História Undertale: Um novo conto (INTERATIVA) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Personagens Originais
Visualizações 23
Palavras 2.249
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demorou mais do que o esperado, mas tudo bem! Quer dizer... me desculpem pelo grande atraso! ;-;
Fiquem com a primeira parte!

Capítulo 9 - Guarda-real Parte 1


Fanfic / Fanfiction Undertale: Um novo conto (INTERATIVA) - Capítulo 9 - Guarda-real Parte 1

Finalmente Haru e Zoey conseguiram sair das ruínas e estavam aliviados pois estão chegando o mais perto de finalmente sairem do subterrâneo. Tudo que precisavam para chegar até a outra parte do subterrâneo era seguir o corredor, porém...

Kitty: Olaaaaa... Hih Hih Hih - Ouvesse a voz do estranho felino e logo Haru fica em alerta e segura a mão de Zoey mais firmemente.

Haru: O-O que você q-quer? - Diz tremendo de medo.

Kitty: Oh! Eu só quero agradecer a vocês pela ajudinha... - Ela diz aparecendo em meio a escuridão - Sabe, desde que aquele idiota passou a guardar a porta não me deixava passar! Eu já tentei milhares de vezes, mas eu quase morri e fui morta em todas! Mas graças a vocês e seus "sentimentos" vocês conseguiram passar... e enquanto se distrairam... eu pude passar! Hih hih hih hih!

Zoey e Haru: ... - Começaram a andar lentamente para a saída das ruínas.

Kitty: Mas sabem que falar e demonstrar sentimentos não vai resolver seus problemas, né? Por que afinal... quando encontrarem um assassino cruel e impiededoso... iram morrer e morrer! Porque sentimentos nunca serviram para nada! - O felino branco diz e começa a gargalhar loucamente ficando com um olhar assustados - Agora...CORRAM!

Sem pensar duas vezes as duas crianças começaram a correr o mais rápido que podiam fugindo do felino que ficou grande e assustador novamente. Mesmo depois de sairem do corredor e chegarem em uma floresta cheia de neve ele continuaram correndo, até que finalmente perderam o grande gato de vista e pararam.

Haru: O-Ok... N-Novamente... Eu não gosto n-nada desse lugar... - O garoto reclama ofegante.

Zoey: Haru, olha! - A pequena chama puxa o moletom do garoto pra chamar sua atenção.

Haru: O que foi? - O garoto pergunta já se recompondo do susto e da correria, logo Zoey se joga no chão - O que você tá fazendo?

Zoey: Neve! - A garora diz sorridente enquanto faz um anjo de neve. - Vem! É legal!

Haru: Não sei não... Podemos pegar um resfriado, ter algum membro congelado, sem contar que pode ter sujei... - A pequena o interrompe jogando uma bola de neve a cara do jovem - Hey! Isso não foi leg...

Zoey joga outra bola de neve e começa a rir do garoto, mas logo é suprendida com uma bola de neve tambem e logo Haru começa rir da pequena.

Zoey: Hey! Vou ter minha vingança também! Mwah hah hah hah! - A garota tenta fazer um olhar e uma voz de vilã - Coma neve, Sr. Haru-chato!

Haru: Não se você comer primeiro, Sra. Baixinha! - Diz preparando mais bolas de neve.

Finalmente, sem ao menos perceberem, já haviam esquecido os problemas que passaram e vão passar e simplesmente começaram a fazer uma guerra de bolas de neve. O jovem dos olhos azuis foi inteligente e fez um pequeno muro de neve para se proteger das bolas de neve de Zoey que havia feito muitas e simplesmente jogava tentando acertar Haru. Ambos se divertiam, riam e sorriam, parecia que não tinham nada a temer... Até que Zoey parou ao sentir que estava tendo um dejavi, mas logo é atingida por uma bola de neve de Haru e cai de costas na neve.

