História United only by the crown - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Personagens Originais
Tags Drama, Romance
Visualizações 14
Palavras 2.136
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ele bombons voltei kkkkkk espero que gostem.

Capítulo 6 - Not all dreams are real


Fanfic / Fanfiction United only by the crown - Capítulo 6 - Not all dreams are real

P.O.V.S- Jeon

Eu estava observando ela,parecia tão calma,estou ficando preocupado,nunca vi ninguém desmaiar e ainda mas assim do nada.

Pessoas começaram a entrar no quarto,o curandeiro se aproximou e fitou a jovem .

Curandeiro:Ela parece,bem,porém está pálida e sua temperatura baixa.

Kim:É que ela não comeu nada hoje pela manhã.

Curandeiro:Algo aconteceu para preocupar ela?

Kim se calou de ante da situação,os pais dela olharam para mim,que estava totalmente sem saber o que fazer.

- Problemas com a coroa.

Curandeiro:Bom eu até diria que isso poderia ser outro tipo de sintomas porém vocês casaram recentemente,o que torna a confirmação de uma gravidez praticamente impossível a não ser que....

Amy:O que o senhor está querendo encinuar?

Curandeiro:Eu não estou a ofendendo minha rainha,me desculpe,mas...preciso fazer uma pergunta talvez um tanto constrangedora.

Amy:Tudo bem,o senhor e um amigo da coroa então,faça.

Curandeiro:Senhor meu rei,quando vocês se deitaram,ela....ela era virgem?

Congelei com a pergunta,eu estou até bem acostumado a falar sobre isso porém me calei.

- Lhe garanto que sim.

Kim:Havia sangue nas cobertas pela manhã.

Kim se pronunciou,me ajudando a confirmar os fatos.

Curandeiro:E muito cedo para dizer que ela está grávida então.

- E-Ela está grávida?

Curandeiro:É impossível ter conclusões a essa altura,porém alguns sintomas podem ser vistos por vocês.

- Que seriam?

Curandeiro:Bom tonturas, enjôos, estresses,e o aumento de sua barriga,bom mas o que tem como ter certeza geral e pela menstruação.

Amy:Iremos olhar ela senhor.

Curandeiro:Sim minha rainha,só mas uma coisa,evitem estressa-la,pois se ela estiver grávida ou ficar,o estresse pode resultar em um problema tanto pra ela quanto para o bebê.

-Iremos cumprir com isso.

Kim:A algo que possamos fazer?

- Bom traga um balde com alguma gelada,e aplique na testa para a temperatura abaixar,é ela precisa de repouso.

Jeon:Muito obrigado pela sua ajuda senhor.

Ele se retirou é apenas restou a mãe de Min no quarto.

Amy:Jeon,sei que não é um momento bom para falar sobre isso,mas....Meu filho você se deitou com aquela moça depois que se casou com minha filha?

Fiquei surpreso com sua pergunta,sei que ela é rainha nas a naturalidade dela sobre falar disso é impressionante,porém estou com raiva da minha resposta,eu realmente me deitei com aquela garota,é não me orgulho disso nem um pouco,meu passado me condena.

- Bom eu infelizmente fiz isso sim,mas não me orgulho disso,fiz errado com ela,e além do mas,Min Hee realmente me fez mudar.

Amy:Bom meu filho,não sei como te aconselhar,mas não faça mas isso com sua esposa,minha filha raramente chora,é quando acontece é por que você é realmente importante pra ela entende?

- Eu entendo,não irei mas magoar ela,não gosto de ver ela nessa situação.

Amy:Nem mesmo eu gosto,bom agora me fala a verdade...vocês se deitaram juntos?Você é minha filha?

Engoli em seco....é pensei se respondia que sim,ou que não,mas nós fizemos sexo,e como ela está dormindo não vejo problemas,olhei para a rainha e a respondi.

- Bom nós fizemos,nós passamos a noite juntos,e eu....se você quer saber se nossa intenção era que ela engravidase,pode ter certeza que sim,além do mas tenho sentimentos pela sua filha.

Amy:Eu tenho certeza que vocês iram se acertar.

Ela falou e se comprimentou saindo do quarto,é Kim entrou com a compressa e deixou ao meu lado.

