História Uma Experiência De Um Cientista Louco HIATUS - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, , Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Itachi Uchiha, Jiraiya, Menma Uzumaki, Naruto Uzumaki, Orochimaru, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju, Yagura
Tags Itadei, Karin Cobra, Obito X Kakashi, Saino, Sakura Vaca, Sasunaru
Visualizações 135
Palavras 1.966
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Cuidado!


Fanfic / Fanfiction Uma Experiência De Um Cientista Louco HIATUS - Capítulo 1 - Cuidado!

Kakashi POV'S

JORNAL KONOHA

O cientista maluco, mais conhecido como Orochimaru, foi encontrado morto por um veneno desconhecido em um beco no dia 20/10. Em seu bolso tinha um bilhete dizendo a localização de seu local de ''trabalho''. No local foram encontrados vários experimentos com humanos e animais registrados em um caderno. Somente dois experimentos foram encontrados vivos, uma raposa de nove caldas denominada de Kurama e um pequeno garotinho cujo o DNA foi misturado com o da raposa. O mesmo se chama Naruto Uzumaki.

No caderno também tem a localização de mais alguns de seus laboratórios e a policia está, nesse momento, indo de encontro com eles. Há aproximadamente mais 8 laboratórios existentes alem do que encontraram. A seguinte uma entrevista com o garoto encontrado:

-- Então Orochimaru foi encontrado? Interessante...- dou um gole do meu café- E esse garoto? -- Falei sentando no sofá pra ver a TV.

-Então garoto o que Orochimaru fazia? Como eram as coisas lá? A quanto tempo está lá? Me fale tudo de você.

- B-bem... Eu estou lá dês que eu me lembre, pois o Orochimaru apagou minha memória. Então acho que sete anos aproximadamente. O Orochimaru testava alguns experimentos em mim e na raposa Kyuubi, mais da metade dos experimentos não funcionavam em outros animais e humanos... Então ele colocou o DNA da Kyuubi em mim para ficar mais forte e..

- Me fale mais sobre essa tal Kyuubi

- Oh.. Ok. A Kyuubi ou Kurama é uma raposa de nove caldas, ela tem alguns ''poderes'' por assim dizer. Ela tem uma força estraordinaria e também tem a capacidade de fogo.

- Entendo... Continue sobre vocês agora.

-Com o DNA da Kyuubi em mim eu aderi alguns de suas abilídades. Como força, o poder de fogo e... - nessa hora o garoto cora e todos o olham com uma cara estranha.

- E...?

- E-eu posso engravi-idar - Todos arregalam os olhos e eu cuspo meu café. O garoto esconde o rosto - O DNA da Kurama, que por acaso é uma fêmea, me deu um útero, então... É, eu posso engravidar.

- Poxa garoto! - Ele o olhou com nojo assim como muitas pessoas - Você é uma aberração! Que nojo de você!

- O-oque? - O menino começou a lacrimejar e saiu correndo para dentro de algum estabelecimento atrás de si.

--Eca! Que nojo desses apresentadores! Ele não é nenhuma aberração! É especial! Tsc... Quando aprenderão? - Desligo a Televisão e olho pro relógio -- Estou atrasado! - Bebo rápido o meu café, visto meu casaco cinza e vou para meu carro dirigir até a delegacia onde eu trabalho.

Itachi POV'S

Sentei em minha cadeira observando se todos os policias estavam. Então comecei a falar:

-- Como devem saber, Orochimaru morreu e encontramos mapas com uma série de laboratórios por todo o mundo. Hoje dividirei vocês para procurar por cada um. O mapas estão em cima da mesa do escritório de cada dupla, as duplas são a mesmas de sempre. Obrigado e até mais.

Quando todos saem da sala vejo meu braço direito, Kakashi, entrar.

-- Está atrasado... Como sempre - Fiz um sinal de negação com a a cabeça mas sorri de lado- quando vai aprender? 

-- Desculpe.. Um gato preto entrou em meu caminho então eu tive que mudar - Ele sorriu em constrangimento, enquanto coçava a nuca com uma de suas mãos.

-- Kakashi.. - Comecei. - Todos os laboratórios já estão ocupados com certas duplas... Você e eu ficamos com a função de interrogar o garoto. Ok?

-- O jornal já falou um pouco com ele. Achei que já tinham o interrogado sobre algo. -- Disse ele com um semblante confuso.

