História Uma Triplice Em Hogwarts?! - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter, Teen Wolf, The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Alvo Dumbledore, Andromeda Tonks, Angelina Johnson, Argo Filch, Arthur Weasley, Astoria Greengrass, Barão Sangrento, Bellatrix Lestrange, Blásio Zabini, Cedrico Diggory, Cho Chang, Damon Salvatore, Daphne Greengrass, Dolores Umbridge, Draco Malfoy, Duda Dursley, Elijah Mikaelson, Fleur Delacour, Fred Weasley, Gilderoy Lockhart, Gina Weasley, Gui Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Horácio Slughorn, Jorge Weasley, Katherine Pierce, Katie Bell, Klaus Mikaelson, Lilá Brown, Lord Voldemort, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Merlin, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Murta Que Geme, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Newton "Newt" Ártemis Fido Scamander, Nick Quase Sem-Cabeça, Nymphadora Tonks, Olívio Wood, Padma Patil, Pansy Parkinson, Personagens Originais, Pomona Sprout, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Remo Lupin, Rita Skeeter, Ronald Weasley, Severo Snape, Sibila Trelawney, Sirius Black, Stefan Salvatore, Tom Riddle Jr., Valter Dursley
Tags Draco Malfoy, Harry Potter X Oc, Hermione Granger, Rony Weasley
Visualizações 135
Palavras 1.541
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura 🦊🖤

Capítulo 12 - 1x11


Fanfic / Fanfiction Uma Triplice Em Hogwarts?! - Capítulo 12 - 1x11

ESTAVAMOS reunidos ao redor de Hazz, ele tinha alguns arranhões e alguns machucados mais a Madame Pomfrey disse que ele não sentia nenhuma dor. Estávamos quase todos aqui, Olívio Wood estava no banho, ele parecia mais preocupado com a perda do jogo do que com o Potter e isso me irrita, tomara que se afogue no banho. Eu estava sentada ao lado de Harry, eu comia uma fatia de bolo que Draco trouxe da cozinha de Hogwarts pois eu sentia muita fome porém não sai do lado de nenhum segundo, estávamos todos aqui até Draco e Bevrerly que estavam sentados ao meu lado. Claro que todos olhavam feio para eles pelo fato de serem Sonserinos porém nada os tirou dali e eu agradecia imensamente por isso.
- ei ele tá acordando - falou Fred e eu olhei para o moreno de olhos verdes na cama.
- ele parece mal - falou Jorge.
- será que ele tá bem? - perguntou Kátia Bell.
- talvez bem melhor do que ele parece - falou Harry e eu sorri - o que aconteceu?
- bem Harry, você caiu - falou Dino Thomas.
- Jura gênio? Estou perguntando do jogo, quem ganhou? - perguntou novamente o Potter e eu revirei olhos e me levantei saindo do lado dele.
Percebi que Draco prendeu o riso junto com Bevy e eles vieram atrás de mim, eu estava na porta da enfermaria respirando fundo enquanto Bevy ria baixo com Draco.
- não riam, isso é frustante - falei e eles riram mais.
- sabe não culpa dele, é a última coisa que ele lembra: O jogo - falou Draco e eu bufei.
- eu sei, mais ele sabe que caiu e nem pergunta se a gente tá bem ou se piramos com isso - falei e Draco deu os ombros.
- tudo bem Margô, garotos são babacas assim mesmo - falou e eu ri.
- ei, eu não sou babaca - falou Draco e nós o olhamos.
- você era - falei e ele revirou os olhos.
- vamos ficar atentos ao seu namorado - falou Draco e nos puxou até ele.
- e o Wood? - foi a primeira coisa que ouvimos quando chegamos perto.
- tá no banho, achamos que ele tá tentando se afogar ou algo do tipo - falou Jorge e eu sorri, era exatamente o que eu desejava.
- não fique triste Harry, você ainda é nosso melhor apanhador - falou Fred e eu sorri.
Todos foram saindo e sobrou apenas algumas pessoas, Draco, eu, Bevy, Rony, sua irmãzinha irritante, Hermione e Madame Pomfrey.
- alguém apanhou minha Nimbus? - perguntou Harry e todos nos entre-olhamos.
- bom, o Filch apanhou. Quando você caiu ela vôo longe e caiu na árvore você-sabe-qual - falou Rony e Harry arregalou os olhos.
- diz que eu tô enganado - falou o moreno e Hermione pegou os pedaços de sua vassoura e colocou no seu colo.
- sentimos muito Harry - falou Mione.
- sabe tem coisas mais importantes - falou Draco e Harry o olhou raivoso.
- tipo o que? - perguntou Harry com fogo nos olhos.
- tipo o caso de você não está morto por ter caído de 15 metros - falou Malfoy e isso pegou Harry de surpresa.
- é...
- ou o caso de não ligar por sua garota ter te dado o sangue dela pra você ficar melhor e estar frustada com você - falou Draco e imediatamente os olhos de Harry vieram pra mim que desviei o olhar.
- podem me deixar a sós com ela? - perguntou Harry e todos acentiram menos a irmã do Rony.
- não acho seguro te deixar sozinho com ela Harry - falou a Weasley me olhando cinicamente.

