História Unfair - Um Amor Injusto- Imagine hot Oh Sehun - Capítulo 1


Escrita por: e MonbebeOnce

Postado
Categorias EXO
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Do Kyung-soo (D.O), Kim Jong-dae (Chen), Kim Jong-in (Kai), Kim Jun-myeon (Suho), Kim Min-seok (Xiumin), Oh Se-hun (Sehun), Park Chan-yeol (Chanyeol), Personagens Originais, Zhang Yixing (Lay)
Tags Elly, Exp Hot, Hot Sehun, Oh Sehun, Romance, Seelly, Sehun, Spinoff
Visualizações 26
Palavras 2.832
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Literatura Feminina, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


@NirvaNinna:
Já disse que eu amo essa foto do Sehun?
Annyeong my people!! Tô muito feliz em finalmente dar esse presente à nossa querida Elly mais feliz 💖
Te amo my bitch, espero que você e os leitores gostem dessa história!

⚠Importante: o capítulo a seguir é um flashback para explicar algumas coisas que não foram explicadas nos capítulos de "Perfect Imperfections". Se você não acompanha a outra história, talvez irá ficar - bem- confuso. Caso não queira, a única informação bem importante é que Audrey é melhor amiga de Elly e namora com Chanyeol.

Degustem à vontade e bon apetit!

Capítulo 1 - Estranhamente feliz


Fanfic / Fanfiction Unfair - Um Amor Injusto- Imagine hot Oh Sehun - Capítulo 1 - Estranhamente feliz

Flashback on

Elly...

Por que aquele rosto não quer sair da minha cabeça?

__e... Sehun? - Perguntou Chanyeol. - Tá tudo bem?
__Ah, tá sim. Como é a Elly pessoalmente?
__E por que você quer saber da minha Ttal?

Dei um pulo na cama, estranhando aquela história.

__Ela é sua filha?!
__Claro que não! Ela só me chama de Appa.
__Aish... eu achei ela... interessante.
__Audrey e eu começamos assim, achei ela interessante e quis saber mais. - Sorriu e se jogou na cama. - Ela é bem magra, tímida e fofa.
__Qual é o tipo ideal dela?

Chanyeol levantou uma sobrancelha, desconfiado.

__Não tenho tanta intimidade com ela, mas vou tentar descobrir isso.
__Tem o número dela?
__E como vocês vão conversar, gênio?!
__Eu uso o Google Tradutor, ué!
__Vai ser uma bagunça, mas... vai na fé.

(...)

Mensagem on

S: Boa noite

Audrey me disse que você saiu do K-pop

Mensagem off

Após quase duas horas de espera, minha mensagem no Kakao foi respondida.

Mensagem on

E: E quem é você?

Como conhece Audrey?


S: Eu não coloco nenhuma informação pessoal no perfil, desculpe

Eu sou Oh Sehun


E: E desde quando eu te dei permissão pra enviar mensagem nessa intimidade?

Mensagem off

__Ai! - Chanyeol fez careta, e traduziu a mensagem para mim.

Ai mesmo! O que fiz de errado pra ela me tratar assim?!

Mensagem on

S: Nossa, Elly!

Eu estou pedindo ajuda até pro Chanyeol para conversar com você!


E: Dispensa ele, não tenho nenhum interesse em falar com você.


S: Mas eu tenho interesse em falar com você!


E: Olha Sehun, pode ir catar coquinho, pentear macaco, ver se eu tô lá na esquina, ir pra ponte que caiu, eu não quero falar com você.

Mande mensagem pra Audrey, ela tem mais assuntos e com certeza vai ficar muito feliz em falar contigo.

Mensagem off

Me bloqueou... ela simplesmente me bloqueou!

Quer saber? Não tô nem aí!

Alguns dias depois...

Elly's POV

__Quando nós iremos nos reunir pra estudar? - Perguntei à Audrey no caminho de volta para a relojoaria do meu pai.
__Talvez hoje, já tô terminando a revisão do livro e vou mandar pra editora, talvez perto do meu aniversário já esteja publicado.
__Eu quero um autografado!
__O seu tá garantido! - Rimos. - Ainda bem que liberaram a gente cedo.
__Pois é, tenho muita coisa pra fazer em casa.
__Tipo conversar com o Sehun? - Me lançou aquele famoso olhar malicioso.
__Ele mandou mensagem uma vez e eu ignorei!
__Tadinho, mulher! Que coração peludo! - Pela primeira vez, ela não sorriu. Fez um bico indignado.
__Magina! - Eu ri, porém ela continuou séria.
__Tu vai se arrepender de ter deixado ele no vácuo, escreve o que eu te digo.