-- Eles nos barraram. Não sei se percebeu, mas a entrevista foi gravada em frente à delegacia. O garoto está lá na sala chorando até agora. - Eu suspirei negando com a cabeça- Kakashi.. Pegue seu material para interrogação e me espere na porta da sala de interrogação. Eu já estou indo. -Ele assentiu e saiu da sala, logo fechando a porta e me deixando só com meus pensamentos.

A vida de delegado está me deixando maluco. E ainda tem meu irmão Sasuke se metendo em briga no colégio...

Suspirei. Me levantei da cadeira e peguei minha prancheta e minha caneta, lá vamos nós interrogar o garoto.

[...]

Me encontrava ao lado de Kakashi, estava-mos na frente da porta da sala de interrogação.

-- Está pronto para ouvir as coisas que se passavam lá dentro daquele laboratório horrível? - Kakashi me desviou de meus pensamentos.

-- Não.. Mas uma hora temos que ir, não é mesmo? - Respondo respirando fundo logo em seguida. Ao abrir a porta vejo o pequeno garotinha sentado na cadeira, abraçando as próprias pernas com o rosto escondido entre elas, uma cena de partir o coração. -- Naruto-Kun?

O garoto secou suas lágrimas com as costas das mãos e então ficou nos encarando.

-- Quem são vocês? - A voz dele saiu meio tremula pelo recente choro. Olhei de relance para Kakashi e depois o olhei com um sorriso de lado.

-- Uchiha Itachi. Sou um delegado. Esse é Kakashi, meu melhor policial e amigo - Apontei para o Kakashi que acenou com a mão para o garoto.

-- Vieram me interrogar, não é mesmo? - Itachi se perguntava como um garoto de sete anos podia ser tão inteligente a esse ponto. -- Podem começar. O que querem saber? 

-- Tudo, tudo que ele fazia, oque te ensinou, como era lá no laboratório -- Falou Kakashi sentando em uma cadeira de frente ao garoto. Eu o imitei.

Preparei a minha caneta para anotar o necessário em minha prancheta e perguntei:

Naruto POV'S

-- Onde está sua familía? - Perguntou o tal Itachi.

-- Eu não sei. Orochimaru apagou minha memória, apesar disso ele falou que eles morreram em um acidente de carro e que foi assim que me encontrou. 

Vi Itachi anotar algo em sua prancheta então veio mais uma pergunta, mas dessa vez de Kakashi:

-- Como ele te tratava lá dentro? - Vi que ele tinha certo receio de saber, acho que tinha medo de saber.

-- Apesar de todos os experimentos que ele me fazia... Estou triste por sua morte - Vi ambos pararem de anotar alguma coisa e olhar para mim indignados - Ele me tratou bem todos esses anos, me deu comida, brincou comigo e também me deu educação avançada. Para vocês ele pode ser descrito como monstro, mas eu o considero realmente como pai - Sequei uma lágria que escoria pelos meus olhos e sorri triste para eles -Ele tinha suas obsessões estranhas, mas fazia eu e meus irmão sentirmos em casa. 

-- Entendo... Espera, você disse irmãos? - Kakashi me olhou em surpresa.

-- Esqueci de avisar... Alguns morreram mas ainda sobraram três. Em cada laboratorio contem uma criança com o DNA fundido, assim como eu. No laboratório do deserto está Gaara, no laboratório da França está meu irmão gêmeo, Menma e por fim Yagura no laboratório de Tokyo. Nós nos tratamos como irmãos e melhores amigos, eles foram meu único contato social por anos- Vi Itachi arregalar os olhos em surpresa e pegar seu celular.

-- E enquanto ao resto dos laboratórios? - Kakashi perguntou

-- Abandonados. Alguns de meus irmãos não resistiram a certos experimentos. Mas como eu disse antes, Orochimaru nos tratava como filhos e fez um enterro digno a cada um. - Respondi simplista.

-- Não sente saudades? - Kakashi perguntou em tom apreensivo

-- Orochimaru uma vez me disse que chorar pelos mortos é inútil. Ensinou isso a todos. É claro que sinto saudades, mas a ignoro. Aquele choro da Televisão e  foi só um deslise emocional -- Desviei o olhar para o chão.

