História Um show! - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 8
Palavras 1.428
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hihihi
Voltei meu povo...
Tava em epoca de provas, desculpa mesmo pela demora...
Espero que gostem e
- boa leitura!

Capítulo 11 - Chuva


Fanfic / Fanfiction Um show! - Capítulo 11 - Chuva

-Você viu Liv?Ah!Eu não acredito!-Eu falava no telefone com a minha amiga na sala de ensaio.Os meninos estavam ali e ensaiavam as coreografias.Dei alguns pulinhos quando recebi a notícia de que a competição passou nos jornais brasileiros.-uouu!Liv, quando cê vai vir pra cá?-Eu perguntei e ouvi ela falar que no final do ano, ela vai chamar as meninas e vir pra Coréia assim que der.-Aaah! Não tô crendo!Que foda!-Eu começei a pular e rodar de felicidade.Rafael olhava pra mim rindo e eu devolvia com sorrisos.-Oh!Tudo bem!Até mais tarde!-Desliguei o telefone e fui correndo até Rafael.

- Qual o motivo da felicidade?-Ele perguntou bebendo um pouco de água da garrafa que estava ao seu lado.

- Ah!Cara...A liv vai vir pra cá!-Eu disse pulando de novo.Ele riu e me segurou pra não pular de novo.

- Aquieta o cu.Como assim ela vai vim pra cá?-Ele perguntou feliz também.

-Ela me disse que no final do ano, ela vai chamar as meninas e vai vir pra cá!-Eu disse e nós dois começamos a pular agora.

-Eu acho que eu vou comprar um trampolim pra vocês.-Jin disse se sentando todo suado em uma das cadeiras, enquanto ria da gente.

- Não estraga a felicidade.-Rafael disse sarcástico e jin riu.Os meninos deram uma pausa e se jogaram no chão descansando.

- Alguém tá precisando de um desfribrilador aí?-Eu gritei e os meninos levantaram a mão.Eu e Rafael rimos da reação deles.

-Eu preciso tomar uns remédios pra despistar a retardadise de vocês.-Hoseok sentou ao nosso lado rindo.Eu levantei e coloquei a mão pro alto.

- Canta comigo, vai!Toma conta da sua vida!Toma conta da sua vida!Uh!Uh! TOMA CONTA DA SUA VIDA!-Eu começei a cantar e Rafael me imitou cantando junto.Yoongi se levantou junto do Jimin e jungkook e se sentaram do lado do Hoseok.

-Vamo parar que tá feio.-Rafael disse rindo e colocando a mão no meu ombro.

(...)

-Cara eu não tô sabendo lidar com esse dorama.-Rafael disse.Depois do treino nós dois fomos pro meu quarto, botar as novela em dia.Ele estava deitado com a cabeça nas minha coxas, enquanto minhas mãos faziam cafuné em seus cabelos agora pretos.Na televisão, a menina rejeitou o garoto que gostava dela.

- Tomo no cu!-Eu disse e começei a rir acompanhada do Rafa.Ele bateu na minha coxa me repreendendo, mas continuou rindo.

- Eu acho que Cê tem pobreminha.-Rafael disse parando de rir.Começamos a ouvir um barulho de algo caindo contra a janela.

- Woah!Tá chovendo!-Rafa foi até a janela puxando a cortina para um lado com a mão.Ele e eu nos entre olhamos e demos um sorriso cúmplice.Nós dois pegamos um casaco em nossos quartos e saímos correndo pelo corredor da empresa.Abrimos a porta e começamos a andar pela rua que agora estava inteiramente molhada.

- Pique esconde?-Eu perguntei e ele me olhou.

- Pique esconde!-Ele confirmou e foi pra parede contar.Arrumei um lugar para me esconder atrás de uma parede de um restaurante e esperei ali, sentindo as gotas da chuva andarem dos meus cabelos para o meu rosto.Desde de criança eu e Rafael amamos chuva, nós dois sempre gostávamos de andar pela rua ou até mesmo brincar quando o clima é o mesmo.Nossos pais nunca estiveram com a gente, então meio que a chuva cuidava da gente.Era incrível nossa relação com ela.Ouvi barulho de passos no corredor atrás de mim e começei a rir baixinho imaginando Rafael me procurando.Derrepente sinto um corpo sendo prensado contra o meu e uma respiração quente sendo diferida em meu rosto.Olhei pra cima e arregalei meus olhos.

-Yoongi?-Franzi as sobrancelhas em sua direção e ele deixou um sorrisinho escapar.

- O que você está fazendo na chuva?-Yoongi entortou a cabeça para o lado e eu ri.

- É uma história antiga.Eu e Rafael estávamos andando na chuva, desde de criança isso nos relaxa.-Eu disse sentindo um das gotas da chuva descendo pelas minhas costas e me arrepiando devagar.

-Mas isso não é mais motivo.Vem, você vai acabar ficando resfriada com isso tudo.-Yoongi disse pegando minha mão entrelaçando com a sua e me puxando para fora daquele beco.Entramos na empresa e recebi um olhar de desprezo de Hyuna.

- Falta de rola na vida...-murmurei baixinho em português.

