História Uma nova vida - Segunda temporada - Capítulo 53


Escrita por:

Postado
Categorias Ariana Grande, Barbara Palvin, Cameron Dallas, Camila Cabello, Chaz Somers, Christian Beadles, Daniel Sharman, Dove Cameron, Dylan O'Brien, Elizabeth Gillies, Fifth Harmony, Justin Bieber, Matthew Espinosa, Ryan Butler, Sabrina Carpenter, Selena Gomez, Shawn Mendes, Sofia Carson, Zayn Malik
Personagens Ariana Grande, Barbara Palvin, Cameron Dallas, Camila Cabello, Chaz Somers, Christian Beadles, Daniel Sharman, Dove Cameron, Dylan O'Brien, Elizabeth Gillies, Jaxon Bieber, Justin Bieber, Lauren Jauregui, Matthew Espinosa, Personagens Originais, Ryan Butler, Sabrina Carpenter, Selena Gomez, Shawn Mendes, Sofia Carson, Zayn Malik
Tags Máfia, Romance
Visualizações 101
Palavras 1.304
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Policial, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ta aqui o último capítulo da maratona!

boa leitura

Capítulo 53 - Capítulo 49


Fanfic / Fanfiction Uma nova vida - Segunda temporada - Capítulo 53 - Capítulo 49

P.O.V Sabrina Bieber

Em sete dias o mundo foi construído e em sete segundos o meu desabou.

Jeremy não era meu pai, o homem que eu amei com todo meu coração e que posso dizer que choro de saudade até hoje só de ouvir seu nome ser citado.

Meus olhos ficaram marejados com aquela informação.

- Me escondeu isso durante dezenove anos. - Digo olhando incrédula para Pattie e depois olhou pra Justin. - Você sabia?

- Não, ela me contou recentemente. - Ele respondeu.

A cada dia parecia que eu não conhecia minha mãe.

- Pensei que iria ficar feliz em saber que você é Zayn não são irmãos - Pattie diz.

- Eu não sou filha de Jeremy! - Gritei. - O homem que se dedicou pra cuidar de mim, que me fez ser uma boa pessoa não é meu pai, o meu herói não é meu pai.

Sai correndo da casa, não podia passar mais nenhum segundo ali.

P.O.V Zayn Malik

Vi Justin se levantar pra ir atrás de Sabrina.

- Deixa comigo. - Digo e vejo ele balançar a cabeça, ele confia em mim?

Sai correndo pra fora da casa e avistei Sabrina correndo pra longe comecei a correr atrás dela.

- Sabrina! - Eu gritava seu nome mas ela nem se quer olhava pra trás.

Ela acabou batendo em um homem e a mesma caiu no chão, cheguei perto e percebi que era Shawn, ele sempre estava por perto isso já estava começando a me irritar.

Me aproximei e me abaixei ao lado de Shawn, ele estava abaixado falando com ela enquanto a mesma não conseguia controlar o choro.

- Sai. - Empurro Shawn e ele revira os olhos. - Loirinha, vem comigo, vamos pra minha casa.

- Você não vai levar ela pra sua casa. - Shawn disse e eu arqueio uma sombracelha o olhando.

- Ah é? E quem é você mesmo? O cara que depois que foi embora não mandou nenhuma mensagem se quer pra dizer que estava bem? O cara que durante quase cinco anos não se importou com nada e agora apareceu do nada achando que uma menina incrível iria está a sua espera. - Digo grosso. - Faz favor né Shawn.

- Ela prometeu que iria me esperar. - Ele encarou ela.

- Você namora Shawn, me deixa em paz. - Ela disse chorando mais ainda.

- Sério Sabrina? Vai me trocar por ele? - Ele pergunta apontando pra mim. - Ele é apenas um badboy em busca de diversão, comigo você teria um futuro.

- Por que não pensa em construir um futuro com sua namorada! - Ela gritou, ela estava nervosa e Shawn não estava ajudando.

- Eu fui seu primeiro em tudo! - Ele grita. - Não seja ingrata, eu fui seu primeiro beijo, tirei sua virgindade... - Ele começou mas Sabrina o interrompeu.

- Oh meu Deus muito obrigada. - Ela diz irônica.

- Porra Sabrina, não seja uma vadia mal agradecida. - Ele diz e vejo ela ficar boquiaberto, não podia deixar aquele merda falar daquele jeito com minha garota.

Soquei seu rosto e fui pra cima dele, eu tinha vantagem já que estava em cima e Shawn não era tão forte, seu rosto já estava cheio de hematomas e apenas meu lábio inferior sangrava um pouco.

