a forma como ele me deixava excitado e saia andando como se nada tivesse acontecido. Ele se enxugou e enrolou a toalha na cintura dando um sorriso malicioso depois, enquanto eu desligava o chuveiro.

- Eu te amo. - Ele se aproximou enquanto eu o encarava cada vez com mais vontade de sair daquele banheiro gritando "EU SOU UM TROUXA, PUTA QUE PARIUU". Ele deu aquele famoso beijo na testa e um sorriso em seguida. Mordi os meus lábios tentando me controlar e fui pegar a minha toalha. Ele finalmente saiu do banheiro e eu fui me enxugar com uma ereção BEM visível culpa daquele idiota.

.

.

.

.

Eu estava procurando algo que eu não me lembrava porque eu sou muito sonso, enquanto Jimin estava sentado no carpete do meu quarto brincando com a minha cachorrinha, e Jungkook deitado na cama mexendo em seu celular. Às vezes ele me olhava e ficava observando eu me arrumar e reclamar que o meu cabelo não estava como eu queria, e ele repetia "ficou bom" e "tá lindo" com uma risada depois e Jimin confirmava.

- Estão prontos meninos? - Minha mãe surgiu na porta do quarto.

- Meu cabelo tá uma merda.

- Não tá não, você tá lindo filho. Vamos logo. - Jungkook e Jimin se levantaram e foram em direção a porta. Eu realmente não estava me sentindo bonito, eu não sei exatamente o porquê, mas eu sentia que me faltava algo...

- Ei. - Jungkook me chamou.

- O quê?

- Você ia se esquecendo disso. - Ele estendeu o colar que ele me deu no meu aniversário de 15 anos que eu usava há 3 anos já, e não conseguia sair sem ele.

- Obrigado. - Eu ia pegar o colar mas ele recuou.

- Vou colocar. - Apenas acenei com a cabeça. Depois de colocar o colar ele apertou as minhas bochechas me fazendo resmungar.

- Para. - Ele deu uma risada. Não resisti e dei uma risada também, o sorriso dele é contagiante, não dá.

- Bora gente. - Eu não tinha percebido que o Jimin estava no quarto ainda.

- Ah... vamos. - Percebi o semblante do Jimin mudar, mas eu não fiz nada ué... Pelo menos era isso que eu tinha que pensar pra não ficar tão paranóico. Finalmente saímos do quarto e fomos em direção ao carro que ficava na garagem e logo estávamos no trânsito tentando não ficar presos naquele engarrafamento às 22:00 da noite. Durante o caminho conversamos sobre coisas aleatórias e passamos em uma distribuidora para comprar bebidas.


Notas Finais


Próximo capítulo é finalmente a Party do Yoongi rs bye ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...