História Um simples Sonho real - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens Elizabeth Liones, Meliodas
Tags Melizabeth
Visualizações 213
Palavras 974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - Noite quente


Pvo Meliodas

Despoi daquele sussurro , senti um enorme arrepio de prazer , com cuidado deitei ela na cama , e mais uma vez selei nossos labios , o beijo era quente e cheio de luxúria,  pedi passagem com a lingua , e rapidamente cedeu.

Nos separamos pela maldita falta de ar , desci para o seu pescoço e beijei e logo dei um belo chupão. Comecei a retirar a sua camisa , e me deparei com a mais bela visão,  seus  seios mas estavam protegidos pelo sutiã,  logo o tirei , percebi que ela corou com meu e desviou o olhar.

Começei massageando seu seio esquerdo e logo abocanhei o direito . Ela se contorcia com o prazer

- MELIODASS- soltou um gemido , quando mordisquei seu mamilo.

Dei uma pequena risada pela sua vergonha ao perceber o que ela mesma tinha feito.Cansei de brincar , fui em direçao ao seu short , desabotoei e o tirei , ficando apenas de calcinha, subi o meu olhar para albina e a mesma me encarava mas estava totalmente corada.

Fui em sua direçao e começamos mais uma vez um beijo feroz , nos separamos pela maldita falta de ar .

- Vc está com muita - disse com as maos em minha camisa e começou a subir . Levei um basta susto quando a ellie mudou as posições,  agora ficando por cima.

Comecou a deslizar suas maos pelo meu peitoral e segurou meu rosto e me beijou com carinho .

Nos separamos , eu ja estava excitado e dava para ver a ereção,  fui aí que me surpreendi ela começou a rebolar sobre minha ereçao qie cada vez mais foi crescendo.

Nao aguentei mais, troquei as posições e arranquei a sua calcinha,  passei meu dedo pela sua intimidade e a mesma estava molhadinha , logo enfiei um dedo , mas a mesma deu grito de dor , com medo de machucar mais o retirei.

- O que foi , eu ti machuquei ? -  perguntei um pouco preocupado .

- Meliodas , digamos que eu nunca pratiquei isso- respondeu muito corada , mas nao entendi sua pergunta.

Fiquei a encarando , e ela desviou o olhar , fiquei muito confuso , logo arregalei os olhos.

- Ellie vc é  virgem - perguntei surpreso

Ela olhou para mim e confirmou com a cabeça .

- Prometo ser gentil , mas ja aviso q vai doer um pouco.

Me despi completamente e peguei uma camisinha , claro nao quero ser pai ainda, coloquei me posicionei na mesma . 

Penetrei bem devagar, mas acho que nao adiantou muita coisa , quando ja estava dentro da mesma , parei.

- Desculpa - falei preocupado

- logo irá passar - respondeu com algumas lágrimas nos olhos.

Esperei alguns minutos até que a mesma se acostumasse , enquanto isso fiquei a distraindo , dei varios beijos em seu rosto , para tentar aliviar a dor.

- Pode se mover- disse corada 

Comecei devagar o vai e vem , e percebi que a mesma nao estava sentindo mais dor . Aumentei a velocida das estocadas e só podia ouvir os nossos gemidos .

- Me- me - liodas , mais rapido - disse entre os gemidos.

Ja estavamos suados e no limite, continuei com as estocadas rapidas e fortes , acabamos gozando juntos.

Deitei ao seu lado , e a mesma estava tentando controlar a respiração. Me levantei e fui em direçao ao banheiro, retirei a camisinha dei um nó e a joguei no lixo .

Voltei para a cama , deitei ao seu lado , abracei a sua cintura e ela se virou para mim.

-Então meliodas, teremos o 2°raund ,ou você ja esta cansado de brincar - olhei para ela e dei um sorriso malicioso.

Nao falei nada, apenas juntei nossos labios em um beijo feroz . Nos separamos e logo fui cuidar de seus seios...

Acabando o meu serviço, cheguei perto de seu ouvido e dei um breve sussurro

- Dessa vez vamos fazer diferente - minha voz saiu mais rouca que o normal.

- E como seria ?- me perguntou curiosa .

- Apenas me obedeça, fique de quatro- disse autoritário.

Ela apenas obedeceu,antes de continuar peguei outra camisinha . Comecei a provocando , passei bem devagar o meu pênis na sua entrada , mas nao penetrei, ouvi alguns resmungos.

Sem aviso , penetrei com tudo , ouvi um alto gemido, e comecei as estocadas rapidas e fortes , os nossos corpos se chocando parecia tapas .

Percebendo que estava perto de gozar aumentei ainda mais a velocidade . Acabamos gozando juntos novamente .

E mais uma vez me dirigi ao banheiro ...

Voltei para a cama , e ela deitou em meu peito me abraçando.

-Como foi a sua primeira vez- perguntei curioso.

-Foi ma-ra-vi-lho-sa - disse com a maior cara de felicidade. 

- Eu ja sabia - falei um pouco convencido.

- Vc é um homenzinho muito convencido- disse me olhando.

-Querida nao tem nada de " homenzinho " em mim -falei em um tom bravo.

- A tem sim - respondeu dando uma risada.

Nessa hora uma veia da minha testa saltou e recebi um belo tiro em meu ego.

- Ficou bravinho - dissse ainda me olhando.

" Filha da ma..." 

- tenho vinte e dois centímetros , baby- falei ainda no tom bravo.

- Meliodas vc foi incrivel hoje , e caso vc tenha tomado um tiro em seu ego , nao tem nada de pequeno em vc - disse se aproximando do meu rosto.

Ela selou os nossos labios em um beijo carinhoso. deitou novamente em meu peito e como ja estava bebada de sono , acabou se entregando .

Afinal essa noite foi cansativa mesmo , ja estou com sono. Não me lembro de mais nada apenas me entreguei ao sono.

 


Notas Finais


espero que tenham gostado..
por favor comentem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...