História Uma Carta De Suicídio - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, TWICE, VIXX
Personagens Dahyun, Jackson, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Ken, Mina, Nayeon, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Depressão, Drama, Morte, Namjin, Namjoon, Rap Monster, Suícidio, Tragedia, Tristeza
Visualizações 66
Palavras 353
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Desabafo - Carta 7


Fanfic / Fanfiction Uma Carta De Suicídio - Capítulo 7 - Desabafo - Carta 7

Mina sabia o motivo por não ter estado lá quando Namjoon precisou. Ela se sentia culpada por, talvez, poder tê-lo o impedido a fazer o que ele fez. Talvez se ela não tivesse rejeitado todas as suas ligações, ou suas mensagens desesperadas, talvez, só talvez, ela, e os meninos ali presentes, não estariam ali se lamentando a perda de Namjoon, e lendo, praticamente, cartas de suicídio.

- Você tá bem? - Essa era a pergunta mais frequente após cada carta.

- Apenas continua... - E essa era a resposta.

Ninguém queria falar sobre aquilo. Ninguém queria desenterrar uma lembrança triste, misturada com certa culpa por tudo aquilo, mas a verdadez também, é que ninguém queria assumir que já tinha feito isso, e que faltava muito pouco para lágrimas escorrerem, e cada um daquele lugar desabar.


Carta: 6

Eu acredito que tenha decepcionado muitas pessoas, muitas pessoas que me viram bem e agora percebem que eu não estava tão bem assim...

Um dia antes dessas cartas serem escritas, um dia antes de tudo isso acontecer, eu saí com um amigo, e eu me lembro de casa risada, de cada sorriso que demos juntos.

Lembro-me também de suas doces palavras ao me ver rir:

"Você está tão feliz"

Talvez fosse uma felicidade momentânea por estar com você... Mas agora...

Hoseok, você percebeu que eu não estava tão feliz quanto aparentava, não é?

"Suicidas sempre tem um belo sorriso no rosto" 

Suicida, difícil de acreditar que esse sou eu... Não é?

Eu fui corajoso, ou covarde? 

Ou talvez os dois...

Desistir da vida não é um ato de coragem. Desistir da vida é covardia, mas uma covardia misturada com.... Como é o nome daquilo?

"Pensar em si mesmo" 

Eu sou um covarde que pensou em mim mesmo... Me desculpa, eu fui corajoso por deixar vocês sozinhos, acreditando que nada de ruim fosse acontecer com vocês...


E mal sabia que Namjoon, que a coisa ruim, fosse ter o perdido aquele dia. 

A coisa ruim, foi ter que o ver naquele caixão. 

Foi ter que ver aquele caixão sendo enterrado debaixo da terra, junto com o que um dia foi Kim Namjoon.

Kim Namjoon.... 

Mas e agora, quem havia sido de verdade, Kim Namjoon?


Notas Finais


Tá, eu vou tentar postar outra a noite também, mas como estou com inspiração, talvez, para a infelicidade de alguns, está fic esteja no fim ><
Espero que estejam gostando.
No final dela, terá um aviso importante que quero que todos leiam.
Até depois :3
XoXo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...