1. Spirit Fanfics >
  2. Uma Nova Chance. >
  3. Capítulo 44: "Não quero te perder. Eu te..."

História Uma Nova Chance. - Capítulo 44


Escrita por: Vickyoli

Capítulo 44 - Capítulo 44: "Não quero te perder. Eu te..."


Fanfic / Fanfiction Uma Nova Chance. - Capítulo 44 - Capítulo 44: "Não quero te perder. Eu te..."

- Quais limites? O limite que você está impondo? Não me faça rir...Que eu saiba, não tem nenhum limite seu por aqui. Não acha que está se precipitando... Kuroo_chan!?!

             - Miserável...- Kuroo deu um passo na minha direção- Solta ela...

            - Por que eu devo fazer isso Kuroo?- ele colocou o outro braço em torno da minha cintura.

            -...- Kuroo fechou o punho- Não me faça re...

            - Co...com licença... Oikawa...- tirei o braço dele da minha cintura- Pode...Me soltar... Por favor!

             -...- ele deu um suspiro e me soltou- É claro,se você pediu SN...- ele se afastou- Eu faço!

             - Obrigada.- olhei para o Kuroo,ele ainda encarava o Oikawa com uma expressão estranha. Será que ele está tentando me proteger igual aquela vez? Mas agora foi diferente, não me incomodei com a atitude do Oikawa, então por que ele agiu assim?

             - En...então...- Hinata disse- Podemos resolver isso logo?

             - Também acho melhor!- Kageyama disse me olhando- E então SN?!

             - O...o quê?

             - O que você decidiu? Quem você escolhe para ser o capitão do time?

             - É...é...- todos me olhavam fixamente esperando a resposta- É que...eu...

            - Tsc... só escolhe logo. Não deve ser tão difícil!- escutei um menino de cabelos loiros falar.

           - Não é tão fácil como parece ser. Vocês estão me precionando!

           - Não precisa ficar tão nervosa SN.- Oikawa disse enquanto me dava um sorriso- Confiamos em você!

           - Certo. Então...- olhei para todos eles. Se eu escolher um dos cinco com certeza vai ter problema, então preciso escolher alguém que não seja eles.- Você!!!

          - Hã?!- Iwaizumi me olhou surpreso.

           - Eu... Eu escolho você como o capitão do time de vôlei.

           - O QUEEEE??!!?- todos gritaram.

           - N... não é possível...- Hinata caiu no chão- Ele?!?

          - Tem certeza disso SN?- Suga disse- Talvez seja melhor...

          - Tenho certeza Suga. Acredito que o Iwaizumi vai ser um bom capitão. Ele me parece ser alguém responsável e dedicado,e também é o único que consegue controlar o gênio encrenqueiro do Oikawa... Sem querer ofender Oikawa!- olhei para ele.

               - Você nunca me ofende SN,tudo que vir de você é um elogio.

              - Ce...certo. Enfim, vocês não precisam seguir o que eu disse se não concordam. Só dei a minha opinião...

              - Não,tudo bem.- Kuroo disse- Por mim não tem problema, é melhor assim do que ficar brigando o tempo todo.

              - Olha só,o grande Kuroo Tetsuro o maior barraqueiro da escola decidiu fugir de uma briga?!?- Oikawa deu um sorrisinho- Chega até a me emocionar.

            - Eu não brigo com ninguém Oikawa...

            - É claro que não, você só diz o que vem na cabeça sem ter consciência das consequências. Poxa,que bom garoto você é...

           - Tsc...

           - Já chega!!- Iwaizumi ficou na frente do Oikawa- Vamos terminar com isso de uma vez.

             - Ok ok.

             - A SN já disse o que acha,e me escolheu. Eu não queria,mas estou disposto a aceitar ser o capitão do time,mas preciso saber se estão de acordo. Se a maioria aceitar vou ser o capitão o resto do ano e prometo fazer o melhor para transformar o time de vôlei no melhor dentre todas as escolas. E então,o que me dizem?! Vocês concordam?

                  Todos começaram a olhar entre si e aos poucos a maioria aceitou.

                  - É isso aí!!!- Oikawa disse pulando- Agora quem manda é a gente...

                  - Oikawa fica quieto!!

                  - Ok Iwa_chan!

                  - Eu ainda preciso de um vice... Deixa eu ver... Você!!- ele apontou para o Ennoshita- Você é o meu vice. Preciso de alguém que me ajude a controlar aqueles dois delinquentes!- ele olhou para o Tanaka e o Nishinoya.

                 - COMO É?!- eles falaram.

                 - Vai discordar do capitão de vocês por acaso?!

                 - A escola pode ser um lugar perigoso, né Ryu?!- Nishinoya disse.

              - Sim Noya_san,"acidentes" podem acontecer a qualquer momento. Seria horrível se acontecesse um, né?!

