História Uma Vida Com Você - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Leon Goretzka
Personagens Leon Goretzka, Personagens Originais
Visualizações 62
Palavras 1.244
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Uma Vida Com Você - Capítulo 1 - Capítulo Único

Eu me analisava minusciosamente no espelho buscando por algum detalhe que poderia estar fora de lugar, tinha sempre essa mania, quando tinha que sair sempre buscava estar perfeita, eu vestia um macacão preto com um colete branco por cima que ia até a altura da cintura, usava rasteirinhas não muito chamativas e meu cabelo estava em um coque bem alto.

 Mas minha atenção parava no pequeno volume no centro do meu abdômen que já estava sendo marcado no macacão, minha barriga de grávida, já estava no quinto mês de gestação e ela estava começando a crescer mais rapidamente, num momento já não conseguia parar de olhar pra ela e acariciá-la e imaginar como aquele pequeno ser humano que crescia em mim iria ser quando nascesse, eu sempre me pegava pensando nisso, então uma voz muito conhecida me fez sair dos meus pensamentos e dar de cara com os olhos mais lindos do mundo me encarando pelo espelho.

- Você é linda amor, não precisa ficar procurando defeito no espelho, já disse que você não irá encontrar. - Leon, meu namorado disse bem perto de mim.

Só de ouvir sua voz era como se uma corrente elétrica passasse pelo meu corpo me deixando estática. 

Leon se aproximou mais de mim e delicadamente me abraçou por trás repousando suas mãos em minha barriga, por cima das minhas, um sorriso maior ainda surgiu em meus lábios com aquele gesto, ele conseguia ser tão protetor certas vezes. 

Meu namorado colocou o rosto na curvatura do meu pescoço me fazendo arrepiar automaticamente com seu toque, senti um sorriso escapar de seus lábios ao ver a reação que tinha em mim.


- Não estava mais me olhando amor, estava olhando ELA. - Disse fechando meus olhos e sentindo aquele perfume que me fazia ir às estrelas e voltar em um segundo. - Como será que ela vai ser Leon? - Abri meus olhos olhando para o espelho e vi que Leon me encarava por ele também.

- Ela vai ter seus olhos, porque são os pares mais lindos que vi em toda minha vida. - Leon disse em um tom que me faz corar, estávamos juntos há tanto tempo e seus elogios ainda me faziam bambear. Sorri com aquilo tudo. - E você amor? Como acha que ela será?

- Ela terá seus cabelos castanhos. - Falei e fiz uma pausa olhando o sorriso tímido de Leon se formar. - E seus cachinhos irresistíveis. - Falei por fim rindo me lembrando de todos os momentos em que perdi meus dedos naqueles cachinhos, Leon mordeu o lábio inferior de uma forma muito sexy me fazendo ter certos formigamentos.

- Eu só espero que nenhum homem faça com os cachinhos dela o que você ama fazer com os meus. - Leon riu pervertido e dei um tapa em seu braço.

- Oras, eu sei que você ama. - Finji estar emburrada e senti novamente os lábios de Leon em meu pescoço.

- Eu amo quando você engrunha seus lindos dedos neles, me dá uma sensação incrível que só você me dá, é exatamente por isso que não quero nenhum tarado fazendo isso com a minha pequena. - Leon disse com uma voz tão doce já demostrando um cuidado tão grande com ela que foi inevitável sorrir novamente.

- Amor, ela não vai ser sua pequena pra sempre, um dia ela crescerá. - Falei fazendo Leon levantar o rosto e falar bem perto do meu ouvido.

- Enquanto eu viver, ela será minha pequena. - Ele disse enquanto acariciava minha barriga.

Ficamos um tempo ali parados em silêncio apenas aproveitando a companhia um do outro quando me lembrei do que teria que fazer em algumas horas: conhecer a família de Leon, já havia os conhecido antes, mas dessa vez seria a primeira que eu estava grávida e todos estariam lá para passar o Natal juntos, tinha medo de certas reações; eu e Leon nos conhecemos na faculdade em Berlim e sua família é de Bochum, e agora que estamos formados e começando nossas carreiras vem esse frio na barriga que se chama responsabilidade. 

Respirei fundo tentando tomar coragem para o que viria e Leon já sabendo do motivo desse suspiro me envolveu ainda mais em seus braços.

- Amor, vai dar tudo certo, minha mãe vai amar te ver. - Ele me deu um beijo na têmpora me fazendo fechar os olhos e sentir seu toque simplesmente.

- Como você tem certeza Leon? Isso tudo aconteceu tão rápido, sei que ela queria que você se firmasse primeiro profissionalmente. - Disse tentando segurar uma lágrima que logo sairia.

- É simples meu amor.-Leon me virou de frente pra ele. - Ela ama o que eu amo.-Ele disse como se fosse algo óbvio e me puxou para um beijo caloroso. - E. - Leon interrompeu o beijo e colou nossas testas. - Eu amo vocês. - Ele disse olhando em meus olhos e acariciando minha barriga, eu não tinha palavras pra descrever o quanto eu amava aquele homem, ele simplesmente era o amor da minha vida, suas palavras por mais simples e idiotas que fossem as vezes sempre eram sinceras e me traziam paz, como se dissessem sempre que tudo ficaria bem e que ele estaria comigo. - Amo vocês duas. - Leon continuou me dando um longo selinho. - E eu vou estar lá com vocês para o que der e vier e não deixarei vocês sozinhas. - Ele finalizou dando um beijo na ponta do meu nariz, nesse momento um mix de sentimentos explodia em mim, eu queria sorrir, chorar, gritar, agarrar aquele homem é falar para todo mundo o quanto eu o amava.

 Abri meus olhos e encontrei Leon me encarando, seu sorriso estava um pouco mais suave, mas ainda assim estava sensacional, coloquei as mãos em seu pescoço e o puxei ele para mais perto de mim.

- Nós duas também te amamos muito mesmo, tanto que não conseguimos nem explicar com palavras. - Eu tentei falar e sabia que já tinham algumas lágrimas rolando, Leon abriu um sorriso incrível com aquelas palavras, o sorriso mais radiante que ele já deu em toda sua vida.

- Então não precisa me explicar com palavras, meus amores. - Leon disse quase num sussurro antes de me puxar para mais um beijo, um beijo completamente apaixonado e que conseguia explicar sentimentos que palavras nenhuma explicariam naquele momento.

Quando nossas línguas se encontraram, ainda bem que Leon me segurava pela cintura se não eu iria cair ali mesmo, como de costume levei uma de minhas mãos até seus cachos os puxando e enrolando meus dedos nele, senti Leon sorrir entre o beijo ao sentir o que eu fazia e me lembrei dele dizendo que amava quando eu fazia isso, uma de suas mãos envolta em minha cintura me segurava com firmeza e ao mesmo tempo de uma forma delicada para não machucar minha barriga e com a outra mão livre ele acariciava o lugar onde nosso pequeno pacotinho ainda se formava, ao partirmos o beijo ficamos nos encarando ofegantes mas com sorrisos gigantes nos lábios, dali pra frente sabíamos que as responsabilidades cresceriam e que não seríamos mais os mesmos adolescentes apaixonados que se encontravam às escondidas nas salas dos dormitórios as noites, que matavam aula somente para ficar juntos, dali pra frente nossas escolhas não seriam somente mais para nós, teríamos que pensar no time todo, na nossa família que começava a se formar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...