História Uma Garota Nada Popular - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Riverdale
Personagens Alice Cooper, Antoinette "Toni" Topaz, Archibald "Archie" Andrews, Cheryl Blossom, Chuck Clayton, Elizabeth "Betty" Cooper, Ethel Muggs, Forsythe Pendleton "FP" Jones II, Forsythe Pendleton "Jughead" Jones III, Frederick "Fred" Andrews, Hal Cooper, Hermione Lodge, Hiram Lodge, Josephine "Josie" McCoy, Kevin Keller, Personagens Originais, Polly Cooper, Pop Tate, Reginald "Reggie" Mantle, Veronica "Ronnie" Lodge
Tags Archie Andrews, Betty Cooper, Bughead, Cheryl Blossom, Choni, Drama, Jughaed Jones, Kevin Keller, Riverdale, Toni Topaz, Varchie, Veronica Lodge
Visualizações 192
Palavras 2.079
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello povo.

Desculpaaaaa mds não queria ficar esses dias sem postar, não foi por falta de criatividade nem nada, o capítulo já estava pronto na verdade, só que eu queria dá um tempo pra fanfic, pra vê se mais leitores chegariam e etc...

Bom, esse capítulo é de emocionar, eu chorei com meu próprio Capítulo!
Ouçam a música "Fire meet Gasoline" - Sia. Ouçam por favor!
[A tradução e o link pra música vai está nas notas finais.]

Acho que esse capítulo é o meu preferido até agora, eu amei elee aaaa

Boa leitura <3 (Cuidado com a emoção)

Capítulo 7 - Fire Meet Gasoline.



         [Narração Jughaed Jones]


Fudeu tudo! Isso mesmo! Agora eu não faço a menor idéia do que fazer, eu procurei ela por toda parte, não achei nem Veronica e nem Cheryl, perguntei para Archie onde elas estavam e ele falou que elas sairam correndo para a rua e não sabiam se voltariam. Achei melhor da o tempo de Betty, mas preciso falar sério com Midge! 


- Você está louca? Tem algum problema? Você sabe a porra que acabou de fazer? - Perguntei alterado indo em sua direção.

- Há Juggzinho, vai me dizer que não gostou do beijo? Foi ótimo né? - "Juggzinho"? Ok, ela realmente tem problema, eu estou perdendo a cabeça. Respiro fundo para não sair quebrando tudo.

- Me polpe garota! Não me chame de "Juggzinho"! E o beijo foi horrível, quer motivos? Ok, primeiro: você fez para magoar a Betty. Segundo: eu não queria te beijar! Você me beijou, e foi na hora que a Betty chegou! Terceiro: Meus lábios tiveram contato com... Os seus! E você sabe que eu não gosto nada de você nem do nosso passado! - Falo indo embora de lá antes de xingá-la.


Já na segunda-feira tentei falar com Betty, ela apenas falou que queria distância, Veronica ficou com uma cara de total nojo para cima de mim, ela nem sabe da história. Cheryl não olhava para mim, eu estava ficando realmente chateado e impaciente com a situação toda!


A semana se passou, chegando na sexta-feira, ainda sem trocar uma palavra com a Betty. Archie falava comigo ainda, pois sabia o que tinha acontecido de verdade, ele disse que não vai tentar falar com a Veronica, pois pode sobrar para ele.


Saindo da aula de biologia, vejo Betty passando com Veronica pelo corredor, elas não olham para mim, fui até meu armário para guardar minhas coisas quando vejo Cheryl se aproximando.

- Fale rápido, o que realmente aconteceu? - Ela diz se encostando nos armários e me encarando séria com os braços cruzados em seu peito.

- Você realmente acha que eu não tive culpa?

- Sim, eu acho. Jughaed, eu vi como você olhava para ela e como você cuidou dela, e sei um pouco sobre seu passado com Midge, fale-me, o que aconteceu?

Eu suspiro antes de falar para ela.

- Você sabe, depois de toda minha situação com Midge, eu nunca mais me apaixonei, e realmente tenho muito medo disso. - Ela balança a cabeça em confirmação com um olhar solidário. - Bom realmente Betty está mudando isso aos poucos, e... Acho que sinto ou estou começando a sentir algo por ela, não sei, são poucas semanas. Mas o que aconteceu foi que Midge está vendo o como estávamos próximos, como ela ama estragar com minha vida, quando ela viu Betty se aproximando da cozinha, ela me virou para ela e me beijou, na hora que Betty chegou...


- Oh Jughaed... - Ela diz com um olhar triste - Se eu falar com ela não irá adiantar, fale com ela. Esse final de semana vamos a um karaokê, vou fazer com que eles façam você ir, pode ser uma grande oportunidade. -Cheryl fala com um sorriso no rosto saindo do encosto do armário.

- Faria isso mesmo Cheryl? - falo empolgado.

