1. Spirit Fanfics >
  2. Uma aventura na California - cont. Gravity Falls >
  3. Llib

História Uma aventura na California - cont. Gravity Falls - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Hello pessoas, turubom? Desculpa demorar pra lançar este segundo ep. Estou em semana de prova e estão acontecendo alguns babados aqui que estão meio difíceis. Mas isso não vem ao caso. Espero que gostem!! Boa leitura e desculpa se tiver erros TwT

Capítulo 2 - Llib


Fanfic / Fanfiction Uma aventura na California - cont. Gravity Falls - Capítulo 2 - Llib

Prof. Layla: Atenção, atenção -diz a professora por causa do barulho- Aparentemente temos uma aluna nova -"Uma"?- Pode entrar querida - derrepente uma menina de cabelos castanho entra.

 

Xxx Olá - dizia a garota enquanto ficava um pouco corada 

Prof. Layla Apresente-se querida - a professora senta em uma cadeira que estava ao seu lado.

Xxx : Bom, hãn... Meu nome é Llib - a menina escreve o nome na lousa - Llib Willians, tenho 18 anos e sou nova na cidade.

Prof. Layla Que bom! Você pode conhecer melhor os seus colegas no intervalo ou até mesmo depois da escola! - a garota era linda e usava uma roupa um pouco...chamativa? Não sei explicar direito.( FOTO DO CAP. estou com preguiça de dizer o que ela está vestindo ) - sente-se em qualquer carteira vazia. - a garota olha para a carteira que estava na minha frente e eu continuo seguindo-a com os olhos.

Xxx: PODE SENTAR AQUI FLOR - grita uma voz um pouco familiar. vejo a garota olhando para trás e dando um leve sorriso indo em direção há aquela voz. rapidamente olho para trás e vejo Lucy levantada indicando a carteira na frente da Mabel. Fico olhando Llib se sentar na carteira, pegar seu estojo, colocar seu material na mesa e logo após...ME OLHAR. viro rapidamente com esperança que ela não tivesse me visto a encarar, logo depois sinto que ela não me encara mais, e solto um ar que nem sabia que segurava.

 

Mabel on:

A aula de matemática chegou, logo após de duas irritantes e cansativas aulas de ciências. A prof. de mat. passou uma lição no livro no primeiro dia de aula. Dá pra acreditar? Ela disse que era pra refrescar a memória. aff, estou com uma vontade enorme de voar nela, mais blz. Sinto alguém me cutucar no ombro que parece ser um pouco agressivo ao meu ponto de vista

Lucy : Menina do céu, - diz cochichando - eu não tô entendendo merda nenhuma! - a ruiva coloca a mão na testa olhando para o livro. - O que cacete é Polinômios? - olha pra mim com esperança que eu a respondesse.

Mabel : E eu sei menina? - olho para o meu livro e volto a olhar pra ela, que está com um olhar de ideia. - o que foi agora.

Lucy : Pergunta pra ela - aponta com a cabeça para a menina na minha frente.

Mabel : Tá doida? A gente mal conhece ela. - olho incrédula para Lucy.

Lucy : Para uma pessoa que é extrovertida você está bastante INTROVERTIDA - a garota aumenta um pouco o tom de voz. eu olho para a menina na minha frente. - vai logo que isso é caso de vida ou morte.

Mabel: Tá pera mulher! - cutuco a menina que olha pra mim. - Oi linda! - digo com um leve sorriso no rosto - Sei que a gente não se conhece e tals, maas, você entendeu alguma coisa das atividades do livro, por que eu tipo, buguei muito. - ela ri.

Llib : ah sim, você diz a questão dos polinômios? - balanço a cabeça de uma forma afirmativa e sinto Lucy apoiar o queixo no meu ombro. - Bom, primeiro você tem que achar um monômio , vocês sabem o que é o Monômio né?

Lucy : pelo menos isso eu prestei atenção - dou risada da cara da Lucy.

Llib : Então, você vai multiplicar ele pelo termo de grau mais auto de D(x), que, tenha um grau mais auto de P como resultado. entendeu? - Lucy e eu a encaramos por um tempinho.

