História Uma Princesa "Diferenciada" - Namjin - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, G-Dragon, Got7, HyunA
Personagens BamBam, G-Dragon, HyunA, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Lisa, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Jeon Jungkook, Jikook, Jung Hoseok, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Kim Taehyung, Min Yoongi, Namjin, Park Jimin, Taeyoonseok
Visualizações 152
Palavras 1.269
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ecchi, Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem-me,dei o tiro e saí correndo

Boa leitura

~ 💜

Capítulo 6 - Capítulo V


Eu queria ter ficado com ele

                    P.O.V Jin

Hoje é segunda,"dia de tomar no cú"... Aliás não só hoje mas todos os dias de segunda a sexta,eu considero todos os dias que tenho que ver aquele demônio "dias de tomar no cú",e o pior é que eu sei que por mais que eu queira,o Namjoon hyung não vai brotar do chão e me defender de novo.

Enfim,acordei 6:20 da manhã,tinha 40 minutos pra me arrumar,então apenas tomei um banho rápido,vesti meu uniforme da escola (sim,eu ainda estou no 3° ano do ensino médio,não pense que eu repeti de ano,só entrei tarde na escola) e desci para tomar café da manhã.

Meus pais ainda estavam dormindo porém meu café já estava pronto,a mãe do Namjoon que fazia meu café,ele tem sorte,a mãe dele cozinha muito bem.

Comi rápido e fui pra escola,era a uma rua de casa mas ainda assim minha mãe não deixava eu ir sozinho e mandava o motorista me levar,acho exagero mas não posso falar nada,fazer o que?

Cheguei na escola 6:50 e fiquei esperando o sinal bater isolado num cantinho atrás da escola que só eu conhecia.

Assim que o sinal bateu eu fui correndo pra sala de aula,sentei no meu lugar que era na último lugar da última fileira... Não julguem minha anti socialidade,por favor.

Passaram os dois primeiros tempos rápidos até,por mim poderiam demorar o máximo possível,eu sábia o que iria acontecer no intervalo,o inferno que seriam aqueles 20 minutos que deveriam ser usados para dar descanso aos alunos.

Saí da sala e já o vi me esperando na frente da sala,GD/G-Dragon/Ji-Yong/satanás em pessoa,tanto faz.

Sem falar nada,ele me arrastou pra uma salinha abandonada,daí você me pergunta "Por que ninguém faz nada?",minha sala de aula é uma das últimas do corredor,as outras pessoas que saem no mesmo horário que eu pro intervalo não olham para trás para poder perceber a minha presença e a dele,e também eu sou um dos últimos a sair,ta que não ia fazer diferença se eu fosse um dos primeiros mais tudo bem.

Voltando,assim que chegamos na salinha as vadias dele me prenderam em uma das cadeiras que ficava alí já que a sala era usada pra deixar as cadeiras e mesas quebradas.

- E ai princesa? Quanto tempo não é mesmo? - Disse cínico se aproximando de mim,não respondi por motivos óbvios.

- Cade seu Namjoon pra me impedir agora em? - se ajoelhou na minha frente enquanto eu ainda estava quieto.

- Agora ninguém vai me empedir de brinca com você princesa,Jennie e Jisso podem ir não se esqueçam de trancar a porta. - ordenou e elas me soltaram,não deu tempo de correr por que assim que elas me soltam,quem me prende é ele.

- Ok oppa,aproveite seu intervalo com seu brinquedo - disse Jisso saindo e trancando a porta junto com Jennie.

- Eu sempre aproveito,bebê - Disse olhando para mim e me puxando fazendo eu ficar em pé na sua frente.

- Já sabe,se gemer muito alto e alguém vier me incomodar,você será severamente punido,me entendeu? -Apenas assenti já com lágrimas nos olhos,começou tudo de novo.

Assim que bateu o sino para a volta as aulas,as vadias vieram destrancar a porta e eu pude voltar pra minha sala de aula.

Sim ele fez o que você esta pensando,caro leitor da minha desgraça,me abusou,isso era cotidiano,todo intervalo era a mesma coisa,só não digo que estou acostumado por que se acostumar com isso seria loucura mas eu sempre sabia o que aconteceria.

Assim que a aula acabou,fui para o carro onde o motorista já me esperava,cheguei em casa e fui correndo para o meu quarto esquecendo a existência de tudo e todos a minha volta.

