História Uma Guerra de dois Mundos - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Ash Ketchum, Bonnie, Clemont, Grace (mãe de Serena), Serena
Tags Amourshipping, Satosere, Serena
Visualizações 47
Palavras 2.302
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Fala pessoal Mcastro aqui !!
Bom aqui está mais um capítulo para vocês, então espero que gostem





E BOA LEITURA !!!!

Capítulo 12 - Ash VS dimensões (part: 1)


Todos olham para a porta do ginásio e a galera da D.P fica de boca aberta, porque lá estavam todos os líderes de ginásio e a própria campeã de kalos olhando a cena

Clemont D.P: O-o-o-oqu-que vocês est-estão fazen-fazendo a-a-aqui ?

Ash(parando de rir): Diantha ! Olha vocês foram rápidos até. Achei que iriam chegar quase de noite.

Ramos D.P: Nós conseguimos chegar antes meu jovem. Mas afinal oque aconteceu aqui ?

Todos foram para perto do Ash ajudar a levantar os pais do chão e o pessoal da D.P também só que ajudando o Ash deles a andar

Ash: Nada de mais. Apenas uma simples brincadeira.

Korrina D.P: Oi galera !

Ash, Serena, Clemont e Bonnie D.P: Olá Korrina !

Brock D.P: Eu ainda não entendi porque vocês estão aqui. Mas tenho a leve impressão deque tem a ver com o Ash da outra dimensão. Estou certo ?

Viola D.P: Sim você está certo.

Serena: Então foi por isso que você se atrasou para aparecer para o treino de hoje ?

Ash: Exatamente. Antes de vocês acordarem, eu fui atrás da Diantha para ela nos ajudar, já que ela é uma das pessoas que mais influenciam do povo.

Grunt D.P(segurando o riso): Pera deixa eu ver se eu entendi direito. Foi esse garoto que você falou que Diantha ?!?

Diantha D.P: Sim. Por que ?

Grunt D.P: Eu esperava alguém mais velho, pelo fato de como você o descreveu.

Ash: Não se enganem eu sou novo, mas também sou sábio. Claro que alguns de vocês são mais sábios que eu, como o Ramos e a Olimpia.

Wulfic D.P: Afinal o que nós vamos fazer ? A Diantha nos passou apenas que era para seguir as suas ordens e nos explicou um pouco da situação.

Ash: Bom primeiramente obrigado por terem vindo, isso significa que vocês confiam pelo menos um pouco em mim além de quererem proteger a sua dimensão. Bom o plano é o seguinte, como não sabemos quando tudo vai acontecer, não podemos simplesmente tirar todos de suas casas e os entulhar em algum lugar, então quando tudo começar Caio, Cilan D.P, Letícia, Diego, Serena D.P, Viola D.P e Valerie D.P cuidaram de tirar todas as pessoas e pokemons e os abrigarem nas florestas e fiquem os protegendo lá. Enquanto o resto de vocês iram me ajudar na linha de frente. Á falando nisso. -falou tirando um controle do bolso e apertando um botam no centro dele e logo depois o destruindo.

Arthur: O que você fez Ash ?

Ash: Qualquer coisa arma de fogo que venha do nosso mundo não funciona mais nesse.

Olimpia D.P: Como assim arma de fogo?

O Ash tira das costas uma pistola e mostra para o pessoal da D.P que não entendem para que serve o item.

Diantha D.P: E para que isso serve ?

Ash: Isso é usado no nosso mundo para matar pessoas. Porem assim que eles atravessarem o portal eles não conseguiram mais usar mais nenhuma arma, apenas pokemons e armadilhas simples .

Serena: Amor mas eles não tem pokemons. Ou tem ?

Ash: Eis o problema. A organização team flare dessa dimensão está ajudando na invasão do mundo e distribuiu vários pokemons fortes para os soldados.

Paul D.P: Por isso você treinou todos nós com pokemons lendários! Para que nós os derrotemos mais rápido e acabar logo com essa luta.

Ash: Á garoto esperto. Mas tomem cuidado alguns dos soldados podem mega evoluir os pokemons, o que vai dificultar um pouco mais na batalha.

Olimpia D.P: Eu estou sentindo uma aura de tristeza e medo vinda de você Ash de outra dimensão. Do que você está com medo ?

Ash(arregalou os olhos): Eu não estou com medo ! Deve ser apenas impreção sua, Olimpia. Hahaha- fala rindo meio nervoso.

Olho para o Ash de olhos serrados para ver se ele abre o jogo. Ai me lembro do que ele falou ontem à noite, mas ele percebeu que estou olhando para ele e apenas me dá um selinho voltando a atenção as pessoas a nossa frente

Ash: Nesse confronto o Lysandre com certeza irá aparecer, pois ele está louco para me matar, então eu e o Ash precisamos chegar nele e no seu mine exército de clones pois somos os únicos capazes de os destruir.