- Claro, eu meio que shippo vocês... - Eu dou um enorme sorriso em saber disso. - Melhor casal de nerds, ah, é tão perfeito. Irei até criar um shipper! - Dou uma leve risada.

- Há é? Qual seria? - falo sorrindo.

- Que tal... Jugbetty? - Faço uma cara de assustado que definitivamente diz "Não, credo." - É, melhor não... Ham... E Jugbee? Não né...

- Vamos Cheryl, você consegue ser mais criativa! - falo incentivando a continuar tentando.

- Já sei! - Diz em um pulo. - Bughead! - Com o tom de voz alto, em um grito.

- Perfeito! Amei. - Falo em um riso abafado e sorrindo, "Bughead"... Será que vou me magoar dessa vez?

- Bom, vou indo até a salinha, eles estão me esperando para falar do karaokê, se você receber uma mensagem, que dizer que eles te aceitaram e quer você vai. - Balanço a cabeça em um sinal que entendi. - Já vou indo, adeus Jughaed. - Ela diz acenando e saíndo.


Cheryl é muito minha amiga, gosto bastante dela, nos conhecemos dês de pequenos, e ela me trata como um irmão, isso é bom.


Passando já um tempo, vejo que recebo uma mensagem da Cheryl falando para mim ir até a salinha onde passávamos o tempo.

- Oi. - falo em um tom doce entrando a salinha e encontrando com todos. Betty me olha por um instante.

- Olá Jughaed. - todos falam em um coral, menos Betty.

- Bom, vamos ir ao karaokê amanhã de noite, lá para umas 19:30. Vai querer ir? - Kevin pergunta tomando um gole de seu café.

- Há, claro. Seria ótimo! - falo com um sorriso fraco.

- Ótimo, amanhã então. - Veronica diz saindo pela porta, vou em sua direção e tento alcançá-la.

- Veronica, por favor, tente me ouvir, ok?

- Jughaed, eu conheço esse papinho, não irei cair, você magoou muito minha amiga que chegou e já passou por muita coisa!

- Sim! E uma dessas coisas, eu a salvei! Eu a ajudei, eu fiz tudo isso por que gosto dela, e não da Midge! - Falo alterando mais minha voz.

- Certo, então você quer dizer que você não beijou a Midge? Ela te beijou?

- Sim! Isso mesmo. E eu preciso falar com a Betty, não aguento mais! - falo passando as mãos pela nuca já desesperado.

- Fale com ela amanhã no karaokê, talvez seja melhor. Ela pode ficar mais calma... - Veronica diz em um tom baixo e fechando os olhos em choque.

- Então você está me ajudando? - Falo animado.

- É... Mais ou menos, quero ver se isso é verdade mesmo. - Dou um sorrisinho e saio de lá indo para minha casa. Amanhã realmente tentarei fazer de tudo para voltar ao normal com Betty.



Chegando ao karaokê, vejo que já estão lá, Betty, Veronica, Cheryl e Kevin. Kevin estava no palco já cantando algo enquanto todos olhavam para ele, as meninas estavam em uma mesa sorrindo e admirando a cantoria. Quando Betty me viu seu sorriso desapareceu, fui até ela e me juntei a mesa.

- Cade o Archie garotas? - Falo me sentando em uma cadeira ao lado de Cheryl de frente para Betty.

- Ele já está vindo, ele parou para fazer alguma coisa no meio do caminho. - Diz Veronica sorrindo.

- E-eu vou ao banheiro. - Betty diz se levantando rápido da cadeira e indo ao corredor dos banheiros.


Fechei os olhos em decepção mordendo meus lábios indo em sua direção, chamei a mesma para parar de andar, porém ela não me ouviu, peguei sua mão para ver se ela parava.

- Que porra Jughaed! Me solta! - Ela diz tentando tirar sua mão do encosto da minha.

- Não enquanto você não me escutar! Me escute por favor!

- Não temos nada para conversa, e não quero ouvir nem uma palavra que você diz! Apenas me solte!

- Não! Betty! Porra, por favor, eu não beijei a Midge, ela me beijou. E foi para te provocar! Me escuta!

- Você não me deve satisfação Jughaed! Não temos nada! - Há interrompo.

- Sim, eu te devo satisfação. Betty, você não vê? Há! Merda! Eu gosto de você Betty! De você! Caralho, por favor, apenas... Fale comigo. - Falo em um tom triste, a mesma me olha com um olhar marejado de lágrimas ela solta sua mão da minha e fica parada na minha frente.

- Eu... Eu só preciso de um tempo... - Ela diz indo ao banheiro feminino me deixando lá parado. Fechei meus olhos com força tentando buscar calma em algum lugar dentro de mim. Passei a mão pelo meu rosto, inspirei e respirei para buscar a calma. Fui para a mesa e me sentei.