Assim que pegou o pano e molhou,eu segurei suas mãos.

- Pode deixar,eu faço isso.

Kim:Sim senhor.

Ela disse saindo do quarto.

Fiquei cuidando dela,coloquei a compressa em sua testa e fiquei pensando no que fazer.

Até que sua mão se mecheu,olhei pra ela que permanecia de olhos fechados.

Min:Jeon...

Ela disse porém porém se mantinha com os olhos fechados.

- Eu estou aqui amor.

Falei chegando mas perto dela.

A mesma começou a delirar,me perguntava o porquê eu tinha deixado ela,é o porquê eu troquei ela,ver ela se debatendo me deixou assustado.

Então segurei ela pra que ela parace.

- Min Hee acorde...

A mesma pareceu se acalmar,e relaxar,voltando ao seu sono.

Só sei que o tempo passava,as horas voavam e nada dela despertar,fiquei por muito tempo perto dela.

Anoiteceu e ela ainda não tinha acordado.

Ou até agora a mesma apertou minha mão e abriu os olhos bem devagar.

- Min Hee?Eu estou aqui.

Falei olhando pra ela.

Min:Kook? S-Saia.

- O que?

Min:Chame a minha dama de companhia quero falar com ela.

- Não faz isso eu preciso saber como você está.

A mesma se sentou e tirou suas mãos da minha.

Min:Eu estou bem,se me der licença vou para o meu quarto.

Ela falou tentando se levantar,segurei a sua cintura é a coloquei novamente no colchão.

- Não faça assim amor,eu estou preocupado.

Min:Já te disse que estou bem senhor,não precisa mas se preocupar.

Ela falou se sentando.

- Se isso for por causa da Luna se acalme tá,eu não engravidei ela.

Min:Ae?Como você tem certeza? É algum curandeiro por acaso?

- Para de ser mal criada,eu não preciso dizer de novo que eu não gozei dentro dela?Que enferno.

Eu disse me levantando da cama.

Min: Ótimo,já ouvi o bastante irei para o meu quarto.

Falou tentando se manter de pé, porém fraquejando.

- Eu mandei você ficar aqui,você pode se fazer mal.

Min:Me deixa em paz,já fez o bastante por hoje não é mesmo?

- Acontece que eu me preocupo com você,me preocupo com a sua segurança é bem estar,sem contar que tem um outro homem nessa casa,ou você já se esqueceu que o francês está aqui?

Min:A então tudo agora é questão de marcar território?Tá brincando comigo?

Aquela altura do campeonato nos já estávamos gritando um com o outro estavamos falando alto e provavelmente saberiam que estamos brigando.

Não ligo,ela tem que me escutar,o curandeiro mandou eu cuidar dela.

- Eu estou com medo de algo acontecer é só isso.

Min:Quer me escoltar até meu quarto senhor rei?

- Quer saber se te interessa tanto vai,eu irei fazer outra coisa.

Min:Você vai atrás da Luna né,vai atrás da sua amante.

Por que toda vez ela faz isso é tão difícil parar de pensar naquela mulher?

Que inferno,andei até ela é a olhei.

- Meu Deus Luna e tão difícil entender que a única mulher que eu quero é você?

Eu disse empurrando a mesma até a parede,a prensando na mesma

Min:Jeon você me disse que eu nunca seria a sua unica e sabe muito bem que não temos nenhum enteresse....

A cortei antes que termina-se.

- Por que você não entende que eu posso mudar?

Eu falei dando um soco na parede.

Min:Jeon me deixa ir agora.

Ela disse me empurrando.

- Quer saber,vai sai daqui,sai do meu quarto,some da minha frente e da minha vida.

Eu disse abrindo a porta é deixando ela ir,por que ela tem que ser assim?

Por que ela sempre faz isso?

Quer saber eu tenho problemas para resolver é um deles inclui a Luna.

Rapidamente me arrumei,peguei o cavalo que um dos criados preparou para mim e sai de encontro a ela.

P.O.V.S- Min Hee

Sai de seu quarto,batendo os pés,estou com ódio de tudo o que está acontecendo,eu não posso nunca fazer droga nenhuma e além do mas Jeon pediu pra que eu sumisse da vida dele.

