História Unintentionally Loved You - Capítulo 43


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber, Lily Collins
Personagens Justin Bieber, Lily Collins
Tags Justin Bieber, Lily Collins
Visualizações 344
Palavras 1.720
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Violência
Avisos: Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei um pouquinho né mores ? Ushauhj
Mas saiu! Aproveitem o capítulo! ❤

Capítulo 43 - Welcome to the world, Skylar


Fanfic / Fanfiction Unintentionally Loved You - Capítulo 43 - Welcome to the world, Skylar

Depois de um tempo sendo sacudida pelo carro, o mesmo parou em frente ao palácio, meus olhos se voltaram para Justin confusos. O observei sair do carro e logo depois dando a volta parando em frente a porta, ele a abriu e estendeu uma de suas mãos para mim, observei seu rosto e logo deixei meus olhos em sua mão.

- O que estamos fazendo aqui Justin ?_ minha voz saiu baixa, o ouvi suspirar e recolher sua mão em seguida.

- Você faz falta aqui_ levantei meus olhos encontrando os dele.

- O que aconteceu aqui Justin, acabou há sete meses. Não tenho mais o que fazer aqui_ soltei um suspiro e continuei_ - Me leve pra casa, ficar aqui não me dá boas lembranças.

- Alasca, eu preciso de você_ Justin se abaixou um pouco e sua mão tocou delicadamente a minha. 

- Não, não precisa_ olhei para Justin, e olhando por cima de seu ombro avistei Lisa se aproximando_ - Você já tem ela_ abaixei minha cabeça alisando minha barriga.

- Meu amor_ a voz de Lisa ecoou, Justin se ajeitou e retribuiu o abraço de Lisa_ - Alasca ? O que faz aqui ? Tudo bem ?_ Lisa me olhou confusa.

- Estou bem vossa alteza, obrigada_ sai do carro ignorando a ajuda de Justin.

- Ah meu Deus, eu não sabia que estava grávida_ Lisa sorriu se aproximando_ - Venha, me conte como é ter um bebê aqui_ ela levou suas mãos até minha barriga, e sem me dar tempo de negar, grudou seu braço ao meu e me levou castelo a dentro.

Lisa me levou até o salão principal, me sentei em uma das poltronas e deixei meus olhos percorrerem o lugar com cuidado. Nada havia mudado, estava tudo exatamente do jeito em que eu me lembrava. Me ajeitei na poltrona e voltei meus olhos para Lisa que me observava atenta, ao perceber que eu a olhava, um sorriso surgiu em seus lábios. Uma das empregadas adentrou o salão e deixou sobre a mesa dois copos de suco e se retirou. Lisa me entregou um dos copos, o peguei e agradeci com um sorriso, fiquei observando o suco até que Lisa quebrou o silêncio.

- Sua barriga está, grande. Quantos meses ?_ voltei meus olhos pra ela, a mesma bebericou um pouco de suco.

- Sete. Estou completando sete hoje_ balancei com cuidado o suco e bebi um pouco dele sem desviar meus olhos de Lisa.

- Sabe o que é ?_ levantei uma de minhas sobrancelhas.

- Tem como saber ?_ Lisa asentiu e se levantou de sua poltrona sentando ao meu lado me olhando.

- É claro que tem. As coisas estão mudando Alasca. Não tem vontade de saber o que é ?.

- Bem, na verdade não. Quero apenas que venha saudável.

- Entendo. Eu e Justin estamos tentando ter um bebê também_ senti meu coração parar por segundos.

- Isso é, é uma coisa boa_ deixei as palavras escorregarem de meus lábios.

- Sim, é o que mais quero agora_ Lisa falou empolgada, tudo que ela quer é dar um jeito de segurar Justin pra sempre. 

- Bem Lisa, eu estava apenas passando. Preciso ir_ a entreguei o copo ainda com todo o suco dentro e me levantei, me levantei tão rapidamente que uma dor preencheu minha barriga me fazendo soltar um gemido.

- Alasca, o que houve ?_ Lisa se levantou apressada deixando o copo de suco na mesa e me apoiou com seus braços.

- Só levantei muito rápido, não foi nada_ sorri pra ela me endireitando e ela se afastou um pouco ainda me olhando atenta. 

- Tem certeza ?_ assim que Lisa fez sua pergunta, uma dor mais fraca preencheu minha barriga, era fraca, mas ainda me fez segurar em Lisa. 

- Sente-se aqui. Eu vou chamar alguém_ Lisa me ajudou sentar novamente na poltrona e saiu rapidamente do salão.

Respirei fundo fechando meus olhos, tudo bem Alasca, isso não é nada, é apenas uma cólica normal. Afinal, não posso entrar em trabalho de parto agora, só estou de sete meses. Abri meus olhos e alisei minha barriga sentindo a mesma um pouco mais endurecida do que o normal, isso não pode acontecer agora. Uns dois minutos depois Lisa adentrou o salão com Justin, Crystal e Lucy. Lucy caminhou até mim e sorriu me analisando. Ela acariciou minha barriga e seus olhos foram para Justin, o mesmo se aproximou sentando na poltrona ao lado. 

- O que você sente Alasca ?_ Crystal me perguntou se ajoelhando em minha frente. 

- Foi apenas uma pontada, por me levantar rápido demais. Eu estou bem agora, e ficarei grata se puderem me levar pra casa_ olhei para Justin, seu rosto exibia preocupação.

- Não é o que parece senhorita. Sua barriga está endurecida e tudo indica que seu bebê está para nascer_ Lucy falou calmamente me olhando.

- O que ? Mas isso não pode acontecer agora, só estou de sete meses_ Crystal e Lucy se entreolharam com uma certa preocupação_ - Eu quero ir pra casa_ pedi fazendo as duas me olharem.