- O que você disse?-Yoongi me olhou cerrando o zenho e eu dei um sorriso.

- Nada não.-Disse e ele revirou os olhos.Entramos no elevador e ele levado eu começei a tremer de frio.

- Você é teimosa, né?-Ele perguntou enquanto se encostava na parede do elevador e cruzava os braços me olhando sério.

-Fazer o que.-Dei de ombros e continuei tentando me esquentar.Yoongi pegou meu pulso e puxou meu corpo em sua direção, fazendo eu cair em cima de si.

-Você sabe o que tem feito comigo?Eu não consigo nem sequer escrever letras de músicas, porque você me tira toda a concentração que eu preciso ter.A muito tempo eu não me sinto assim, mas você conseguiu fazer meu coração bater mais forte de novo.Eu...-Não deixei ele terminar de falar e passei meus braços em torno de sua cintura o abraçando.

- Não precisa me dizer nada, eu sinto a mesma coisa que você.-Disse e ele passou seus braços pela minha cintura enterrando sua cabeça em meu pescoço.Começei a distribuir beijinhos em seu pescoço enquanto sentia sua respiração quente bater contra minha pele.Assim que ouvimos o barulho da porta do elevador se abrindo, yoongi pegou minha mãe novamente e me puxou em direção ao meu quarto.Abri a porta e a fechei assim que ele passou, deixei a chave em cima da mesinha e tirei o casaco preto que eu vestia.

- Você não devia...-Yoongi tampou os olhos com as mãos rapidamente e eu fiquei sem entender.

- O que foi?-Perguntei e ele apontou pro meu corpo ainda tampando as mãos com os olhos.Olhei pra baixo e vi a camisa branca que eu vestia ensopada, transparente e que estava colada em meu corpo.-Meu deus!Desculpa!-Corri pro banheiro e fechei a porta.Ouvi sua risada do lado de fora e revirei os olhos.Depois de tomar um banho quente e colocar uma roupa que tinha no banheiro, saí com uma toalha em volta do pescoço e fechei a porta atrás de mim.

- Você é doida ou o que?-Ele me olhou com um pouco de raiva e andou até mim.Ele pegou a toalha de meu pescoço e pôs sobre o meu cabelo extremamente molhado.-Você não me escuta!Aish!-Yoongi resmungou e eu ri.-Você tá rindo!Ah, não!-Ele sorriu largo e me empurrou para cair na cama.Começou a me fazer cosquinhas em torno da minha barriga e nós dois ríamos juntos.

- Para!Para!Tá doendo!-Ri mais e ele parou se debrussando sobre mim e colocando seu rosto sobre o meu.Meu rosto estava queimando, então deduzi que estava corada.Ele sorria sincero e gentil enquanto aproximava sua boca da minha.

-Eu tenho que fazer isso, se não eu não vou dormir...-Yoongi murmurou baixinho e tomou meus lábios para si.Era incrível, como nós dois éramos loucos um pelo outro.Assim como ele pensava em mim eu pensava nele e não conseguimos ficar longe um do outro.

Era inevitável...

(...)

_Taehyung Pov's_

-7,8,9 e...-Enquanto contava na parede senti meu corpo ser virado e empurrado contra a mesma.Lábios finos e macios se juntaram e moveram contra a minha boca e eu arregalei olhos.-O que...-tentei separar minha boca da pessoa, mas nossas bocas se juntaram afoitamente de novo.Um braço circundou a minha cintura e me puxou ainda mais contra si.Forçei meus braços contra o leito da pessoa e consegui parar o beijo.Assim que vi quem estava na minha frente, dei um suspiro de alívio.-Quer me matar do coração!?Meu deus...-Eu disse encostando minha cabeça em seu peito.

- Eu te assustei?-Taehyung perguntou enquanto beijava meu pescoço.

- Vou nem falar nada.-Disse depois de soltar a respiração que nem sabia que tinha prendido.Ele deu uma risadinha e beijou meus labios novamente.

- O que você tá fazendo nessa chuva?-Ele perguntou pegando meu pulso e me puxando para dentro da empresa.Dei um riso e o olhei, Taehyung conseguia me arrancar suspiros sem nem mesmo fazer nada.

- História longa.-Disse soltando um suspiro e ele assentiu.Entramos no elevador e seguimos pelo corredor para o meu quarto.Abri a porta pra ele passar e fechei assim qie passei.Botei a chave no chaveiro ao lado da porta e estalei o pescoço.

- Vou tomar um banho.-Disse indo até o banheiro, mas antes que eu pudesse fechar a porta, Taehyung entrou e trancou a mesma.-O que você...-Ele interrompeu minha fala e tomou meus lábios de novo.Ele se abaixou um pouco e passou minhas pernas por sua cintura, me colocando em seu colo.Ele me carregou até a pia e me colocou sentado sobre ela, enquanto suas mãos desciam até minha bunda e apertava as mesma com força.

Esse menino realmente me tira de mim...

Era incrível como eu o queria e era isso que me fazia levantar todos os dias...


Notas Finais


Eu to soft...😢
Espero que tenham gostado...
Até a proxima^^ e
Bjs da tia lari 💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...