Seis meses depois...

Nem me lembro quantas cervejas eu tomei, só sei que me bateu o arrependimento de ter dito coisas tão horríveis para Sehun me deixou mal quando revisei as mensagens antigas.

Eu precisava pedir desculpas para ele agora.

Mandei mensagem para Audrey, e nada de me visualizar. Mandei áudio, ainda não. Liguei por chamada de vídeo, e sorri ao ver a cena.

Era Sehun molhado.

__Puta que pariu, homem gostoso da porra! - Escutei uma risadinha de sua parte, mas logo fechou a cara e começou a fazer perguntas em coreano, e eu só respondia "ne", que significa "sim".

Audrey apareceu conversando com ele, e fiquei boiando como bosta no mar. Até que full pistola, ele entregou o celular para Audrey. Ouvi uma voz masculina ao fundo falando em algum idioma que eu não conheço, e Audrey respondeu. Parecia que estavam conversando em coreano, e voltou a olhar para mim, estava bem decepcionada.

__Como você diz, minha amiga, Oh "lá em casa" Sehun!
__Menina, que merda tu fez?! Sehun tá super chateado contigo!
__Ahn? O que ele disse?
__Tu tá bêbada?
__Um pouquinho assim! - Indiquei com os dedos polegar e indicador.
__Ele perguntou o que ele tinha feito pra tu tratar ele tão mal e depois... perguntou se ele tem cara de idiota, cê responseu que sim, mulher!

Opa, acho que fiz merda...

__É como diz aquele velho ditado: eita! - Rio e ela continua séria. - O que tu quer que eu faça?! Ele que foi chato!
__Ai caramba, o que eu não faço por ti...?

Desligou a chamada, BEM NA MINHA CARA!

Bagulho vai endoidar pro lado dela!

Sehun's POV

Fiquei com tanta raiva de Elly ter debochado da minha cara que voltei para a casa me vestindo de novo. Ela acabou com a diversão.

Aquela grossa, chata, idiota, arrogante! E infelizmente, muito bonita.

__Sehun-ah! - Ouvi meu nome ao longe, e me virei. Era Audrey correndo para tentar me alcançar. Abaixei a camisa ainda olhando ela tomar um ar. - Eu... sei o que você deve estar pensando sobre Elly. Ela só tem medo de se relacionar com outras pessoas por medo.
__Mas não precisava me tratar daquele jeito!
__Aquele jeito como?
__Entra no meu quarto que eu te mostro. - Olho atrás dela, lá estava Chanyeol, com certeza ficou com ciúmes. - Depois que eu trocar de roupa e tomar um banho.

Entrei deixando Audrey na porta, confusa e com bastante perguntas na cabeça, com certeza.

Cheguei no banheiro do meu quarto, tirando a roupa e jogando no cesto de roupa suja.

__Me solta! Você tá me molhando!

Desde que Chanyeol começou a namorar, ficou bem mais feliz, mais carinhoso. Dá pra perceber que está apaixonado. Acho tão lindo a sincronia deles, como se olham, como sorriem um para o outro... as marcas que deixaram entre si que eu apenas vi observando-os bem mais atentamente.

Quem sabe algum dia eu viva um amor de dorama como esse.

(...)

Suho entrou no quarto, risonho.

__Esse lugar é realmente lindo.
__É...
__Por que você ficou daquele jeito? Aconteceu alguma coisa?
__Nem chegou a acontecer, foi por isso que eu fiquei tão chateado.
__Não fique assim, seja positivo!
__Não tem como ser positivo quando a outra pessoa é negativa.
__Os opostos se atraem, a química nunca falha.

Flashback off

O que ele quis dizer com isso?

Ouço batidas na porta do meu quarto, e vou logo atender. Audrey entra com um sorriso um tanto quanto sem graça, e indico o lugar na cama para sentar.

