História Uma história nunca contada: Kuririn e 18 - Capítulo 28


Escrita por:

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Androide Nº 17, Androide Nº 18, Kuririn, Marron, Mestre Kame, Personagens Originais
Tags Dragon Ball, Drama, Luta, Romance
Visualizações 42
Palavras 647
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiii! Tudo bem? Espero que gostem do capítulo.. e boa leitura!
P.S: desculpem por demorar tanto.. Eu sei que sou uma idiota!

Capítulo 28 - Depois da tempestade


**18**

Depois de minhas palavras apenas permanecemos abraçados, esse sentimento tão estranho, me faz... ficar calma. Estou me sentindo.. feliz.

Depois de tudo que aconteceu, entendo finalmente o que essas palavras realmente significam. E agora que eu entendo, é estranho eu achar que fui boba antes?

-Ah.. desculpe.. atrapalhei vocês? -a voz mais irritante nesse momento ecoou.

-17?! O-o que faz aqui?- digo me levantando, que vergonha.. por que essa peste está aqui?

-Bem.. vim ver algumas coisas nesse lugar- faz uma pausa e chutava alguns destroços- e você? O que faz com esse mongezinho? - Me pergunta encarando o baixinho.

 -Não estávamos fazendo nada. Por falar nisso já estamos indo. - digo pegando a mão do baixinho e voando.

-Tudo bem então...-17 se vira para fazer algo, mas eu já estou muito longe para ver o que.

**Kuririn**

18 me arrastava no vôo,  mas eu mal podia acreditar no que aconteceu. Realmente.. a 18 disse.. que.. me ama!

-Ei! Baixinho você está bem? - 18 me cutuca - Chegamos! 

-S-sim estou bem!-olho para o lado constrangido 

-Bem.. sobre o que aconteceu lá... -18 olha para o lado- Acho que somos.. um casal agora.. né?

-A-acho que sim- minhas bochechas começaram a queimar-18... ?

-Sim?- Finalmente ela me olha, e seus olhos azuis penetrantes me faziam ficar mais nervoso

-E-eu.. quero que você saiba.. que tudo que eu disse foi muito sério!

-O que eu disse também..- com essas palavras minhas bochechas queimarem ainda mais. 18 se aproximou, e ficamos cara a cara- Eu... Estava falando muito sério.- nossos lábios se encontram em um movimento inesperado.

---------------alguns anos depois-------------

Acordei ofegante, olhei para o lado e vi que 18 já tinha acordado. Olhei para o relógio e vi que já eram 11 horas. Me levantei rápido e me troquei. 

Desci as escadas e logo encontrei 18 e Marron sentadas depois de terem comido. Aparentemente Marron tinha dado um trabalho bem grande para 18, já que a mesma estava limpando alguns restos de papa de bebê da mesa.

-Bom dia- 18 fala sem desviar a atenção.

-Bom dia.. desculpe por ter dormido até tarde..- tentei me justificar.

-Tudo bem..- 18 responde entre um meio sorriso... realmente ela está animada né?

-Está tudo pronto.. Eu arrumei ontem!- tentei me redimir.

-Ouviu isso Marron? Nós todos vamos ver a surpresa que o seu pai preparou!- falou para Marron.

Marron começou a rir animada... espero que a surpresa seja tão boa quanto elas imaginam.

**18**

Admito que estou animada, e curiosa.. Mas não quero demonstrar isso, se não o Kuririn pode acabar ficando nervoso demais, mesmo ele sabendo que qualquer coisa que ele fizer vai nos fazer feliz...

-Então vamos! - Kuririn diz, pegando Marron no colo, e a levando para a nave.

Ele coloca Marron no banco de trás na cadeirinha. E em seguida assume o volante.

Ele me faz ir de olhos vendados... para onde será que estamos indo?

Finalmente ele tira a venda, revelando uma loja de doces, Marron fica muito feliz. Começando a brincar com as palavras fazendo um espécie de música sobre doces.

Foi fofo, mas acho que esse lado bolinho dela veio do Kuririn...

Depois de comprarmos os doces que Marron pediu, o baixinho disse que agora era a minha surpresa.

O que me deixou realmente curiosa..

**Kuririn**

Talvez seja bem simples...  Mas eu espero que ela goste...

Voltamos para casa, e o mestre vai cuidar da Marron.. só por esse tempinho. .. 

A 18, estava vendada novamente.. espero he ela goste..

**18** 

Chegamos em um lugar com um cheiro, salgado?

-Pode olhar agora- Kuririn falou um pouco tímido.

Quando olhei, vi uma vista incrível para o mar, e ainda por cima o pôr do sol.

Eu e o baixinho nos sentamos para contemplar a imagem.

-Eu sei que não é nada muito extravagante.. Mas - eu dou um beijo em sua testa, e ele parece bem chocado.

-Eu adorei- sorrio

Ficamos por um tempo assim, juntos.. é bem.. satisfatório... Depois de tudo.. passarmos esse tempo juntos.. 

Eu nunca tinha pensado que eu seria assim.. Mas agora, não consigo me ver em um lugar diferente..









Notas Finais


Bem.. espero que tenham gostado!
Obrigada por lerem essa história! Fiquem ligados.. porque eu vou lançar capítulos especiais..... e me desculpem.. Eu fiquei de castigo.. e perdi o celular por todo esse tempo.. Mas vou voltar com tudo! Se tiverem alguma idéia de fanfic.. é só comentarem! Desculpem mesmo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...