1. Spirit Fanfics >
  2. Uma nova crise Karry-SuperFlash >
  3. Ao resgate

História Uma nova crise Karry-SuperFlash - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Ao resgate


Fanfic / Fanfiction Uma nova crise Karry-SuperFlash - Capítulo 2 - Ao resgate

Terra 1 - 24 de Janeiro de 2025 - 14:02 - Laboratório Star 

Kara:

Quando cheguei aqui nessa Terra minha cabeça está louca,mas depois de um longo banho me acalmei.

Vesti uma calça jeans azul escuro e uma camiseta branca manga curta.Soltei o cabelo e deixei o óculos dentro da mochila.

Voltei para perto dos outros e Cisco estava com um traje preto,um pouco parecido com o meu,mas era diferente.

Kara: De quem é isso? Tem uma outra Kara aqui?

Perguntei curiosa.

Cisco: Esse traje vai te ajudar no ponto de ignição.

Assenti sorrindo por ver a dedicação de Cisco.

Kara: Mas você não gostou do meu emblema? 

Cisco: Devo dizer que eu amei,mas eu achei que eu poderia colocar uns raios,já que você vai salvar o Flash.

Kara: Gostei.

Eu disse sorrindo largamente.

Me sentei ao seu lado.

Kara: Cisco..o..Barry vai mesmo voltar?

Cisco: Eu espero que sim..o Barry faz muita falta..

Ele abaixou um pouco a cabeça na última frase, peguei em suas mãos.

Kara: Eu acredito em você e prometo fazer meu melhor para trazer nosso amigo de volta.

Ele sorriu e eu o abracei.

Senti um leve vento,e antes mesmo que pudéssemos nos afastar uma mulher invadiu o local e me parecia muito irritada.

Cigana: Quem é essa loira Ramon?

Eu estiquei o braço.

Kara: Me chamo Kara Danvers.

Ela me olhou de cima abaixo e voltou sua atenção para Cisco, fiquei perplexa deixando minha mão ainda no ar,como se eu fosse uma estátua,Cisco então abaixou minja mão me tirando do transe.

Cisco: Kara conheça Cigana,minha ex-namorada.

Ruborizei,quer dizer que eu estava no meio de uma brigas de um ex-casal.

Kara: Eu não precisava saber.

Cisco: Precisava sim,e Cigana essa é Kara uma nova amiga minha e antiga amiga do Barry,ela é da Terra 2,e é a-

Kara: A assistente da diretora da CatCo,mas oque isso importa? Dei um sorriso nervoso e voltei a encarar Ramon com uma cara bem brava. Né R.a.m.o.n?

Cisco: C-claro,oque importa,eu trabalhava com o flash,mas nem importa, então para algo nada importante, Kara estamos atrasados.

O olhei surpresa pela velocidade que ele pegou suas coisas e começou a andar para a porta.

Peguei minha bolsa e andei em passos largos para alcançá-lo.

Kara: Não sabia que tínhamos marcado horário.

Já estávamos um pouco longe da Cigana então ele falou sussurrando.

Cisco: Não marcamos,mas qualquer hora é hora de fugir de ex..Então Kara Danvers aprenda com o mestre nisso.

Comecei a rir enquanto ele abria um portal para irmos mais rápido para o local(uma pista de aeroporto).

Lá estava Íris,Joe,e Caitlin.

Vesti o traje preto e fiquei no meio da pista com a esfera na mão.

Cisco: Pronta?

Kara: Pronta.

Ele ativou uma máquina que abriu um portal,entrei nele e me deparei com o maior o maior frio,minha respiração era uma névoa branca no ar,meus lábios roxos,e minhas mãos mais frias do que as de um defunto.

Passei voando pelo local e parei em frente à um outro portal,e esse me levaria para o ponto de ignição.

Respirei fundo e entrei,quando entrei havia várias portas brancas e ao redor parecia um céu alaranjado.No centro do local estava uma mulher de costas para mim com um cetro branco na mão.

??: Kara Danvers Zor-El,sei oque veio buscar.

A mulher se virou.

Kara: Mãe? Mãe eu posso te tirar daqui,na verdade o Cisco pode! Vamos tirar você daqui.

Eu me aproximei mas ela estranhamente se afastou.

???: Não sou sua mãe Kara,eu apenas assumi essa forma por conta de seus sentimentos por ela..mas eu posso assumir outras se desejar,eu me transformo considerando seu sentimento por esse alguém..Admiração.

Ela se transformou na Alex

???: Ódio.

Mon-El.

???: Companheirismo.

Winn.

???: Amizade.

Lena.

???: Confiança.

Caitlin.

???: Nova amizade.

Cisco.

???: E...Amor.

Barry...perai Barry????

Kara: Isso,tá errado,n-não pode ser...não é verdade.

Ela se transformou na minha mãe novamente.

???: Cedo demais? Sinto muito,calculei errado.

???: Aquela porta te levará a ele.

Ela apontou e a porta se abriu sozinha.

???: Pode ir,mas lembre..Sempre há um preço.

Andei lentamente para a porta e passei por ela.

Do outro lado da porta era ums vizinhança,um bairro.

Ele era calmo,tinha um parque no centro.e brinquedos de madeira para crianças.

