História Uma história inimaginável - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Eldarya
Personagens Erika, Ezarel, Leiftan, Nevra, Valkyon
Visualizações 72
Palavras 392
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie amoreeeeeeeeees, turu baum? Espero que sim! Bom, eu FINALMENTE postei um capítulo, meio... pesado

(Não nesse segundo sentindo sua maliciosa).

Capítulo 15 - O livro misterioso


Erika:Ah, vou bisbilhotar só um pouquinho, aliás, que mal tem isso?
Eu começo a vasculhar tudo, as coisas que acho interessante vou colocando em cima da cama, com muito cuidado, até que encontro um livro enorme, cheio de poeira, eu assopro delicadamente...

Erika:The Secret Book Of Eldarya (O Livro Secreto De Eldarya)... O que é isso?

Escuto passos vindo em direção do quarto, em uma velocidade enorme, guardo tudo e me jogo na cama, fingido estar dormindo...

Nevra:Erika! Provavelmente já amanhã está pronto seu quarto, é... eu posso entrar?

Não respondo nada, então, vendo que está sem sucesso em minha resposta, ele entra...

Nevra:Olha só, até parece um anjo, pena que é só dormindo mesmo... Então, Erika, como eu sei que você está acordada, te trouxe chocolate!

Ele continua sem sucesso em minhas respostas, vendo isso, senta-se ao meu lado, e começa a fazer cafuné na minha cabeça.

Nevra:Erika, sei que você não está dormindo... então me fale logo quem mexeu nas minhas coisas anãzinha!

Erika:Eu não sou Anã! Você que é muito alto, e como você sabe que alguém mexeu?

Nevra:Tá vendo ali na portinha? Estava azul, quando alguém mexe, ele fica verde...

Pego o chocolate da mão dele e começo a comer.

Nevra:Posso comer um pedaço?

Erika:Pega, mas só um pedacinho! Você trouxe para mim!

Ele pega o chocolate, olha várias vezes antes de comer, então larga na cama.

Erika:Não vai comer?

Nevra:Não, o chocolate não tem o gosto que eu amo...

Erika:Fresco!

Nevra:Okay, mas... o que você mexeu aqui?

Aponto para a portinha e algumas gavetas...

Nevra:Pegue pra mim tudo o que você viu...

Eu largo o meu chocolate em um papel e vou buscar item por item

Nevra:Nossa, você gosta mesmo de mexer nas coisas sem autorização!

Erika:Ainda não terminei...

Eu vou na portinha, vasculho bastante, e finalmente acho o livro.

Nevra:O que? V-você n-não leu este l-livro, né?

Erika:Não, apenas peguei na mão...

Nevra:Então guarde-o!

Ele ergue-se e pega a minha mão, e vai me puxando até Miiko, eles começam a conversar, então, novamente, Nevra pega minha mão, e me leva até o meu suposto "quarto".

Nevra:Me ajude, tenho que terminar isso hoje!

Erika:Apenas nós dois?

Nevra:Não, o resto do pessoal já está vindo...

O que eu fiz para Nevra ficar alterado assim? O que aquele livro tem que eu não posso ler?
Muito estranho isso tudo...


Notas Finais


Não briguem comigo, eu não faço o roteiro, eu apenas vou escrevendo e vou tendo idéias!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...