História Uma lobinha qualquer (primeira temporada) - Capítulo 12


Escrita por: ~ e ~qualquer-coisa

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 36
Palavras 1.594
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oie gente, espero que vocês gostem do capítulo,tem gente nova na área será que é inimigo ou não?esse capítulo não mostra só a visão da Hanna

Capítulo 12 - Inimigo ou não?


Fanfic / Fanfiction Uma lobinha qualquer (primeira temporada) - Capítulo 12 - Inimigo ou não?

*Hanna (on)*

Era o cheiro de um lobo 

Hanna: Adrian....

Adrian: que foi?(ele parece preocupado pela minha reação)

Hanna:tem outro lobo por perto

Adrian:pra que direção? (ele pergunta se levantando)

Hanna:para lá(apontei para onde vinha o cheiro)

Adrian:fica aqui vou dar uma olhada (ele se transforma e desaparece entre as árvores)

*Adrian (on)*

Começo a cheirar o ar eu estava perto, andei, tentando não fazer nenhum barulho, quando estou bem próximo da onde vinha o cheiro,me escondo em alguns arbustos,avia um garoto parecia ter uns 16 anos,ele era estranho tinha cabelos brancos e olhos vermelhos,ele se transformou em um lobo negro com olhos verdes

Será que ele é algum inimigo?

Não sei mas melhor levarmos ele e prende-lo  até termos informações

*Lobo (on)*

Me transformei para poder caçar alguma coisa, começo a cheirar o ar a procura de algum animal,mas sinto o cheiro de um lobo

Pronto agora estamos ferrados,nos acharam

Antes que eu pudesse fugir um enorme lobo da mesma cor que eu só que mais claro pula em cima de mim,antes que eu pudesse me defender sou jogado pra longe com força e acabo batendo a cabeça em uma pedra e desmaiando

*Hanna (on)*

Eu estava andando de um lado para o outro já fazia um tempo que Adrian avia saído

Calma assim você vai criar uma cratera no chão de tanto andar de um lado para o outro

Sinto o cheiro de Adrian se aproximar,logo ele aparece entre as árvores com um lobo desacordado em seus braços,ele faz um sinal para que eu espere,ele entra no prédio de questionamento

Oque será que ele vai fazer com aquele lobo?

Provavelmente vai colocá-lo naquela jaula de prata

Depois de pouco tempo, Adrian volta e vem em minha direção

Hanna:oque aconteceu?

Adrian: encontrei aquele lobo andando pela floresta

Hanna:e o que pretende fazer

Adrian:não sabemos se ele é uma ameaça então vou esperar ele acordar para eu poder fazer algumas perguntas (começo a sentir uma dor de cabeça imensa solto um pequeno grunhido) Hanna você está bem?(minha cabeça foi mais e acabo desmaiando)

*Adrian (on)*

Antes que ela caísse no chão segurei ela, peguei ela no colo e levei ela para a enfermaria, chegando lá coloquei ela em uma da camas logo Nataniel entra

Nataniel:oque aconteceu?

Adrian: não sei ela estava normal e do nada desmaiou

Nataniel:não se preocupe vou ser uma olhada nela

Ele começou a examinar Hanna,me lembro do lobo que deixei naquela jaula desacordado

Adrian: Nataniel cuide dela tenho uma coisa para resolver

Nataniel:pode deixar

Saio e volto para onde estava o lobo quando entrei fiquei surpreso com o que eu vi

*Hanna (on)*

Eu via tudo escuro flashes de lembranças passavam em minha cabeça,mas não eram minhas lembranças eram as lembranças,do lobo que Adrian avia pegado na floresta,ele sofria tanto,nas lembranças que vi pude ver o quanto ele sofria,ele vivia trancado no porão,sempre que acontecia alguma coisa ele era punido até estar todo machucado,pude ver também como sua família o abandonou,como ele foi transformado,ele já sofreu tanto.....até mesmo mais do que eu.....

*Lobo (on)*

Acordo,abro meus olhos e olho ao redor eu estava em uma jaula de prata

Lobo:merda(sussurei)

Temos que achar um jeito de sair daqui

Olho ao redor tinham algumas roupas ali não eram das melhores,me transformei e me vesti

Tá vamos ver como podemos sair daqui?

Que tal tentarmos quebrar as barras?

