História Um romance de detetive. - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Hawk Moth, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Nooroo
Tags Detetive, Marichat, Romance
Visualizações 84
Palavras 928
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura,amores.

Capítulo 11 - A reunião - primeira parte



___  Bem, eu tenho que ir , madame Cheng , eu sinto muito por ter brigar com o seu marido , eu não deu para controlar os meus impulsos !   -  Chat Noir se despedindo  da senhora com um aceno de chapéu, começando a cumprir a sua promessa com o marido dela.
___  Que pena que precisa ir embora , eu gosto sempre de conversar com você, o meu marido não me dá atenção o suficiente !   -  Sabine ficando triste ao ver o gato partindo , contando que o marido dela não dava a atenção merecida á ela.
___   Eu também,madame Cheng, mas eu tenho um assasssinato para resolver, colocar o criminoso na cadeia, também eu prometi ao seu marido que ia embora daqui, assim que eu termine de falar com você sobre o  habíli dele   !  -  Chat Noir confessando que também gostava ,mas tinha um caso para resolver e a promessa que tinha feita ao senhor Dupain depois da briga.

__   Você é um homem muito honrado, espero que encontre a minha filha, antes que o pai dela empurre um novo marido rico para ela !   -   Sabine elogiando a honra do detetive gato ,  rezando para que ele encontre a Marinette , antes que o pai dela a encontre .

___  Não vou prometer nada para você , madame Cheng, eu estou realmente ocupado com o caso da morte do seu genro,mas prometo tentar ao máximo , encontra a sua filha para me casar com ela !   -  Chat Noir sendo sincero com a senhora ,  começando a deixar  a biblioteca.

___   Está bem , Chat, tenha sorte em seu caso !   -    Sabine vendo a partida do detetive,  desejando sorte para ele ,  olhando tristemente a partida dele.

___    Obrigada, senhora Cheng , se quiser conversar comigo á respeito do seu marido, não hesite de  ligar para mim !   -    Chat Noir agradecendo  a senhora, atirando o seu cartão com o número de telefone ,  oferecendo a sua ajuda.

___     Muito obrigada , Chat  !   -  Sabine pegando  o cartão que tinha caído no tapete perto da lareira, agradecendo por sua ajuda, vendo o gato começando a se afastar dela.

   ___   Até mais, senhora Cheng !   -   O detetive gato se despedindo dela , deixando   a senhora completamente sozinha com o seu cartão nas mãos.

  -  x  x  -
   Enquanto o detetive gato deixava  a senhora Cheng mais uma vez sozinha ,  começando a deixar a mansão dos Dupain Cheng , cumprindo a sua promessa com o senhor Dupain.

  ~  Quebra de tempo  -  Na delegacia de polícia  -    Na sala de reuniões.

   O delegado  Bonarparte  foi destinado  para chefiar  o caso Coursé  , então decidiu fazer uma reunião para conversar sobre o caso com os envolvidos, mas o detetive Noir estava ausente, o delegado era uma pessoa com muita paciência .

   -   x x  -

  ___    Detetive Latiffle , aonde está o seu parceiro ?   -   O delegado Bonaparte  querendo saber aonde estava o parceiro de Concha que estava sentado em uma das cadeiras.

___   Ele está investigando os pais da viúva ,senhor Bonaparte ,  por isso a demora dele !   -    Concha respondendo a pergunta do chefe ,  falando sobre a investigação do amigo.

___  Pelos menos, avançamos um passo na descoberta do criminoso,  porque eu nunca vi tanta violência com um homem da alta classe de Paris !   -  O delegado Bonarparte satisfeito com a inciativa do detetive gato, comentando sobre a violência que a vítima sofreu  , cruzando os braços na frente de todos.


___   De acordo com a minha contagem, foram mais de 30 facadas pelo corpo da vítima !   -    O legislista falando sobre a causa da morte, contando também sobre o número de facadas que a vítima tinha recebido.

___   Minha nossa, isso é uma barbaridade , quem fez isso não tem coração algum com  a vítima !   -   O delegado Bonarparte arregalando os seus olhos  ,   comentando sobre  crueldade  do assassino.

___  Mas a vítima não era tão santa quando o senhor imagina,  ele sempre vivia traindo a esposa, enquanto ela viajava pelo mundo , divulgando a marca de perfume dele !   -  Concha contando sobre as traições da vítima com a esposa, gesticulando para expressar a sua opinião.

___  Bem, neste caso ,podemos descastar a esposa, porque ela estava viajando, sem tempo de matar o marido traidor !   -   O delegado Bonarparte acreditando na palavra do detetive tartaruga , descastando a Marinette no papel de assassina.

___  Boa noite, senhores, me desculpe pelo meu atraso, eu estava investigando os pais da viúva !   -  Chat Noir chegando naquele exato momento, pedindo desculpas para todos .

___     Ah sim, senhor Noir, o seu parceiro já me contou sobre isso, conseguiu o habili dos pais da viúva ?   -   O delegado Bonaparte aceitando o pedido de desculpas do detetive, querendo saber se ele tinha conseguido o habili dos pais da Marinette.

___   Sim, consegui , mesmo que o senhor Dupain foi extremamente grosseiro comigo , os dois estão limpando, eles estavam em casa durante o assassinato do genro deles !   -    Chat Noir assentindo com a cabeça , contando sobre o habili dos pais da viúva.


___  Bem, isso diminui um pouco , a lista de suspeitos , agora vamos continuar com a nossa reunião, agora que o nosso amigo, detetive Noir chegou !   -   O delegado Bonaparte coçando o seu nariz , falando para todos que ia dar continuação á reunião.


___   Sim ,senhor !   -  Todos concordaram juntos , assentindo com a sua cabeças 
 


Notas Finais


Me desculpe por algum erro
Até mais.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...