Haru: Pow! Eu disse que você ia cair! Nada supera meu incrivel intelec... - O garoto é interrompido ao levar uma rasteira de Zoey e cair tambem. - Tá, nessa você me pegou! Hah hah hah!

Ambos riam porque não se divertiam assim faz bastante tempo, porém um som alto e estranho os interrompe.

???: Levantem e não olhem pra trás... - Uma voz do que se parece ser a de um garoto pode ser vindo de trás dos dois amigos.

Haru: Z-Zoey... n-não se preocupa... e-eu te p-p-protego... - O garoto de olhos azuis diz para sua companheira mesmo morrendo de medo.

???: O que você são?

???-2: Opa, opa... Kinen... Pode abaixar esse blaster, por favor? - Uma outra voz surgue para parar Kinen que aparenta ser o ameaçador. - Você tá levando esse trabalho de guarda-real longe demais, você nem ao menos queria está aqui.

Kinen: Me desculpe. - Ele pede desculpas em um tom de voz baixo.

???-2: Bem, podem se virar... humanos...

Haru: V-Você s-sabe que somos hu...manos...? - Ele se vira e se assusta - U-Um d-d-de-demon...ni... e-e u-u-um e-esque...esquel...

???-2: Vish... Travou de vez... - Diz meio frustrado - Sim! Eu, Matthew, sou um demônio. Tá vendo? Uma calda pontuda e chifres. - Ele diz apontando pros seus chifres e pra sua calda pontuda vermelha - Mas serio? Fica assustado com isso? Pelo o que eu observei você deu de encontro com um felino gigante, um android, uma armadura gigante viva, monstro inseto abraçador e um cara com cara de caveira de lobo... e é com isso que você de assusta?

Zoey sai de trás de Haru e também perceber que os dois mo,stros não eram tão assustadores comparados aos outros. Mathew se assemelhava muito a um adolescente normal, tinha 1,86 de altura, cabelos pretos lisos amarrado em um rabo- de-cavalo, pele clara e olhos cinza, porém possuia chifres vermelhos e uma calda pontuda da mesma cor, ele vestia um moletom preto com um cachecol, calça e botas da mesma cor. Kinen era um esqueleto branco, os buracos de seus olhos possuiam 2 pontos de luz brancos que parecia ser suas pupilas, usava um moletom de frio de esquimó azul-marinho e preto, assim como um short preto com duas listras brancas nas laterais e usava tenis vermelho.

Zoey: Haru é medroso assim mesmo. - A garotinha diz com um sorriso.

Haru: Ah ta! Foi mal, o-ok?! Sempre m-me disseram que demônios s-são a representação de todo mal! E-Eu não sou medroso! Sou calteloso! - Tentava se justificar, mas acaba fazendo Zoey e Mathew rirem.

Matthew: Ok, "Sr. Calteloso"... - Ele diz com um sorriso provocador - Bem, suponho que querem chegar até o rei para conseguirem sair daqui, não é?

Zoey:Ooh...Sim, sim! Como é que você sabe? - A garota se impressiona.

Matthew: Heh, heh.. Digamos que apenas eu estava me mantendo informado. - Diz e dá uma piscadinha para Zoey que a faz ficar muito animada e com brilho nos olhos, mas faz Haru ficar um pouco encomodado e inrritado - Nós podemos ajudar vocês com isso, afinal somos quase guardas-reais.

Haru: Z-Zoey, posso falar com você um instantinho? - Ele diz puxando Zoey pra longe dos dois monstros.

Zoey: Sim...?

Haru: Zoe, eu nao confio neles. Principalmente aquele Mathew, acho que ele tava nos observando todo esse tempo. - Ele sussurra para a garota que apenas olha emburrada pra ele. - O-O que foi?

Zoey: Haru! Achei que já tinha parado com isso de suspeitar de todo mundo! - Ela diz cruzando os braços com cara emburrada pra ele.

Haru: Argh... Fica tão fofinha emburrada... N-Não posso... resistir... a fofura...! - Atua segurando seu peito e caindo no chão pra desemburrar Zoey que começa a rir.