- Ela não pode sair agora, não chegará em casa, correrá o risco do bebê nascer no caminho vossa alteza_ Crystal falou olhando para Justin, o mesmo me observou e se levantou parando ao lado de Lisa.

- Ela não vai sair daqui. Você fica Alasca. 

Tentei relutar mas eu era apenas uma, lutando contra quatro. As dores não estavam tão fortes, elas demoravam a vim. Se estava nervosa ? Sim, não pela dor que sentiria, mas sim porque ainda não estava na hora do bebê nascer. Eu sai do salão principal e fiquei caminhando pelo jardim por um tempo, Lucy disse que seria bom pra mim. Estava sempre sendo observada por alguém do palácio, todos estavam preocupados, por alguns instantes fiquei pensando, e se eu tivesse sido a escolhida de Justin ? Se ele não tivesse duvidado de mim, talvez esse momento poderia ser um pouco mais emocionante pra ele.

Entrei novamente pra dentro e me sentei na poltrona, Lucy e Crystal se sentaram de frente a mim, elas me observavam atentas, a cada movimento ou careta que eu fazia com as contrações. Lisa desapareceu com Justin depois que me obrigaram a ficar, isso não estava me ajudando em nada. Eu odiava pensar nos dois juntos, sozinhos, no que eles estavam fazendo. Soltei um suspiro alto chamando a atenção das meninas, Lucy perguntou se eu queria algo, eu sorri assentindo e pedi uma água. As duas foram buscar, eu queria ficar um tempo sozinha. 



(...)

Respirei fundo, ao sentir uma pontada em minha barriga, na tentativa de acalmar os meus nervos. Eu agora estava sentada na beira da cama, em meu antigo quarto no palácio. Era um lugar que também estava do mesmo jeito, Lisa deixou escapar que ali seria o quarto do primeiro bebê do casal, por ser um dos melhores. Se isso ajudou em meu nervosismo ? Nem um pouco, apenas aumentou. 

- Alasca_ a voz de Justin me fez olhar na direção da porta, nem havia percebido que ele havia adentrado o quarto_ - Isso vai te deixar mais calma_ ele se aproximou me entregando uma caneca.

- Obrigada_ assenti bebericando o chá com cuidado, Justin se sentou ao meu lado  na cama olhando um ponto do quarto.

- As contrações aumentaram ?_ sua voz rouca ecoou no quarto, assenti sem olhar pra ele, pude sentir sua preocupação.

- Fico grata, por estar aqui comigo Justin_ deixei a caneca no criado mudo e voltei meus olhos a Justin, ele sorriu de canto e assentiu.

Uma outra pontada me fez apertar fortemente os lençóis da cama. Ela havia sido mais forte que as outras. Minhas costas doiam, o que não me deixava ficar em uma posição certa. Me levantei da cama e comecei a andar pelo quarto, de um lado para outro, sendo observada cuidadosamente por Justin.

- Tudo bem ?_ Justin se levantou e caminhou até mim, me fazendo parar deixando suas mãos em minha barriga, era a primeira vez que ele tocava minha barriga, sorri com seu ato mesmo sentindo uma contração.

- Uhum, acho que alguém está impaciente pra conhecer o mundo_ passei minha mão em minha barriga e Justin pousou a dele sobre a minha_ - Eu estou com medo_ minha voz saiu em um sussurro, Justin beijou minha testa.

- Você não precisa ter, vai acabar tudo bem. Eu estou aqui.



(...)

Já havia anoitecido lá fora, e elas haviam ficado piores, não estava conseguindo andar, minhas pernas haviam travado. Estava na cama apertando fortemente os lençóis. O dia todo passei com dores, ainda conseguia andar, mas agora estava impossível. Um líquido havia escorrido por minhas pernas há uns dez minutos. O médico já estava no quarto, eu queria que ele tirasse logo o bebê para acabar com a dor, mas tínhamos que esperar. Justin estava ao meu lado na cama me observando atento. Lisa foi retirada do quarto com os outros, segundo o médico, quanto menos gente no ambiente melhor. Apenas Lucy e Crystal estavam presentes com o médico e Justin. 

Eu me sentia fraca, sem força alguma, mas mesmo assim fiz força quando o médico pediu. Eu apertava fortemente a mão de Justin, empurrando, sentindo meu corpo dilacerar. As lágrimas saiam dos meus olhos, eu estava suada, minha testa estava encharcada. Mesmo fraca, eu ainda tentava empurrar. 



(...)

Já havia um tempo que estavamos ali, pra mim pareceram dias, longas horas sentindo muita dor. Mas finalmente senti um alívio, ao ouvir o som mais lindo do mundo. 

Olhei para o bebê nos braços de Crystal que estava com um largo sorriso no rosto. Vi os cabelos loiros, quase castanhos, sua pele roxa e ainda melada. Crystal caminhou até mim, depois de Lucy ter embalado o bebê em uma manta, e me entregou. Peguei o bebê com cuidado, observando seu rostinho. Seu choro me fazia sorrir, era tão pequeno e frágil, passei a ponta de meu dedo em seu rosto, sua pele macia e delicada, sorri com as lágrimas saindo.

- É uma menina senhorita Alasca_ Lucy falou sorrindo ao lado de Crystal.

- E que nome quer dar a ela ?_ Justin que se manteve calado ao meu lado, me perguntou admirando a neném em meus braços.

- Skylar.

Levantei meus olhos para Justin, ele sorriu me olhando e depositou um beijo em minha testa, voltando seus olhos para a neném e então suas palavras saíram quase que em um sussurro.

- Bem vinda ao mundo, Skylar.


 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...