História Um sentimento novo... - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Vhope
Visualizações 52
Palavras 2.160
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gaaaleerraaaa CHAGAY AN AN
MDS
Me perdoem pela demora gente, de vdd eu imploro!
Estou com vergonha de mim mesma por todo esse tempo sem escrever, mas agora eu to de volta na ativa ent...
BOA LEITURRAAA!

Capítulo 25 - O presente de Taehyung! pt.1



Hope On

Depois que todos se foram Jin nos mostrou os quartos ficando dividido desta maneira: Suga e Jongjae num quarto com Jimin e Jungook, Namjoon no quarto de Jin e Taehyung e eu no outro quarto de hóspedes.

Tae e eu nos deitamos e ficamos fitando um ao outro até que ele quebrou o silêncio:

-Pensei que tinha me esquecido.

-Como assim? Eu jamais esqueceria de você!-Falei acariciando sua bochecha.

-Sinto muito por não ter confiado. Sou um bobo!- Ele colocou as mãos no rosto se lamentando.

-Hey, você não é um bobo! Pare. Eu que demorei mesmo pra arrumar tudo. Desculpe mas se eu te contasse não seria surpresa, né?- puxei suas mãos e as beijei.

-Eu te amo.-O mesmo sorriu de leve.

-Eu também te amo. Muito.- O puxei pra mais perto e o beijei. Apaixonado mas ainda sim com desejo. Me virei para que ele subisse em cima de mim e ele logo o fez. Levantei e sentei com as costas na cabeceira da cama com ele ainda em meu colo, tirei sua camisa e Tae logo puxou a minha arranhando meu peitoral.

-Daddy, eles vão ouvir...-Tae sussurrou!

-Que ouçam, Baby! Sinto tanto a sua falta. Falta de te amar, te ter só pra mim.

-Então me ame!- ele cedeu

O virei ficando desta vez por cima, tirei sua bermuda e sua box sem desgrudar nossos lábios. Olhei para seu corpo e não pude evitar o sorriso ao vê-lo corado.

-Você fica tão lindo assim, só pra mim.- sussurrei roçando meu nariz em seu pescoço.

-H-Hope...-Tae estremeceu ao sentir minha mão em sua ereção. Passei a movimentar para cima e para baixo arrancando suspiros e gemidos de sua parte. A medida que seus gemidos se faziam mais presentes eu aumentava a velocidade. Seu ápice estava próximo e ele logo parou meus movimentos.

-Não quero gozar agora, Daddy!- Disse me beijando e ficando por cima novamente.

Num movimento rápido ele tira minha calça e passa a mão por cima do meu membro ainda coberto pela box preta me fazendo gemer.

Ele se sentou em meu membro rebolando lentamente, eu já estava enlouquecendo, até que finalmente ele tirou minha box libertando minha intimidade.

-Por que você não senta, Daddy?- Taehyung delineou meu corpo com as mãos e assim o fiz.

-Quer comandar hoje, Baby?-dei uma piscadinha pra ele.

-Apenas quero te dar mais prazer, Daddy!- ele estava prestes a se sentar em meu membro mas o parei.

-Amor eu preciso te preparar antes, não quero que se machuque.-Acariciei seu rosto.

-Eu não vou, eu prometo!-Me deu um selar enquanto meu membro era abrigado por sua entrada. Tae separou nossos lábios e gemeu sofrego enterrando a cabeça na curvatura do meu pescoço.

-Baby, está tudo bem?- beijei o topo de sua cabeça e ele logo levantou seu olhar até o meu.

-Nunca estive melhor!

Ele se apoiou em meus ombros e começou a se movimentar. Mesmo depois de tanto tempo ele continuava o mesmo: Fofo, sensual, lindo e apertado! Sentia tanta falta do seus toques, dos seus gemidos a me chamar, seu corpo clamando pelos espasmos do orgasmo. Falta do prazer!

-Awn Hobi!

-Venha cá, Baby!- Me levantei com ele ainda em meu colo e o deitei ficando por cima. 

Taehyung e eu sempre fazíamos "amor" mas hoje eu estava afim de tentar algo diferente de tudo que já havíamos feito.

