História Unexpected Love - Treegan and Sashay - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Keegan Allen, Sasha Pieterse, Shay Mitchell, Troian Bellisario
Personagens Ashley Benson, Camila Mendes, Ian Harding, Janel Parrish, Julian Morris, Keegan Allen, Lucy Hale, Sasha Pieterse, Shay Mitchell, Troian Bellisario, Tyler Blackburn
Tags Benzobells, Buttahbenzo, Lutrosha, Sashay, Treegan, Trucy
Visualizações 39
Palavras 627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oioioioioioi

Capítulo 7 - I kissed him?


Point Of View Troian

Como eu tinha deixado meu carro em casa, decidi voltar a pé mesmo, até um certo alguém me impedir de fazer o mesmo, pois quando ia virar a esquina, segurou meu pulso

XXX: Aonde pensa que vai?

Eu: Acho que está meio óbvio que vou para casa, certo Keegan?

Keegan: Não, nada disso, você vai entrar no carro e eu vou te levar até sua casa

Eu: Keegan, não precisa, meu marido está em casa e sabe como ele é ciumento

Keegan: Não me importo, não quero que corra perigo

Eu: Ta bom, se é assim, eu ligo para meu marido vir me buscar

Quando eu ia discar o número, ele tirou o celular de mim

Eu: EI, ME DEVOLVE

Keegan: Nada disso, pra que incomodar seu marido quando eu posso te levar para casa?

Eu: Tudo bem, você venceu, mas saiba que não vou deixar barato

Keegan: ISSO

Revirei os olhos e fomos para o carro. Assim que entrei no mesmo, pude ver a cara de felicidade de Keegan ao conseguir me convencer a ir com ele

No meio do caminho começou a chover bem forte, com direito a trovoadas e tudo

Keegan: Está vendo? Se você tivesse vindo a pé teria que passar por toda essa chuva, eu sou seu herói

Eu: Uhum, até parece, para de se gabar e volta a dirigir

[...]

O caminho até minha casa foi calmo, Keegan cantou algumas músicas e eu fiquei vendo as gotas d'água escorrerem pelo vidro, estava tão concentrada que nem percebi quando chegamos

Keegan: Prontinho, seca e em casa

Eu: Obrigada Keegan — Quando eu ia dar um beijo em sua bochecha, ele se virou para fazer o mesmo e sem querer demos um selinho — Erh... M-me desculpe por isso Keegan

Não deixei ele responder e sai do carro, correndo até a porta da minha casa. Assim que abri a porta tomei um susto ao ver Patrick parado de braços cruzados no meio da sala

Eu: Ai meu deus, Patrick, você quase me matou de susto — Quando eu fui até ele para abraça-lo ele deu um passo para trás, me fazendo ficar confusa — Oque foi? É por que eu estou molhada? — Ele não respondeu nada e aquele silêncio estava me matando — Responde

Patrick: Quem era aquele?

Eu: Aquele quem?

Patrick: Não se faça de desentendida Troian, quem é aquele cara que te trouxe até aqui?

Eu: Aah, aquele, é o Keegan

Patrick: Aquele cara que você beijava todo dia na série?

Eu: Ai Patrick, de novo com isso, eu já falei, somos só amigos, e beija-lo fazia e ainda faz parte do meu trabalho — Disse e quando ia subir as escadas ele segurou meu pulso forte

Patrick: Como assim ainda faz?

Eu: Você não presta atenção no que eu te falo né? Eu te disse que vamos fazer uma 8° temporada da série

Patrick: E aquele selinho que vocês deram? Também faz parte do seu trabalho me trair?

Eu: Como assim eu estou te traindo? — Ele apertou mais o meu pulso

Patrick: EU VI AQUELE SELINHO TROIAN, NÃO MINTA PARA MIM, VOCÊ ESTÁ ME TRAINDO COM AQUELE VAGABUNDO

Eu: Para de gritar e me solta

Patrick: ME FALA TROIAN, VOCÊ ESTÁ ME TRAINDO?

Eu: NÃO SEU MALUCO, AQUILO FOI SEM QUERER, ME SOLTA — Ele me puxou e me jogou numa parede que tinha ali, batendo minhas costas com força

Patrick: PARA DE MENTIR PARA MIM

Eu: EU NÃO ESTOU MENTINDO — Disse tentando me soltar

Patrick: JÁ QUE NÃO VAI DIZER A VERDADE, ENTÃO EU VOU EMBORA —Ele me soltou e subiu para técnicamente fazer as malas e eu estava fraca demais para impedi-lo

Ele desceu com duas malas nas mãos

Eu: N-não me deixe

Patrick: Eu já tenho um par de chifres comigo, não preciso de você

Ele saiu e bateu a porta com tudo, e alguns minutos depois a luz acabou, deixando a casa silenciosa, só era possível escutar meus soluços, e adormeci assim







Notas Finais


Oi Gente Linda
O Capítulo ta ruim e meio curto mas decidi postar assim mesmo
Espero que tenham gostado
Bju


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...