1. Spirit Fanfics >
  2. Uma semana: diagnóstico, morte precoce >
  3. Um sonho ao menos;

História Uma semana: diagnóstico, morte precoce - Capítulo 1


Escrita por: flowertea

Notas do Autor


eu ja tinha esse plot e queria fazer uma fic dele pra tef mesmo. tá bem bobinho mas é o que temos pra hoje, @0x1lovesong já sabe eh presente vc é obrigada a gostar beijos

boa leitura a todos ~

Capítulo 1 - Um sonho ao menos;


Hoje fazia uma semana que Kim Hyunjin estava com um resfriado horrível – o nariz já não sabia respirar, apenas fungar. Sentia uma profunda dor de cabeça(provavelmente intensificada pela preocupação). E sua mãe podia até achar que era cena da jovem adulto preguiçoso, mas o seu corpo não conseguia mover um músculo sequer sem estremecer de desconforto. 

 

 

 

No primeiro dia, ficou apenas um pouco chateada por seu incômodo estado de saúde. No segundo, torceu para que no terceiro já estivesse melhor. E agora, temia o resultado de seus exames quando fosse ao médico no fim de semana. Ainda mais por estar no meio de uma pandemia, não é como se pudesse aproveitar os seus últimos dias de vida. 

 

 

Iria morrer sem nunca ter ido pra Disney, passado na faculdade ou ter dado um beijo na boca de fazer sorrir o coração. Frustrante. Melancólico. 

 

 

Como não poderia realizar seus sonhos, fez a única coisa que poderia aliviar o seu coração no momento: contatar o seu melhor amigo.

 

 

[3/7 12:42 AM] jin: Tô triste :( 

 

 

 

[3/7 12:42 AM] jin: Ainda n melhorei mano 

 

 

[3/7 12:43 AM] jin: Eu sei q eh egoísta mas eu n queria morrer agora 

 

 

[3/7 12:43 AM] jin: Eu tenho vaaaaaarios sonhos pendentes, e p ser sincera sei nem se vou pro  céu 

 

 

[3/7 12:45 AM] jin: Sem falar nno mistério… é o pior de tudo… não saber o que vai acontecer… deixar de existir… 

 

 

[3/7 12:45 AM] jin: Hwang Hyunjin pague minha terapia 

 

 

 

                                [3/7 12:45 AM] Jin 2:  TU NÃO VAI MORRER!!!! JÁ DISSE QUE É O TEMPO. Enquanto ouço seus surto meu amorzinho tá com nariz escorrendo há quase um mês, posso nem da beijinho 

 

 

Hyunjin ficou brava. Estava tendo uma crise existencial por ter de morrer cedo; o que incluía sua decepção por não viver um romance doce como o de Hyunjin e seu namorado, Jisung. E ao invés de seu esperado melhor amigo a dizer palavras de consolo, joga o fato na sua cara! 

 

 

Só não o bloqueava pois queria nem que fosse a companhia do melhor amigo em seus últimos dias de vida. Sequer tinha tempo de arranjar outro na verdade…

 

 

                    [3/7 12:46 AM] Jin 2: E outra, mesmo que vc morresse

 

 

 

                          [3/7 12:46 AM] Jin 2: O QUE NÃO VAI ACONTECER E VC SABE!

 

 

 

 

                                   [3/7 12:47AM] Jin 2: Eu prometo que, quando vc ir pro além, vou te acompanhar nessa jornada 

 

 

 

                                    [3/7 12:47AM] Jin 2: Não vou me matar mas dou um jeito. Sabemos q humanos sabem so a ponta do iceberg então n se sabe como tudo funciona 

 

 

 

                                    [3/7 12:47AM] Jin 2: E eu nunca te deixaria sozinha em hipótese alguma, n a pessoa que me apoiou quando nem minha família fez isso. Então confia no pai 

 

 

 

                                   [3/7 12:48 AM] Jin 2: Nada do que vc teme é real, Jin. O que eh real e que te amo e nunca nesse mundo ou em qualquer espaço metafísico idealista ou imaginário vou te deixar sozinha. 

 

 

As últimas mensagens chegaram como uma flechada de coração nas angústias de Hyunjin. Bom, ela realmente imaginava que não ia morrer (apesar de temer bastante). 

 

 

 

 

 

 

Entretanto, de uma coisa ela tinha certeza: tinha o melhor amigo do universo, e agradecia aos céus por ao menos este sonho realizado naqueles seus vinte e um anos de vida. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...