1. Spirit Fanfics >
  2. Uma Pacifista e um Genocida(Charisk) >
  3. O Sequestro

História Uma Pacifista e um Genocida(Charisk) - Capítulo 12


Escrita por: RipNewgate

Capítulo 12 - O Sequestro


*Narrador on*

Chara estava limpando toda a bagunça que ele e a Frisk tinham feito durante o seu ato de amor repentino, ele demorou por volta de 10 minutos para arrumar tudo, logo em seguida o Chara pegou a Frisk no colo e levou ala até a cama da mesma, ele cobre ele e da um beijo na testa dela, em seguida ele sai do quarto e fecha a porta, em seguida ele para a sala e se sentou no sofá, em seguida ele pegou o seu celular e então ligou para o seu irmão Asriel, mas para a sua surpresa quem atende não dói o garoto cabra e sim a Ana.

- o que você quer? – perguntou a Ana

- eu quero falar com o Asriel – respondeu o Chara

- bem, não vai ser possível – falou a Ana

- pro que? – perguntou o Chara

- eu o matei e comi o fígado dele – falou a Ana

- O QUE?!? – disse o Chara

- calma, eu tô brincando – disse a Ana

- é bom mesmo – disse o Chara

- ele tá dormindo – falou a Ana – quer que eu diga algo para ele quando ele acordar? – perguntou a Ana

- não, eu só queria sabe se ele estava bem – falou o Chara

- ah, certo – falou a Ana – Tchau – disse a Ana desligando o telefone

- então tá bom né... – disse o Chara

Logo em seguida o Chara começou a trancar as janelas e portas, mas então ele ouve algum tocando a campainha, logo em seguida o Chara foi ver quem poderia ser a aquele horário já que era por volta de 11 horas da noite, o Chara olha pelo olho mágico e não vê nada, mas então a porta simplesmente sai voando e faz o Chara se chocar com tudo contra a parede, o Chara olha na direção da porta e então vê duas pessoas, ambas usavam o mesmo traque que o cara que avia tentado sequestrar a Frisk e também o que tinha atacado o Chara mais cedo no naquele mesmo dia, porém um deles tinha o traja com marcas verdes e o outro era mais alto e tinha um traje totalmente preto, o Chara então cria duas espadas feita de determinação e parte para cima dos dois, e desfere um golpe contra eles, mas o cara com o traje verde cria um escudo na frente dos dois e os protege, o Chara percebe que o segundo cara estava com os punhos cobertos por uma energia negra, o rapaz de treje verde faz o escudo sumir e então o de traje preto desfere um soco que atinge o Chara em cheio e lança o mesmo para longe com uma grande explosão, O Chara acaba atravessando 7 paredes e acaba ficando inconsciente.

No dia seguinte, Chara acorda no chão, ele percebe que estava a quase um quarteirão de sua casa, Ele rapidamente se levanta e então começa a cunhada até a sua casa, ele ainda estava com o corpo fraco devido ao soco que ele tinha recebido Daquele cara, ele não tinha nem entendido o que tinha acontecido direito o que avia acontecido pois avia sido muito rápido, ao chegar na casa ele começa a olhar por todo o local e percebe que ela estava uma bagunça, e percebe que a Frisk avia desaparecido, o Chara começa a ficar desesperado com aquilo, ele da um soco na parede e começa a chorar e então se senta no chão e fica encostado na parede. Depois de alguns minutos ele se lavanat e enxuga as próprias lágrimas, ele então pega o seu telefone e então liga para o Asriel e diz sobre o ocorrido, e depois desliga o telefone e fica espera do o seu irmão chegar, demorou por volta de 30 minutos para o garoto cabra chegar, mas o mesmo não chegou sozinho pois junto a ele está a o Asgore, a Undyne e a Ana.

- Chara! Chegamos! – gritou o Asriel do lado de fora da casa

- otimo! – disse o Chara indo até o Asriel

- Chara, você poderia nos dizer o que aconteceu? – perguntou o Asgore

- bem... Eu e a Frisk jantamos e então ela dormiu, eu fui arrumar a casa quando duas pessoas com trajes do movimento Maly, um dele tinha o traje com marcas verdes e o outro tinha o traje totalmente preto... Eles entraram e eu tentei impedir... Mas eu não consegui e... – disse o Chara com lágrimas nos olhos

- calma Chara, nos vamos encontrar a Frisk – disse o Asriel

- eu espero... – disse o Chara

- você disse que os caras que atacaram você eram do movimento Maly? – perguntou a Ana

- sim – respondeu o Chara

- tem uma base de operações Dele no norte da cidade em um grande prédio de aproximadamente 6 metros – disse a Ana

- você tem certeza?! – falou o Chara soltando o Asriel e colocando as mãos no ombro a garota – você tem certeza?!? – disse o Chara balançando a Garota.

- Chara! – disse o Asriel Afastando o Chara da garota – se você você ficar chaqualando a Ana ela não vai conseguir responder – falou o Asriel

- sim tenho, eu já vi algumas pessoas com os uniformes que vimos no dia do que fomos no cinema lá – falou a Ana – além disso eles não deixam ninguém que não use esses uniformes entrarem – disse a Ana

- bem, então vamos fazer uma visitinha para eles – falou o Chara enquanto bestralava os dedos da mão

- Vamos chutar umas bundas! – falou a Undyne

- acho que não é uma boa ideia fazer isso – disse o Asgore

- por que? – perguntou o Chara

- não podemos simplesmente chegar e bater em várias pessoas – falou o Asgore

- mas eles que começaram, ele sequestraram a Frisk! – falou Chara – além disso ele já nos atacaram pelo menos 3 vezes antes dessa – disse o Chara

- mesmo assim, a violência não é a solução – disse o Asriel

- tem razão... Ela é a pergunta e a resposta é sim! – falou o Chara

- eu vou concordar com ele, esse tipo de pessoa só entende um tipo de língua e é a violência- disse a Ana

- gostei disso Ana – falou o Chara colocando a mão no ombro da Ana

- não encoste em mim – falou a Ana

- certo... – disse o Chara tirando a mão do ombro da Ana – bem, acho que já tá na hora de um acerto de contas... – falou o Chara

Fim do Capítulo

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...