1. Spirit Fanfics >
  2. Under The Covers (Vkook Taekook) >
  3. Be natural

História Under The Covers (Vkook Taekook) - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Be natural


No dia seguinte, Jeon agradeceu por ter acordado e o Kim não estar no quarto dormindo, poderia tomar banho e se arrumar sem medo de encarar o garoto.

O café da manhã era servido numa outra área, onde os amigos já estavam esperando pelo moreno.

– Você sumiu ontem à noite – Yoongi começou, enquanto comia um pouco de arroz.

– Ele deve ter encontrado alguém para ficar – Hoseok riu.

– Você achou? – o de cabelos verdes arqueava a sobrancelha.

Jeon tossiu um pouco por lembrar do que tinha acontecido ontem, como iria contar aos seus amigos que ele tinha ficado com Kim Taehyung do clube de ginástica olímpica? E, falando nele, o garoto não se encontrava no café (sim, ele tinha olhado antes de entrar). Parando para pensar, o viciado em fotos era bem misterioso e Jungkook não se lembrava de o ver pelo campus. Talvez o ginasta só fosse muito reservado.

– Se eu contar uma coisa vocês prometem não surtar? – Jungkook olhou para seu prato com um embrulho no estômago.

– Depende do que for – Hoseok teve sua boca tapada por Yoongi.

– Pode falar, ele não conseguiria gritar assim – o esverdeado riu da cara de raiva do Jung.

– Eu meio que transei com um garoto ontem – Jeon disse e Yoongi ficou boquiaberto (ainda bem que Hoseok ficou com a boca tapada).

– Por cima ou por baixo? – Jung tirava a mão de sua boca.

– Óbvio que por cima – revirou os olhos.

– E foi bom? – Yoongi parecia muito interessado.

– Não foi ruim... – Jeon sentia o olhar de seus amigos o queimar. – Tá… Foi ótimo. Já admiti.

– Já ligou para avisar ao Hyung? – Jung dizia animado.

– Se tivesse ligado vocês já saberiam, desde ontem.

– Tem razão, deveria ligar para ele – Yoongi mexeu em seu cabelo.

– Acho melhor esperar um pouco mais… Pelo menos ver o rosto dele, antes de contar – Jeon sabia que os amigos estavam felizes, mas ainda achava estranho.

Depois de comer, os garotos saíram da área do café e foram para área com games. Apesar de estar cedo, os meninos queriam jogar alguma coisa.

Seria obra do destino ou muito azar encontrar, justamente, Taehyung lá? E o pior era como Jungkook sempre se lembrava do acontecido, todas as vezes que olhava para o seu rosto.

Talvez o Kim tenha percebido o desespero aparente de Jeon, pois ele sorriu olhando para o mais novo, mas não se aproximou, já que o menino estava ao lado dos amigos. Jungkook precisava lembrar de agradecê-lo depois.

– Jeon, não vem jogar? – Yoongi o chamou e o garoto se apressou.

Talvez Jungkook tivesse levado a história de esquecer sua ex ao pé da letra. Agora ele não pensava na antiga namorada, mas no garoto misterioso que foi seu fotógrafo e fez sexo consigo numa mesma noite.

1 dia depois...

Jeon estava de volta a sua faculdade, o que significava que sua rotina havia voltado também. Tinha que estar focado em dar o seu melhor nos treinos, para poder ir bem em competições e ganhar medalhas.

O dia começava às 5 da manhã, nesse momento era hora de acordar e se vestir para a corrida matinal com os outros nadadores do clube, que já esperavam, na frente do prédio onde as piscinas ficavam.

– Agora que vocês já estão revigorados quero que deem o melhor de si! Correndo! – o treinador apitava e os garotos começavam a dar passos rápidos para o campo de esportes.

Jungkook vestia o casaco esportivo da universidade e tentava manter sua respiração constante, para não sentir nenhuma dor durante seus passos. Mas não conseguiu por muito tempo, porque via, ao longe, o grupo de ginástica passar, com diversas meninas bonitas e alguns poucos homens, dentre eles, Taehyung.

Parecia algum tipo de carma, mas Jeon encontrava o Kim com muita frequência, desde que ficaram juntos nas montanhas.

– Parece que desde que te conheci te vejo toda hora e em todos os lugares que nunca vi – Taehyung corria ao lado de Jeon.

– É, não é? – o de cabelos pretos tentava não soar nervoso. – Acho que são várias coincidências.

– Parece mesmo. Te vejo depois, Nadador Jeon – deu um tapa em seu ombro e apertou o passo para alcançar seu grupo.

Jeon pode ver três meninos quando o Kim terminou suas voltas. Sendo um deles o capitão do time de futebol americano do campus, que chegou um pouco depois.

– Com quem você parou para falar ali atrás? – Seokjin o esperava com uma garrafa d'água e Jimin do seu lado.

– Foi o garoto que eu transei anteontem – virou a garrafa em sua boca e Park parecia que teria um infarto.