Se tá maluco isso é prata pura isso seria o mesmo que tentar me suicidar

É nossa única chance melhor tentar do que ficar aqui para lobos idiomas nos torturar para fazer falarmos tudo sobre nossa bosta de vida

Tá se agente morrer saiba que não foi culpa minha e sim sua

Começo a tentar quebrar as barras minhas mãos queimavam

*Hanna (on)*

Acordo sentindo uma tremenda dor de cabeça,me sento eu estava na enfermaria

Nataniel:mas já acordou

Hanna:cade o Adrian?

Nataniel: acho que está no prédio de questionamento porque?

Hanna: preciso impedir que ele faça uma loucura (me levanto)

Saio correndo com minha super velocidade

*Adrian (on)*

Aquele garoto está quebrando as barras?

Ele sai da jaula,me transformo, rosno e ele olha para mim,suas mãos sangravam por conta das queimaduras da prata corro em sua direção ele desvia,pulo em cima dele antes que eu abocanhace seu pescoço Hanna chaga como um flash

*Hanna (on)*

Hanna: ADRIAN NÃO FASSA ISSO (grito antes que ele morda o pescoço do garoto)

Ele me olha confuso

Adrian: porque não ele tentou fugir

Hanna:mas ele é inofensivo

Adrian:como pode ter certeza?

Hanna:meio que eu tive uma visão,coisa que herdei da minha tia tenho que ver no livro depois (ele me olha mais confuso ainda)que foi mal é culpa minha se esses poderes aparecem do nada(ele sai de cima do garoto,que recua um pouco para trás)

Adrian vai se vestir me aproximo do garoto e me agacho perto dele

Hanna:prazer me chamo Hanna e você?(sorri para ele)

Lobo:não te devo satisfações (ele fala em um tom frio)

Nossa que humor em

Hanna:Ta......vem vamos cuidar disso(apontei para suas mãos)

Lobo: porque deveria ir com você?

Hanna:qual é,só quero ajudar você (falo me levantando)

Depois de um tempo eu tentando convencer ele,ele levanta

Hanna:venha

Ele me seguiu até a enfermaria

Hanna: Nataniel?(falei entrando)

Nataniel:oque aconteceu dessa vez?(ele tira a atenção do que fazia e olha para o garoto atrás de mim,depois para suas mãos) já entendi, sente-se ali(ele aponta para uma das camas e começa a mecher em umas coisas)

O garoto se senta na cama,eu fico na parede apoiada na parede ao lado da porta,logo Adrian aparece do meu lado, Nataniel começa a fazer uns curativos

Nataniel:como conseguiu fazer isso?(o garoto não respondeu)

Adrian:ele saiu de uma jaula de prata (Adrian responde por ele)

Nataniel:e você se chama?(novamente sem resposta)

Hanna: também gostaria de saber (ele fica um tempo em silêncio)

Jack:me chamo Jack (ele fala quase como em um sussurro)

Hanna: então Jack ,oque fazia na floresta?(me sentei de frente para ele)

Jack:eu vivo lá

Adrian:como assim você lá?

Jack:eu moro lá

Adrian:e porquê?(o garoto fica queto,eu solto um suspiro)oque foi Hanna?

Hanna:creio que eu sei os motivos dele

Jack:não você não sabe nada sobre mim

Hanna:eu sei que você sofreu muito na sua vida

Jack: você não sabe

Hanna:eu te entendo já sofri muito na minha vida também

Jack: NÃO VOCÊ NÃO SABE NADA SOBRE MINHA VIDA, NÃO SE META NO QUE NÃO É SEU(ele sai bufando)

Adrian:oque foi isso?

Hanna:meio que com esses meus poderes,eu vi um pouco do passado dele

Nataniel:por isso ele ficou inritado 

Adrian:eu vou atrás dele(ele ia sair mas eu seguro em seu braço)

Hanna:deicha que eu vou

Adrian:tá bom

Eu saio e começo a seguir o cheiro daquele garoto

*Jack (on)*

Ela não faz ideia do quanto nós sofremos

Não mesmos deve ser só paranóia dela

Me transformei e começei a correr pela floresta, começo a sentir cheiro de lobo,olho para trás e vejo uma loba branca correndo atrás de mim

Aff vai se ferrar

É aquela mulher

Eu sei

Jack:ME DECHA EM PAZ

Hanna:EU SÓ QUERO CONVERSAR

Jack:MAS EU NÃO

Ela fica insistindo

Cara ela não cansa não

Pelo visto ela não vai desistir

Vamos ouvir oque ela tem a dizer?