__Espero que Suho não seja tão bagunceiro quanto vocês falam. Porque eu também sou muito.
__Então vocês já têm bastante em comum.
__Bem, pode começar.

Expliquei tudo para Audrey, que atenta, observava e ouvia sem piscar. Pareceu ficar cada vez mais furiosa.

__Desde quando eu seria capaz de evitar Oh Sehun, meu Deus? Quem em sã consciência faria uma barbaridade dessa? - Sussurrou para si em português, só entendi meu nome. - Eu vou dar uma lição nessa Elly. Nós vamos!
__Como assim?
__Se ela não gostasse mesmo de você, não te assediaria daquela maneira.
__Eu não chamaria de assédio, foi um pensamento alto.
__Tanto faz, Sehun! Ainda bem que os nossos celulares são idênticos!
__Não acho que isso é uma coisa boa, não queria voltar a pensar nisso.

Me olhou, levantou uma sobrancelha, e sorriu de lado.

__E o que você sente por ela?

Sinto pena, sinto raiva, sinto vontade de dar uns belos tapas nela!

Mas ao mesmo tempo, sinto vontade de abraça-la, acaricia-la e... não, esse tópico é muita viagem.

__Não sinto nada.

Me olhou com tédio, desfazendo o sorriso já crescente.

__Sério, Oppa? Me fez esperar quase um minuto pra... espera... - Pensou um pouco. - Se você ficou pensando com essa cara de bocó, então... você sente alguma coisa sim! Vamos, desembucha!
__Já falei que não sinto nada! E eu não tenho cara de bocó!
__Eu preciso que você seja franco para eu poder te ajudar!
__Essa é a questão, Audrey! Eu não sei o que sinto por Elly! Ela me encanta, ao mesmo tempo a odeio!
__Então tem um pouco de interesse?
__Admito que sim...

Senti minhas bochechas queimarem, então abaixei a cabeça.

__Eu vou te ajudar, ok? - Tocou minha bochecha de leve e levantou minha cabeça para olhá-la. - Mas falta eu ver as mensagens.

Mostrei tudo a ela, que ficou abismada ao ler o que sua amiga havia me mandado.

__Filha da mãe... - Sussurrou (em português, eu acho) para si, e levantou da cama. - Precisamos de um plano para fazer sua senpai te notar! - Pareceu pensativa. - Você tentaria conversar com ela em inglês pelo menos?
__Não sei falar inglês. - Deu um tapa na própria testa. - Eu uso o tradutor.
__É o jeito... - Suspirou. - Olha, eu a conheço desde o jardim de infância, mas não fomos amigas desde aquela época, precisou de quase nove anos pra começarmos a nos falar de verdade. Já brigamos muito por ela ter esse gênio difícil de se lidar. Só que depois que a conheci, hoje não abro mais mão dessa chata! Então, se eu sou amiga dela hoje, não entendo como vocês não podem ter pelo menos uma inimizade.
__Quanto otimismo!
__Eu não tô brincando.

Deu para perceber que ela realmente não estava brincando.

__Você já tem algo em mente?
__Tenho sim, e você vai precisar do Tradutor.

(...)

__Ótimo plano! Só faltou um pequeno detalhe.
__Qual?
__Elly não vai ficar com raiva de você?
__Vai ficar putassa, porém depois vai me agradecer.

Eu poderia abalar a amizade das duas, mas precisava de uma resposta.

__Obrigado Audrey.
__Estou sempre a disposição. - Sorriu de maneira fofa. - Se eu estou te ajudando, é porque sei que você tem boas intenções com a minha amiga, então não me decepcione! Se magoar ela, pode ter certeza que te acharei até no inferno. - Sussurrou ainda sorrindo, me fazendo dar um pulo na cama.

Assustador é pouco!

__Mas eu não quero nada com ela!

Levantou da cama, abriu a porta e me olhou.

__Se não quisesse nada mesmo, não estaria me pedindo ajuda para conversar com ela! - E finalmente saiu porta afora, cantarolando "Tony Montana" do Agust D.

Jesus...

(...)

Na hora do almoço, Maria deu um show como sempre. Nunca vi os rapazes comerem tanto na vida deles. O que morre de amores por ela é Kai, guloso como sempre, ainda mais que ela fez frango frito.