– Como assim??!! – o loiro elevou a voz, fazendo Kim rir.

– Taehyung! – Shin Hoseok apareceu e parou em frente ao trio.

– Hoseok, o que faz aqui? – ele perguntou simpático.

– Só olhando meu ginasta favorito correr. Vem ver meu jogo na sexta né? – o musculoso sorria.

– Não sei, vou pensar se terei que dormir mais esse dia ou não – deu a língua para o garoto que riu.

– Tenha certeza que viremos sim – Jimin disse balançando a mão.

– Agora volte a correr – Seokjin o apressava e ele saiu. – Volte a correr para eu poder dizer o quanto você é gato… – o mais velho suspirava. – Deveria dar uma chance para ele Tae.

– Se relacionar com um jogador nunca é coisa boa – o Kim andava com seus amigos a caminho do restaurante da universidade.

– Acho que é tarde demais para você dizer isso – Jimin se referia a vez no vestiário.

– Pelo menos, arrume um dos amigos dele para mim – Seokjin choramingava. – Não aguento mais apenas olhar e não poder tocar.

– Mas você não estava de olho no garoto que tem aulas de Grécia e Roma? – Jimin perguntou.

– É verdade… Inclusive, estou no quarto dele agora. É um pecado quando está sem camisa… – ele se lembrou e os meninos riram.

Os três se sentaram para tomar café da manhã e Jimin agradecia porque hoje comeriam kimchi.

– Essa é a melhor parte de viver na universidade – ele sorria gloriosamente enquanto comia.

– Agora, conte sobre você e o garoto da natação – Seokjin o olhava curioso.

– Bem, ele queria esquecer a ex e eu queria tirar fotos, aí a gente trocou – disse simples.

– Você foi por cima ou por baixo? – Jimin fez um sorriso engraçado.

– Por baixo, era a primeira vez dele com um garoto. Inclusive, vocês não podem falar disso. Não sei se ele realmente só me fodeu porque eu era o único ou se ele quis mesmo provar um homem.

– E falaríamos mais para quem? – Seokjin lembrou. – Esse garoto deve ter um remo bem abençoado para você aceitar ser passivo dele.

– Ele faz natação, não usam remo lá – Taehyung riu. – Mas sim, posso dizer que fui bem abençoado – sorria, lembrando de algumas coisas daquela noite.

– Veja as horas! Vou me atrasar! – Jin pegava suas coisas e saia sem se despedir.

– Ele sempre faz isso – Jimin riu. – Vai ensaiar com a gente hoje? Senti sua falta lá.

– Minha primeira aula é só 9:30. Acho que posso fazer algo com vocês antes de ir – Kim terminava de comer.

Taehyung adorava as diversas formas de arte e, apesar de querer ser um ginasta, gostava de acompanhar seu amigo Jimin em seus ensaios, já que o garoto fazia dança.

– Vamos? – o loiro perguntou e eles saíram para a sala.

– Jimin! Você chegou cedo – Jung Hoseok dizia ao ver os meninos. – Tae veio também, isso é bom!

Hoseok colocou a música em seu celular e os garotos tentavam se lembrar da coreografia que tinham feito a poucos dias.

– Pa, pa, pa, giro… clap clap – Jimin marcava os passos com os barulhos.

– Que acha de fazermos aquela coisa com a mão? – Taehyung fazia o movimento que não lembrava o nome.

– Acho uma boa fazer Vogue nessa parte também – Jimin apoiou seu amigo e fizeram.

– Então vamos fazer isso mesmo – Hoseok disse e marcaram a coreografia no tempo da música.

Depois que terminaram, Jimin e Taehyung se sentaram no chão para tirar alguma foto juntos. Ambos adoravam.

– Agora eu sou precisava de um atleta musculoso para melhorar o meu dia – Jimin brincou.

– Eu sou um atleta e sou musculoso – Taehyung dizia rindo.

– Você vai me comer se eu pedir?

– Se pedir com jeitinho, quem sabe – Jimin bateu em seu ombro e eles riram mais.

– Você é uma cobra – o loiro guardava o telefone.

Perto de dar seu horário, Taehyung estava saindo da sala de dança com seu amigo, mas parou na porta, encarando o garoto que vinha com Jung, que quase congelou.

Talvez, Jeon não esperava que o Kim fosse amigo de Hoseok também.

– Nadador Jeon, como vai? – Taehyung arqueou a sobrancelha e sorriu sapeca.

– Vocês se conhecem? Esse mundo é realmente pequeno… – Hoseok observava, rindo inocente.

– Nós dividimos quarto na viagem, mas ele sumiu no meio da noite e só voltou no outro dia… O que será que ele estava fazendo? – o Kim fingia estar pensando.

Jeon estava muito aliviado que o garoto inventou essa desculpa e que foi embora treinar logo depois. A presença de Taehyung o deixava mentalmente - e corporalmente - travado.