-- Já avisei a todas as duplas para focarem só nesses laboratórios. Podemos prosseguir com o interrogatório depois... Kakashi, leve o Naruto-Kun para o refeitório para comer algo sim? eu tenho que buscar alguém... -- Itachi chega na sala

-- Sim Itachi. Vamos Naruto -- Kakashi segurou minha mão e me olhou sorrindo, logo eu sorri também e segui ele até uma especie de cozinha -- O que gosta de comer Naruto?

-- RAMEN! -- Gritei com a possibilidade de comer minha comida favorita.

-- Ok... Então será Ramen -- Ele se virou para fazer meu precioso Ramen. Enquanto isso eu sentei esperando.

-- AI QUE FOFO HM! -- Sou surpreendido por alguém me abraçando forte por trás -- QUANDO EU OUVI FALAR QUE JIRAIYA-SAN IA CUIDAR DOS MENINOS DO OROCHIMARU EU VIM LOGO CORRENDO VER MEU NOVO OTOUTO HM!

-- Deidara você não estava em nenhuma missão não? -- Kakashi olhou para trás e deu uma pequena risada da minha cara de assustado.

-- Não! Meu parceiro é o Itachi- Kun não é? Então nós não temos nenhuma missão. Nenhuma além de cuidar dessa coisa fofa hm!- O tal de Deidara me apertou ainda mais em seus braços.

-- Larga o garoto Deidara. Ele está assustado -- Repreendeu Kakashi -- Naruto, esse é Deidara o parceiro de Itachi e um dos filhos adotivos de Jiraiya.

-- Quem é Jiraya? -- Eu perguntei virando a cabeça para o lado ainda encarando aquele loiro esquisito.

-- Eu sou Jiraiya

Itachi POV'S (quando o Itachi saiu para buscar alguém)

Quando avisei a todos, liguei para um amigo da delegacia

-- Moshi Moshi! Estava esperando a sua ligação Itachi-Kun

-- Jiraiya-San. Você tem espaço para mais quatro ai em sua casa?

--Quatro? Eu tenho um quarto com dois beliches... Tem problema se dormirem juntos?

-- Não tem não! Já pode vir buscar o primeiro? Os outros três ainda demorarão um pouco a chegar

-- Posso sim. Estou na praça aqui do lado, pode vir me buscar?

-- Posso sim! Tchau!

Desliguei sem mesmo dar chance a ele falar algo e fui até a porta da sala de interrogatório

-- Já avisei a todas as duplas para focarem só nesses laboratórios. Podemos prosseguir com o interrogatório depois... Kakashi, leve o Naruto-Kun para o refeitório para comer algo sim? eu tenho que buscar alguém... -- Falei colocando minha cara na porta. E assim que Kakashi confirmou eu fui de encontro com Jiraiya-San.

quando estava prestes a sair me esbarrei com meus parceiro de equipe, Deidara e automaticamente dei um sorriso que o fez corar.

--Soube da nova, Deidara? -- Falei. Ele fica muito animado com ''irmãos'' mais novos.

-- Não. O que? -- Ele estava com olhos em expectativa

-- Aparentemente Jiraiya vai cuidar de Naruto e seus irmãos -- Vi seu sorriso se alargar.

-- Eu vou ser irmão daquela coisinha fofa?! ONDE ELE ESTÁ?! EU QUEROO!!! -- Ele começou a gritar e olhar para todos os lados à procura do garoto.

-- Cantina. Tchau Dei Dei -- Usei seu apelido e pisquei o fazendo corar mais que um pimentão. Ri nasalmente dele saindo correndo em direção à cantina e fui até a praça para buscar o Jiraiya-San.

Na Praça

-- Mais quatro pestinhas para cuidar -- Suspirou Jiraiya entrando no carro e fechando a porta.

-- É mais esses você tem que ter cuidado -- Comecei a repreender ele.

-- Eu sei que os moleques tem poderes. Vou ensinar a controla-los -- ele começou mas eu o interrompi.

-- Não é pelos poderes.. Sabe Jiraya, cuidado com o sorriso de uma pessoa que sabe esconder bem os seus sentimentos. Essas crianças foram treinadas por Orochimaru para serem incapazes de demonstrar sentimentos, qualquer sinal, o minimo que for, que eles estão tristes ou com raiva.. Console-os, ou mande Deidara! sei lá!. Entendido?

-- Entendido Itachi-Sama!

Naruto POV'S

-- Jiraiya sou eu, moleque! -- disse um grisalho de cabelos longos bagunçando meus cabelos. -- Vou ser a pessoa que vai cuidar de você agora! 

Continua



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...