-Quietinho aí, TaeTae! Hoje o Daddy vai tentar algo diferente com você.- Fui descendo por todo seu peito, dando chupões, mordiscadas e lambidas.

Me levantei indo até minha mala e tirando de lá uma gravata vermelha. Voltei para a cama novamente e subi em cima de Taehyung com uma perna de cada lado de seu corpo. Seus olhos encontraram os meus e logo começamos um beijo afoito enquanto prendia seus pulsos na cabeceira da cama.

Hobi off_Narrador on

Taehyung mordeu o lábio inferior de seu Daddy sentindo seus pulsos serem agarrados pela gravata.

-O que vai fazer daddy?- o garoto perguntou olhando nos olhos de seu Hyung.

-Baby, hoje seu corpo vai receber prazer de forma lenta mas ainda sim gostosa.- Hoseok falava enquanto beijava o pescoço do amado e ia descendo até seu abs.

O mais velho começou com beijos por todo o corpo de seu dongsaeng até chegar em suas coxas o arrepiando por completo. Depois subiu novamente ao lábios do outro e os sugou de forma luxuriosa, deixando chupões por toda a trilha de beijos antes dados. Chegou até a virilha de Tae deixando marcas também ali enquanto o mais novo se deliciava com o prazer gemendo o nome de Hoseok.

Seus dedos habilidosos entraram em ação e começaram a tocar o corpo do rapaz abaixo de si com leves carícias e massagens arrancando suspiros pesados da boca do mesmo.

Taehyung estava com os olhos fechados sentindo todas as sensações que Hoseok lhe proporcionava apenas com toques. Já fazia tanto tempo desde que ele e o amado não se sentiam desta forma. J-Hope ia pra faculdade e depois trabalhava, já Taehyung apenas estudava mas quando ambos se encontravam à noite estavam exaustos e simplesmente dormiam. À medida que J-Hope o tocava ele se lembrava de todas às vezes em que eles estavam juntos desta maneira, como se seus corpos estivessem se fundindo em um prazer extremo apenas por toques e palavaras obcenas sussurradas desconexas. Mas Tae ainda queria mais, muito mais!

-Daddy...-o mais novo gemeu arrastado clamando pelo outro.

-Sim, Baby?

-Preciso te sentir e-eu...Ah!- a fala de Taehyung foi cortada por um grito quando Hoseok o virou bruscamente e um tapa estalado foi dado em sua nádega esquerda.

-Me diga, baby, o que você quer?-J-Hope susurrou no ouvido do mais novo colocando apenas um dígito em sua entrada.

-Q-quero que me f-foda, Daddy!-Taehyung suplicou empinando mais a bunda e para Hope foi a gota d'água. O mais velho tirou seu dedo de dentro de seu dongsaeng e desamarrou seus pulsos.

Tae inverteu as posições e se jogou em cima de seu Daddy o beijando desesperado.

-Eu mandei me tocar, Taehyungie?- Hoseok parou o beijo e colocou o garoto abaixo de si novamente.

-Perdão, Daddy! Mas eu não aguento mais!

-Você foi um Baby muito levado, agora merece uma punição!

J-Hope colou as pernas de Tae ao redor de seus quadris e o penetrou rapidamente recebendo um gemido prazeroso e arranhões do outro. Seus movimentos iam de rápidos até os mais lentos e torturantes. 

Taehyung gemia descontroladamente quando Hobi passou a acertar apenas seu local sensível. Seus corpos estavam totalmente colados e com uma fina camada de suor pelo calor e o prazer infinito que sentiam. O mais novo tinha os olhos negros inundados de luxúria encarando aos de seu amado que não estavam diferentes. Quando se deu conta seus lábios tinham sido tomados em um beijo quente e um tanto afoito pelos rápidos moviemntos. Suas línguas se acariciavam em uma dança sensual.

O membro de Taehyung esquecido começava a dar sinais de que iria gozar e imediatamente seu namorado o tomou em uma das mãos e o bombeou de acordo com suas investidas.

