História Uma Viagem Entre Dimensões (Em Busca Das Jóias Do Oráculo) - Capítulo 1


Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Félix, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Jalil Kubdel, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Nooroo, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain, Wayzz
Tags Magia, Mistério, Viajem
Visualizações 9
Palavras 1.964
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Survival, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Fiquei muito ansiosa, não aguentei esperar para lançar esse episódio!!!
Espero que gostem da nossa nova aventura!

Capítulo 1 - The Chosen (Part One)


Fanfic / Fanfiction Uma Viagem Entre Dimensões (Em Busca Das Jóias Do Oráculo) - Capítulo 1 - The Chosen (Part One)

E tudo começa da mesma forma como termina, com apenas uma escolha feita por cada um de nós.

Flower Nightfall

Há semanas ou talvez até mesmo meses, ninguém tinha paz na cidade luz, a única e bela Paris não parecia mais a mesma, nem mesmo o povo que vivia nela se lembrava mais como eram suas vidas antes daqueles dias que se propagam, apenas por fotos que ainda estavam guardadas, mas que traziam dor para aqueles que viam.

Mal saiam de casa, não viam ninguém a vários meses, pois, a qualquer momento poderia surgir um super vilão para atacar a cidade, muitas pessoas já se encontravam akumatizadas, não se tinha mais esperanças para o apocalipse no qual estavam.

— Mais um dia, eu acho que já perdi todos os meus amigos... Eu não sei mais o que fazer. – uma garota ruiva se jogou em sua cama, olhando para seu teto que era a única coisa que via a mais de nem se lembrar mais quanto tempo, logo seu olhar se encontrou com o quadro que tinha em seu quarto onde as fotos de seus amigos repousavam as na forma civil e agora as de super vilões, quem estavam lá bem... –

Ivan BruelCouer De Pierre

Myléne Haprèle - Horrificator

Nathanael K.?

Alya Césaire?

Nino Lahiffe?

Juleka Couffaine - Reflekta

Rose LavillantPrincesse Fragrance

Chloé Bourgeois - ?

Sabrina RaincomprixInvisible

Kim Lê Chièn - Dislocoeur

Max KantéLe Gamer

Alix Kubdel - Chronogirl

Lila RossiVolpina

Miranda Mendès Hernández - ?

Marinette Dupain-Cheng?

Adrien Agreste?

Vincent Lombez?

Roberta Hirson?

Adam BessinReplay

Beatriz TingLa Neutraliser

Aurora BorealClimatika

Jagged StoneGuitar Vilain

OndineSyren

Marc AncielReverse

Roger RaincomprixRogercop

Armand D’ArgencourtLe Chevalier Noir

Manon ChamackLa Marionnettiste

Wang ChengKung Food

Jalil KubdelLe Pharaon

Simon GrimaultBlackjack

— Faltam poucas pessoas para completarem a minha sala... Eu, Adrien, Marinette, Alya, Nino, Nathanael, Vincent, Roberta... Apenas nós... – uma lágrima escorreu por seu rosto, quando uma grande explosão se fez do lado de fora, fazendo um pouco de vento entrar em seu quarto – Quem está aí?

— Por que não tenta adivinhar Miranda... – aquela voz, ela sabia quem era uma de suas amigas mais queridas, a mais doce entre muitos de sua turma –

— Rose...

— Não! Sou Princesse Fragance! E você se curvará diante de mim! – antes de atirar o perfume, Miranda olhou para ela sem medo algum, ainda era sua amiga que estava ali, seus pais disseram para bater em caso algum “monstro” como eles chamavam entrasse, mas eles não eram monstros eram seus amigos que ela amava muito não podia fazer isso, não com ela –

— Você quer mesmo fazer isso comigo Rose? Eu nunca te fiz nenhum mal... – seus olhos castanhos esverdeados não desviavam dos olhos rosas no lugar dos azuis – Sou sua amiga... Apenas quero o seu bem... – sem mais nem menos Princesse Fragance saiu do cômodo rapidamente, Miranda sem entender absolutamente nada se virou para o espelho se deparando com um brilho perolado ao seu redor, que logo sumiu e em sua mesa surgiu uma caixa preta com detalhes em pérola e púrpura – Mas que raios é isso!?