               - Vocês dois parem!- Ennoshita disse- Tudo bem,eu aceito se...- ele olhou para o Daichi- Se não tiver problema.

              - Problema algum,Ennoshita. Confiamos em você!- ele disse sorrindo.

             - Certo,agora que resolvemos tudo...- Iwaizumi pegou os coletes- Vamos treinar!

             - Mas hoje não é dia das atividades do clube!!- Hinata disse- Não temos autorização...

              - ...-Iwaizumi jogou o colete nele- Isso é só uma desculpa para nos atrapalhar. Vamos!! Não quero ninguém fazendo corpo mole, todo mundo treinando!!

              - OK!!- todos responderam.

              - SN, você pode começar a aprender sobre o clube com as meninas agora mesmo se quiser!- Iwaizumi disse enquanto se afastava.

              - Ok,mas eu tenho que...

              - Você não precisa das meninas para te ensinar SN,se você quiser...- Oikawa colocou os braços na minha cintura me puxando para perto dele- Eu mesmo posso te ensinar tudo o que você precisa saber!

                 -...

                 - Não ouviu o que o capitão disse Oikawa?!- Kuroo olhou para nós dois com raiva- Vamos treinar.

                - Eu ouvi Kuroo_chan,mas ele também disse que a SN pode começar a aprender sobre o clube agora, então eu descidi ensinar eu mesmo a ela.

                - Ele falou " as meninas",hunf...- ele deu um sorrisinho debochado- Não sabia que você tinha virado menina.

              - Que curioso você dizer isso Kuroo_chan,por acaso tem algum motivo especial? Está interessado em saber sobre a minha sexualidade?

               - No que isso me interessa idiota? Não dou a mínima se você gosta de homem ou mulher...

               - Poxa,que consideração a sua. Mas não se preocupe, não pretendo esconder sobre a minha preferência. No momento eu estou interessada em garotas,uma em específico...- ele me soltou e se aproximou do Kuroo- Acho que você sabe muito bem de quem eu gosto.

                   - Não sei se acredito que você saiba a diferença entre gostar e amar alguém Oikawa. Se você gosta dela tudo bem,mas amar...

                  - Oh, perdão pelas minhas palavras rudes...- ele disse em tom de ironia- Falei de forma errada. Eu não gosto dela,eu amo. Você sabe muito bem que eu...estou apaixonado pela S...

                - CALA BOCA!!!- Kuroo gritou fazendo com que todos ao redor olhasse para nós- Para de falar Oikawa...- ele disse serrando os punhos.

                 - Uau,olha para essa reação Hahahaha. O que foi Kuroo_chan?! Por acaso está com medo que ela saiba? Não me diga que se importa com essas coisas Hahahaha.

                 - Não a incomode com esses assuntos Oikawa,deixa ela de fora...

                  - Não parece que eu estou a incomodando Kuroo,pelo que estou vendo o único incomodado aqui é você. Por que? Tem medo que ela possa corresponder e me escolher em vez de você?

                  -...Tsc...

                  - Eu te entendo,esse assunto é complicado mas vai ter que acontecer,e você sabe Kuroo... No final,ela é quem escolhe o que é melhor para ela, mesmo que seja eu você ou qualquer outro cara. Mas pelo que estou vendo,as escolhas dela estão relacionadas a mim, já que o Iwa_chan é meu amigo,e ela prefereriu escolher alguém relacionado a MIM do que alguém relacionado a você!

                   - O... Oikawa não é isso... Não escolhi ele por sua causa...é...

                   - Você acha que isso interfere em alguma coisa Oikawa?! Ela escolheu o que acha ser melhor para o clube,isso não tem nada a vê...

                   - É claro que não. Ela sempre vai escolher alguém que vai ser o melhor,mas me chamou a atenção que no final das contas o melhor é algo relacionado a mim...

                   - Oikawa por favor...- segurei o seu braço tentando chamar a atenção dele para mim.- Parem...

                    - Tem uma forma de resolver isso Kuroo_chan,por que não diz também? Apresenta sua "proposta" e quem sabe ela te corresponde. 

                    -...

                    - Do que... Do que vocês dois estão falando!!- fiquei entre eles- Oikawa já chega!! Esse assunto do clube já foi resolvido, nenhum de vocês dois foram beneficiados então parem de agir feito duas crianças e...

                    - SN isso não tem nada a vê com o clube...- Oikawa disse olhando para o Kuroo enquanto dava um sorriso provocativo- Isso tem a ver com...

                   - Cala a boca Oikawa. Vai ficar falando isso até quando?- Kuroo começou a se afastar.

                   - Parece que você vai realmente dar as costas para isso Kuroo_chan. Vai deixar ela ir igual a oportunidade de ser o capitão, é isso que você vai fazer? Você é tão idiota a esse ponto? Hahaha eu devia imaginar, você não tem coragem, é um covarde.Bom,mas se você não tem...- Oikawa segurou meu rosto com as duas mãos e me olhou nos olhos- Eu tenho...- ele começou a aproximar o rosto do meu.