Foi então que uma mulher de cabelos ruivos chegados a castanhos me chamou a atenção.Ela saiu de sua casa numa enorme animação e correu pela rua sem se importar com a possibilidade de carros.

Nora: Barry!!

Ela correu até o parque onde estava Barry,ela o abraçou fazendo-o largar as malas.

Barry: Senti sua falta mãe.

Nora: Vamos para casa meu amor.

Ela pegou uma das malas e voltou para a casa,nesse momento então eu soube que era minha deixa.

Me aproximei por trás,mas o mesmo tinha sua atenção para as malas.

Kara: Barry? É você mesmo? O Barry que eu conheço?

Ele se virou e pude notar sua barba.

Quando Barry focou em meu rosto seu sorriso desapareceu.E só eu sei como doeu ter sido o motivo de acabar com sua felicidade ,mesmo ela não sendo real.

Kara: Sou eu-

Barry: Eu sei quem é você Kara.Oque faz aqui?

Comecei a ficar nervosa por seu olhar de raiva e tristeza.

Kara: Eu.....

Barry: Já é a hora de voltar?

Kara: É,Barry é hora de voltar para casa...você vai voltar para a Íris.

Barry: Eu não quero ir..Aqui eu sou feliz Kara.

Kara: Eles precisam de você.

Barry: Eles podem viver sem mim. Depois de tanto causar dor para os outros e também me causar dor,aqui finalmente eu posso viver em paz.Aqui não tem Flash Reverso,nem Zoom e nem Savitar.

Lágrimas saiam de seus olhos e isso me fez começar a chorar também.Olhei para a esfera,Cisco e Caitlin trabalharam tanto,todos trabalharam,eu não posso voltar sem ele.

Kara: Barry eles precisam mesmo de você.

Barry: Fique aqui comigo Kara,vamos ser felizes,a sua mãe estava esperando por você.

Kara: A-a minha mãe? A de Kripton?

Barry: Sim Kara,ela sente saudade.. vamos Kara,fique.

Kara: Eu vou voltar....e você também, isso não é real,nada disso é,ela não é minha mãe,e aquela não era a sua mãe,Barry aqui não é real.

Pude ver raios amarelos em seus olhos e então ele correu sumindo do bairro,fungindo de mim.

Kara: Me perdoe.

Liguei a esfera e a coloquei no chão.

Sai dali fazendo o mesmo trajeto que havia feito antes.

Passei pela porta e antes de passar pelo portal olhei para a figura que estava fantasiada com o corpo de minha mãe.

Kara: Adeus mãe.

Sai passando pelo maior frio novamente, atravessei dando de cara com Joe,Íris e Cisco, eles pareciam nervosos e confusos.

Limpei as lágrimas congeladas pelo frio que eu havia passava agora pouco.

Cisco: Cadê o Barry?

Kara: Eu não sei se deu certo,ele deveria estar aqui,eu vi ele,eu chamei,mas ele não queria vir,Barry disse que estava feliz,aí eu liguei a esfera,ele deveria ter chegado.

Eu disse em um fôlego só,Joe se distanciou,e Íris apenas encarava o chão.

Cisco se aproximou,e colocou as mãos em meus ombros.

Cisco: Calma...oque ele disse? Oque você viu?

Respirei fundo.

Kara: Ele disse que estava em paz,que lá estava bem.

Íris: Claro ele deve não se lembrar de você,Kara é de outra Terra.

Neguei com a cabeça freneticamente.

Kara: Não Barry me chamou pelo meu nome,ele também falou sobre o Flash Reverso,o Zoom e sobre o Savitar.E-e eu vi a mãe dele e meio que vi a minha mãe...Barry pediu para eu ficar lá,falou que minha mãe estava a minha espera,e depois correu para longe.

Cisco: Você precisa se acalmar,não faz muito tempo que você acordou do coma.

Ele foi até uma mesa e pegou uma água com açúcar e me deu.

Kara: Talvez tenha dado certo,tem que dar certo.

Íris foi até seu pai,bem quieta e tive pena dela,pelo menos eu havia visto Barry,mas ela a namorada dele,prometo Íris vou trazê-lo para você novamente.

Cisco: E se não der Kara?

Kara: Vamos tentar até conseguir, quantas vezes for preciso,até Barry Allen estar aqui.

Ele deu um sorriso fraco.

Kara: Cadê a Caitlin?

Cisco: Foi ver como o Welly está..

Um carro vermelho parou bem em nossa frente não se importando por agora estar no meio da pista de avião.

Caitlin saiu do carro afoita.

Caitlin: Welly foi avisado de uma ocorrência,um homem apareceu do nada no meio da estrada.

Cisco: Onde quer chegar?

Caitlin: Ele foi levado para a polícia,e as descrições batem com a aparência de Barry.

Kara: Só pode ser ele.

Cisco: Então oque estamos esperando?

Vesti minha roupa novamente e entramos no carro.

Milagrosamente a água começou a fazer efeito e o trajeto até a polícia foi para mim,uma batalha contra o nervosismo,a ansiedade e o sono.

“Eu me transformo considerando seu sentimento por esse alguém.”

“Amor”

"Aqui finalmente eu posso viver em paz"

Me perdoe Barry,por favor entenda.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...