História Unidas pelo acaso - Capítulo 18


Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Debrah, Kentin, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Violette
Visualizações 9
Palavras 665
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi, tucho bien? Sorry, o capítulo ta curto, mas o em compensação, o próximo ta ENORME
Um spoiler:treta
Bjs e bona letura
~GirlFromBook

Capítulo 18 - Cheirinho de treta


Akemi

Mais uma vez tenho que acordar pra um dia entusiasmante de aula. (Sarcasmo é tudo nessa vida)

Me levanto e vou direto ao banheiro me arrumar. Depois desço para tomar um café, por milagre minha mãe estava em casa hoje, ou seja, dei de cara com ela. Mas como eu já sabia ela abriu a boca só pra me encher!

- onde é que tu vai garota?

- vou pra escola, aprender pra não me tornar você no futuro – falo pegando um pacote de biscoitos de chocolates.

- olha como você fala com a sua mãe! Cadê o respeito?

- vou embora junto com o primeiro homem que pisou aqui em casa – falo lembrando de todas as vezes que eu chegava em casa e encontrava ela é um homem agarrados no sofá. Que por mim já teria sido queimado – agora com licença que eu vou pra escola viu! – falo saindo de casa. Antes de chegar na escola, me sento em um banco de pedra, pego um maço de cigarros na minha mochila e acendo um. Só pra relaxar antes de entrar naquele lugar.

- fumando na escola que feio! – olho para cima e me deparo com Castiel. E seu sorrisinho idiota.

- é só pra relaxar.

- sei disso. Deixa eu adivinhar, problema com os pais?

- nossa temos um vidente na escola!

- eu sei eu sei, da próxima vez eu cobro!

- tá mas enfim o que é que você quer garoto?

- Eu? Nada. Só te dizer que aqui não é o melhor lugar pra você fazer isso.

- e onde você me sugere?

- não vou revelar o meu local secreto né! Aliás acabei de lembrar que eu tenho que ir lá agora, acho que eu tô convivendo de Mais com o Lysandre. Enfim, até mais garota.

- até mais cabecinha de tomate.

Ele não revidou, apenas me apontou o dedo do meio. Meu dedo favorito!

Parece que o bad boy está de bom humor! Apaguei o cigarro na parede e entrei pra escola.

Passei por uma garota que tinha muito cara de vadia. Mas não me meto em confusões segunda de manhã.

Fui para o Club de jardinagem, não estava a fim de pisar em uma sala de aula antes de bater o sinal para entrarmos.

E foi isso que eu fiz. Quando entrei na aula, a Yumi estava sentada ao lado de um Castiel empurrado e o Lysandre ao lado de uma Helena nervosa. O que aconteceu? Parece que eu não sou a única que não está entendendo nada.

No fim da aula Lysandre chamou o nosso novo grupo ( Eu, Armin, Alexy, Rosa, Kentin, Helena, Yumi), ele não chamou o Castiel, disse que precisava de um tempo.

Assim que saímos ele contou que uma tal de Debrah estava na escola. E Rosa deu um chilique.

Eu não estava entendendo mais nada. Tinha também alguma coisa com o Castiel e a Yumi no porão. E o Armin com ciúmes talvez?

Eu não era a única, Helena também não parecia entender. Então fomos ao Club de jardinagem. Para que o Lysandre explique tudo isso pra gente.

Ele contou sobre a EX namorada do Castiel, a tal Debrah.

Essa garota é realmente uma vaca. E foi isso que eu disse.

E quando eu olho para o meu lado, Yumi com cara de quem vai matar alguém, já até sei quem.

Helena saiu logo depois.

- alguém me segura que eu vou dar uns belos tapas na cara daquela baranga!- Rosa fala se levantando e sendo segurada pelo Lysandre logo em seguida.

- não vai adiantar nada! Ela vai se fazer de vitima igual a outra vez – Alexy fala tentando acalmar a Rosa.

- já tive que te segurar uma vez! Não quero repetir o processo – Armin fala vidrado no seu psp.

Ela acaba se acalmando – Ok, mas eu só não vou fazer isso porque a Yumi já vai fazer por mim!

- é a Yumi é esperta, se acontecer qualquer coisa, ela vai saber se livrar- Alexy

Tô sentindo que tudo isso vai dar muita treta ainda!



Notas Finais


Treta, Treta e treta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...