História Undertale - Alma Negra - Capítulo 105


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Personagens Originais
Tags Alphyne, Asgoriel, Chariel, Demência, Errink, Frans, Grillffet, Papyton, Sanrisk, Undertale
Visualizações 184
Palavras 349
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Hentai, LGBT, Luta, Magia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 105 - Perguntinha (Não é cap)


Fanfic / Fanfiction Undertale - Alma Negra - Capítulo 105 - Perguntinha (Não é cap)

EAE SEUS DEMENTES MENTAIS!!!

Turu pão?

Eu apenas resolvi dar uma passadinha aqui para perguntar uma coisa que eu não sei se fasso ou não. Eu estava pensando em fazer uma outra fic de Undertale… e aí vocês me perguntam :

Leitor(a) : E que merda eu tenho haver com isso?

Bem… no caso seria dessa história de Alma Negra… mas se passaria tipo no passado para meio que explicar como as coisas chegaram nesse ponto. Essa fanfic contaria a história da Chary (já que quase não se sabe nada do passado dela) desde antes do Gaster fazer os esperimentos, destruir a linha do tempo dele e blablabla... no caso contaria desde o início. Mesmo que pensem que não tenha muito o que explicar, a história de Alma Negra logo, logo vai demonstrar umas coisas que talvez não irão fazer muito sentido para vocês já que seria meio que bem antigas e por isso eu quero saber se vocês querem ou não.

Eu fiz uma pequena sinopse (uma bem merda por sinal) que talvez eu pudesse usar ou não… ainda não decidi… mas está aí se quiserem ler.

“Eu corri… corri como eu nunca pude… mas no final aquela coisa acabou me alcançando. Eu nunca tinha me sentido daquele geito… parecia até que tudo tinha ficado em câmera lenta na minha volta. Aquela coisa que me atacou, estava rasgando a minha pele e carne em vários e vários pedaços da forma mais dolorosa possível… mas na realidade… eu estava gostando da sensação… talvez pela primeira vez eu poderia sentir um pouco de paz na minha vida, mas logo esse pensamento foi embora quando eu vi que também conseguiram alcançar o meu irmão. Ele estava gritando por ajuda, e ser obrigada a ouvir e ver tudo aquilo era doloroso demais para qualquer um. Eu prometi o proteger até o meu último suspiro de vida… mas como sempre… eu falhei…”

Então é isso… deixem aí nos comentários se querem ou não essa fic para eu ver se já começo a escreve–la ou não :3

 E ATÉ SEI LÁ QUANDO…. TCHAU…



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...