História Uma nova chance - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Gaston, Luna Valente, Matteo, Nina
Tags Lutteo
Visualizações 83
Palavras 1.483
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 17 - Seus pais estão aqui?


Fanfic / Fanfiction Uma nova chance - Capítulo 17 - Seus pais estão aqui?

Matteo

-Desculpa eu entendi errado-eu vou matar esse filho da puta Gaston seu idiota
-Aonde estavam á essa hora?
-Nós estávamos conversando com alguns amigos
-Aposto que estavam em uma festa e beberam
-Está sentindo o cheiro de álcool-me aproximo dele já estou cansado do meu pai pra ele tudo o que eu faço é errado-então eu não fui em uma festa-o celular do meu pai toca
-Só um minuto-ele sai do quarto me deixando com minha mãe e Gaston
-Nem ligo mais 
-Matteo você tem quem entender que seu pai e um homem muito ocupado
-Sério mãe eu nem ligo mais ele nunca ligou para mim e depois que eu escolhi música ao invés de relações internacionais ele me odeia
-Se pai te ama Matteo só não sabe como demonstrar isso ele se importa assim
-Ta falando que nem a Luna
-Luna a garota de Buenos Aires?
-Sim a Luna também tá fazendo música em Oxford -Diz Gaston mexendo no celular
-E nós estamos namorando de novo
-Quero conhecer essa Luna...a menina que  por quem você se apaixonou a garota que rolou o coração do meu filho
-Que tal conhecer ela amanhã?posso levar ela para conhecer vocês o que acha?
-Acho perfeito vou adorar conhecer ela
-Era do trabalho-Meu pai diz entrando no dormitório
-Como sempre né?Sempre é do trabalho!
-Nós já vamos embora já está tarde-Minha mãe fala tentando evitar uma briga que uma hora ou outra vai ter que acontecer
-Onde vocês vão ficar?
-Vamos ficar em uma casa junto com seus tios e seus primos depois eu passo o endereço não se preocupe vamos ficar bem meu filho 
-Vamos já está tarde-meu pai vai até a porta-vamos Antonella
-Estava com saudades de você meu amor-minha mãe aperta minha bochechas e depois sai 
-Eu também mãe-falo depois que ela sai olho pro Gaston
-Desculpa entendi errado
-Seu filho da mãe idiota!
-O idiota que você ama
-Vai se ferrar Gaston vamos dormir se não eu vou te matar
-Tá bom estressadinho
-Cala a boca e dorme Gaston!-jogo uma almofada nele 
-Boa noite "mauricinho"-ele tenta fazer a voz da Luna 
-Boa noite meu amor-falo rindo Gaston mesmo sendo um babaca e cometendo vários erros ele é meu melhor amigo

Cal

Acordo com os roncos do Diego ando até a cama dele 
-Diego acorda temos que ir pra aula-ele continua dormindo-Diego acorda agora!-ele puxa o seu travesseiro  e cobre o seu ouvido como de costume pego minha querida guitarra e começo a tocar fazendo um barulho imenso como sempre Diego cai da cama
-Que porra quando você vai para de me acordar assim?
-Já era pra você ter se acostumando
-Acho que eu nunca vou me costumar com você me acordando desse jeito
-Vou tomar meu banho enquanto o senhor se  desperta-vou andando até a porta do banheiro
-Cal-me viro e ele joga um travesseiro na minha cara
-Retardado-entro no banheiro e tomo meu banho visto uma roupa simples vou até minha cama e pego meu celular 
-Esse retardado é seu melhor amigo desde o jardim
-Eu tive pena de você por isso fiquei com você todos esses ano- ele entra no banheiro
-Não na verdade foi eu que comecei a falar com você me lembro muito bem-ele toma um banho rápido depois pega suas coisas e eu pego as minhas 
-Claro que não...foi eu quem falei com você primeiro tenho certeza que foi eu-abro a porta e dou espaço para ele passar 
-Você estava chorando sem ninguém e eu como boa pessoa fui lá falar com você-ele fecha a porta e seguimos em direção ao dormitório da Luna
-Admite foi eu quem falei com você primeiro eu lembro muito bem você estava em um canto mais afastado eu cheguei e pedi para você ficar comigo e com a Alice desde aquele dia você não desgrudou do nosso pé
-Não foi isso que aconteceu eu me lembro muito bem Ali falou para mim chamar você e eu chamei desde então nunca nos largou
-Mentiroso sei muito bem que eu falei com você primeiro-o celular dele toca-quem é?
-É a Ali
-Anda conversando muito com ela não acha?
-Não não acho ela e minha melhor amiga e normal
-Diego o que rola com a Alice?
-Só amizade não quero nada sério mas ela não me deixa em paz
-Você também não ajuda fica iludindo a menina da apelido fofo manda olhares nada discretos...
-Eu nunca vou me prender a uma garota deveria saber disso
-Nunca diga nunca você vai se arrepender lembra quando a gente estava no ensino médio e nós éramos populares?eu dizia que nunca iria sofrer por amor que nunca iria me apaixonar e olha pra mim tô acabado
-Já que tocou nesse assunto você está com Mare?
-Eu não sei ela me diz que me ama e que eu sou o amor da vida dela e depois ela faz isso comigo
-Cara sabe que pode contar comigo pro que der e vier
-Eu sei disso e pode me contar também pode me falar se está apaixonado por uma garota chamada Alice talvez
-Quando eu me apaixonar por uma Alice eu conto para você 
-Cara você é muito idiota-falo rindo abrindo a porta do quarto da Luna sem bater quando entramos vemos as meninas em conversando
-Não suporto ver ele assim-diz Nina de quem será que elas estão falando?
-Eu também ele não merece sofrer assim eu tô muito mal por ele meninas
-Desculpa meninas mas de quem estão falando?
-Estamos falando de...estamos falando de você a verdade é que eu não gosto de te ver triste ainda mais por causa da Mare 
-Luna eu não vou falar que eu estou bem mas eu estou levando...a música que fizemos me ajudou a esquecer ela por algumas horas então vamos dizer que eu estou levando
-Cal se você não quiser ir na aula tudo bem é sério
-Não eu vou eu estou mais ou menos eu vou pra aula
-Então vamos se não vamos chegar atrasados 
-Vamos você não vem Nina?
-Não eu não tenho aula hoje podem ir
-Então tá vamos-chegamos na sala a tempo da aula começar 