Seus espasmos eram cada vez mais fortes e frequentes assim como seus gemidos que se intensificaram quando o ápice de ambos foi alcançado.

J-Hope continuou dentro de Taehyung por mais uns minutos enquanto o mais baixo continuava com os braços ao redor de seu pescoço o colando mais ao seu corpo tentando controlar suas respirações.

-Taehyungie? Vamos tomar um banho, amor?-Hope chamou o namorado beijando o topo de sua cabeça.

-S-Sim...-ele finalmente levantou o rosto e selou seus lábios rapidamente aos de Hoseok.

Se levantaram e seguiram corredor afora em direção ao banheiro apenas com toalhas enroladas sobre seus corpos

Tomaram um banho morno cheio de carícias e assim que voltaram ao quarto, adormeceram.

...

-ACORDANDO GALERA! BORA LÁ OU VAI TODO MUNDO SE ATRASAR VAMOS VAMOS!!

Taehyung escutou os gritos e foi ver o que era. Simplesmente era Seokjin do outro lado do corredor aos gritos chamando por Suga e Jongjae que imediatamente se levantaram seguidos por Jungkook e Jimin. Fechou a porta e voltou para a cama se espreguiçando e chamando por Hobi:

-Hobi, amor! Acorda, ou vamos nos atrasar pra pegar o vôo.

-Aah deixa só mais um poquinho vai...-Hobi bocejou e Taehyung prosseguiu.

-Tudo bem, se você quer ser acordado por uma Omma Jin aos berros assim com ela fez com os outros então.

-MISERICÓRDIA! Bora levantar né não?!- Os dois se levantaram rindo e quando iam abrir a porta do quarto Jin apareceu.

-VAMOS ACORD...-Jin cessou a fala assim que viu os "filhos" em pé!-Oh que bom! Os dois já estão despertos, agora vão se arrumar!

-Bom dia pra senhora também, Omma Jin!- Falaram ao mesmo tempo e receberam outro "bom dia" enquanto Jin seguia para a cozinha.

...

Todos haviam feito suas higienes matinais e estavam sentados à mesa tomando o café quando Jin se levantou e começou a falar.

-Bom meninos o vôo sai às 10:00 e agora são 8:40, então vamos logo para fazermos o Check-in!

-Ah eu estou com sono.-Jungkook falou deitando a cabeça sobre a mesa assim como Jongjae.

-Ninguém mandou os dois bonitos ficarem a noite toda jogando no PSP enquanto deveriam estar dormindo!-Jimin estapeou a cabeça de Jungkook de leve.

-Ah, mais a gente ainda não tava com sono e foi até legal porque nos conhecemos melhor não é, Kookie?-Jongjae tocou o braço do garoto sonolento ao seu lado.

-E essa de Kookie agora, hein Jongjae?- Suga cruzou os braços endireitando a postura na cadeira enquanto os outros apenas observavam rindo.

-Calma mozão somos amigos.

-Amigo da onça existe sabia?-Jimin retrucou

-Jimin não começa.-Jungkook levantou e deixou seu prato na pia.

-Ha! Até você?- Jimin se indignou e quando ia se extravasar Namjoon o interrompeu.

-Beleza galera valos parar por aqui! Poxa é pra ser uma viajem de férias entre amigos e não uma terapia onde os casais brigam!

-Olha o Namjoon tem razão.-Hoseok completou.

-Enfim vamos! Coloquem os pratos na pia que eu lavo enquanto vocês conferem as coisas e Namjoon!-Jin o chamou.

-Sim?-O mesmo parecia confuso.

-Vê se não quebra a mala na hora de puxar a alça hein!

Todos ao redor riram enquanto um bico emburrado se formava nos lábios de Namjoon.

-Eai? Animado pra sua caça ao tesouro?-Hoseok perguntou enquanto abraçando Taehyung por trás enquanto o mesmo terminava de arrumar suas coisas.

-Ah muito!- O mesmo exclamou se virando e abraçando o mesmo.-Não acredito que planejou isso tudo durante esse tempo.

-Pois é, tive um pouquinho de trabalho com a galera do hotel mas deu tudo certo. Agora resta você encontrá-lo.