Mabel: Pera, acho que entendi um pouquinho sim - pego meu lápis começando a montar a conta.

Lucy: que bom que você entendeu, por que eu não entendi bosta nenhuma, me passa os cálculos depois. - eu e Llib começamos a dar risada. - Tu é bem esperta hein Llib... vai ser nossa nova amiga a partir de agora kkk. quer lanchar com a gente?

Llib : humm, pode ser, não tenho ninguém pra lanchar mesmo.

 

[...]

Lucy, Llib e eu estamos sentadas na grama do quintal da nossa escola, encostadas em uma arvore olhando o povo passando. Lucy está olhando e dizendo para Llib de quem pertecem  a qual "panelinha" da escola.

Lucy: Então, - diz mastigando seu pão com mortandela. - tá vendo aquele garoto ali? - aponta para um garoto forte, loiro que vestia uma camisa de time, indo em direção a uma mesa com caras vestido iguais. - Como você já deve ter visto, são o time da escola. A maioria são babacas, uns completo galinha. Mas o lider paga um de capitão de filme. - ela da mais uma mordida no pão.

Llib: Como assim paga de " capitão de filme"? - diz olhando bem confusa para a Lucy.

Lucy: hum... tá vendo aquela loira oxigenada alì? - ela aponta pra uma mesa onde tem uma menina sentadas com várias outras vestindo roupas curtissimas. - O nome dela é Ketlin, ela é a "Popular" da escola. Ela namora com aquele galinha que eu te disse. - continuamos olhando a menina por um longo tempo, e então, como sempre, Lucy quebra o silêncio. - Alí temos o grupo de nerdes, - Lucy aponta para a mesa no nosso lado esquerdo, que apropósito, meu irmão vinha de lá. Ele sempre senta comigo e com a Lucy, e também com o amigo dele, acho que a Llib não vai fazer mal né? Dipper chega onde estamos sentadas. - Eai bicho fei! - começo a rir, e vejo Llib, Dipper e Matt, olharem pra minha cara confusos.

Mabel: O quê? É engraçado tá?

Llib: Boom Mabel, ele é seu irmão gêmeo entaaão... - Lucy parece estra meio assustada e olha pra minha cara, só que eu não tô enten.... espera!

Mabel: Eeei, - Llib começa a dar risada

Lucy: Desculpa meu amor, não foi minha intenção eu juro ahahaha - começa a rir e eu sou a unica com cara de taxo ali. - aliás, não fez tanto mal assim né?

Llib: Acho que chamar um irmão de um gêmeo de feio é um pouco agressivo sim, - diz ofegante de tanto que ela ria - ainda mais se ele for seu amigo.

Lucy: Muié, tu num tá ajudando. - diz batendo forte no braço da garota, que parece ter doído, mas a garota não para de rir. - Olha chuchuzinho, você sabe que eu nunca te chamaria assim, ó não é minha culpa se você tem um irmão feio desses  - foi a hora do Dipper gritar incrédulo.

Mabel: hunf, não perdou... a menos que, - todos ficam calados e prestam atenção a cada palavra que sai da minha boca. -  Você comprar um hamburger pra mim na lanchonete. - digo com sorrisinho de canto.

Lucy: Nem pensar, pode ficar triste aí sem me perdoar então. - ela levanta, e eu levando em seguida.

Mabel: eei, você não disse que faria tudo por mim. - digo cruzando os braços.

Lucy: E faço, mas eu também não sou o batman benção. Por a caso você já viu minha conta bancária?

Mabel: Mas você nem tem conta bancária.

Lucy: Exatamente, por que nem dinheiro eu tenho meu amor, quem é a pessoa que aceitaria uma pessoa sem dinheiro pra fazer isso? E aliás, aquele hamburger vegano horrível da cantina custa três barras de ouro inteiras, tu tá é abestada se acha que eu vou comprar aquilo. - Lucy pega sua lancheira e volta pra sala por que o sinal já avia tocado. E lá vamos nós devolta ao inferno.

                [...]