❇ ❇ ❇ ❇ ❇

— Faz quanto tempo que não vemos a luz do sol? – uma garota de cabelos azuis olhava pela janela de seu quarto, quero dizer pelas brechas das vigas de madeira que estavam na frente dela – Saudades do pessoal... Eu queria poder ajudá-los. – uma lágrima solitária escorreu por seu rosto caindo no chão em seguida, e mal notou quando um brilho rosado saiu de seu corpo indo para mesa de seu quarto –

— Querida! Pode descer aqui um minuto!? – sua mãe gritou no andar de baixo, e sem pestanejar a azulada desceu e foi ver o que a mesma queria –

— Sim mãe.

— Mais um akuma... Desta vez foi... – a azulada olhou para TV, e se espantou ao ver quem era –

— A Senhora Chamack... Primeiro foi a Manon, agora a Nadja... Paris está indo de mal a pior. – a mesma correu para seu quarto se trancando lá dentro, e viu a caixinha em sua mesa, preta com detalhes em vermelho – O que isso tá fazendo aqui?

❇ ❇ ❇ ❇ ❇

Não muito longe da casa da azulada, um rapaz loiro de olhos verde continuava preso em seu quarto, fazia bastante tempo que não via seus amigos, passar tanto tempo longe machucava muito.

— Queria que isso acabasse logo... – havia se levantado e caminhado até suas janelas, de onde dava pra ver todo o caos que Paris estava passando nos últimos meses, a polícia não estava dando conta, não mais, adoraria poder fazer algo, o que ele não notou foi o brilho esverdeado saindo de si e indo para sua mesa de centro – Marinette... Sinto saudades suas baixinha... – colocou a mão sobre o vidro e notando um reflexo que não estava ali antes, se virou e encontrou uma caixinha preta com detalhes vermelhos – O que isso tá fazendo aqui?

Os três abriram as caixas ao mesmo tempo e luzes saíram de dentro das mesmas, uma em púrpura perolado, outra em rosa e a outra em verde, e na frente de cada um apareceu uma criaturinha que flutuava.

— O que raios é você!? – Miranda gritou assustada, para o seu azar seus pais estavam no andar térreo e o seu quarto ficava no terceiro andar – O que é você!?

— Eu? Eu sou uma kwami...

— Uma o que!? Tá, cadê as câmeras, Tiago se isso for uma brincadeira sua conseguiu me pegou, agora faz isso parar... – Miranda estava em um canto de seu quarto olhando para criatura a sua frente –

❇ ❇ ❇ ❇ ❇

— O rato inseto fala!?

— Não, não, não, Marinette se acalme!

— Mãe! Pai!

— Não, por favor! Eu sou amiga Marinette, não precisa ter medo, não irei te machucar. – Tikki olhou para sua nova portadora tentando a acalmar, pelo jeito teria bastante trabalho pela frente –

❇ ❇ ❇ ❇ ❇

— O que é você? Quem?

— Eu sou um kwami garoto, te dou poderes se usar o anel. – Plagg começou a falar para seu novo portador que por um milagre divino deve ter sido o único a levar numa boa isso –

— Quer dizer que com esse anel, eu posso me tornar um super herói? – Adrien olhou novamente para o kwami gato a sua frente –

— Exatamente. E assim poderá ajudar a trazer Paris de volta ao normal, pelo menos um pouco. – o kwami deu de ombros e voltou a olhar para o portador –

— Certo, eu quero minha cidade de volta, e farei o meu melhor para isso acontecer!

— É assim que se fala!

Plagg “Transforme moi!”

❇ ❇ ❇ ❇ ❇

— OK... Se eu sou uma heroína, meu dever é lutar pela minha cidade e as pessoas que eu amo! – Marinette se olhava no espelho que tinha no seu quarto, estava confiante de si, queria ajudar sua cidade essa era sua chance, ouviu todas as explicações de sua kwami, que se mostrou ser um amor – Certo Tikki?

— Pegou rápido Mari. Vamos trazer Paris de volta a vida! – a vermelhinha voou ao seu redor sorrindo, enquanto Marinette dizia a palavra –

Tikki “Transforme moi!”

❇ ❇ ❇ ❇ ❇

— Me chamo Halley, kwami do miraculous espaço-tempo, e te dou poderes mágicos capazes de salvar essa cidade. Então o que me diz? – Halley olhava para menina que estava de pé encarando seu miraculous –

— Eu... – ouvira um som forte do lado de fora de sua casa, ao voltar seu olhar para o miraculous seus olhos acabaram captando o quadro com os akumatizados, sua expressão se fechou e colocou o diadema em sua cabeça ajeitando seus cabelos para a mesma ficar ajeitada em sua cabeça como uma coroa – Eu aceito, meus amigos estão sendo manipulados por esse cara, e eu não vou permitir isso por mais tempo! Halley “Transforme moi!”

