História Uma quase morte evita decessos - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens D.O
Tags Angst, Dopado, Drabble, Kyungsoo, Kyungsoo!centric, Yixingod
Visualizações 74
Palavras 168
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Universo Alternativo
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


interpretem os ocultos do jeito que quiserem.

Capítulo 1 - Capítulo único, inlúcido e mórbido.


A primeira vez foi na inocência da vontade de morrer. Era para matar, talvez aquelas pílulas fizessem esse trabalho. Metade de uma cartela, só experimental. Comprimido por comprimido descendo com um gole de água; mas não impedia Kyungsoo de senti-los rasgando na garganta, a vontade de vomitar fazendo-se presente.

Descobriu o quanto foi ingênuo achando que aquilo faria o trabalho necessário.

A segunda e a terceira vez ainda foram na vontade de findar. Talvez uma cartela inteira resolvesse matá-lo. Mais e mais pílulas que, invés de decesso, obteve o ébrio. Raiva subia-lhe a mente, por que raios não conseguia acabar com aquilo? Sentia-se lento, leve, imóvel; apesar da agitação de sua mente doente.

 Não conseguiu se mover para tomar alguma atitude, contudo.

Agora, as outras vezes foram diferentes. Ainda era um caminho a se tomar quando o suicídio tomava-lhe à cabeça, mas não com a mesma finalidade. Seria irônico dizer que o que era sua porta transformou-se em seu muro?

Inlucidez era mórbido, viciante e aprazível o suficiente. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...