Mabel: Menino, a aula acabou graças a Deus. - digo já exausta sendo carregada por Llib

Lucy: Mabel, a menina mal chegou na escola e você já tá fazendo a guria de cavalo. - olho para a Lucy com uma cara de " Não enche" e ela me retrubui com um " me respeita se não te meto a mão"

Llib: Relaxa, tá tudo bem, não tenho problema com isso. - olho pra Lucy com uma cara de "viu?" arqueando uma das sombrancelhas.

Lucy: olha flor, não fala isso na frente da Mabel não por que se não tu vai virar empregada dela sem ser paga. - Llib da risada. 

Nós nos encontramos com meu irmão na porta da escola, que aliás, parecia que já tinha nos visto a quilometros, sinceramente, ele não parava de olhar para a Llib, e eu me sinto triste pela Lucy. Aí você estar se perguntando, " Por quê?", ou talvez não se esteja perguntando mais, como esses são meus pensamentos, eu vou dizer. Lucy implica com meu irmão, mas lá no fundo gosta bastante dele, tenho certaza disso.

Lucy on:

EU NÃO GOSTO DO DIPPER. Mabel fica com essas manias de ficar me shipando com ele só por que quer que a sua melhor amiga fique com seu irmão. Eu já disse que ela poderia deixar ele para a amiga dela da cidade dos seus tios avôs dela, uma tal de Candy, que de vez enquando vem aqui com uma outra que eu esqueci o nome. No momento estou sendo empurrada por Mabel para ficar ainda mais perto do seu irmão que está sentado no sofá ao meu lado mechendo no celular. Mabel pediu para que eu e Llib fossemos para a casa dela, mas, ela meio que convidou mais a Llib do que a mim por que eu meio que mais moro aqui do que tudo.

Sinseramente, estou meio desconfortavel com essa situação, Mabel está literalmente me empurrando com toda a força, mas sorte que eu sou mais forte que ela. Mas, mesmo sendo mais forte que ela, se eu tirar só um mizero minigrão de força, eu irei esmagar oc oitado ahaha.

Algo me tira de meus pensamentos. Vejo Llib levantar e ir em minha direção, tirando Mabel do sofá pelos braços e me puxar para sair do spfá me levando até o quarto da Mabel. Quando entramos lá, sentamos na cama da dona do quarto e ela me olhou por uns longo 2 segundos e depois abriu um sorriso meio fraco.

Llib: Você está melhor? - pergunta me dando toda a atenção do mundo.

Lucy: M-melhor com o que - gaguejo u pouco sem entender o motivo que ela se refere.

Llib: Bom, eu meio que...sei lá, senti que você estava meio desconfortavel com aquela situação. - olho pra ela com uma cara um pouco confusa. - Da Mabel estar te empurrando para o irmão. - ah, aquilo. Llib estava sentada em uma das poutronas na sala junto com a gente assistindo TV, provelmente deve ter visto a cena.

Lucy: Ah, isso. Estava tão na cara assim? Eu..bem...não consigo desfarçar meus caas e bocas as vezes haha -dou uma risada um pouco fraca, mas ela continua a me olhar com aquele sorrisinho.- bom, eu meio que já estou acostumada sabe, tomara que a Mabel ão tenha visto minha cara - vejo a garota desapareser com o sorriso, olhar para o teto, respirar, e logo após, olhar pra mim com um olhar sério.

Llib: Já persebi o que está acontecendo. - olha para ela um pouco confusa. - Você não gosta desse tipo de brincadeira, mas não diz nada para não magoar a Mabel.- ele faz uma pausa. - Eu tenho certeza que a Mabel é super especial para você mas...se você não disser para ela que já está farta dessas coisas ele vai continuar, e talvez, possa te pegar em uma hora ruim, o que fará você explodir e falar um monte, que poderá, aí sim, mogoa-la. - ela volta a me olhar com aquele sorrisinho fraco de canto. - Eu sei que você faria de tudo por ela então...melhor dizer, antes disso okaay? - eu balanço a cabeça de uma forma afirmativa, e logo escuto a porta abrir.

Mabel: Ah, meninas, achei vocês. Achei que tinham tomado um chá de sumiço - ela da risada. - por que sairaam do nada? Isso foi vergonha por causa do Dipper hein?- ela diz com um tom e um sorrisinho de malicia. Llib me olha como se dissese que era o momento.