Betty ainda não voltou para a mesa, Cheryl e Veronica falaram que ela precisa ficar sozinha, então deixaram ela se acalmar. Me surpreendi quando saiu uma dupla do palco e entra Betty. Ela está com os olhos levemente inchados e seus cabelos bagunçados, ela fecha seus os olho mordendo o interior de sua bochecha para sentir a música.


A batida da música começa a tocar era "Fire Meet Gasoline - Sia". Ela me falou que ama essa música no dia do jogo de Archie. E eu também amo, era nossa música preferida, eu conhecia a letra de cabo-a-rabo e sabia o por que dessa música. Ela sabe que somos como... Fogo e gasolina...

Ela começa a cantar.


Betty:
[Fire Meet Gasoline]
It's dangerous to fall in love But I want to burn with you tonight Hurt me There's two of us We're bristling with desire The pleasure's pain and fire Burn me

So come on I'll take you on, take you on I ache for love ache for us Why don't you come Don't you come a little closer

So come on now Strike the match, strike the match now We're a perfect match, perfect somehow We were meant for one another
Come a little closer

Flame you came to me
Fire meet gasoline
Fire meet gasoline
I'm burning alive
I can barely breathe

When you're here loving me
Fire meet gasoline
Fire meet gasoline
I got all I need

When you came after me
Fire meet gasoline
I'm burning alive
And I can barely breath 

When you're here loving me
Fire meet gasoline
Burn with me tonight

[Ela cantava me encarando olhando no fundo dos meus olhos. Como se ela lesse minha alma, estavamos conectados, porém de longe, não sabíamos explicar, era como se a distância do palco fosse uma distância imensa! Quando eu fui ver, estava me aproximando do palco.]

And we will fly
Like smoke darkening the sky I mean I want to try and Take a bite
So come on now
Strike the match, strike the match now We're a perfect match, perfect somehow We were meant for one another
Come a little closer

[Já estava em cima do palco nessa hora com um microfone na mão, apenas me preparando para cantar o refrão do lado dela, ela me olhava, podia sentir, porém não conseguia olhar nos olhos dela. Apenas fechei os olhos, senti a música e cantamos juntos. Em sintonia.]


Bughead:

Flame you came to me
Fire meet gasoline
Fire meet gasoline
I'm burning alive I can barely breathe

When you're here loving me
Fire meet gasoline
Fire meet gasoline


Jughaed:

I got all I need
When you came after me
Fire meet gasoline
I'm burning alive


Betty:

And I can barely breathe
When you're here loving me
Fire meet gasoline
Burn with me tonight
But it's about bad
Certain death


Jughaed:

But I want what I want
And I got to get it
When the fire dies
Darkened skies
Hot as a match
Only smoke is left
But it's about bad
Certain death But I want what I want And I got to get it When the fire dies
Darkened skies Hot as a match
Only smoke is left


Bughead:

Flame you came to me
Fire meet gasoline
Fire meet gasoline
I'm burning alive


Betty:

I can barely breathe
When you're here loving me
Fire meet gasoline
Fire meet gasoline


Bughead:

I got all I need
When you came after me
Fire meet gasoline
I'm burning alive


Jughaed:

And I can barely breathe
When you're here loving me
Fire meet gasoline
Burn with me tonight


Betty:


Burn with me tonight



Jughaed:


Burn with me tonight



Bughead:


Burn with me tonight

Eh eh.


(...)


Ela me olhou, eu olhei para ela. Ela me olhou com um sorriso e lágrimas nos olhos, eu sorri, o melhor sorriso que eu dei na minha vida, um sorriso cheio de amor e simpatia, demos uma pequena olhada para a platéia, e vimos que muitos choravam emocionados com a melodia, inclusive Vee e Cheryl, que estavam chorando muito no colo de Kevin e Archie.


Nos olhamos de novo, nos abraçamos e todos começaram a bater palmas, elogiavam, assobiavam e gritavam. Desfazendo nosso abraço com as testas coladas, nos beijamos, um beijo calmo, cheio de amor, senti o calor de seu corpo junto ao meu, o beijo foi realmente o fruto de um amor que estaria para começar...












Notas Finais


Aaaaaaaaaaa meu deuuuuuuus gzus❤️
Escutem a música povu
Sério, eu acho essa música muiitoo Bughead
Demorei, mas voltei com uma bomba logo pra vocês, hehehe
Desculpa qualquer erro :')
Bye bye

Tradução: https://www.google.com.br/url?sa=t&source=web&rct=j&url=https://m.vagalume.com.br/sia/fire-meet-gasoline-traducao.html.amp&ved=2ahUKEwi29eqAltrcAhXDWpAKHVpYAlgQFjABegQIBxAB&usg=AOvVaw2LLm0S-N1bnsZDM3tnCgWQ&ampcf=1

Música: https://youtu.be/fNdeLSKSZ1M


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...