1. Spirit Fanfics >
  2. Uma Noite >
  3. Love of my life you've broken me

História Uma Noite - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gente, essa é um tradução de uma fic minha de Draco e Harry para Jikook, espero que gostem <3

Capítulo 1 - Love of my life you've broken me


Fanfic / Fanfiction Uma Noite - Capítulo 1 - Love of my life you've broken me

A vida muitas vezes nos pregam peças, por muito tempo eu não sabia o que fazer. A minha vida amorosa sempre fez eu me sentir excluído, na adolescência todos já tinha dado seu primeiro beijo, eu não ficava com ninguém. Era aquilo, quem tinha interesse por mim eu não queria porque sempre houve algo dentro de mim que acabava me afastando das pessoas, e quem eu queria nunca olhava pra mim. Mas é compreensível, pois é meio estranho você sentir atração somente por causa da aparência física das pessoas, como eu fazia.  

Passar essa fase sendo excluído foi primordial pro meu complexo de inferioridade, eu nunca me sentia capaz de ser amado por ninguém.
    Acontece que, a época da faculdade chegou e confesso que está uma das melhores fases da minha vida, eu conheci muitas pessoas, amadureci muitas ideias e confesso que gosto mais de mim. Só que nem tudo é perfeito, eu nunca conheci AQUELA pessoa, alguém que eu gostasse de verdade. A única pessoa que eu já tinha gostado muito foi a Lalisa, que foi minha primeira e única namorada, ela foi incrível porque gostava de mim do jeito que eu era, mesmo sendo magrelo, desajustado, sempre me respeitou, só que em determinado momento o relacionamento esfriou e terminamos, mas a amizade nunca morreu, eu a considero uma das minhas melhores amigas. 

      Muita coisa mudou na minha vida desde a escola e se tem uma coisa que não posso reclamar é da minha vida universitária, eu adoro ir a festas e dançar, me divertir. Eu fiz várias amizades na Universidade de Seoul e conheci pessoas se tornaram praticamente meus irmãos: Jin e Yoongi. Eles eram incríveis, divertidos, amáveis, engraçados, eram meus parceiros pra tudo.   

- Ficaram sabendo daquela festa que vai rolar no sábado? COM CERTEZA NÓS IREMOS! Faz tempo que não fico com ninguém – falou Jin, em um tom choroso e engraçado. 

- Como assim? Semana passada você estava com Namjoon – respondeu Rony sorrindo. 

- Ahhh nem me lembre, aquele cara era maravilhoso, obrigada Jungkook por ter amigos tão maravilhosos e gostosos. 

- De nada – Eu disse rindo – então vamos, não aguento mais tanto trabalho pra fazer – A vida na faculdade estava me deixando maluco e nada melhor do que relaxar. 

Particularmente eu estava vivendo uma das melhores fases da minha vida e eu não pretendia parar ela por nada. Amor ou relacionamento finalmente tinha deixado de ser uma meta em minha vida e eu só queria curtir a vida como se não houvesse amanhã
Na realidade, essa festa é um pretexto para espairecer a mente, semanas atrás eu me envolvi com um cara e ele me trocou. Às vezes me sinto como alguém descartável, as pessoas até podem se interessar por mim, mas elas não querem um relacionamento. É sempre assim.
                       ~~~~*~~~~ 

Sábado de logo de manhã Jin mandou uma mensagem no whatssap:

“JK, uns amigos meus de Seoul estão organizando uma festinha e me chamaram, eu não posso faltar  Eu falei que ia pra festa com você e Yoongi, e eles chamaram vocês dois. E aí, topa? Yoongi já confirmou que vai”
Confesso que fiquei um pouco decepcionado, mas concordei: 

“Tudo bem Jin <3”   

O dia passou tranquilo e ao anoitecer fui para casa do Suga. Chegando lá fiquei sabendo que a festa seria na casa de um amigo de longa data do Jin chamado Jimin, não sabia quem era mas tudo bem porque Suga estaria lá, não iria me sentir excluído. Jin amava muito esses amigos de Seoul e quando estava com esses antigos amigos ela esquecia de todas as outras pessoas do mundo, então seria bom ter alguém conhecido comigo. 

