História Uncontrollably Fond (Long Fic) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Colegial, Jikook, Jimin, Jungkook, Kpop, Minjoon, Namjoon
Visualizações 86
Palavras 1.279
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaaaa, como estão? Como foram o final de semana de vocês? Espero que maravilhoso. BTS CHEGOU A 10M NO TWITTER \^^/

Então gente, como prometido um capítulo na segunda pra compensar a semana sem att e vai ter outro nesta sexta, eu espero que vocês gostem, e comentem, okay? ~incrível como o spirit tira a qualidade das fotos ;-;~ chega de papo.

Boa leitura.

Capítulo 7 - New Feelings


Fanfic / Fanfiction Uncontrollably Fond (Long Fic) - Capítulo 7 - New Feelings

Tradução: Novos Sentimentos

Jimin jurou que sentiu seu peito doer com as batidas tão forte que seu coração dava. Ele estava nervoso, não sabia nem o que dizer. Namjoon olhou pra trás e ficou confuso, afinal, quem era aquele? E porque Jimin perdeu toda a cor de seu rosto.

Jungkook respirou fundo, era claro que ele estava com vontade de amassar a cara do tal Kim Namjoon. Mas ele queria era mesmo conversar com Jimin, na verdade ele ansiava por isso.

ㅡ Jimin, que surpresa não?

Jungkook disse de forma irônica por causa do que acabou de presenciar. Ainda faltava ar para Jimin, e suas mãos estavam tão trêmulas que qualquer um poderia dizer que ele tinha mal de Parkinson.

ㅡ O que você está fazendo aqui?

Ele finalmente consegui formar uma pergunta.

ㅡ Eu vim atrás de você, obviamente.

Jimin agora sentia as lágrimas que estavam querendo aparecer, ele não iria segura-las. Ele olhou o local ao redor e se lembrou que Namjoon ainda estava ali, então precisava segurar as teimosas lágrimas que queriam vir.

ㅡ Namjoon, eu posso conversar com você depois?

Namjoon assentiu, mas antes de sair ele segurou na mão de Jimin e o olhou preocupado.

ㅡ Eu espero você chegar até a mim, mas antes, está tudo bem?

Claro que o ato não foi desapercebido por Jeon, mas ele escolheu manter a calma do que parecer um completo babaca arrumando briga por pouca coisa.

ㅡ Está tudo sim, depois eu falo com você, tá bom?

Namjoon apenas balançou a cabeça de forma positiva e saíu, deixando Jeon Jungkook e Park Jimin 'sozinhos'.

Jeongguk deu a idéia deles irem conversar no carro, mas Jimin se recusava alegando que ele poderia persuadir ele e gravar eles em momentos íntimos que talvez poderia acontecer. Então sem paciência, Jungkook segurou no pulso de Jimin e saiu arrastando ele por todo local da dança até a parte de fora da casa.

ㅡ EU FALEI PRA ME SOLTAR, PORRA. ㅡ Jimin puxou seu pulso bruscamente e começou a massagear o local para que não deixasse o seu pulso vermelho. ㅡ Por quê? Eu disse que nunca queria te ver novamente.

ㅡ Será que podemos conversar na droga do carro? Eu preciso conversar sério com você.

ㅡ Conversar o quê? Você vai no máximo me mostrar um monte de desculpas querendo que eu te perdoe e Jungkook, eu nunca irei te perdoar, você foi um....

Jungkook calou a boca de Jimin com um beijo, as palavras que o mais baixo soltava fazia com que ele se sentisse ferido, então apenas resolveu calar ele e matar a saudade dele ao mesmo tempo. Jimin se debatia, tentando empurrar o maior pra longe, mas era quase impossível contando com o tamanho de ambos. Então quando finalmente Jungkook parou de enfiar a lingua dele na boca de Jimin que nem um louco o mais baixo aproveitou para empurrar de vez o mais novo pra longe. Jimin cuspiu na grama e limpou a boca.

ㅡ Eu sei que você não tem nojo de mim.

ㅡ Eu tenho RANÇO de você, eu te odeio, você nem devia está aqui, o que você está fazendo aqui Jungkook? Não foi o suficiente a humilhação que me fez passar em Busan? Some da minha vida.

Jimin ia voltar para dentro da casa quando sentiu que Jungkook o segurava novamente, mas dessa vez Yoongi o impediu, dando-lhe um soco em seu rosto. Jeon cambaleou um pouco e pôs a mão sobre seu maxilar olhando pra quem o tinha acertado logo em seguida.

ㅡ Yoongi?

ㅡ Jungkook? Você é louco? Jimin disse pra deixa-lo em paz, não consegue nem fazer isso?

Yoongi deu as costas para o mais novo e puxou Jimin para dentro. Pra eles a festa já havia acabado.

🌟

O sábado foi um verdadeiro martírio para todos que foram a festa, com certeza a sopa de ressaca iria cair bem naquela manhã, mas não pra Jimin, porque nem a sopa bem feita de sua tia iria lhe tirar a dor se cabeça que sentia e sua dor tinha nome e sobrenome e havia voltado pra ficar.

