História Un Unknown Killer-Kim Taehyung - Capítulo 62


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Monsta X, SHINee
Personagens Hyung Won, I'M, Joo Heon, Ki Hyun, Kim Namjoon (RM), Kim Taehyung (V), Min Hyuk, Minho Choi, Park Jimin (Jimin), Show Nu, Taemin Lee, Won Ho
Tags Amor, Drama, Romance, Violencia
Visualizações 224
Palavras 1.038
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Lírica, Mistério, Policial, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura/Amo vocês
▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪
Intro:Love
▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪
Se tiver erros, me desculpem.
▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪

Capítulo 62 - Son


Fanfic / Fanfiction Un Unknown Killer-Kim Taehyung - Capítulo 62 - Son

▪Son▪

Povs.On Jane

Encarei poucas vezes Minhyuk. Ele parecia confuso com o que as meninas tinham acabado de falar pra ele.

-Eu ainda não entendi…-Hannah riu da cara dele. Ele me olhou e eu desviei. Não querendo me envolver naquilo.

-Bom…-Hannah elevou sua voz começando a falar com todas as que estavam no quarto-começaremos agora nosso desfile!!-ri baixo e me juntei no canto junto a Liz.

-O que?-Minhyuk disse

-Minhyuk vai ser nosso jurado. Vamos lá!-pude ouvir uma música começar. Ri abafado e vi a cara de desespero do garoto.

Notei Aby aparecer. Ela utilizava apenas uma lingerie preta e um salto alto. Ela desfilou ali no meio e "sensualizou" para Minhyuk.

Algumas das garotas riam do gesto da garota, assim como ela mesma fazia junto a música.

Minhyuk engoliu em seco, enquanto apoiava suas mãos nas suas coxas.

Vi Evie surgir logo atrás de Aby com uma lingerie vermelha. Elas estavam tão bonitas, mas levavam tão na brincadeira.

Evie já foi ainda mais ousada se sentando no colo do garoto.

Virei em outra direção, não querendo olhar.

Notei uma outra garota. Ela era nova em meus olhos, mas não deixava de ser bonita. Ela utilizava um branco.

Elas dançavam e sensualizavam para Minhyuk sem comprometimento.

-O que foi?-me virei para Liz e sorri falho-Parece que está incomodada com algo-neguei,mesmo vendo aquelas garotas tão próximas de Minhyuk-É alguma coisa com ele?-apontou com os olhos e eu voltei a negar.

-Não é nada...só estou exausta…cansada de tudo-ela assentiu-Ainda mais sabendo que voltarei pra aquele escuro.

Passei meus olhos por aquela "festinha" que todas estavam tendo. Minhyuk era tão bom em disfarçar que estava gostando.

[Quebra de Tempo]

Olhei pro meu prato que estava na bandeja, sem tocar na mistura que estava ali.

Engoli em seco, revirando a carne no prato. Parecia estar deliciosa, mas…Austin não parava de me olhar.

Ele ficava parado na porta, enquanto HyunWoo falava coisas aleatórias.

Eu não ouvia, apenas tentava comer. Eu precisava.

-não quero que seje a última vez que estou te dando esta proposta…aceite logo-falou enquanto ajeitava sua roupa no cabide.

Ele respirou fundo, vendo que não teria fala.

-Emma…-levantei minha cabeça

-eu não quero ficar aqui...-deixei de lado a bandeja-Me leve logo pra lá-olhei pra Austin de longe-Eu não quero ficar mais aqui-ele veio em minha direção

-ok...-disse firme enquanto tomou meu pulso

HyunWoo me puxou fortemente e me levou até a porta. Engoli em seco e seguimos para o corredor.

Ele me puxava, com força naqueles braços grossos. Não ousei olhar pra trás. Apenas vi o escuro já que estava de noite.

Não demorou pra que eu chegasse novamente naquela ala. Nós entramos no mesmo cômodo escuro. Aquele lugar me dava pavor.

Ele me empurrou contra a parede. Arfei, estava tão gélido e ele tomou meus dois braços e os levantou, não demorando pra prender minha mãos junto aquelas correntes velhas.

Ele me regulou e umideceu seus lábios.

-Você teve escolha…não teve?-se aproximou e eu abaixei a cabeça assentindo não querendo sentir mais sua respiração pesada no meu rosto.