Zoey: Hih! Você é muito bobão, Haru. - Ela diz rindo e fazendo Haru rir também - Então... a gente pode pedir ajuda deles?

Haru: Grr... Ok... Mas eu vou ficar de olho neles, principalmente naquele demônio metido - Ele diz se levantando, mas cai na neve denovo após ser empurrado por Zoey.

Zoey: Haru bobão! - Ela ri do garoto e logo vai até os dois "quase-guardas-reais" - Sim! Nós vamos querer toda ajuda possivel!

Matthew: Tudo bem, vamos lá então! - O demônio diz, pega Zoey e a coloca sobre seus ombros.

Zoey: Woah! Haru, Haru! Posso ver tudo daqui! - Exclama animada com um grande sorriso, porém Haru apenas observa preocupado com medo que ela caia - Vamos até o reeei!

Matthew: Que tal uma competição em dupla? Quem chegar por ultimo vai ter que abraçar o Jerry.

Zoey: Vamos, Haru! Você e o Kinen contra nós dois! Um, dois e já! - Antes mesmo de Haru ou Kinen dizerem alguma coisa Matthew corre na frentre com Zoey em seus ombros.

Haru: H-Hey! Eu nem respondi se sim ou não! - O garoto diz correndo, mas logo tropeça e cai de cara na neve. Então ele escuta Kinen dá uma pequena risada.

Kinen: Não adianta. Eles já deram no pé. - Ele diz estentendo a mão pra Haru que hesita um pouco, mas logo aceita a ajuda e se levanta - Me desculpe pelo Matthew. Ele tá bem estranho desde que veio das ruínas... Acho que ele só tá animado por ter algo pra quebrar essa rotina chata do dia-a-dia.

Haru: Então ele tava realmente nos observando... - Pensa em voz alta.

Kinen: Sim, é um dos hobbies dele, mas não demonstra realmente um grande perigo. Afinal ele acha os humanos bem interessantes porque nunca viu um. - Ele explica - Mas então, quer alcançar eles?

Haru: S-Sim! Por favor! - Ele diz e Kinen afirma com a cabeça. Logo uma espécie de caveira de dinossauro aparece com um brilho azul e Kinen sobe em cima. - O-O q-que é isso...?

Kinen: "Neon-Blaster" e como a gente vai chegar rápido até eles. - O esqueleto diz fazendo Haru flutuar até o NeonBlaster - Agora...Vamos.

Logo o NeonBlaster acelera muito, Haru gritava enquanto segurava Kinen firme, estavam tão rápido que algumas folhas dos pinheiros caiam por causa do vento que causava pela velocidade. Em menos de 1 minuto eles alcançam e ultrapação Matthew e Zoey que se assustam com a velocidade.

Matthee: Kinen! O Antaros! - O monstro demônio alerta e logo Kinen para bruscamente.

Mesmo quando pararam Haru continuava segurando Kinen muito forte e tremendo. Pelo visto ele não estava preparado para tanta velocidade e adrenalina comparado com Kinen e estava seu olhar neutro normal.

Kinen: Humano Haru... Pode soltar agora...

Haru: E-E-Esp...E-Esp-pera... E-Eu j-já-já t-tô... s-ain-indo... - Diz tremendo enquanto solta Kinen de vagar, Kinen perde a paciencia e faz o NeonBlaster desaparecer fazendo Haru cair na neve. - T-To b-b-bem...!

Zoey: Matthew, quem é Anto.. .Anturos...? - Pergunta ainda nos ombros do monstro, ao ver isso Haru o encara franzindo a sobracelha e se levanta rápidamente.

Matthew: É "Antaros" e ele é nosso amigo, supervisor e motivador. Como é um guarda-real honorário, com certeza ele vai querer capturar vocês. Mas assim como nós, ele nunca viu um humano. - Ele explica enquanto coloca Zoey no chão novamente. - Se escondam ali naqueles arbustos de formato muito conveniente.