May D.P: Então nós enfrentaremos os soldados até chegar no seu chefe e seu exército de clones, enquanto vocês dois ficam mais atrás apenas vendo ?!? [Mcastro: Quero ver quem sacou a referência]

Ash: Mais ou menos isso.....

Misty D.P(muito irritada): Você acha que nós somos oque iscas ?!?

Ash: Calma aí o estressada, eu não acabei de falar. Apenas o Ash de vocês que ficará aguardando enquanto eu derrubo os soldados e vocês os pokemons. Entenderam ?

Todos menos o Ash: Sim!

Ash: Á ! Quase me esqueci! Valérie poderia soltar a Sylveon por favor?

Valerie D.P: Claro. Sylveon saia por favor.

Fala jogando a pokebola e logo em seguida surgindo a pokemon tipo fada. O Ash andou até a Sylveon e se abaixou olhando para ela

Ash: Syl Sy Ve Sylveon .

Sylveon: Sylv lveon Sy Sylveon.

O ash se levantou e a Sylveon da valerie foi para a direção das escadas e todos ficamos sem entender nada.

Ash D.P: Você também sabe falar com os pokemons ?!?

Ash: Apenas alguns. Eu sei falar com a Sylveon por causa da Serena.

Serena: Eu ?!?

Ash: Não. A Serena dessa dimensão.

Serena D.P(corada): Eu !?! Mas eu não fiz nada !

Serena: É melhor você explicar direitinho essa história senhor Ketchum !!!- fala morrendo de ciúmes o olhando de cara feia.

Ash(meio nervoso): Calma amore. Durante o tempo que eu vim para essa dimensão e me reuni com os lendários eu estava acompanhando a jornada do Ash dessa dimensão, sem eles saberem. Porem um dia depois da Serena acabar de treinar para a sua apresentação a sua Sylveon me viu e veio até mim achando que eu era o Ash que ela conhecia, então fiquei um pouco com ela e quando a Serena começou a procura-la eu falei para ela voltar, porem ela me puxou junto com ela. Aviso nessa época nós ainda não namorávamos.

Serena D.P (corada): Espera! Então aquele dia que eu passei a tarde inteira com o Ash não foi só um sonho meu ? Eu realmente passei a trade inteira com um Ash, só que nesse caso você ?

Ash: Exatamente. Desde então eu acabei me apegando a Sylveon e pelo visto ela também acabou gostando mais de mim, então me dediquei a aprender a conversar com ela.

Ash D.P: Isso explica porque a Sylveon da Serena começou a andar mais comigo de uma hora para a outra, além de quando ela estava fora da pokebola quase sempre me levava aonde ela e a Serena fossem.

Serena: A única coisa que eu quero saber é. O que vocês fizeram a tarde toda, que você não se explicou senhor Ketchum !- fala agora me mordendo ainda mais de raiva.

Ash: Nós passamos a tarde conversando deitados com os pokemons da Serena até que teve uma hora que ela caiu no sono e eu fui embora. Não aconteceu nada demais.

Fala me olhando nos olhos me segurando pela cintura, enquanto eu olho nos olhos dele e depois para a Serena da D.P

Serena: Sou vou acreditar em você porque eu te amo e não acho que vocês tenham feito nada.- falo o beijando.

O beijo estava muito bom e eu já não sabia a quanto tempo estávamos no beijando até que escuto alguém fingindo uma tosse e me lembro que estamos cercados por todo mundo, então me separo do Ash bem corada e abaixo a cabeça enquanto ele me abraça pela cintura e volta a olhar para frente um pouco corado

Ash: Então vamos aproveitar que todos estão aqui e vamos almoçar.

Grace: Mas nós ainda nem preparamos o almoço.

Ash: Podem deixar que eu já fiz e está em cima da mesa de jantar no andar de cima.

Mãe da Leticia: Mas quando você preparou tudo se você não saiu daqui nem por um segundo ?

Ash: Na verdade eu sai, vocês que não perceberam. Agora vamos comer.

*Quebra de tempo*

Estou sentada no colo do Ash no topo da torre prisma enquanto olhávamos o céu, que estava com o sol começando a se pôr. O Ash está com os braços ao redor da minha cintura e com a cabeça apoiada no meu ombro

Serena: Ash. Lá na oficina você estava mexendo em alguma coisa no seu pescoço. O que era aquilo ?

Ash: Você percebeu ?!?

Serena: Sim.

Ash: Bem por enquanto eu não posso te dizer, mas caso eu te de isso eu quero que você prometa guardar com todo o cuidado. OK ?

Serena: Tudo bem. Essa vista é linda não acha ?

Ash: Sim. Só não é mais linda que você. – falou beijando o meu pescoço e me abraçando mais forte.

Serena(um pouco corada): Você sabe como me deixar envergonhada, em. Ash quando isso acabar o que você vai fazer ?