Suas mãos desceram e tocaram no meu quadril. Ele mesmo desceu meu short, que nem na última vez que ele pediu.

Respirei sôfrego novamente sentindo o vento nas minhas pernas. Cruzei as mesmas com agonia e ele riu abafado.

-poderia estar deitada comigo no quente…-ele negou com a cabeça, enquanto passava suas mãos nas minhas coxas.

As fechei ainda mais, manhando baixo.

-pare por favor…-fechei meus olhos e vi aquelas mesmas mãos continuarem, agora nos meus seios. Passando lentamente para o meu pescoço.

Sua mão se envolveu ali e ele aproximou seu rosto. Fez a mesma coisa que na manhã. Me contorci ainda mais quando senti seus lábios grossos tocarem minha pele com finos beijos.

-A-ah...-aqueles beijos se passaram para chupões de uma forma tão violenta-A-Ahh…pare!-me sacodi olhando pro teto.

Ele parou aos poucos, demorando pra tirar suas mãos de qualquer parte no meu corpo.

Respirei sôfrego, cansando minha cabeça.

-vai embora...por favor-manhei baixinho, apertando ainda mais minhas pernas.

Eu não estava aguentando aquilo.

Ele largou minha parte de baixo pelo chão.

-Eu voltarei cedo pra vir te buscar…-não o olhei-Apenas te dei uma prévia do que vai ser amanhã.Durma bem Emma…-neguei segurando minhas lágrimas.

Ouvi a porta se fechar e mais outra vez neguei desesperadamente.

Eu estava agoniada. Ainda podia sentir o pouco de saliva que ele tinha deixado no meu pescoço e o quente dos seus chupões.

[Dia Seguinte]

Acordei sozinha, com uma luz forte no meu rosto.

Olhei na direção da porta que dava pra se ver melhor de manhã e nada…ninguém aparecia.

Olhei pras minhas mãos, elas ardiam tanto.

Respirei fundo, tentando não chorar. Aquilo doia.

Levantei minha cabeça com um barulho e fiquei envergonhada quando vi que era Jooheon. Ele destrancou a porta e veio em minha direção.

-Jooheon…tire logo, isso está me machucando-ele não demorou pra fazer. O abracei na mesma hora e senti sua mão tomar minha cintura. Me envolvevendo-obrigada...-deixei poucas lágrimas cairem-Eu não aguento mais isso…-me separei e ele tirou rapidamente com um pouco de vergonha.

-Apenas obedeça Emma…-neguei e vi ele se abaixar pegando minha parte de baixo. Fiquei ainda mais vermelha. Eu esqueci que estava apenas de calcinha. Coloquei e agradeci-venha comigo e faça o que eu mandei-disse com uma voz diferente. Eu apenas concordei e senti ele segurar no meu braço.

O que aconteceu que desta vez HyunWoo não veio?

-Onde está Minhyuk?-ele levantou seu olhar

-Ele cuida das portas, é proibido de subir-fiz uma cara confusa

-Por que?-ele mexeu os ombros

-não faço a menor ideia…só sei que não consegui dormir direito-ri baixo enquanto massageava meu pulso esquerdo. Tentando aliviar a dor.

-O que aconteceu?-ele riu me olhando

-Aby…-O olhei ainda mais estranho-Ela geme que nem uma gralha!-tampei minha boca, quando gargalhei.

-Serio??-continuei a andar por aqueles corredores

-Não consegui em momento algum dormir…os quartos de Changkyun e de Hyungwon ficam do lado do meu...-eu não podia parar de rir.

-Imagino…não pode descansar um pouco?-se negou estericamente. 

-Bem que eu queria…-abaixou a cabeça e eu tinha tanta dó dele.

-Você também se aproveita dessas coisas?

-Não...Eu e Minhyuk somos os únicos que não se aproveitam...-assenti vendo que já estávamos chegando no quarto das outras meninas.

Parei em frente à porta.

-HyunWoo pediu pra avisar que saira mais tarde com ele...-virei um pouco a cabeça

-Onde?-ele negou

-Não sei direito...mas-levantou a cabeça-Acho que como com todas ele fez, ele vai te levar até a última garota…


Notas Finais


OK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...