Entramos no carro e fomos até o destino final cantando Don’t Stop Now do Queen, essa era a nossa música favorita. Chegando lá, desci do carro e logo vi uma pessoa parada na frente, e logo fiquei boquiaberto com tamanha beleza. Na hora que ele me viu deu um sorrisinho e logo Jin estava do meu lado. 

- JIMIN QUE SAUDADE – ele deu um abraço na garoto e a girou – Deixa eu te apresentar, esse é meu amigo da faculdade, Jeon Jungkook. 

Ele viu na minha direção e fiquei meio sem jeito por cumprimentar alguém tão bonito. Aquele cabelo, aqueles olhos, aquela boca ... E o mais estranho nessa situação é que parecia que ele estava interessado em mim, pois abraçou de um jeito caloroso, e eu seu olhar demonstrava malícia. 

- Oi, muito prazer, eu sou Park Jimin, o amigo mais engraçado e bonito da Hermione.
E deu um sorriso que me fez arrepiar. 

Jin foi me puxando para dentro da casa e eu conheci os outros amigos da dele, eles eram pessoas muitos legais e receptivas. Eu dancei com várias pessoas, tinha um menino muito bonito e gente boa chamado Hoseok, e por um momento achei que ia rolar algo entre a gente, porque apesar do meu momento de “paixonite” no Jimin, ele estava meio que flertando com uma menina chamada Jennie e achei que ele tinha perdido o interesse, se é que em algum momento existiu um. 

Jennie era linda, inteligente, eu a conhecia da faculdade por causa do Jin e a achava uma pessoa maravilhosa, eles iriam fazer um casal bonito.   

- E aí, JK? O que está achando da festa? – Disse Suga apontando o dedo pra Hoseok – Eu já fiquei com ele e tô querendo ficar de novo, ele é bonito e um amor de pessoa– suspirou fundo.

- MEU DEUS – Disse caindo na gargalhada, quando se tratava de garotos Yoongi não era nem um pouco tímido – Ele é gato mesmo, você está de parabéns. 

Eu sei – e já foi saindo para perto do Hoseok, que o recebeu com um abraço. É, parecia que eu não ia ficar com ninguém essa noite.

Mas fiquei feliz pelos dois pois Suga quando gostava de alguém tratava a pessoa como um príncipe. 

E quando eu menos esperava, o Jimin senta do meu lado. 

- Você tem olhos lindos – eu olhei pra ele e sorri timidamente. 

- Obrigada, os seus também são – E ele disse baixinho “obrigado”. 

Ao contrário de mim, ele parecia ser uma pessoa totalmente autoconfiante, sabia que era bonito e não tinha dúvidas em relação a isso. E nesse momento, do nada, ele fez o movimento pra me beijar. Normalmente eu negaria, “como assim você vai beijar uma pessoa que mal conversou?” mas eu estava cansado de ser certinho, queria me arriscar mais, e confesso que me senti lisonjeado porque aquele menino lindo se interessou por mim, e eu o beijei. Eu sabia que deveria ligar pro fato dele ter flertado com a Jennie, mas eu não ligava. Não iriámos viver um romance como Orgulho e Preconceito e ele não seria meu Mr. Darcy. Ia ser somente um romance de uma noite. 

Apesar de o beijo ter sido algo inesperado, foi muito prazeroso, os seus lábios eram macios e delicados e foi um beijo calmo e muito, muito bom.   

Depois que terminamos de nos beijar ele me puxou para um lugar mais reservado, conversamos sobre tudo, ele era alguém muito culto e gostava de Rock, descobri que tínhamos a mesma banda favorita: Queen. Apesar de tudo, eu sabia que ele era uma pessoa do mundo, não era do tipo que queria um relacionamento e tudo bem, eu iria curtir a companhia daquele príncipe o quanto eu pudesse. 

Ele me fazia sentir incrível, em apenas algumas horas que eu havia o conhecido, ele tinha me deixado no céu, toda vez que eu o beijava meu corpo pegava fogo, era como se cada célula entrasse em colapso.  

Eu nunca tinha tido relação sexual com ninguém porque simplesmente eu não sentia atração, mas por ele o eu corpo implorava. A maioria da festa já tinha ido embora, só restavam algumas pessoas que estavam no maior amasso, então tínhamos liberdade para carinhos mais “avançados”.
Ele foi deitando no sofá e me puxando pra cima dele, eu nunca tinha tido um contato tão próximo com qualquer outra pessoa e eu estava adorando, estava descobrindo sentidos que eu nem sabia que meu corpo poderia me proporcionar. 