__Vou sair daqui com dez quilos a mais! - Disse Suho sorrindo.
__Eu também, Hyung! - Respondi para ele.
__Que frango frito delicioso!

Audrey traduziu para sua mãe, que ficou lisonjeada, e sorriu timidamente.

__Tem sobremesa, mãe?
__Ah, tem sim! - Foi até a cozinha, e voltou com uma travessa grande. - Quem quer pavê?!

Mesmo ninguém entendendo nada, todos gritaram animados, e foram se servindo.

__Eu já estou satisfeito. - Falei e Audrey me olhou indignada.
__Come um pouco ou minha mãe vai ficar chateada com você!
__Mas eu-... - Olhei para ela que estava com aquele olhar de brava. Não tive escolha, suspirei derrotado e coloquei um pouco da sobremesa na taça.

Imagino como o Hyung fica...

(...)

Começou uma forte chuva lá fora, e todos ficaram na sala, contando histórias e rindo. Maria assistia a tudo ao lado da filha, Chanyeol sentado do outro.

__Minha mãe perguntou se você tem alguma namorada, Sehun. - Disse Audrey olhando para mim.
__Não. - Respondi em português olhando meio constrangido para a mais velha, que perguntou outra coisa, a partir daí só vi o casal rindo, e Audrey parecia chocada.
__Ela perguntou se você gosta de mulheres mais velhas! - Todos no EXO começaram a rir.
__Não tenho problema com idade. - Respondi normalmente, só entendi o real motivo da pergunta pelas duas levantadas de sobrancelha de Audrey. - Aigoo, ahjuma! Desse jeito eu vou ficar vermelho!
__Olha, minha mãe é linda e eu não me importaria em ser sua enteada!
__Esqueceu a história da Elly?!

Que história?

__Não, inclusive estou relendo, pra imaginar melhor. - O orelhudo me olhou com raiva.
__Eu não shippo o casal. - A mais nova começou a rir descontrolada olhando para mim e o namorado.
__Depois eu te explico! - Tomou um ar. - Você está fazendo a cara de bocó de novo!
__Prefere que eu faça você ficar com cara de bocó aqui na frente de todos ou em particular? - Desafiei-a cruzando os braços, fazendo os outros gritarem e falarem coisas entre si.

Ela parou, ficou me encarando com uma sobrancelha arqueada, levantou do assento e ficou na minha frente, quase colando o rosto no meu.

__Tente!
__Com todo prazer! - Abaixei a gola da sua camisa, expondo os chupões. Chanyeol ficou vermelho de vergonha com mais gritaria, mas ela ficou normal. - Não vai ficar envergonhada?
__Não há motivo algum para ter vergonha. Temos um relacionamento, então isso... - Apontou para o próprio pescoço. - É apenas uma consequência. - Levantou a gola de volta, deixando todos sem palavras. - Tá com cara de bocó de mais uma vez!
__Eu amo essa mulher! - Suspirou Chanyeol apaixonado como sempre.

(...)

Elly's POV

__Sério que tu fez isso?!
__Fiz e faria de novo!

Meu Deus, eu perdi uma cena épica da vida!

__Menina do céu, era pra filmarem! Imagina o cara de porta sendo trolado ao vivo!
__Ficou com mais cara de porta! - Praticamente gritei de rir. - Quem ele pensa que é pra tentar me deixar com vergonha?! Só Park Chanyeol consegue essa façanha com apenas um olhar!

__Eu ouvi isso, bebê! - Gritou o citado ainda concentrado em sei lá o que estava fazendo.

__Era pra ouvir mesmo, yoda com gigantismo!
__Nossa, Omma! - Gritei mais ainda.
__Tem outras partes do meu corpo que são grandes também, yeoboya*, não esqueça disso! - Pelo tom de voz, ele transbordava ironia.

(A: *여보야 = mel, querida. )

Eita!