Ta bom.....

Eu paro de correr

*Hanna (on)*

Depois de eu insistir ele para,eu paro também

Até que enfim não tava mais aguentando correr

Muito menos eu

Hanna: obrigado por parar para me ouvir

Jack:tá vai fala logo (ele se senta eu me sento na sua frente)

Hanna:eu queria falar sobre você

Jack:sem chance (ele fala sério)

Hanna:ah qual é,não é culpa minha que graças a minha tia eu consigo fazer coisas que nenhum outro lobo consegue

Jack:tipo?

Hanna:pera aí(vou para de trás de uma árvore)

Adrian escondeu roupas para todos da alcateia por aqui, visto uma calça de moletom e uma regata que estava dentro do tronco de uma árvore

Hanna:vamos ver pelo oque posso começar....(coloco a mão no queixo)que tal isso(dou um super pulo e paro no topo de uma árvore)

Jack: caramba (ele fala olhando para cima)

Hanna: também tem isso(uso minha super velocidade,e faço quase que um tornado de vento ao redor dele)

Jack:nossa isso é incrível mais alguma coisa?

Hanna: também tem um que descobri hoje por isso sei um pouco do seu passado,eu meio que vi suas lembranças

Jack: então você praticamente tudo sobre mim?

Hanna: técnicamente sim(me sento apoiada em uma árvore)

Jack: oque são essas marcas nos seus braços

Hanna:quando disse que te entendo não era mentira,vamos fazer um acordo?

Jack:depende

Hanna:eu falo meu passado se você também falar o seu(pego umas pedrinhas e fico jogando em uma árvore)

Jack:tá pode ser mas você começa

Hanna:tá bom

Eu começo a falar sobre meu passado para ele

*Jack (on)*

Nossa ela sofreu bastante também né?

Pois é pensei que ela não nos entendia mas agora sei que ela nos entende

Hanna: é isso agora sua vez 

Eu comecei a contar sobre meu passado para ela,depois de um tempo eu termino

Hanna: então você pretende continuar sozinho nessa floresta,ou prefere voltar comigo

Jack:se eu voltar com você inclui eu entrar para a alcateia

Hanna: acho que sim(ela fala confusa)

Oque você acha,eu não quero perder minha liberdade

Sei lá seria legal conviver com outros como nós

Mas não sei se estou preparado para isso

Não custa nada tentar

Jack:tá bom eu volto com você.....

Hanna:que bom,vamos então

Jack:não vai se transformar?

Hanna:não consigo te alcançar assim

Começamos a correr de volta

*Adrian (on)*

Estava na sala,Hanna estava demorando, começo a andar de um lado para o outro

Meg:você precisa se alcamar a Hanna sabe se cuidar sozinha

Adrian:mesmo assim

Depois de um tempo Hanna chega com aquele garoto logo atrás dela

Adrian: finalmente estava ficando preocupado (dou um selinho nela)

Hanna:você sabe muito bem que eu sei me cuidar

Adrian:mas mesmo assim me preocupo com você

Meg:tá chega de tanta melação se não eu vô vomitar(Hanna mostra a língua para ela)

*Hanna (on)*

Meg:tá oque vocês vão fazer com esse dai?(ela aponta para o Jack)

Hanna: então sobre isso....(olho para Adrian e ele entende onde quero chegar)

Adrian:tá bom.....

Hanna:por isso que eu te amo não preciso nem pergunta que você já entende(me viro para Jack)daqui uns dias você vai ser considerado um de nós (sorriu para ele)

Jack: tanto faz

Meg:já vi que você não é muito de sorrir

Jack:tá tão na cara assim

Temos uma meta arrancar um sorriso desse garoto porque pelo amor de Deus

Adrian:venha comigo vou te mostrar onde você vai ficar (os dois sobem as escadas)

Meg: porque demorou

Hanna:tava batendo um papo(me sento no sofá)

Passo a tarde inteira conversando com meg,quando deu 21:00 fui dormir





                                      Continua..... 


Notas Finais


Espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...