1. Spirit Fanfics >
  2. Uma nova vida >
  3. Último parceiro

História Uma nova vida - Capítulo 22


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem do cap de hoje
boa leituraaaa

Capítulo 22 - Último parceiro


Fanfic / Fanfiction Uma nova vida - Capítulo 22 - Último parceiro

Narrador

Depois de tudo aquilo acontecer, Hinata e Deidara aproveitaram pra dar uma volta em um lago que a garota descobriu quando foi procurar Deidara. Depois de passar um tempo relaxando, eles voltaram pro hotel e perceberam que Zetsu estava lá à espera da dupla 

Zetsu:_Estávamos esperando vocês

Hinata:_Desculpe

Deidara:_O que foi, Zetsu, hm?

Zetsu:_Pain quer outra reunião

Kaguya:_Que cara mais chato

Hinata:_Tudo bem, já vamos aparecer -- fez os selos e se conectou com os demais integrantes

Deidara:_Fazer o que. né? -- fez a mesma coisa que a garota

Pain:_Vou direto ao ponto, Orochimaru vai ser seu próximo duo

Orochimaru:_Tudo bem -- passou a língua nos lábios 

Deidara:_Ei, eu não entendi essa reação, hm 

Hidan:_Eu também não gostei

Kisame:_Cala a boca os dois, está de acordo com isso, Hinata? -- ele e Pain olharam pra garota esperando a resposta

Hinata:_U-uhm, claro -- afirmou com a cabeça

Kaguya:_É o da cobra? QUERO

Kisame:_Ótimo

Pain:_O resto tentem pegar os jinchuurikis, estão dispensados. Deidara, preciso de você aqui em um dia 

Deidara:_UM DIA? NO MÍNIMO TRÊS PRA EU CHEGAR AI, HM 

Pain:_Então acho melhor você se apressar -- desfez o jutsu e em seguida todos fizeram a mesma coisa

Deidara:_EU PRECISO IR LOGO -- saiu correndo de um lado pro outro arrumando as coisas

HInata:_Vai que depois te entrego 

Deidara:_Tem certeza?

Hinata:_Claro

Kaguya:_Ó, príncié, não se vá -- colocou a mão na testa e se fez de vítima

Deidara:_Jaa ne -- correu até a porta, deu a volta, deu um breve beijo na garota e saiu do quarto 

Hinata:-- balançou a cabeça e riu -- Kaguya, você é muito vitimista!

Kaguya:_Eu não quero ficar longe do meu príncipe, nem do príncipe dele

Hinata:_Não entendi... -- passou um tempo pensando -- Meu Deus, Kaguya. Por favor, dê uma folga para os meus ouvidos....

Orochimaru:--bateu na porta -- Posso entrar?

Hinata:_Claro, fique à vontade -- sentou-se na cama

Orochimaru:_Tem alguns ninjas da folha por aqui...

Hinata:_Q-quem?

Orochimaru:_Por qual motivo o interesse?

Hinata:_Eu apenas não quero vê-los...

Orochimaru:_Tem certeza?

Hinata:_Claro... -- abaixou o tom de voz consideravelmente

Orochimaru:_Sabe, seu chakra está alterado... 

Hinata:_É muita coisa acontecendo junto

Orochimaru:_Nunca quiseram travar uma guerra apenas pra me forçarem à casar, então eu realmente não sei o que está passando -- o comentário fez Hinata dar uma leve risada

Hinata:_Tem razão, é bem inusitado mesmo

Orochimaru:_Sabe, Hinata... Esse tal de Indra, o que, exatamente, quer com você?

Hinata:_Indra quer fazer da minha vida um inferno... E ele quer um herdeiro

Orochimaru:_E precisa ser com você?

Hinata:_Ele deixou claro que quer a mim como esposa. Por mais que eu insista em tratá-lo mal

Orochimaru:_Há homens que gostam de ser desprezados 

Kaguya:_Verdade

Hinata:_Como sabe disso, Orochimaru?

Orochimaru:_Eu apenas sei 

Kaguya:_Que tipo de homem que ele será? -- lambeu os lábios

Hinata:_Se contenha, Kaguya

Orochimaru:_Soube que fala sozinha

Hinata:_Eu não falo sozinha / Kaguya:_Ela não fala sozinha

Orochimaru:_Está bem, está bem! Eu só soube e não digo de quem foi -- tomou um gole de água

Hinata:_Foi o Deidara, não foi?