__Rapaz, tu tá ousado mesmo, hein?! Volta a escrever suas músicas bem quietinho, que agora eu tô conversando com a Elly! - Se virou para me olhar na tela do computador. - Enfim, e que capítulo de Padrasto Pervertido foi aquele?! Melhor hot ever!
__E você estava imaginando Sehun no hot? - Pergunta Chanyeol indignado.
__Claro! Se é um imagine, preciso imaginar! Ainda mais que tá bem mais fácil, já que ele tá há poucos passos daqui... - Sorriu travessa.
__Mas que... Audrey! - Se levantou, ficando na frente dela. - Não, Elly! Desculpa, mas preciso dar uma lição nessa mulher! Tchau!
__Mas-... - Desligou a chamada.

A bitch tá ferrada hoje!

Falando no Sehun...

Às vezes eu sou grossa, mas no fundo eu fiquei muito feliz em saber que Sehun queria ter algum tipo de contato comigo. Mas logo comigo?! Isso não ia dar certo, então achei melhor nem começar.

Bloqueei o número dele, não queria contato nenhum. Conheço muito bem o fandom, bem capaz de já ter saído no Dispatch: "Oh Sehun tenta conversar com brasileira e é dispensado".

Como tenho amor a vida, prefiro continuar sem conhecê-lo.

Voltei a estudar para o debate marcado para o primeiro dia de aula após as férias, que sinceramente, não quero me envolver por conta de algumas... experiências ruins. Apenas falar o necessário e ganhar meus pontos.

Bob entrou no quarto todo serelepe, pulando em mim.

__O que foi, Bibito da mamãe? - O cachorro começa a latir querendo carinho enquanto tentava me morder carinhosamente. - Eita Bibito! Por que você tá tão agitado?
__Deve ser uma visita que deixou ele assim. - A morena entrou rindo no quarto.
__Nara saindo de sua caverna pra me ver?! Me senti importante por dois segundos!
__Nem vem que tu é sim! - Sentou na minha cama. - E aí, o que tu falou?
__Tentando estudar, mas o Bob não deixa.
__A apresentação é daqui a duas semanas, aproveita o resto dessas férias!
__Não dá, ENEM tá batendo na porta e eu tô quase pra ficar doida.
__Normal, mas tu estuda demais. Ainda mais depois que o gatão do Sehun na casa da Audrey... - Sorriu daquele jeito bem suspeito.
__Não era pra eu ter te contado aquela história... - Mexi no cabelo para tentar me acalmar.
__Mas mana, tu deveria ficar muito feliz! É o Sehun!
__Ele pode ser até o Papa, tô nem aí. - Nara me olhou com tédio, parece que lá vem bronca. - Se tu veio aqui em casa só pra brigar comigo, pode sair e esquecer que eu existo até o final das férias!
__Não se pode mais sentir saudades da amiga e visitar ela em casa que dá nisso...
__Eu também fiquei com saudade, mas tu sabe como esse assunto me deixa nervosa, poxa! - Bufei e me levantei da escrivaninha ficando na frente de Nara. - Então me fala qualquer coisa que não tenha coreanos no meio!
__Já que é assim... vamos falar mal dos outros.
__Agora sim!

[...]

No meio do meu precioso sono, um número conhecido me liga. Era Audrey querendo falar comigo. Mas uma hora dessas da manhã?!

Exatamente cinco da manhã... eu vou matar essa bitch...

Atendo e uma voz masculina começa a falar coisas desconexas em inglês.

__Isso não tem graça, Audrey!
__Elly... não desliga! Sehun!

Me sentei no exato momento que escutei esse nome.

__O que você quer?
__Eu te amo!

Ele claramente estava alcoolizado, mas me ligar de madrugada pelo celular de Audrey e dizer que me ama?

Isso foi longe demais!

__Me deixa em paz pelo amor de Deus, seu chato! - Desliguei e joguei o celular no chão de tanta raiva.

Mas... e esse coração batendo forte? E esse sorriso bobo?! Elly, sua idiota...

Não vai me dizer que gostou dessa declaração!


Notas Finais


@NirvaNinna:
Opa, opa! Que é isso, Elly assanhada 🌚

Perfect Imperfections: https://www.spiritfanfiction.com/historia/perfect-imperfections--chanrin-15056490
Padrasto Pervertido (Imagine Oh Sehun): https://www.spiritfanfiction.com/historia/padrasto-pervertido--imagine-hot-oh-sehun-exo-hot-13138772

Espero muito que tenha gostado! Ppopos hago saranghae, Ninnáticas e bolinhos 😘😍❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...