Ash: Para ser bem sincero Serena, eu não faço a menor ideia. Eu passei a vida toda apenas fugindo, mas se tudo der certo eu acho que vou seguir os passos dos meus pais e vou ser médico.

Serena: E eu por acaso estaria incluída, nos seus planos para o futuro ?

Ash: Mas é claro que sim. Nós vamos morar numa linda casa com um filho ou filha e seremos muito felizes juntos.

Serena: Espero que isso realmente aconteça amor.

Ash: Eu também.

Ficamos mais um tempo olhando o sol se pôr até o Ash e a Serena da D.P apareceram do nosso lado com cara de que queriam nos matar

Serena: Por que estão com cara de quem chupou limão e não gostou ?

Ash D.P: Nós estávamos na sala conversando até que do nada a minha mãe e a mãe da Serena aparecem correndo gritando.

Serena D.P: Nós não entendemos nada, pois elas rapidamente nos abraçaram dizendo que estavam muito felizes pela nossa escolha e que nos apoiavam cem por cento.

Ash D.P: Perguntamos sobre o que elas estavam falando. Ai nós descobrimos que “Eu e a Serena” ligamos para elas no pokefone avisando que a Grace passaria uns dias lá em casa. E durante a ligação “sem querer, NÓS” falamos que estávamos namorando.

Eu e o Ash nos olhamos e começando a rir que nem duas hienas, enquanto eles pareciam que queriam avançar nos nossos pescoços

Serena D.P( corada e com raiva): Parem de rir e venham nos ajudar a explicar a situação as nossas mães !

Serena: kkkkkkkkk. Ai minha barriga está doendo. Ufa, mas fala sério, para que nós temos que explicar isso se daqui a pouco isso vai ser verdade ?!

Ash D.P: Porque nós não estamos namorando. Vocês estão !

Ash: Vocês só não estão namorando ainda porque não tem coragem de pedir um ao outro em namoro. Então fação um favor a vocês mesmos e comessem de uma vez a namorar.

Serena D.P(muito corada): Essa não é a que.....

Antes dela acabar de falar o Ash da D.P simplesmente a beijou, o que a fez arregalar os olhos, que logo em seguida foram se fechando. Eles ficaram nisso um tempo até que se separaram ofegantes

Ash D.P(corado): Serena você quer namorar comigo ?

Serena D.P(corada): Sim! –fala pulando em cima dele e o beijando de novo.

Serena: Bem acho que agora temos que explicar somente o fato de ter duas versões de nós.

Ash: Vamos lá.

Me levantei do colo do Ash indo em direção as escadas, com o Ash do meu lado e os nossos eus dessa dimensão logo atrás de nós de mão dadas. Descemos até onde todos se encontravam e assim que eu e o Ash passamos pela porta vimos a dona Delia e a Grace virem correndo e parrarem na nossa frente com as mãos juntas

Délia D.P: Desculpa filho e Serena. Nós achamos que eram vocês que estavam namorando.

Grace D.P: Nós sentimos muito pela vergonha que nós fizemos vocês passar.

Serena: É desculpa dizer isso assim, mas eu sou a Serena da outra Dimensão e esse é o Ash da minha dimensão. Os filhos de vocês são eles. Kkkkkk- fala apontando para trás de mim, aonde se encontravam o Ash e a Serena D.P de mãos dadas.

As duas ficam com caras de quem não estão intendendo nada por estar vendo os dois de mãos dadas

Ash D.P: Mãe, Dona Grace agora sim nós estamos namorando.

As duas mulheres pulam em cima deles e ficam falando enquanto eu e o Ash vamos para perto da minha mãe e da minha avó

Ash: Pelo visto vocês já explicaram a situação para elas.

Paloma: Sim, já explicamos.

Antes de mais alguém se pronunciar a Sylveon da Valerie D.P vem correndo em nossa direção, parrando bem em frente ao Ash

Sylveon: Sylveon ! Sylveon !

Ash: Ok galera é agora parece que eles chegaram. Eu quero que todos que não vão participar por favor vão para a área do campo de batalha e não saiam de lá por nada. Os outros me sigam.

Todo mundo menos o Ash: Ok !

Todos os pais foram para o campo de batalha do ginásio em quanto eu, o Ash e todos os outros fomos para fora da torro Prismá. Quando chegamos do lado de fora pudemos ver várias pessoas correndo de medo, casas em chamas, pokemons atacando qualquer coisa pela frente e vultos passando para lá e para cá muito rápido

Ash: Pessoal é agora que tudo começa. Vamos fazer que nem foi planejado.  E bos sorte.

Assim todos do grupo soltamos nossos pokemons e nos dividimos nos grupos específicos e fomos para o início dessa guerra

 

 

Continua.....?


Notas Finais


Bom pessoal espero que tenham gostado e COMENTEM a sua opinião, pois eu só continuo postando caps devido á opinião de vocês. Então é isso e até a próxima !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...