História Uma Babá Para Louise - Capítulo 35


Escrita por:

Postado
Categorias One Direction
Personagens Louis Tomlinson, Personagens Originais
Tags Babá, Fernanda, Louis, Louise, One Direction
Visualizações 124
Palavras 1.631
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi povo.

Minha fanfic esta tendo mais capítulos finais do que eu imaginava kkk
Mas sim, ela já está no fim, faltam apenas mais alguns capítulos para ela terminar.
Ok chega de papo furado e vamos ao capítulo.

Boa leitura!

Capítulo 35 - O Casamento e A revelação


Fanfic / Fanfiction Uma Babá Para Louise - Capítulo 35 - O Casamento e A revelação

Pode-se nomear um dia o mais feliz da sua vida?

As vezes nos temos tantos pra dizer "esse é o dia mais feliz da minha vida" que fica difícil dizer qual o mais feliz de verdade.

O dia de hoje pra mim está sendo um desses dias estou tão feliz que posso sentir algo muito bom irradiar do meu corpo.

Senti essa mesma felicidade quando Louis me pediu em namoro, quando Louise me chamou de mãe, quando minha mãe voltou de verdade pra minha vida, quando Louis me pediu em casamento, senti também hoje mais cedo quando descobri estar grávida.
São tantos os momentos que acho injusto dizer que um deles foi o mais feliz de todos.

- Fernaaanda...- ouvi a voz de Lottie me chamar.

- Ah Oi!

- Você tava viajando. - ela disse rindo.

- Desculpa, estava só pensando.

- Não tava pensando em deixar meu irmão no altar neh!? - disse teatralmente com a mão no peito.

- Nunca faria isso, boba. - Disse rindo. - Só estava pensando em quantos momentos felizes eu já passei ao lado dele e de vocês também .

- Awn que fofinha... Mas agora vem, vamos vestir seu vestido! - Fui puxada por uma Charlottie eufórica até o espaço onde eu me vestiria, com ajuda dela é claro.

- Você fez mesmo um lindo vestido Lottie. - disse olhando para o mesmo que estava cuidadosamente pendurado em um cabide a minha frente.

- Apenas o meu melhor pra minha cunhadinha . - ela disse apertando uma das minha bochechas.

- Ai ! - Reclamei de seu aperto enquanto ela ria de mim.

Todas as outras já tinham ido para a igreja e só estávamos eu e minhas damas que são Charlottie e Felícite.

- Vamos vestir logo essa noiva, acabei de receber uma mensagem que há um noivo bem nervoso no altar. - Felícite disse entrando no espaço com o celular em mãos.

Lottie e Felícite usavam vestidos na cor azul Tiffany.
Felícite usava um modelo de alças com o busto trabalhando em uma renda linda com pequenos brilhantes e a parte da saia era de um tecido leve que dava a impressão de que ela estava mais flutuando do que andando.
E Charlottie estava com um vestido que tinha as alças trançadas em um x, no busto não havia nenhum detalhe mais na saia esvoaçante do vestido havia uma fenda bem reveladora e na cintura ela usava uma espécie de cinto dourado.

Elas estavam lindas!

- Vamos lá Fernanda, pronta pra ficar maravilhosa? - Ela olhou pra mim com um enorme sorriso e olhos brilhando.

- Mais do que pronta!



...



Louis P.O.V

Eu estava a beira de um colapso.

- Você tá suado cara...- Meu primo Liam disse ao olhar para meu rosto e ver o quanto eu estava brilhando de suor.

- Você tem que relaxar ...- Niall disse rindo de mim. - Toma . - ele me estendeu um lenço para eu enxugar o suor do meu rosto.

- Assim você vai assustar a noiva. - disse Liam.

- Assustar? - disse um pouco desesperado.

- Fica calmo cara, ela não vai te largar. - os dois riam da minha presente situação de nervosismo intenso. - Ela é tão bonita, merecia coisa melhor mas já que ela quer você neh, que Deus abençoe. - Liam falou de um jeito engraçado.

- Cala a merda da boca Liam. - disse lhe dando um empurrão.

- Olha a boca, você tá em uma igreja! - Niall falou todo cheio de reverência, quem vê assim até pensa.

Eu estava tão ansioso para vê-la, minhas mãos suavam, minhas pernas tremiam, eu estava parecendo um adolescente que vai levar a garota mais linda da escola para o baile.

Vi minha mãe entrar apressadamente na igreja com um sorriso maior que tudo no rosto e vir em minha direção, os convidados ali presentes conversavam distraidamente quando foi anunciado que a noiva havia chegado.

Ver Fernanda caminhar em minha direção até o altar foi emocionante e eu não pude me segurar, sim eu chorei, porque ela estava linda, linda demais e se me pedissem para descreve-la eu não conseguiria porque a beleza de minha noiva é tão inexplicável que fica difícil colocar em palavras á única coisa que consigo dizer é...

- Você está tão linda. - disse quando finalmente ela chegou até mim e eu pude pegar em sua mão.

- Você também está lindo, e estamos os dois chorando, isso é ótimo. - ela disse rindo enquanto sua mão desocupada tentava limpar as lágrimas do meu rosto.