- O que é? Um carro? Um cachorro?- Tae estava ansioso.

-Nossa! Está bem longe hein!-Hope riu bagunçando os cabelos do outro.-Você só vai descobrir quando encontrar, bobinho.

-Ah não tem graça!

-Mas essa é a graça. O que seria da caça ao tesouro se você já soubesse o que é o seu tesouro?

Taehyung finalmente concordou e se rendeu.

Todos conferiram as malas e tiveram de pedir dois táxis em direção ao aeroporto, já que estavam e oito pessoas.

Check-in feito e malas despachadas, seguiram para dentro do avião.

Como Jimin e Taehyung estavam com duas bagagens de mão tiveram de abrir o compartimento de cima para guardá-las. Ao abrirem uma pequena carta caiu ao chão e nele tinha o nome de Tae.

-Será essa a primeira pista?- Jungkook se levantou de sua poltrona para ver melhor.

-Exato meu caro!-J-Hope sorriu para o mesmo observando tranquilamente os garotos curiosos ao seu redor, afinal apenas ele e Namjoon sabiam o que era o tesouro de Taehyung.

-O que está esperando mané abre a carta!-Suga se empolgou e cutucou Tae que segurava a carta ainda com um sorriso nos lábios.

"Que bom TaeTae! Parece que você encontrou a primeira pista que leva ao seu tesouro, mas não pense que será tão fácil encontrá-lo. Para isso você deverá decifrar a seguinte charada:

5 andares se deve abaixar e seguir reto até a porta do por do sol. Pegadas de gigantes você irá encontrar e são através delas que sua aventura vai começar. Seguindo até o lago de azulejos azuis é nele que você irá mergulhar e a sequência de números decorar. Na paisagem onde o céu beija o mar, as estrelas no chão te guiarão até as pedras da memória. As flores indicam o caminho para o guardião de veludo vermelho que guarda consigo os círculos de amor infinito, esperança e um futuro repleto de sorrisos de criança!"

Todos terminaram de ler a carta e por um minuto se sentiram confusos.

-Gsotaram?-Hoseok perguntou com um sorriso debochado.

-Guardião de veludo vermelho?-Jimin perguntou intrigado.

-Pegadas de gigantes?-Suga riu.

-Porta do por do sol? Isso existe?-Taehyung perguntou coçando a cabeça.

-Na moral o que você cheirou pra escrever isso?-Jungkook perguntou à Hoseok franzindo o cenho.

-Namjoon me ajudou.

-Caralho! Amor não sabia que você curtia uma drogas.-Jin argumentou para Namjoon e todos caíram na risada.

-Charada muito boa essa hein!-Jongjae parabenizou os meninos.

-Boa até de mais! Já to vendo que vou me ferrar pra decifrar.-Taehyung bateu com a mão na testa.

-Hey nós vamos te ajudar esqueceu?-Jungkook deu um tapinha no ombro do mesmo.

-É! Eu to afim de conhecer o gigante!-Suga comentou causando risos da parte de todos.

-Obgrigado pessoal vocês são os melhores!-Tae agradeceu e sentou na poltrona ao lado de Hobi.

Apesar de ter gostado da charada ele ainda estava preocupado em como iria decifrá-la. E se ele não conseguisse e tivesse que estragar a surpresa de Hoseok? Esses pensamentos o incomodavam. Mas ele iria fazer de tudo para achar o seu tesouro!
























Notas Finais


Foi isso galera!
Espero que tenham gostado e mto obg por ainda me acompanharem! De vdd eu peço desculpas por ter demorado tanto!😢👌
Mas vou compensar isso! Tanto que já comecei a escrever os próximos caps. ent me aguardem😙
Ah tbm vou divulgar aqui as minhas outras fics tá!?
Se estiverem interessados dêem uma olhadinha pfvr❤
Eu ficaria mto grata!

https://spiritfanfics.com/historia/butterfly-7577887

https://spiritfanfics.com/historia/sentimentos-proibidos-5745426

Bom...mais uma vez obg e até maiis❤😘👏😄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...