1. Spirit Fanfics >
  2. Uma viagem entre amigos >
  3. Capitulo 12: O Tesouro

História Uma viagem entre amigos - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


Oiiiii pessoas, faz um bom tempo né, foi mal... mas tenho uma boa noticia, eu "ganhei" um computador ehhhhhh, e dai vou tentar postar uma vez (ou duas se der) vezes por semana.
bom... boa leitura e foi mal pelos erros.

Capítulo 12 - Capitulo 12: O Tesouro


 

* Astrid

 

Quando chegamos carregando o baú, alguns estavam sentados nas pedras e outros estavam nadando e se pegando.

 

Merida,Sophie , Filip, Kris e Anna estavam descansando nas rochas, enquanto Punzie jogava água em Flinn, e Elsa e Jack não tinham nem sinal de vista.

 

Merida - Que porra é essa ?-  perguntou encarando o baú. 

Eu - Sei lá, eu e o Soluço estávamos ...bem...-

 

Soluço - Achamos isso no meio de umas rochas atrás da queda da cachoeira -

Anna - Nossa, que legal, vamos chamar a Elsa e o Jack, e voltamos para a praia abrir isso-

 

depois de uns gritos, eles decidem aparecer. Eles estavam suados e arfavam.

 

Flinn - Pelo jeito estavam se divertindo bastante -

Jack - Hum , muito, fugindo de uma nuvem de abelhas -

Punzie - Caramba -

Elsa - Pois é , corremos por um bom tempo até despistar aquele enxame.-

 

Caralho, pelo que parece eles realmente tinham corrido um bocado.

 

Soluço - ok, ok  , vamos voltar logo, estou muito ansioso- depois dele falar isso, ele catou um lado do baú e Jack pegou o outro, e começaram a carrega-lo.

Começamos a caminhar em direção a praia. Eu tentava no maximo  não olhar pra cara da vadia sem querer estourar ela,  já que ela estava se escorando no Soluço,mas era quase impossível . Quando eu ia grudar no cabelo dela a Merida se aproximou de mim, ela estava com um sorriso bem estranho no rosto, então dei um um voto de confiança no Soluço  e me virei pra falar com ela.

Merida - Quero falar com você por favor - nessa frase tinha duas coisas erradas. Primeiro: A Merida não era muito silenciosa e segundo : desde quando ela pedia educadamente?

Eu - Ok, claro - respondi ficando um pouco mas para  trás com ela.

- Pois bem... eu queria te dizer que...que -

- Desembucha  de uma vez-

- Eu acho que to afim do Filip -

- MAS QUE CARA...hum- ela tampa minha boca com força

- Cala boca Astrid, quer que a ilha inteira saiba?-

-foi mal... mas isso é muito legal , já tava na hora de você desencalhar kkk-  (recebo um pequeno tapa na nuca)

-Aff , por que vou tentar falar com você- depois disso demos risada e aceleramos o passo para alcançarmos nossos amigos.

 

 

 

*Soluço

 

 

Assim que chegamos ,larguei o baú na areia e sentei ao seu lado examinando o grande cadeado de o fechava.

Eu - Astrid , eu vou precisar do seu... machado- ela já tinha tacado o machado no cadeado e o quebrado em dois.

Astrid - Atá, claro que eu vou deixar meu maravilhoso machado, em mãos alheias -

Revirei os olhos e terminei de abrir o baú , dando de cara com um pedaço  de papel enrolado preso com uma fita de couro, e um mapa que parecia ser muito velho. Eu entreguei o papel para Astrid enquanto eu observava o mapa, e tirei um monte de areia de cima de uma caixa, abri devagar a tampa e vi algo que parecia diários de bordo, e algumas pequenas moedas brilhantes antigas.

Astrid -Wou , olha o que tá escrito-

Sophie -  Isso é impossível de ler, que língua é essa?- 

Astrid - Isso é em runas gatora- 

Então ela começou a ler:

 

"Quem desvendar esse enigma será o vencedor, ache o prêmio encantador, quem esse prêmio ganhar, poderá salvar seus amigos e sua própria vida salvar. 

É uma coisa grande, porém pequena para os mares. Em areia deverá andar, para poder entrar, cuidado para não tropeçar , senão uma morte dolorosa irá encarar.

Assim que entrar puxe a coisa pesada e sua vida estará salva.

                                                                                                                                boa sorte"

 

 

Sophie - Que bosta -

Astrid - Se não tem nada de bom pra falar, então cala a boca- 

Sophie rolou os olhos 

Eu - Não vamos brigar ok?-

Astrid e Sophie se olham mortalmente e desviam o olhar para mim em resposta a minha pergunta. Todos olhavam calados tentando compreender.

Eu - Ótimo, agora vamos dormir, amanhã sairemos bem cedo para procurar esse tal tesouro.-

Elsa - Tá, calma senhor líder , deixa eu ver se entendi, você quer que entremos na floresta pra correr risco de vida pra procurar sabe caralhos o que?-  Aff nem é dramatica.

Eu - Exatamente-

Anna - Nem por um caralho-

Me cansei e respondi - Aé, então vcs preferem ficar sentados nessa praia até morrer ?-

silencio, só se podia ouvir as ondas.

Jack então falou - Eu não sei vcs , mas eu não fui muito com a ideia de morrer aqui-

Astrid - Estou com o Soluço , mesmo que não tenha nada, não custa tentar-

 

Parece que a fala do Jack e da Asty inspiraram alguns a perder o medo .

Merida suspirou e então disse - Ok , aqui estava muito chato mesmo. Bom, vamos dormir que temos uma longa viajem amanhã -

Todos assentiram e foram deitar.

Deitei ao lado da Astrid. - Vc tá bem ?-

- Ah... sim estou, só to ansiosa para amanhã , o que vc acha que é esse tal tesouro é ?-

- Eu não sei , mas espero que nos ajude -

- Sim , boa noite Soluço -

- Boa noite Astrid -

Dei um beijo nela ,e então dormimos abraçados.

 

 

                                                                                                                                              CONTINUA...

 

 

                                                                                                            


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Não sei se a parte do enigma ficou boa kkk.
Comentem o que acharam e obrigado por lerem , bjosss.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...