Zoey e Haru correm e se escondem em dois arbustos que coincidentemente tinham o formato dos dois. Logo, um monstro que parecia um passaro humanóide verde aparece, ele parecia bem intimidador.

Antaros: Pessoal... - Ele diz em um tom sério - VOCÊ NÃO FAZEM IDEIA DA COISA MAIS LEGAL QUE ACONTECEU COMIGO HOJE!

Zoey e Haru: * Lá se vai o intimidador!! * - Ambos pensam juntos.

Abtaros: O Buck falou comigo e disse que alguns humanos apareceram na entrada da floresta nevada! E advinha quem ficou responsavel por capitura-los? NÓS! - Ele exclama animado - Se virem qualquer coisa que se pareça com um humano me avisem!

Matthew: A-Ah, claro...

Kinen: Talvez aqueles arbustos ajudem. - O esqueleto diz sem se preocupar com o esconderijo dos humanos.

Antaros: Não sei se isso é sério ou uma piada... Se for uma... NÃO TEVE GRAÇA! - Ele exclama ficando um pouco irritado - Vamos pessoal! É nossa chance! Se conseguirmos capiturar os humanos seremos guardas-reais oficiais e seremos lembrados pela história!

Kinen: Mas os arbustos esc... - O esqueleto é interropido por Matthew.

Matthew: CLARO! P-Pode contar com a gente! - O monstro demônio exclama afendo um gesto de afirmação.

Antaros: Ok! Conto com vocês! - Ele diz sorrindo e se retira super motivado - Não vejo a hora de fazer eles cairem em meus enigmas e armadilhas! Huah! Huah! Huah!

Matthew: Ok, podem sair! - Ele avisa assim Zoey e Haru saiem dos esconderijos - Kinen! O que você tem nesse crânio oco?!

Kinen: Achei que seria bom Antaros ver os humanos. Ele parece querer muito isso. - O esqueleto responde com tom e expresão neutra.

Matthew: Mas não podemos fazer isso! Eles são só crianças assim como você. - Ele explica - Você sabe muito bem o que o rei vai fazer com eles.

Kinen: Eu não sou uma criança. Tenho 16 anos. Além disso, não estou dizendo pra entregar eles ao Buck, estou dizendo pra alegrar-mos Antaros, é mínimo que podemos fazer por ele nos deixar morar na casa dele. - O esqueleto justifica e faz Matthew pensar.

Matthew: Ok, mas duvido muito que eles vão concordar em participar dos enigmas do Antaros, principalmente aquele medroso... - O monstro diz ignorando Haru.

Haru : E-Eu ainda tô aqui! E quem você tá chamando de medroso! Eu já disse que eu sou cal-te-lo-so e não medroso! - Ele exclama batendo os pé no chãp zangado - Eu aceito! Vamos Zoey! Vamos mostrar pra eles!

Zoey: Hm? Haru...? - A pequena estranha a atitude do garoto enquanto ele a guia segurando sua mão.

Matthew: Ok, caso algo aconteça nós protegere-mos vocês. - Ele diz e Haru olha pra ele ainda zangado - Bem, vamos na frente!

Kinen: Ok. - O esqueleto concorda, invoca um NeonBlaster e ambos sobem.

Haru e Zoey foram deixados a sós novamente enquanto os dois monstros avançam rapidamente. A garota estava um pouco confusa, ela percebeu que Haru estava agindo estranho desde que encontraram Matthew e Kinen, pode-se notar facilmente que Haru não estava agindo normalmente, principalmente após Matthew chama-lo de medroso. Mesmo assim, Zoey gostou de ver Haru mais confiante e tomando a atitude sem demostrar medo.

Antaros: Então, eu vou atirar uma flecha-pena e... - O monstro passaro para ao ver Zoey e Haru se aproximando. - Pessoal... O que são aqueles dois monstros esquisitos ali?

Kinen: Humanos. - Diz sem enrolar.

Antaros: Você disse... HUMANOS?! 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...