História Unidos pelo destino. - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Originais, Playful Kiss
Personagens Baek Seung-jo, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Oh Ha-ni, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Oh Hani X Seung-jo, Revelaçoes, Romance
Visualizações 49
Palavras 1.094
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii galerinha...

💜Boa leitura💚

Capítulo 36 - "o que o Senhor acharia de eu ser seu genro?"


Fanfic / Fanfiction Unidos pelo destino. - Capítulo 36 - "o que o Senhor acharia de eu ser seu genro?"

Seung-jo – eu vou mais tarde! – ela da as costas e sai andando – EI! – chamo e ela se vira – obrigado! – ela apenas da um sorriso e se vira.

Entro no quarto do meu pai, ele estava deitado, e ainda dormia, minha mãe estava com a maquiagem borrada, e parecia estar exausta.

Seung-jo – mãe é melhor a senhora ir pra casa! Eu fico aqui! – ela sorri e se levanta lentamente.

Senhora Beak – ok! Eu volto mais tarde! – ela pega no meu ombro e sai.

Ando ate o leito do meu pai ele estava pálido, me sentia mal por saber que um dos motivos dele está deitado ali, era por causa do meu egoísmo!

De repente alguém entra no quarto.

- Ah você deve ser o filho do Senhor Beak! – ele anda até mim e me cumprimenta – Eu sou Kim Jeong! Secretário do seu pai! – ele estava de terno, e segurava uma pasta.

Seung-jo – e o que você veio fazer aqui?

Jeong - bem... eu preciso que o Senhor Beak assine isso! – ele abre uma pasta que estava cheia de papéis.

Seung-jo – ele está dormindo agora!

Jeong – eu posso esperar! – ele olha no relógio.

Seung-jo – ele não pode se estressar!

Jeong – então quem vai assinar tudo isso?

Seung-jo – não sei! Eu só sei que você não deve vir atormentar uma pessoa que acabou de ter um ataque cardíaco! – falo o empurrando para fora do quarto.

...


Hani P.O.V



Eu estava no restaurante do meu pai, eu tive que ficar lá por causa que meu pai tinha ido visitar o Tio no hospital!

Jin – você quer comer alguma coisa?

Hani – você quer me ver gorda não é? – ele sorri.

Jin – não... é só que... – ele fica um pouco constrangido.

Hani – eu estava brincando! Você pode fazer um Lamén pra mim? – falo afinando a voz.

Jin – pra já!

...

Depois de uns minutos ele chega um o Lamén, pego a colher e tomo um pouco do caldo....

Hani – caramba Jin, isso é o melhor Lamén que eu já como na minha vida – falo com a boca cheia de macarrão.

Pai – eu ouvi isso! – meu pai chega.

Hani – desculpe! Pai eu preciso falar com o senhor...

Pai – Beak me falo que você o salvou! parabéns! – ele fala um pouco orgulhoso.

Hani – é mais ou sobre isso... eu vou me tornar uma enfermeira! – meu pai fica de boca aberta.

Pai – enfermeira mas você não cuida nem de você direito! - *affe até meu pai*

Hani – Pai - o repreendo  - primeiramente o senhor acabou de me elogiar por salvar a vida do tio... e depois eu estou estudando a meses pra isso! – falo cruzando os braços.

Jin – você estudando? Essa é nova! – dou uma cotovelada no Jin.

*tá só por que ele era do 3 um garoto popular e com notas boas, e ótimo cozinheiro, não quer dizer que ele seja melhor que eu.... quer dizer... deixa pra lá*

Hani – você devia estar me ajudando na que é meu melhor amigo! – ele ri.

Pai – você tem certeza que quer ser mesmo uma enfermeira?

Hani – sim! Nunca tive tanta certeza! – falo decidida.

Pai – ok! Boa sorte! – ele fala orgulhoso.

Olho para o relógio e eram 14:00...