Nós posicionamos para que a cerimônia começasse, tudo estava correndo como planejamos, Fernanda ouvia tudo o que o padre dizia com atenção, mas eu só conseguia olhar para ela, o quanto ela estava linda, e então fui desperto para a hora dos votos.

- Em nome de Deus, eu, Louis Willian Tomlinson aceito você, Fernanda Alves de Azevedo, para ser minha esposa, para ter e manter deste dia em diante, para melhor, para pior, na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença, para amar e respeitar, até que a morte nos separe. Este é o meu voto solene. - minhas mãos tremiam e suavam e com toda certeza Fernanda estava bem mais calma do que eu.


- Em nome de Deus, eu, Fernanda Alves de Azevedo , aceito você, Louis Willian Tomlinson, para ser meu marido, para ter e manter deste dia em diante, para melhor, para pior, na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença, para amar e respeitar, até que a morte nos separe. Este é o meu voto solene.


...


Fernanda P.O.V

Louise corria de um lado para o outro em seu "vestido de princesa" como ela chamava, enquanto eu e Louis falávamos com os convidados, nos dois ainda Não tivemos um diálogo de verdade desde quando saímos da igreja haviam muitas pessoas para cumprimentar e receber os parabéns, sinceramente não sei da onde Louis tirou tantos convidados, Céus!


- Eu sabia que você conhecia muita gente, mas não imaginei tantos assim, já estou ficando cansada. - disse perdendo um pouco a compostura e apoiando meu peso em seu braço que estava entrelaçado ao meu.

- Já vai acabar, prometo. - ele disse beijando o alto da minha cabeça. - Não quero você muito cansada, ainda temos a nossa noite de núpcias. - ele disse baixo em meu ouvido, Me fazendo corar violentamente.


Nós não iríamos ter uma viagem de lua de mel, os motivos são dois, Louis está com negócios inadiáveis na construtora e eu tenho minha formatura que é daqui a duas semanas e não quero ficar muito longe de Louise que ainda está no meio do seu ano letivo, decidimos então que depois de tudo isso faríamos uma viagem em família.


- Vem vamos falar com os Carter. - Fui puxada para uma mesa onde curiosamente todos eram loiros.

Vou contar para Louis ainda hoje sobre minha gravidez combinei tudo com as meninas, vai ser quando nos dois finalmente sentarmos em nossa mesa, o garçom trará uma bandeja coberta e então TCHARAAAAM.

Eu estava ficando mesmo cansada, meus pés doíam e eu estava ficando ligeiramente tonta, e isso não podia acontecer agora, eu não posso passar mal e estragar todo meu plano.

Segurei firme no braço de Louis quando senti minha cabeça rodar, recebi um olhar dele um tanto preocupado.

- Tá tudo bem?

- são só meus pés, estão me matando. - disse para disfarçar.

Avistei Lottie de longe e quase lhe pedi Socorro com os olhos, a Loira caminhou rapidamente em nossa direção.

- Ainda falta muita gente? - perguntou direcionada para Louis.

- Não, só umas duas mesas eu acho...

- Eu estou precisando da noiva, pode falar com essas pessoas depois? - Louis olhou desconfiado para nós duas. - ela precisa trocar os sapatos e tirar a calda do vestido, ele tá arrastando tudo que vê pela frente. - ela disse apontado para o meu vestido. - Aliás você terá muuuuuito tempo pra sair exibindo sua ESPOSA por aí.

- está bem...- disse um tanto contrariado.

- Obrigada. - disse assim que nos afastamos de Louis.

- O que foi?

- Estou tonta, o vestido parece estar pesando uma tonelada.

- Vamos vou ajudar você .


...


Estávamos sentados em nossa mesa, Louis e eu, olhei para Felícite e Charlottie que estavam em uma mesa próxima as mesma me deram um sinal, olhei na direção contrária e o garçom se aproximava de nossa mesa, na mão ele trazia uma bandeja coberta que seria direcionada a Louis, ao chegar em nossa mesa a bandeja foi colocada a frente de meu marido.


- Não trouxeram nada pra você? - ele disse confuso.

- É que, é um prato especial e eu quero ver a sua cara quando ver o que é. - disse sorrindo para o mesmo.

Louis abriu e se deparou com uma ervilha.

- Uma ervilha? - a cara de confusão dele foi a mais engraçada e a essa altura nos já tínhamos uma pequena plateia ao nosso redor, cada um observando de sua mesa o que estava acontecendo na mesa dos noivos.

- Parece que tem um bilhete ali. - disse apontando para a bandeja ainda em cima da mesa.

Louis leu atentamente, e parecia ler novamente o bilhete várias vezes.
Eu estava olhando para ele ansiosa pela sua reação e quando ele olhou pra mim seus olhos estavam cheios de lágrimas, ele olhou novamente para o bilhete e leu em voz alta.

- "Esse é o meu tamanho agora papai, uma ervilha, mas daqui a alguns meses estarei maior não se preocupe e parabéns pelo casamento papai, cuide bem da mamãe, não vejo a hora de conhecer vocês " 


Notas Finais


Awn ... eu achei fofo e vocês? 😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...