Os três saíram de suas casas, sem temer o que poderiam enfrentar, acabaram por se encontrar no mesmo edifício que ainda insistia em continuar firme e forte bem no centro de Paris... A Torre Eiffel.

— Quem são vocês? – a joaninha perguntou empunhando o ioiô em caso fossem akumas –

— Opa, calma aí joaninha, não sou inimigo não. – o gatuno tentou se defender da azulada que estava próxima a si –

— Como posso saber?

— Deixe-me pensar, talvez por só nós três estarmos no alto dessa Torre que eu não vejo a meses, que estamos com roupas que pra ser sincera jamais imaginei que algum dia usaria, sabemos sobre os kwamis, temos poderes e sendo sincera eu acho meio difícil uma pessoa normal subir aqui em cima sem o elevador. – a garota ruiva falou e fez com que a joaninha abaixasse o ioiô – Obrigada por não atacar amore.

— Mandou bem... Onde aprendeu isso? – o bichano perguntou para ruiva acima de si –

— Turma de debate da escola, ninguém me supera. Quais são seus nomes?

— Não temos tempo pra apresentações... – a joaninha começou, mas olhando pra ruiva decidiu falar logo – Ladybug, e você bichano?

— Chat Noir, e a acrobata aí encima? – falou olhando pra cima junto da joaninha –

— Chesrise. Temos que ter um plano pra trazer essas pessoas de volta...

— Por que Chesrise? – o gato perguntou –

— Por isso... – abriu um sorriso mostrando os caninos e desapareceu enfrente aos olhos dos dois, surgindo ao lado deles – Olá.

— Não vai dá certo dois gatos aqui não... – a joaninha começou, mas havia gostado da gata ao seu lado – Mas, desde quando a vida é justa não é? Alguma ideia de como vamos trazer todas essas pessoas de volta, deve ter no mínimo umas dez eu acho...

— Vinte e dois akumatizados. – os dois olharam pra gata surpresos – Que foi? Esses são os que eu conhecia, vinte e um com a Senhora Chamack. Isso porque nem tentei ver quem eram as outras pessoas. Algum plano chefia?

— Falou comigo? – a joaninha perguntou e a gata apenas afirmou – Temos que descobrir onde os akumas estão... Mas, não sei se será tão fácil.

Uma mão feita de pedra tentou pegar as duas garotas que desviaram por pouco, e o gato desviou antes vendo o ataque e segurando a joaninha pela mão.

— Acho que encontraram a gente. – ele falou, olhando para o ser de pedra que procurava por eles – Quem é esse?

— Ivan Bruel... Estudante no Colégio Françoise Dupont, nome de vilão Coeur de Pierre, traduzindo Coração de Pedra. Se separem, e tentem procurar os pontos fracos desse cara... – antes de terminar sua frase algo a jogou longe –

— Chesrise! – os dois heróis gritaram, antes de quase serem pegos novamente, então se colocaram a correr por Paris –

— Mas que merda! – a gata olhou para o cara que a atingiu e era... – Kim? Não...

— Não! Sou Dislocoeur!

— Tá de sacanagem! Eu não quero te machucar! – ele nem me deu ouvidos e veio pra cima de mim, me fazendo puxar uma das minhas flechas e atirar nele – Dois arqueiros meu caro Cupido... Quer ver quem é o melhor?

— Mestre, como é possível isso? – um kwami esverdeado se pronunciou para o ancião –

— Eles são os escolhidos Wayzz, observe. – os dois olharam para a caixa dos miraculous que brilhavam com força, os que brilhavam agora eram justamente o da raposa e o da abelha – Termos mais duas heroínas.

— E dois heróis, Mestre meu miraculous está escolhendo um novo portador, e o do pavão está fazendo o mesmo.

O ancião olhou para o companheiro de tantos anos, e se despediu, por mais que soubesse ainda estaria ali até quando um novo guardião aparecesse.

— Chegou a hora... Eles já foram escolhidos.


Notas Finais


O que acharam???
Os termos futuros irão aparecer em breve, teremos muito mais aventura esperando!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...