História Uma história bosta que espero que vocês leiam - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 9
Palavras 350
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: LGBT
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Muito mais que um rosto bonito


Juliana é uma adolescente de 15 anos, ela havia acabado de se mudar para uma cidade do interior de São Paulo, foi morar com seu pai James. Juliana estava fora, morando com sua irmã mais velha depois que sua mãe fugiu de casa com seu amante. Ela não estava nem um pouco contente com a ideia, seu pai nunca foi um cara legal, quando criança ele chegava bêbado e à espancava, gastava todo o dinheiro, que agora tinha se tornado pastor.

No primeiro dia de aula, ela estava com medo, nunca se deu bem com outras pessoas, na verdade na infância sofreu muito na escola. Ao entrar na sala de aula aumentou seu fone ao máximo e sentou-se no lugar mais distante e onde houvesse menos pessoas por perto e onde ela menos chamasse a atenção, mas por mais discreta que ela tentasse ser não foi o suficiente para não ser notada. Uma garota sentou-se ao seu lado e ficou fitando-a por horas, passaram-se duas aulas e a garota estava lá, a observando , sem dizer nada. Bateu o sinal, Juliana desceu correndo as escadas e sentou -se ao pé de uma árvore, fechou os olhos e pensou em sua mãe e na falta que sentia, mas já não sabia se a mesma merecia, já que ela foi uma puta egoísta e largou ela nessa merda. A garota que estava a fitando durante a aula se aproximava e sentou-se ao seu lado e ofereceu um sanduíche, Ju reucou um pouco, mas acabou aceitando e as duas começaram um diálogo sobre coisas do dia à dia, e Juliana descobriu que a garota esquisita se chamava: Ana.

Bom, agora eu narrador vou contar um pouco sobre a Ana para vocês; Ana tem duas irmãs mais velhas, sua mãe morreu, se suicidou em um hospital psiquiatrico quando ela tinha dois anos, seu pai é um alcoólatra que casou com uma prima distante e criou as filhas depois de um tempo, ela e suas duas irmãs já passaram finais de anos e natais em casas de famílias e sua madastra é uma mulher abusiva. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...