Kim tinha que chegar na sua aula logo, senão ganharia punição mais uma vez. Seus treinadores eram muito rígidos quanto ao horário, diziam que bons atletas sempre chegam cedo.

– Taehyung você chegou por último, vai limpar a sala de treinos no final – a treinadora olhava para o garoto, que tentou disfarçar sua chegada e se misturar aos alunos.

A primeira coisa que tinham que fazer eram os alongamentos para, então, começar os exercícios, essa primeira etapa era feita em conjunto.

A equipe de ginástica era divida em duas: ginástica rítmica e ginástica artística (nessa só possuíam mulheres). Dentro da modalidade que Taehyung fazia eram divididos os homens das mulheres, já que competiam também separados.

– Ginasta Kim, comece fazendo barras paralelas – a treinadora disse.

Ele passou o pó branco nas mãos, se dirigiu ao meio dos dois cilindros de metal e, depois de um leve impulso, saltou segurando as barras. O primeiro movimento que ele fez foi um mortal para frente, seguido de uma oitava parada (que seria como um mortal não completo, com um impulso ao fim) e uma meia volta (trocar a posição usando as mãos), mas não realizou tão bem o duplo mortal, o que não passaria despercebido e, depois de fazer um braquial (corpo esticado de cabeça para baixo), movimentou-se para frente, formando um "V" (chamado dianteira), finalizando com um mortal triplo, com uma aterrissagem um pouco desequilibrada.

– Tem que melhorar um pouco seu equilíbrio e está parando por muito tempo. A performance fica cansativa – a mulher com coque dizia e Taehyung assentia em silêncio. – Ponha mais forças nos braços.

– Certo – respondeu, enquanto recuperava seu fôlego.

Ginástica era um esporte muito cansativo, apesar das performances serem de pouco tempo. O Kim tinha que obedecer uma série de exercícios para manter seus músculos fortes, caso contrário perderia as competições.

– Vá para o cavalo agora – a moça indicou e o de cabelos castanhos seguiu.

O dia de Jeon também não foi muito diferente, ele apenas treinou seu nado e recebeu alguns elogios de seu treinador. Estava com fome e foi para o restaurante da universidade, encontrando seus amigos no local (isso lembrava o menino que ainda não tinha contado da sua noitada para Namjoon).

– Onde está Hoseok? – Jungkook se sentou na mesa, chamando atenção dos outros dois.

– Ele ainda estava ensaiando quando passei lá – Yoongi pegou um pouco de arroz.

– E como foi a viagem de vocês? – Namjoon perguntou sorridente.

Jungkook quase se engasgou com a comida e Hoseok apareceu, batendo em suas costas para ajudar. Aquilo foi bem vergonhosa, principalmente porque Taehyung estava lá, segurando uma bandeja de metal, observando a cena.

– Beba um pouco de água nadador Jeon – o Kim passava o copo metálico para si, que aceitou.

– Acho melhor eu ir encher isso, já volto – ele puxou Yoongi e saíram até os bebedouros.

– Por que está me puxando assim? Eu nem quero água – ele ajeitava suas roupas.

– Foi com ele que eu transei – o moreno sussurrou.

– Como alguém igual a ele quis você? – o esverdeado se chocou e Jungkook olhou com reprovação. – Ok, eu só brinquei.

– Eu não posso falar com Namjoon sobre o acontecido se ele estiver lá. Então, trate de ficar quieto – Jeon disse entre dentes, antes de voltarem a mesa.

– Na verdade, eu tenho bastante apreço por música clássica – Taehyung falava para Namjoon.

– É um bom gosto. Eu ouço bastante rap também – o Kim dizia ao outro Kim.

– Pessoal, esses são Kim Taehyung e Park Jimin – Hoseok os apresentou aos amigos na mesa.

– Taehyung estava me contando que foi seu colega de quarto na viagem – o mais velho dizia sorridente.

– É… Nós fomos – Jeon engolia seco enquanto comia bem rápido, queria sair dali logo.

– Se comer assim vai se engasgar de novo – Taehyung falou e pegou a bandeja do garoto. – Você nem misturou o molho no macarrão direito – o de cabelos castanhos deu algumas mexidas no recipiente e entregou a Jungkook.

– Obrigado – ele se curvou levemente.

– Então Jungkook, como foi sua noite nas montanhas em? – Namjoon o olhava malicioso.

Taehyung segurava o riso e Jeon percebeu. Queria matar Hoseok por ter chamado o garoto.

– O vi saindo de noite, depois só voltou no outro dia – o Kim mentiu mas Namjoon parecia acreditar. – Deve ter ficado com alguma garota.

– Eu queria ter te contado isso antes, mas não arrumei uma forma legal… – Jeon começou.

– Não vai me dizer que você engravidou alguém? – Namjoon parecia que teria um desmaio.

–Na verdade, eu transei aquela noite, mas foi com um homem – Jungkook revelou e o queixo dos dois Kim's cairam.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...