- Zayn para. - ouvi os gritos da loira que já tinha o choro mais controlado. - Sai de cima dele.

Suas mãos tentaram me puxar e eu saí por livre e espontânea vontade.

- Da próxima vez que chamar minha garota de vadia eu juro que te mato! - Grito e ele se senta.

- Parem vocês dois! - Sabrina grita e se abaixa perto de Shawn. - Você tá bem? Ta doendo muito?

Ela parecia preocupada e eu olhei balançando a cabeça, ele chamou ela de vadia e ela estava ali toda preocupadinha com ele, sua boca diz que sou eu que ela ama mas seus olhos dizem outra coisa.

Me virei e voltei para casa, para minha casa.

P.O.V Sabrina Bieber

Ver Shawn tão machucado me fez sentir pena e remorso então me pus a ajudar ele.

- Vou te acompanhar até em casa e limpar esses ferimentos. - Digo quando ele se levanta. - Zayn você pode... - Paro de falar quando me viro e vejo que o moreno não estava mais presente.

- Vamos. - Shawn chamou e eu andei ao seu lado em direção a seja lá qual for o lugar que ele morava.

Chegamos ao prédio e subimos até seu andar, ele abriu a porta e entrei olhando em volta, tinha quadros na parede com fotos da Alexia.

- Ela é linda. - Digo admirada.

- Não mais que você. - Ele disse trancando a porta indo se sentar no sofá.

- Não começa. - Digo revirando os olhos. - Tem um kit de primeiros socorros?

- No banheiro, final do corredor a direita. - Ele disse apontando para o corredor.

Fui até seu banheiro abri o armário peguei o kit de primeiros socorros e voltei.

Comecei a limpar seus machucados.

- Por que estava chorando? - Ele pergunta e eu reviro os olhos.

- Não é da sua conta. - Digo limpando o corte que tinha em seu lábio.

- Me conta, sabe que pode confiar em mim. - Ele diz.

- Estamos em 2016 não se pode confiar em ninguém. - Digo e ele suspira.

P.O.V Elizabeth Gillies

- Cadê ela Justin!? - Gritei desesperada.

- Ela saiu correndo, não se preocupa, ela tem dezenove anos não é criança. - Ele diz mascando seu chiclete.

- Você deixou ela sair de lá chorando! - O lembro.

- Oque queria que eu fizesse? - Ele me olha franzindo o cenho.

- No mínimo fosse atrás dela. - Dou um tapa em sua cabeça.

- Zayn foi, a essa hora ele deve está a consolando.

P.O.V Zayn Malik

- Ela fez a escolha dela. - Mia disse.

- Cala a boca! - Grito. - Nem sei porquê ainda está aqui.

- Sou sua melhor amiga. - Ela me "lembra"

- Não é não, você só sabe me irritar e eu te odeio. - Digo jogando um vaso de flores no chão.

- Também sei fazer você relaxar. - Ela diz abrindo o zíper do vestido e o mesmo cai no chão, encaro seu corpo pequeno, ela tinha seios medianos e uma bunda grande, vestia apenas uma calcinha de renda preta que em dois segundos estaria rasgada no chão.

P.O.V Sabrina Bieber

- Como Alexia está? - Pergunto enquanto fecho a mala de primeiros socorros.

- Bem. - Vejo ele da de ombros. - Eu sinto saudades.

- Não sente não. - Digo negando com a cabeça e seu braço me puxa pra perto. - Shawn você...

- Shiu... - Ele toca meus lábios, nossos rostos estavam perto demais. - Não fala nada.

Ele roçou nossos narizes e logo em seguida nossos lábios, comecei a respirar com lentidão é então ele colou nossos lábios em um beijo calmo.

Narrador on

No apartamento 113 do décimo quarto andar de um prédio na cidade rolava um replay dos velhos tempos.

Em uma mansão em um bairro nobre um rolava uma tentativa fútil de preencher seu coração carente e machucado.

De um lado dois corpos nus deitados no sofá transando com paciência e carinho.

Do outro lado, dois corpos quase nus, tinham apenas as roupas íntimas ainda no corpo, o sexo era selvagem, a mão do moreno ficava marcada no corpo da menor.

A loira recebia beijos por todo seu corpo enquanto a morena recebia tapas e chupões.

O moreno tatuado só conseguia pensar em uma certa loirinha, e não era diferente no pequeno apartamento onde a loira também só conseguia pensar no seu verdadeiro amor.

Mais acima de tudo os dois pensavam; ah malditas recaídas.


Notas Finais


4/4 fim da maratona

oque acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...