Garota estúpida - pensei.

- vamos logo Weasley-Fêmea - falaram Draco e Bevy e a puxaram para sair da enfermaria.
Todos saíram inclusive Madame Pomfrey com a desculpa de pegar poções para dor com o professor Snape. Harry deixou os pedaços da vassoura de lado e pôs seus pés para fora da cama e andou até mim, cada vez mais perto e eu me desviando dele até que ele me puxou pela mão e colou nossos corpos.
- desculpe - falou e eu sorri e olhei nos seus olhos.
- tudo bem - falei e lhe dei um selinho.
- só isso? - perguntou e eu o olhei confusa.
- como? - perguntei e ele sorriu malicioso.
- eu quase morri vai, de 15 metros e só ganho um selinho? - perguntou e eu sorri maliciosa.
- você está ficando muito esperto Sr.Potter - falei e ele riu.
Coloquei minhas mãos ao redor de sua nuca e fiquei na ponta do pé grudando nossos lábios, ele me ajudou a ficar nessa posição e pegou na minha cintura nua. Ele desceu sua mão até a minha bunda e apertou me levantando e me fazendo grudar minhas pernas na sua cintura e isso pareceu me acordar e me afastar levemente dele.
- o que foi? - perguntou com dificuldade de respirar e grudando nossas testas.
- não posso ter minha primeira vez numa enfermaria Potter - falei corando e ele riu e beijou minhas bochechas.
- você fica linda corada - falou e eu sorri.
- obrigada mais agora você precisa descansar - falei descendo do seu colo.
Ele me puxou até a cama e se sentou e bateu na cama para mim sentar ao seu lado.
- o que aconteceu quando eu caí? - perguntou e eu suspirei.
- Dumbledore jogou um Arresto Momentum em você e você caiu devagar, eu corri e te dei meu sangue. Você estava tão pálido e eu te dei meu sangue, por isso não ouse morrer durante 24 horas se não vai ser igual a mim - falei e ele sorriu.
- irresistível? - perguntou e eu ri seca.
- uma aberração - falei e ele levou a mão até minha bochecha.
- você não é uma aberração Margô - falou calmo e eu novamente ri.
- sou sim, uma aberração que precisa de sangue dos outros pra viver, eu sou imortal Hazz - falei e ele sorriu.
- é minha imortal - falou e me deu um selinho e eu sorri.
- você é tão fofo - falei e ele corou.
- estou com dor de cabeça - falou e eu me levantei e fui até a porta.
- Madame Pomfrey? - chamei a mulher que vinha com Mione.
- sim? - perguntou.
- Potter está com dor de cabeça - falei e ela entrou e pegou uma poção verde.
- beba de uma vez e o gosto será menos ruim - falou e Harry me olhou desesperado.
- beba tudo querido - falei irônica e ele rolou os olhos.
Hazz bebeu e fez careta me fazendo prender a risada junto com Hermione que estava ali pra alguma coisa.
- as meninas vão buscar seu almoço senhor Potter, só sairá daqui a noite - falou a Pomfrey e eu acenti.
- mais...
- se mais, deite-se e espere - falou e eu ri e sai da enfermaria.
Eu e Mione fomos conversando sobre o Malfoy ter feito Harry cair na real e sobre o mesmo ter prometido consegui dinheiro pra ajudar a comprar uma nova vassoura para o Potter. Chegamos no salão principal e nos sentamos e almoçamos rapidamente, pegamos bastante comida e saímos levando para o Potter-machucado. No meio do caminho vimos pessoas rindo enquanto passávamos e isso estava me irritando.
- do que está rindo Parkinson? - perguntei e ela sorriu irônica.
- do seu namoradinho patético ter desmaiado por causa de um dementador - falou com sua voz fina.
- pelo menos eu tenho namorado certo? Já você perdeu o Draco - falei e ela ficou calada e corou - quer mesmo competir com o que é mais patético além de você? Me poupe!
Sai andando com Hermione quando fui jogada longe e bati minha cabeça no chão, me levantei devagar sentindo sangue cair da ferida porém estava se alto-curando. Virei para a Parkinson que sorria e deixei meu rosto transformar e corri numa velocidade até ele e a peguei pelo cabelo e puxei a jogando longe, ela caiu e gemeu me olhando assustada.
- Margô não faz isso - gritou Draco e eu o olhei irada - vai pegar pro seu lado, não suje suas mãos com esse sangue patético!
Acenti e fui até a garota e a levantei pelo braço.
- pede desculpa! - falei e ela riu fingindo ser forte.
Aumentei o aperto no seu braço e ela gemeu.
- Desculpa por favor, não me machuca! - falou e eu sorri e a larguei.
- se fizer de novo eu sugo cada gota de vida das suas veias - falei e ela acentiu assustada.
Fui até Hermione que se afastou mais sorriu forçado, ela tinha medo de mim agora.
- desculpe - ela falou imediatamente e eu sorri.
- leva pro Harry, preciso fazer umas coisas  - falei e vi Draco tentar se aproximar mais eu saí de perto e andei para fora do castelo.
Eu precisava pensar um pouco, por que fui nascer assim? Uma aberração, todos tem medo de mim...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...