Lucy: hun, Mabel..eu..preciso falar com você sobre isso -ela me olha confusa.

Mabel: o que? Ah, já sei, vai se declarar pro Dipper?

Lucy: NÃO.. hum, olha.. senta aqui - bato no espaço que estava ao meu lado na cama,e assim ela faz - Mabel, olha, eu não gosto muito dessas brincadeiras que você faz por que shipa eu e o Dipper. Não é que eu me sinta muito mal, mais é só que...eu não gosto dele. E queria que você entendesse. - ela me olha com uma cara que eu não conssigo muito bem desifrar, mas, na minha opinião acho que é surpresa misturada com choro e desepção. mas logo após vejo ela abrirum grande sorriso que eu posso te confimar que não é falso.

Mabel: Ainda bem, você e o Dipper não tinham nada a ver, aff. - olho meio com cara de "é sério isso?"- hahah e alendo mais eu shippo ele com outra pessoa, ele não te merece.

Lucy: então você está bem com isso?

Mabel: Claro que sim, além do mais, você foi sincera com isso, e isso me deixar muito feliz. - olho para Llib que está com um sorriso de " viu como deu certo?" aff eu não acredito que consegui. mas pera ela disse que...

Lucy: Pera, que historia é essa que você tem um novo ship pro seu irmão?- digo com um sorrindo curiosa.

Mabel: Ah, eu senti uma conexão entre um coisa dele.

Lucy: O quê? um livro ahaha.

Mabel: Nananinanão - ele fala tão rápido que eu demorei um pouquinho para raciosinar a palavra. - isso não é um livro mas é bem bonita no meu ponto de vista. - de alguma forma Mabel não para de encarar Llib e eu á olho com esperança de que Llib saiba, mas ela está com uma cara mais confusa que  minha, mas continua com aquele sorrisinho franco. Até que...ele some, o rosto dela cora, e ela fica com olhar de sem graça. Ouço Mabel dar risada e Llib colocar a mão no rosto. Meu senhor eu não tô entendendo nada. - ahahaha, eu sabiaa,sabia,sabia,sabia.

Llib: N-não, não t-tem nada a ver! - diz guaguejando pacas. meu pai, me manda um sinal aqui.

Mabel: miga, eu via você olhando pra ele e ele pra tu, ta na cara que ta rolando o tchan. Mal chegou e já tá conquistando corações uiui ahahahaa. - Pera...O QUÊ ou meu deus ahaha.

Lucy: MIGA DO CÉU, QUE BABADO CRÔNICO TU GOSTA DO...- sou enterrompida por Mabel que corre e coloca as duas mãos na minha boca. Acho que eu estava berrando muito alto ahaha.

Llib: N-n-não tem nad-da a ver. Ele só me encara e eu olho pra ele por que ele está me olhando.

Mabel: aham, sei, vou fingir que acredito. Linda, guagueja muito não que faz mal, já ta meio que na cara vai. Pode dizer, eu sei que você acha meu irmão lindo, inteligente, super fofo. Isso todo mundo que lê ou assiste filme rômantico descobre flor.

Llib: não, olha eu...-Llib para um tempinho olhando para o relogio e logo surge uma cara de assustada. - Ai, desculpa Mabel mais eu tenho que ir. Tá tarde e eu preciso muito ir rmbora, desculpa.- ela pega a mochila e sai correndo do quarto.

Mabel e eu levantamos correndo e acompanhamos com olhar a menina correr até a porta e ainda esbarrar em Dipper que a olha fixamente até a porta. Por que ela saiu tão desesperadamente assim, será os pais? Ou talvez as conversas da Mabel sobre o seu irmão tenha assustado a coitada. Bom, amanhã eu pergunto.


Notas Finais


UUIii, levnta daí claudia que o babado ta pelando.
Llib x Dipper?

Obrigada por chegarem até aqui, não esqueça de comentar o que vc achou. (ou não, sla) vou ver se consigo postar o terceiro ep. dessa fic rapidão.

Beijos em vossos corações U3U


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...