Jimin não entendia como tudo mudou tão rápido, ele não passara nem um mês direito na nova casa e seu pesadelo havia voltado.

Quando Jimin pegou em seu celular ele viu uma mensagem de Namjoon, o que fez ele esquecer um pouco tudo que estava vivendo.

"Está bem? Quer almoçar comigo hoje?"

Jimin iria gentilmente recusar aquela oferta por mais que fosse bastante tentadora.

"Desculpa monie, mas hoje irei ficar um pouco em casa, que tal amanhã?"

"Woaah, está me chamando pelos apelidos, huh? 😀 Tudo bem!! Pode ser amanhã, tenha um bom dia mochi"

"Yoongi me paga por sair falando meus vergonhosos, apelidos. 😧"

" ㅋㅋㅋㅋㅋㅋㅋㅋㅋㅋㅋ são apelidos tão fofos quanto você"

"Haha, até mais tarde, beijoos."

"Beijoos"

Jimin se jogou na cama e respirou fundo. Com certeza a vida dele estava virando de cabeça pra baixo.

🌟

ㅡ Hora de acordar dorminhoco.

Jungkook ouviu a serena voz de seu hyung, com uma bandeja com uma sopa pra ele. Kook era muito agradecido por Seokjin sempre cuidar tão bem dele. Jin colocou a bandeja na cama de Jungkook e se sentou ao lado dele.

ㅡ E então, como foi com Jimin?

Jungkook rolou os olhos e respirou fundo antes de responder.

ㅡ Foi horrível hyung, eu sabia que ele seria difícil, mas não pensei que seria tanto, e nem pensei que ele por si só iria beijar esse tal Kim Namjoon, eu estou com muita raiva.

ㅡ Olha, você precisa ir com calma tá legal, ele ainda acha que foi você.

ㅡ Mas eu ia contar toda a verdade pra ele, mas ele nem quis me ouvir.

ㅡ Kook-ah, tenha paciência, eu vou falar com ele okay? Só não se precipite em fazer algo que pode fazer com que ele te ache mais babaca ainda.

🌟

O sábado passou relativamente bom, no domingo, Namjoon e Jimin decidiram sair um pouco. Durante o almoço eles acabaram por começar a conversar demais.

ㅡ Você namorou muito?

Jimin perguntou.

ㅡ Não, dois relacionamentos sérios que não deram certo.

ㅡ Ahh, e você se arrepende de ter começado esse relacionamento?

Namjoon olhou para Jimin ponderando a resposta que ia dar.

ㅡ Bom, eles não deram certo mas me ajudaram a crescer como pessoa e não cometer erros que cometi com relacionamentos que posso começar a ter.

Jimin sentiu seu coração bater mais rápido, ele poderia jurar que seu estômago ficava cheio de borboletas quando Namjoon abria a boca e falava coisas tão sábias.

ㅡ Namjoon.

ㅡ Sim?!

ㅡ Eu posso tocar na sua covinha.

Envergonhado Namjoon riu e balançou a cabeça de forma positiva. Ele se aproximou mais de Jimin e riu mostrando a covinha que ele tinha. Com seus pequenos dedos Jimin se aproximou e tocou, o rosto dele era tão macio, dava vontade de distribuir beijos por todo rosto dele.

ㅡ Quê?

ㅡ Hãn?

Namjoon riu novamente.

ㅡ Você sente vontade de beijar todo meu rosto, mochi.

Park sentiu todo seu rosto esquentar, provavelmente seu rosto e pescoço estava vermelho.

ㅡ Eu pensei alto, né?

Namjoon riu novamente e confirmou.

ㅡ O que aquele garoto, aah...como é o nome dele? Jun...jungkook!!! O que ele queria com você.

O Moreno suspirou e começou a fitar o copo que estava com coca-cola.

ㅡ Bom...ele é meu ex namorado.

ㅡ Seu ex namorado?

ㅡ Sim.

ㅡ Pelo visto ele não aceitou muito bem o fim do namoro, pra ele ter vindo atrás de você.

ㅡ Nós não tivemos um fim muito bom e eu realmente não gostaria de falar sobre isso.

ㅡ Claro, como quiser, sobre o que você quer falar?

Jimin sorriu, ele tinha esquecido como é bom ter alguém tão compreensível ao seu lado. O Kim era uma pessoa totalmente diferente de Jungkook, ele era uma pessoa que qualquer um poderia se encantar por causa da sua personalidade e doçura, e Jimin estava aos poucos se entregando de uma forma que não conseguia mais voltar atrás.


Notas Finais


Eu espero que tenham gostado. Minjoonzinho todo fofo pra vcs. Por favor NÃO DEIXEM DE COMENTAR, os comentários me ajudam bastante.

Link do trailer: https://youtu.be/5g90rteAle4

Twitter: @ Yoloyongi

Até sexta feira xuxus.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...