Orochimaru:--se engasgou com a água -- Como soube?

Hinata:_Eu não sabia, estou sabendo agora -- riu 

Orochimaru:_Eu vou pedir pra trazerem saquê

Hinata:_Você bebe?

Orochimaru:_Parece que não, mas eu sou humano

Hinata:_Desculpe, desculpe -- riu

Orochimaru:_Você bebe?

Hinata:_Eu nunca bebi

Orochimaru:_Vai beber agora

Hinata:_Eu acho melhor não... 

Orochimaru:_Vamos brincar de "confissões"

Hinata:_Eu admito que fiquei interessada, mas não sei se é uma boa ideia

Orochimaru:_Vou buscar -- saiu correndo e pegou um saquê

Hinata:--riu do jeito que o homem corria -- Você corre de um jeito engraçado

Kaguya:_Disseram que você se transforma, é verdade, docinho?

Hinata:--KAGUYA, SE CONTENHA 

Orochimaru:_Cheguei -- feliz por estar com a garrafa em suas mãos

Hinata:_Okay, eu vou beber, mas só um pouco

Depois de uns goles, Hinata já estava vermelha e seu corpo estava quente, formigando. Já que era a primeira vez na vida que estava bebendo, descobriu logo nos primeiros goles, que era sensível ao álcool. Diferente de Orochimaru, que bebia o dobro que Hinata e estava mais sóbrio que a garota. Logo após os dois estarem visívelmente alterados. Orochimaru começou com as perguntas

Orochimaru:_O que você acha de mim?

Hinata:_Eu não sei, pergunte à Kaguya

Orochimaru:_Quem é Kaguya?

Hinata:_Kaguya, diga à ele 

Hinata / Kaguya:_Eu te acho um gato -- estava com a feição vermelha -- Você, com certeza, é um pedaço de mal caminho 

Orochimaru:_Você é a Kaguya?

Hinata / Kaguya:_Sou sim -- soluçou -- E eu adoraria te conhecer melhor -- engatinhou até o homem

Orochimaru:_E-ei, calma -- sentiu a garota sentando em cima de si 

Hinata:_ CHEGA! -- segurou os ombros de Orochimaru -- Me desculpe! -- tentou sair de cima dele, mas foi impedida 

Orochimaru:_Não posso te deixar sair assim, depois de ter feito isso -- a encaixou em sua intimidade rígida 

Hinata:_O-O-Orochimaru -- corou -- O que pensa que está fazendo?

Orochimaru:_O que acha que estou fazendo? -- lambeu os lábios e deu um sorriso perverso

Hinata:_N-não foi eu quem fez isso!

Orochimaru:_Eu sei, é inocente demais pra fazer uma coisa dessas, mas obrigada, Kaguya

Kaguya:_D-i-s-p-o-n-h-a -- sorriu

Hinata:_N-Não, por favor. Eu não quero que ninguém mais se machuque 

Orochimaru:_Sabe com quem está falando? -- segurou a cintura da garota com força, a puxou pra perto e apertou suas nádegas

Indra:_Tire suas mãos da minha mulher, seu infeliz -- apareceu de repente, fazendo com que os dois olhassem pra ele sem entender nada 

Kaguya:_Vish, agora lascou -- colocou as mãos escondendo o rosto 

Hinata:_I-Indra, e-eu posso explicar --corou violentamente, mas Orochimaru não se mexeu

Orochimaru:_Mais um?

Hinata:_CALA A BOCA, OROCHIMARU

Kaguya:_Se ele não fosse meu neto, não seria má ideia -- colocou a mão no queixo

Hinata:_Cale-se você também, Kaguya!

Indra:_Hinata, venha imediatamente comigo -- a tirou de cima de Orochimaru, que não gostou nenhum pouco de ter sua parceira roubada

Orochimaru:_Qume você pensa que é pra fazer isso? -- segurou no braço da garota

Hinata:_Ahn, rapazes, vamos nos acalmar -- estava no fogo cruzado

Indra:_Não aceito que te toquem

Orochimaru:_Não aceito você não aceitar que a toquem

Indra:_Não aceito, você não aceitar que eu não aceito que a toquem 

Kaguya: O que? / Hinata: _O que?