Hani - eu tenho que ir... o dever chama! – pego minha bolsa é saio correndo.


Jin P.O.V




Hani - eu tenho que ir... o dever chama! – ela sai...

Pode parecer estranho, mas gosto dela desde que tínhamos 12 anos quando nos conhecemos, porém ela nunca levou a sério minhas declarações, e justamente no dia que eu iria me declarar ela se declara para o idiota do Seung-jo!


Flash Back ON



Acordo cedo, faço minha higiene matinal, estava ansioso, finalmente iria tomar coragem e me  declarar para Oh Hani...

Eu estava treinando isso a dias, e hoje seria o dia perfeito pra isso, o sol estava perfeito, o ar estava perfeito , a carta que eu demorei meses para escrever estava perfeita, ontem eu passei o dia inteiro passando o meu uniforme da escola, estava tudo perfeito.

Não acredito que depois de 8 anos tomando coragem para fazer isso finalmente...

...

Chego na escola, tudo parecia ótimo, até que...

- OH HANIIIII – duas malucas começam a gritar, vou ver o que era e lá estavam May e Tiffa, gritando que nem umas loucas o nome da Oh Hani... é agora!

- você é a Oh Hani? – Seung-jo aparece na escada, Oh Hani fica muito animada, ele desce as escadas vai até ela e lhe entrega uma carta.

*Como assim ele chego primeiro?*

Hani – eu não estava esperando uma resposta! – ela fala pegando a carta.

*OH HANI DEU UMA CARTA PARA O SEUNG-JO? *

Ela pega a carta, e a abre...

Hani – D?

*ELE CORRIGIU UMA CARTA?! UMA CARTA DA OH HANI?????*

Kriss pega a carta da mão da Hani.

Kriss - Espírito da floresta é? – Oh Hani pega a carta de volta.

Seung-jo – odeio garotas burras! – ele debocha.

Hani – idiota! – ela amaça a carta e joga nele. O empurra e sai correndo.

Eu vou até o Seung-jo e o empurro.

Jin – SEU IDIOTA POR QUE FEZ ISSO COM ELA?

Seung-jo – eu odeio garotas burras! – ela fala friamente.

Jin – ela pode não ser a garota esperta , mas é muito melhor que você quando o assunto é sentimento, seu cubo de gelo! – o empurro mais uma vez ele apenas da um sorrisinho irônico.

Seung-jo – você tem um péssimo gosto para garotas!

Jin – pelo menos eu gosto de uma pessoa. Porque eu tenho sentimentos! Ao contrário de você que nunca vai saber o que é isso! – falo friamente. Eu estava realmente com raiva, estava a ponto de dar um soco nele, mas lembro da Oh Hani e vou atrás dela.

Procurei ela pela escola toda... e não consegui encontra-la.

*que merda. Era pra ser o um dia perfeito, tá sendo o pior dia... eu só quero que isso acabe logo!*

...


Flash Back Off


Chefe – ei volte a trabalhar! – o chefe da um tapa na minha cabeça. Me tirando dos meus devaneios.

Jin – sim chefe! ... é mestre?

Chefe – o que?

Jin – uma pergunta. O que o senhor acharia de eu ser seu genro?

Chefe – genro? O que você quer dizer com isso? – ele pergunta um pouco surpreso.

Jin – é... eu disse genro? Eu quis dizer assistente chefe! – tento disfarçar.

Chefe – sobre ser assistente você chefe... você já está muito preparado pra isso! E sobre ser meu genro eu adoraria, mas quem tem que te dizer sobre isso é a Oh Hani! – ele pega no meu ombro.

Jin – sério?

Chefe – sim! Agora vá trabalhar! – ele me empurra pra cozinha.


Notas Finais


*coitado do Jin*

bem galerinha é isso!

Espero que tenham gostado!

Até o próximo capítulo 🤗

xauu e Bjs no Kokoro 😘

💚e desculpa qualquer erro💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...