                   - Oikawa,o que...- antes que eu tivesse alguma reação senti um puxão no meu braço, olhei para trás assustada- Kuroo?!- ele me puxou para trás dele.

                   -...- ele segurou a minha mão e com a outra deu um empurrão no Oikawa, fazendo ele tropeçar e quase cair para trás.

                   - Seu... Ficou louco Kuroo?!- Oikawa tentou vir para cima dele,mas Iwaizumi o segurou.

                    - Ainda não. Se eu tivesse ficado, você não estaria mais em pé Oikawa!!!- ele disse com um tom de voz frio que fez com que um arrepio percorresse todo meu corpo - Vamos!!- ele começou a me puxar para fora da quadra.

                     - Es... Espera Kuroo!!!- começei a acompanha_lo- Vai devagar,vai me machucar assim!!- olhei para a porta e vi que a Ino estava em pé me olhando assustada. Fiz um sinal com a cabeça para que ela não me seguisse,ela apenas acenou de volta e entrou na quadra.

                    Kuroo não diminui os passos nem por um minuto, apenas quando chegamos na entrada do "lugar secreto" que ele me mostrou aquele dia que nos conhecemos que ele me soltou.

                    - Ei,para!!- puxei meu braço- O que aconteceu, você ficou maluco? O que foi aquilo? Por que reagiu assim?

                   -...- ele começou a andar de um lado para o outro enquanto passava as mãos nos cabelos.

                   - Kuroo,para com isso. O que deu em você? Sei que você não aceita as provocações mas...

                   - Não é isso SN...- ele parou do lado de uma árvore de costas para mim- Droga!! Eu sou tão patético, tão...

                    - Você não é,por que continua falando isso? Eu sei que você se exaltou e pode ter exagero um pouco mas...

                    - Não é isso... Não é isso... O Oikawa tem razão, eu sou um covarde!

                     - KUROO PARA...

                     - EU SOU UM COVARDE SN...- ele finalmente me olhou e pude perceber que sua expressão estava triste- Ele tem razão eu não consigo... Eu sou um covarde...- ele disse com a voz trêmula.

                     -...

                     - Sou um covarde porque não consigo te dizer tudo o que eu sinto. Sou um covarde porque não posso olhar nos seus olhos e falar que eu...- ele abaixou o rosto- Eu não consigo SN... Não consigo...

                   - Kuroo, não fique se martirizando...- me aproximei dele- Fala comigo,o que está acontecendo? Não confia em mim?

                   - Eu confio, você não imagina como eu confio...

                   - Então me fala.

                   - Não posso, eu tenho medo SN...

                   - Medo de quê?

                   Ele me olhou com os olhos cheios de lágrimas- Tenho medo de te perder.

                    - Me perder?!?- acabei soltando um pequeno sorriso nervoso- Você não vai me perder, nós somos amigos...

                    - Esse é o problema,eu não te vejo como uma amiga SN...- ele segurou meu rosto com as duas mãos- Eu gosto de você,mas não como minha amiga. Eu quero ficar com você,quero ter você... Eu...- Kuroo aproximou meu rosto e colocou sua testa na minha- Eu não posso mais guardar isso para mim e deixar que outra pessoa fale o que eu tanto quero te dizer...- pude sentir suas mãos tremendo- Eu gosto de você SN. Eu te a...

                  - Para!!!- segurei uma de suas mãos a tirando do meu rosto- Você sabe o peso dessa frase que você vai me dizer?- olhei para ele- Você sabe o que isso significa para mim certo? Eu não tive nenhuma experiência boa em relação a isso Kuroo... Eu...- senti um nó na minha garganta e meus olhos começaram a arder- Eu não quero me machucar, não quero ser feita de boba.- abaixei minha cabeça.

                     - Eu jamais faria isso com você, nunca te machucaria. Não sou um daqueles desgraçados que te humilharam e enganaram SN. 

                     -...

                     - Ei...olha para mim.- levantei minha cabeça- Eu te amo SN...

                     Nesse momento não ouvia nada mais ao meu redor, é como se o mundo tivesse parado. Senti um frio estranhamente agradável em minha barriga e um pequeno arrepio subiu pelo meu corpo.

                     Como uma simples frase pode me surtir esse efeito,o que é essa sensação?

                     Kuroo aproximou o rosto do meu. Uma de suas mãos passaram por detrás na minha nuca fazendo com que eu me aproximasse cada vez mais do seu rosto. 

                     Não atrevi a me mexer, apenas deixei acontecer o que tinha que acontecer. Fechei meus olhos lentamente e senti seu hálito quente sobre a minha boca.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...