História Uma Aposta Para O Amor. - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys (BTS), Jungguk, Jungkook, Kook, Você
Visualizações 15
Palavras 893
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Mistério, Poesias, Policial, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


olaa
sou eu!
a doida sumida que finalmente resolveu voltar!!!
descupas pela enorme demora e muito obrigada por esperarem e não desistirem da fanfic!
espero que vcs gostem!
Boa Leitura!

obs: Não tive criatividade suficiente para dar o título do cap, então coloquei parte 2! :D

Capítulo 14 - Eu realmente amo esse idiota parte 2


 

Jungkook On

 

 

já estava no fim da tarde, conseguia ver o céu alaranjado pela sacada aberta do meu quarto, o vento se chocava nos cabelos de Sn a qual se encontrava dormindo na minha cama. Ainda não consegui acreditar que estou mudando pra melhor por ela, ela não me merecia e disso eu tinha a completa certeza, mas a essa altura, eu já não conseguia mas ficar um dia sem ela, o meu amor por Sn se tornou algo tão inevitável que eu rezo de joelhos agradecendo a Taehyung por ter feito aquela aposta, por mais ridícula que ela fosse.

Me levantei da poltrona e fui ate a cama, ela dormia tão profundamente que sua imagem parecia me prender em outro mundo, como uma hipnose. Passei meu polegar pelo seu rosto, sentindo sua pele macia, seus lábios levemente avermelhados só me davam cada vez mais vontade de lhe beijar, passei meu dedo sobre o mesmo e vi ela os entreabri num suspiro, e em poucos segundos abrir seus olhos.

Sn -Porque me olha tanto?

Jungkook - Simplesmente gosto de admirar o que eu amo.

Sn - Sendo assim... acho que vou passar a olhar mais você! - Me sentei sobre a cama.

Jungkook - Mais do que já olha? - Ergo as sobrancelhas e a vejo olhar para minha boca.

Sn - Sim - Ela me puxa pela nuca para milímetros de distancia de seu rosto. - Mais do que eu já te olho.

Jungkook - Então eu não quero nem ver a sua cara, porque se já assim você me olhando baba mais que o Pennywise (It a coisa), imagina me olhando mais!

Sn - Babaca!

Jungkook - Linda!

Sn -Idiota!

Jungkook - Fofa!

Sn - Cretino!

Jungkook - Safada!

Sn - Tarado!

Jungkook -  Que te ama!

Sn - Maluc... Pera que?!- Arregala os olhos e sorri como uma criança ganhando doce.

Jungkook - Eu disse ''Piranha!''! 

Sn - Mentira você disse que me ama! - Me levanto e sorrio.

Jungkook - Ta louca? 

Sn - Eu ouvi Jeon! em alto e..- Corro para a sala sem deixar ela terminar sua fala, ouvindo seus gritos como "volta aqui Jeon" "Não adianta fugir''.

 

...

 

 

 

Sn On

 

 

Jungkook estava do lado de fora com sua moto de modelo Mv agusta rivale,me esperando para irmos a escola juntos.

Sn - Resolveu ostentar agora?

Jungkook - Só impressionar minha namorada mesmo.

Sn - Ta mas faltou a comida, as roupas, os sapatos, uma mansão, um apartamento com vista para o mar, uns filhotes de cachorro, gato, hamster, peixinh...

Jungkook - Vem cá... olha eu ainda não estou cagando dinheiro não ta!

Sn - Que quê tem? Não precisa cagar dinheiro para ter tudo isso!

Jungkook - Ah claro! sobe logo na moto antes que a gente chegue na hora do intervalo. - Pego o capacete e subo na moto, abraço a cintura de Jungkook e ele da partida na moto.

...

Jungkook e eu estavamos nos pegando na salinha de limpeza, o que parecia bem mais interessante do que a aula de filosofia.

Jungkook - Sabe... eu poderia fazer isso o dia todo... que eu nunca me cansaria! - Ele diz com dificuldade por estar me beijando.

Sn - Você tirou as palavras da minha boca. - Ele sorriu.

Jungkook - Pior que eu acho que isso aconteceu literalmente! - Ele brinca se referindo ao beijo. Sorrimos, mas ele com fica uma expressão seria de repente.

Sn - O que foi?

Jungkook - Quero te fazer uma surpresa.

Sn - Aham.. continue isso me parece interessante! - Ele ri mostrando o seus dentinhos de coelho.

Jungkook - Isso é tudo que eu posso te falar! - Faço carinha de tristeza.

Jungkook - Isso não vai adiantar! - O sinal bate indicando a aula de química, que infelizmente, eu não poderia perder.

Jungkook - Me encontre na minha casa ás 20:00 da noite! - Ele diz pegando sua mochila e me dando um selinho rápido.- Te amo! - Ele fala sorrindo meigo e sai da sala primeiro para ninguém desconfiar, sorrio abobada por aquelas palavras " Te amo ", era impressionante como ele conseguia ferrar com o meu psicológico com apenas duas palavras.

 

Jungkook On 

 

Eu estava ferrado! completamente ferrado! não sabia nem por onde começar aquela surpresa que tanto andei pensando, e se dependesse de mim, ela nunca iria nem existir. Eu precisava de ajuda! e isso era um fato, por sorte eu tinha Jimin, que era ótimo em ser romântico, bom, eu pelo menos eu acho!

 

...

Depois de horas procurando aquele doido, o vejo sentado na arquibancada da quadra, tomando um chamyto com um canudinho. vou ate ele fazendo a cara mais fofa e o sorriso mais meigo possível.

Jungkook - Jiminie meu amorzinho, buchechudo, bundudo, meu tudo, meu bolinh... 

Jimin - Fala logo o que tu quer? - Ele diz com a maior cara de cu.

Jungkook - Sabe meu mozinho... eu preciso de uma ajudinha - Falei fazendo aegyo .

Jimin - Da proxima vez que tu falar adjetivos no diminutivo para mim, fazendo essa cara feia de mongolo... eu vou dar uns tabefes nessa tua cara limpa!

Jungkook - Ai credo!

Jungkook - Em fim.. eu preciso que você me ajude a pedir a Sn em namoro hoje! - Ele se engasga com o chamyto que bebia, cuspindo tudo na minha cara.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
bjs!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...