Joguei minha mochila na parede e me direcionei ao banheiro,eu queria descontar minha dor em alguma coisa e já que não pensei em nada melhor,essa coisa seria eu,como sempre.

Peguei uma lâmina de barbear em uma gaveta da pia,puxei a manha do meu uniforme para cima e passei a lâmina diversas vezes em todas as partes possíveis dos meus dois braços.

Até que retornei a realidade e comecei a chorar desesperadamente,tanto pela dor quanto pelo que aconteceu,até que escuto alguém vindo em direção ao meu quarto, tranco a porta do banheiro e arrumo meu uniforme.

- Jin? O Jin cade você? - Puta que pariu Namjoon,justo agora?

                    P.O.V Autora

- Jin? Você ta no banheiro? - disse tentando abrir a porta e viu que estava trancada,do lado de dentro o príncipe continuava calado.

- Jin,por favor,pelo menos me responde,eu sei que você ta ai dentro - disse encostando na porta.

- N-Namjoon,v-vai embora,p-por favor... - Disse baixo e fraco pois ainda estava chorando.

- Jin,você ta chorando? Agora que eu não saio daqui,abre a porta antes que eu arrombe ela - disse sério agora preocupado com o mais velho.

Jin não respondeu,sabia que Namjoon estava falando sério quando disse que arrombaria a porta se ele não abrisse então decidiu sair logo,não poderia ficar alí dentro pra sempre mesmo.

Saiu de cabeça baixa ainda chorando e Namjoon somente o abraçou deixando-o chorar o quanto quisesse.

Passando alguns minutos e com o príncipe mais calmo,Namjoon decidiu falar.

- O que aconteceu? - perguntou calmo e ainda preocupado.

- E-Eu... posso falar depois? - respondeu com a voz baixa e com os olhos vermelhos.

Namjoon apenas assentiu em resposta.

- Descansa um pouco - Falou ao mais velho depois de alguns segundos.

- Ta bem - Disse indo em direção a sua cama se deitando logo em seguida,não dormiu,apenas ficou mexendo no celular.

Namjoon resolveu ir fechar a porta do banheiro que ainda estava aberta,porém parou assim que viu algo que se assemelhava a sangue na pia banheiro então foi conferir pra ver se estava certo.

Quando chegou perto,se assustou ao ver a pia ensanguentada e uma lâmina de barbear também suja sangue dentro da pia.

- Mais que porra é...? JIN - disse indo em direção a Jin que se assustou com o grito do mais novo.

- Que foi? - Perguntou curioso,até tinha se esquecido que largou tudo como estava no banheiro.

- Kim Seokjin,mostra os seus braços - disse sério de um jeito que nunca avia falado com Jin.

O príncipe engoliu em seco e não se mexeu com medo de Namjoon.

Sem resposta,Namjoon segurou o braço direito de Jin e puxou a manga de seu uniforme  pra cima vendo todos os cortes que o mais velho avia feito em si mesmo.

Jin apenas olhou para o lado envergonhado enquanto Namjoon analisava o braço de Jin boquiaberto com a quantidade de cortes que aviam no braço do mais velho.

- P-Por que? - indagou ao príncipe.

- Não é você que estuda com o G-Dragon,não e você que sofre nas mãos dele e das vadias dele,não é você que não pode falar nada a ninguém se não sofre mais ainda,Namjoon,todos pensam que eu vivo do jeito mais feliz do mundo,mas não chega nem perto disso,sabia? As vezes eu queria sumir... - Falou tudo que queria falar pra alguém mas nunca conseguia,não entendia o por que de confiar tanto em Namjoon,só... só confiava.

- NÃO FALA ISSO,VOCÊ É O SER MAIS PERFEITO QUE EU JÁ CONHECI... EU... EU TE AMO JIN,NÃO VOU DEIXAR VOCÊ SUMIR - Gritou de uma vez fazendo o mais velho se surpreender com a parte do "eu te amo".

- Você... Você me ama? - Perguntou só por confirmar o que avia ouvido.

Namjoon,porém,não respondeu em palavras.

Kim Namjoon o beijou,um beijo calmo e necessitado da parte dos dois,eles queriam,eles precisavam,e principalmente eles já sabiam que estavam começando a se amar.


Notas Finais


Não me matem por favor,eu quase chorei junto escrevendo...

Obrigado por lerem

~ Eolin-Sonyeo-tt 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...