Luna

A aula acaba e eu vou me encontrar com o Matteo na praça ainda não acredito que eu tô namorando o Matteo o mauricinho que me machucou tanto mas que me ama o meu mauricinho não posso acreditar que Lutteo está junto novamente
-Trouxe flores
-Que lindas Matteo
-Eu sei eu escolhi
-Convencido
-Convencido que você ama
-Amo mesmo e amo muito...trouxe seu violão?
-Sim eu trouxe na verdade eu estava compondo quer ouvir?
-Claro que sim
 -Por tu amor yo renací
Y eres todo para mi
Hace frío y no te tengo
Y el cielo se a vuelto gris

Puedo pasar mil años
Soñando que vienes a mi
Por que esta vida no es vida sin ti

Te esperare por que a vivir tu me enseñaste
Te seguire por que mi mundo quiero darte

Hasta que vuelvas, te esperare
Y haré lo que sea
Por volverte a ver

Quiero entrar en tu silencio y
El tiempo detener
Navegar entre tus besos y junto a ti crecer
Puedo pasar mil años
Soñando que vienes a mi

Por que esta vida no es vida sin ti
Te esperare por que a vivir
Tu me enseñaste
Te seguire por que mi mundo
Quiero darte

Hasta que vuelvas, te esperare
Y haré lo que sea
Por volverte a ver

Te esperare aunque la espera sea un invierno
Te seguire aunque el camino sea eterno
Mi corazon no te puede olvidar
Y haré lo que sea
Por volverte a amar
-O que acha?ainda tenho que fazer alguns ajustes mas eu acho que ficou bom
-Matteo não mexe em nada essa música é maravilhosa 
-Você que me inspirou
-Fico muito feliz em saber que fui a inspiração para essa música maravilhosa
-E eu fico feliz por ter gostado vejo que trouxe seus patins vamos patinar?
- Óbvio que sim-ficamos horas patinando até eu ver um carinho de sorvete e ir correndo até la
-Sorvete Matteo eu quero por favor!
-Tá tá vamos comprar sorvete para a criancinha
-Te amo
-Eu também te amo...eu vou querer de chocolate e você-ele faz uma cara pensativa-vai querer de morango acertei?
-Você me conhece muito bem mauricinho
-Eu sei disso já esqueceu que eu sei de tudo 
-Alerta de mauricinho
-Dois sorvetes para o jovem casal-o cara nos dá o sorvete Matteo dá o dinheiro do sorvete sento em um banco e começo a tomar meu sorvete 
-Tá rindo
-Sua cara tá cheia de sorvete
-Sério?
-Sério deixa eu limpa-ele me beija  é incrível eu nunca pensei que estaria com o Matteo e que namoraria com ele depois tudo o que ele fez
-Tem planos para hoje a noite?
-Meus pais querem conhecer a minha namorada e eu vou ter que leva para conhecer eles
-Pera seus pais estão aqui?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Continuo?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...