- Você quer ir pro quarto? – Perguntou Jimin.

Apesar de está adorando eu não queria perder minha virgindade com alguém que acabei de conhecer. 

- Eu queria mas ... eu sou virgem – ele fez uma cara de espanto. 

- Tudo bem, isso não precisa acontecer agora, só quando você se sentir confortável com isso. 

Sorri e lhe dei um beijinho e fomos socializar com o restante da festa, Jin veio até nós e fez várias piadinhas sobre o “casal improvável”. estava lá e notei os olhares dele para Jennie e na minha mente já tinha me conformado. Ele era alguém livre e o que houve entre nós, apesar de maravilhoso, não passava de uma noite. 

Quando fomos nos despedir ele me beijou e disse que eu era incrível. Eu fiquei tão feliz e triste ao mesmo tempo porque sabia que isso nunca mais iria acontecer.
                    ~~~~*~~~~

No dia seguinte eu contei todos dos detalhes pro meu melhor amigo que ficou muito feliz pelo nosso “relacionamento”, outra pessoa que estava nas nuvens era o Yoongi, ele e Hoseok tiveram uma noite maravilhosa e o garoto havia o convidado para sair no outro dia.

Eu confesso que todos os meus pensamentos estavam em Jimin, pois não é todo dia que você conhece alguém como ele.
                           ~~~~*~~~~ 

Depois de uma semana, eu o vi de longe conversando com a Jennie na faculdade, ele sorria para ela de um jeito maravilhado. Nesse momento eu senti uma pontada no meu peito, eu sabia que tinha sido algo de uma noite mas eu não conseguia simplesmente ignorar aquilo. 

Esses encontros dois eram frequentes e sinceramente, eu estava ficando cada dia pior. Estava me sentindo péssimo, eu não queria ser do tipo possessivo ou alguém que desejasse mal pra alguém, não queria odiar a Luna, eu queria desejar o melhor pra eles, queria ficar feliz por aquela relação, mas eu não conseguia. E foi aí que eu percebi que estava apaixonado por alguém que fiquei somente uma vez. Tinha sido necessário somente uma vez para ele entrar no meu coração e que ia demorar muito para sair.
                      ~~~~*~~~~ 

Está apaixonado não era fácil ainda mais por alguém que não sentia o mesmo. Eu queria muito ir atrás dele e falar tudo que eu sentia, colocar para fora tudo aquilo, mas eu simplesmente não poderia. Jin me disse que eles estavam “ficando sério” e que ele gostava muito dela e que era recíproco. Isso partiu meu coração em mil pedaços, como eu poderia ir atrás de alguém que não sentia o mesmo por mim? Isso não era justo comigo. As pessoas tem que ficar com quem elas gostam e ele não gostava de mim.
                      ~~~~*~~~~ 

Passados um ano desde da fatídica noite que nos conhecemos eu ainda sinto algo por ele, mas não como antes. Eu o amava de um jeito que me consumia, eu faria de tudo por ele mas infelizmente nem tudo é como eu queria que fosse. Ele nunca soube que eu sentia todas essas coisas. 

Eu o amava, mas simplesmente eu não poderia insistir para alguém ficar comigo. Acho que amor é isso, respeitar as escolhas do outro, deixar ele ser livre.   

Ainda me dói pensar que amei sozinho. No fundo eu sei que ele nunca gostou de mim pois se tem algo que aprendi nesse tempo apaixonado é que quando amamos alguém queremos ficar com aquela pessoa e ele não sentia isso. Eu sei que se por algum momento ele sentisse o que eu sentia, ele teria vindo atrás de mim, teria lutado por mim, mas infelizmente não foi isso que aconteceu. 

Prefiro pensar que tudo na vida tem um motivo, e amar ele tão intensamente me ensinou a não colocar tanta intensidade onde não existe nada. Eu aprendi que amor não é você querer controlar a pessoa e sim deixa-la livre. Eu o deixei livre e ele foi atrás de outra pessoa e eu tive que aprender a lidar com isso. Doeu muito, mas eu não morri. 

No fundo do meu coração eu só desejo coisas boas, que ele seja feliz.

Mas eu nunca vou esquecer aquela noite e o Park Jimin.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...