História Uma garota no EXO (Imagine Chanyeol e Kyungsoo) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Berry Good, EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Daye, Gowoon, Johyun, Kai, Personagens Originais, Sehun, Sehyung, Seoyul, Suho, Taeha, Xiumin
Tags Exo, Imagine Chanyeol, Imagine Exo, Imagine Kyungsoo, Tomboy
Visualizações 292
Palavras 1.000
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Achou que eu nunca iria descobrir...


Fanfic / Fanfiction Uma garota no EXO (Imagine Chanyeol e Kyungsoo) - Capítulo 9 - Achou que eu nunca iria descobrir...

Anteriormente...

– Eu trouxe hoje. – Diz ele e entrega uma garrafa pra mim e outra para Kyungsoo.

– Pra que isso Chanyeol?

– Vamos brincar de um Jogo chamado "Eu Nunca". – Diz sorrindo travesso.

Agora...

— Eu nunca joguei esse jogo.

– Por isso mesmo você deveria jogar meu amigo. – Sentou do meu lado na cama.

– Pode ao menos nós explicar o jogo?

– Com prazer. – Ele explicou tudo. Um de nós iria citar situações que já tivesse passado por ela teria que tomar um gole de Soju.

— Mas... e se alguém ficar bêbado? Não vai dar bronca com o manager?

– Ele não está aqui pra saber.

– Eu tô fora. – Devolveu a garrafa pra ele.

— Não tem isso cara. — Peguei a garrafa e o devolvi — se eu vou jogar você também vai Hyung!

– Tá me obrigando?

— Oque você acha?

– Então vamos começar! Eu nunca... fui rejeitado por uma garota. – Ele disse e tomou um gole junto com Kyungsoo enquanto eu apenas observava.

– Não me diga que nunca foi rejeitado.

— Eu nem ao menos tentei. — Eles me olharam.

– Nunca ficou com nenhuma garota?

— Ah... já sim. Mas nunca fui rejeitado.

– Dúvido.

— Acontece que eu sou um cara Legal e bonito aos olhos das moças, tá? — Eles riram. — Não duvidem, ou eu vou conquistar vocês também.

– Meio Difícil. 

– Eu digo agora. Eu nunca menti para um amigo. – Eu e Chanyeol tomamos. Eu estou inventando mentiras nesse momento, posso virar a garrafa inteira.

— Você nunca mentiu para um Amigo Hyung?

– Não gosto de mentiras. Quando tem alguma coisa eu falo na cara.

– Eu já menti várias vezes. Inclusive naquele dia em que o Kyungsoo chegou e eu disse que ele era fofo, eu ainda não sabia que ele era um satanás. – Comecei a rir.

– Posso te levar pro inferno se quiser Park Chanyeol.

– Tá repreendido.

— Minha vez! Eu nunca corri com medo de um inseto. — Os dois tomaram e eu voltei a gargalhar.

– Mas isso foi quando eu era pequeno. - tentou justificar Chanyeol mas Kyungsoo desmentiu;

– Deixa de mentira que até um dia desses tu tava correndo de uma cigarra.

— É oficial, eu sou o mais corajoso aqui.

– Vamos ver se você é forte o suficiente para não ficar bêbado até o final do jogo. – Isso não será possível eu sou muito fraca para bebidas...

E Aconteceu como previsto, Kyungsoo ganhou o jogo e parecia Sóbrio eu e Chanyeol tínhamos secado mais algumas garrafas Depois daquela. Resumindo; estávamos tão bêbados que mal podíamos nos equilibrar,  falávamos coisas sem sentido e Kyungsoo ria da nossa desgraça.

— Eu quero comprar um Unicórnio.

– Não existe unicórnios idiota.

— Não me chama de idiota seu poste ambulante.

– Vocês não acham melhor ir dormir?

— Dormir? Claro que não! A noite está só começando. — Me debrucei na cama e o olhei.

– Eu vou dormir aqui. – Bocejou.

— Na minha cama não! — O empurrei e ele caiu no colochão.

– Vocês enlouqueceram?! — Quem estava ouvindo o Kyungsoo? Chanyeol ficou bravo e de levantou.

– Não deveria ter feito isso seu moleque mal criado.

— Eu fiz e se quiser eu faço de novo, oque você vai fazer? — Fiquei de pé o encarando com um olhar ameaçador.

– Ei, Não quero brigas no meu quarto.

– Eu vou te bater. – Cerrou o punho.

— Faça isso, eu sei revidar.

– Wow, parem com isso. – Se levantou Kyungsoo e puxou Chanyeol – Se você faz tanta questão de ter uma cama durma na minha. – Bastou um empurrão e ele caiu na cama.

— Oppa... você pode dormir na minha cama. — Falei pra ele.

– Do que você me Chamou? – Franziu o cenho.

— De Oppa! — Sorri divertida indo até ele e o abraçando.

– Oque você tá fazendo? Tá louco menino? – Tentou me empurrar.

— Dorme Comigo Oppa!

– Meu Deus, Eu mereço. – O conduzi até a cama onde o empurrei e deitei ao seu lado.

— Boa Noite Oppa. — Me virei e fechei os olhos.

– Oppa... – O escutei rir.

✗No dia Seguinte✗

Acordei com a claridade. Minha cabeça estava doendo e eu também tinha dores abdominais, me sentei na cama e vi Kyungsoo saindo do banheiro na outra cama estava Chanyeol largado ainda dormindo.

– Dormiu bem? – Ascenti em silêncio. – Ontem você tava bem louco me chamando de Oppa.

— Oque?

– É isso ai. – Riu – Se eu fechasse os olhos e apenas escutasse sua voz eu poderia jurar que era uma garota que me chamava de Oppa.

— Esquece isso cara.

– Impossível. Sabe que você até quis dormir na mesma cama que eu?

— Olha, eu tava bêbado.

– É claro que eu sei que você estava completamente bêbado seu bobo. Eu só não sabia que você mudava sua orientação sexual quando bebia.

– Bom Dia! – Baekhyun invadiu o quarto e nos olhou. – Nossa, vocês estão péssimos. porque o Chanyeol ainda está dormindo?

— Eu não sei. — Me espreguicei e fui até o banheiro. Que desgraça! Eu estava naqueles dias, era oque me faltava.

[>>>]

Eu estava morrendo de Cólica largada na cama, o manager iria aparecer nos chamando para o ensaio. Eu já havia tomado remédio para dor mas estava demorando para fazer efeito. Como vou dançar sentindo dor?

– Tá tudo bem Yun? – Chanyeol perguntou saindo do closet e eu fiz que sim com a cabeça. Assim que ele saiu do quarto voltei a me contorcer.

– Cólica não é?

— Oque? — Abri os olhos assustada e sentei na cama vendo o Kyungsoo.

– Você, tá naqueles dias? – Eu estava desacreditada ele se aproximou e sorriu de canto – Achou que eu nunca iria descobrir que você é uma menina?

Eu estava sem saber oque fazer naquela hora, oque eu digo? Agora só me resta assumir toda a verdade, não tem como fingir. Kyungsoo acaba de descobrir oque eu mais tentei esconder, oque será de mim agora? 

— Como você descobriu? — Ele riu.

— Você age Igual uma garota. Você fala igual uma garota, você tem coisas de garotas escondidas no closet e você fala enquanto dorme. E... Ontem a noite quando você se agarrou eu mim eu senti oque você tem escondido por baixo da camisa, isso só confirmou minhas suspeitas. 


Notas Finais


E agora gente? Será que o Kyungsoo vai contar pra todo mundo sobre sua descoberta? Ksksk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...