Hinata:_CHEGA! -- soltou o braço dos dois -- Diga o que quer, Indra 

Indra:_Preciso que vá comigo no castelo

Hinata:_Tudo bem / Orochimaru:_Negativo 

Indra:_Agora vamos! -- puxou a garota e desapareceu -- Eu não admito uma coisa dessas

Hinata:_Que coisa?

Indra:_Ver minha esposa MONTADA em outro homem

Hinata:_Uhm uhm, estava com ciúmes? -- fez uma cara engraçada

Indra:_V-v-vai sonhando -- corou e olhou pro outro lado

Hinata:_Está gaguejando, Indra?

Indra:_Claro que não, eu sou um deus, sou perfeito

Hinata:_Você acredita nas coisas que você fala?

Indra:_É claro!

Hinata:_Tá, mas por qual motivo me chamou aqui?

Indra:_Eu só não gostei do que aconteceu e pedi que viesse comigo

Hinata:_E você diz que não é ciúme... -- resmungou

Indra:_E NÃO É! NUNCA SENTI CIÚMES DE NINGUÉM!

Hinata:_Ok, para de gritar que eu não sou surda -- fez cara de pouco caso

Indra:_Durma comigo hoje

Hinata:_Tá, tá -- a garota estava tão acostumada a não dar ouvidos ao que Indra falava que respondeu sem pestanejar, mas quando percebeu o que era, se corrigiu -- Espera, o que?

Indra:_Ótimo, vou mandar que arrumem NOSSO quarto 

Hinata:_"Nosso quarto" -- essas duas palavras se repetiam diversas vezes na cabeça da garota -- Não posso, tenho que ficar junto de Orochimaru!

Indra:_Não, você tem que ficar junto de seu marido!

Hinata:_NÓS NÃO NOS CASAMOS AINDA!

Indra:_Ainda, questão de tempo pra você ser uma Otsutsuki -- pegou na mão da garota 

Apesar de Hinata não ter conhecido o melhor lado de Indra, percebeu que ele não estava igual das outras vezes que se encontraram, ele estava com um ar mais ameno, menos agressivo, ele tinha até admitido que não havia gostado da aproximação da garota com outro homem. Ela tinha suas dúvidas, será que ele não gostou apenas por vê-la como um objeto, ou tinha algo a mais nesse sentimento!? Era paixão ou posse? Perguntas as quais não saiam da cabeça da perolada, ela tomou um banho, vestiu uma camisola que uma das criadas havia dado à ela no quarto de banho. Ficou em frente à penteadeira e fechou os olhos enquanto as empregadas penteavam seus longos cabelos azulados. Quando, por fim, acabaram, ela estava deslumbrante, como sempre. Indra bateu na porta, anunciou sua entrada. Estava com um calção largo, sem camisa e com os cabelos bagunçados. Se ela não o conhecesse, com certeza, ficaria caidinha por ele, "Ino e Sakura iriam amá-lo se o vissem assim", a garota pensava divertidamente. Se levantou para recebê-lo, porém não recebeu nenhuma palavra, apenas o olhar de um homem paralisado. Ele estava embasbacado com tamanha beleza da jovem Hyuuga, a camisola lhe servira perfeitamente, de seda branca que ia até a metade das coxas, apesar de solta, era apertada em seu busto, apenas afirmando a curva de seus seios e o tecido corria até sua cintura, sua roupa era igual um campo de guerra, cada parte queria se apossar de um local. Suas curvas eram sinuosas, nunca na vida de Indra, ele tinha visto tamanha perfeição. Seus olhos que se comparavam com o luar em contraste com a escuridão de seus cabelos, que de tão longos, escorregavam de seus ombros e iam até abaixo da cintura. Ficou parado analisando cada detalhe da jovem e pensou imediatamente "Ela será minha, de um jeito ou de outro", quando percebeu que o homem estava imerso em seus pensamentos, a Hyuuga o chamou

Hinata:_Indra? 

Indra:--ele nada disse 

Hinata:_O que foi? O gato comeu sua língua? -- riu

Indra:_É  que você está deslumbrante...

Hinata:_E-eu?

Indra:_De fato, a mulher mais bonita que eu já vi na vida...

 

 


Notas Finais


aiaiai Indra Indra, acabando com a festa do Orochimaru


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...