Ai meu pai por que?

Eu pensei entrando em meu quarto,bati a porta e me sentei,tentei descansar a minha mente,porém a porcaria da realidade decidiu não me dar paz hoje.

Alguém bateu na porta me obrigando a atender,abri a mesma dando de cara com Kwan.

- Kwan?O que faz aqui?Se te pegarem aqui dentro você será açoitado.

Kwan:Não me preocupo se eu poder ajudar a minha rainha.

- O que tá acontecendo?

Kwan:Seu marido ele acabou de sair pra se encontrar com alguém.

- Prepare um cavalo,já irei descer.

Ele se virou e saiu correndo para fazer o que eu pedi.

Eu sabia que ele ia fugir,como sempre uma criança fugindo de sua responsabilidade.

Peguei minha capa,é minha respiração começava a falhar porém não irei desistir,então apenas fui até o celeiro,montei em meu cavalo e Kwan me olhou.

- O que foi?

Kwan:Quer que eu te acompanhe?

- Não precisa eu vou sozinha.

Disse começando a andar com o cavalo,o mesmo começou a andar mas rápido e então eu achei eles,Amarrei o cavalo na árvore e vi que eles conversavam.

Jeon estava parecendo intediado enquanto ela se jogava em seus pés.

Fiquei olhando a cena até que a mesma se levantou e abraçou ele,que se separou rapidamente dela, fiquei olhando aquela cena até que a mesma o puxou tentando dar um beijo nele,ele a empurrou.

E fiquei observando a cena,queria saber o que eles conversavam o que estava acontecendo.

P.O.V.S.- Jeon

Fui atrás de Luna para saber o que ela queria para se controlar.

Cheguei perto da floresta e vi ela lá,pegando algumas frutas,tampei sua boca e a puxei para um lugar mas escuro.

E depois a soltei,a mesma deu um sorriso e me olhou.

Luna:Sabia que viria atrás de mim,que foi ela surtou?

Disse ironica.

Como eu disse não estou mas suportando ela,será que ela não entende que eu não tenho mas enteresse nela?

- Luna o que você quer para nós deixar em paz?

Luna:Já lhe disse Jeon a única forma de deixar vocês em paz e você voltando pra mim.

- Luna você não entendeu?Eu não sinto mas nada por você?Tudo foi apenas uma aventura passageira.

Luna:Bom,se veio me procurar e por que tem medo do que eu possa fazer não é mesmo?

- Não,eu sei que posso controlar você,minha preocupação é o que você fará com a minha esposa e com a família dela.

Luna:Mas uma noite,me de mas uma noite,é não te darei mas problemas.

- Luna enfia na sua cabeça eu não sinto mas nada por você,não me enteressa mas nada que tenha você no meio, entendeu ou quer que eu desenhe?

A mesma se jo gou no chão e começou a abraçar minhas pernas,olhei para o céu me perguntando o por que eu escolhi logo essa garota.

Eu me desgrudo dela,que se levantou agarrando meu pescoço.

Luna:Jeon Jungkook eu amo você não me deixa com aquele homem,estou esperando um filho seu.

Respirei fundo e nos separei novamente.

- Eu e você sabemos que isso é impossível,pare de inventar garota,você mesma irá ficar mal e terá a reputação manchada.

Luna:Acontece que um filho meu é muito mas fácil de fazer comigo do que com ela,já que a mesma te despreza,ela não toca você como eu.

Ela disse passando sua mão em meu membro.

Luna:Ela não te faz sentir prazer como eu faço.

Disse me rondando, passando as mãos em minhas costas.

Luna: É o melhor ela não te veja como eu te beijo.

Falou tentando me beijar.

Dei um passo para trás e segurei suas mãos.

- Tem razão,ela não faz igual você.

Falei é a mesma deu um sorriso vitorioso nos lábios.

A virei de costas e fui até a sua orelha.

- Ela faz melhor.

Disse dando risada baixinho.

Ela então se afastou com brutalidade.

Luna:Isso não me faz mudar de ideia.

- Mesmo assim,minha esposa está grávida,é seu filho não é meu contente-se com isso,é o meu filho será seu príncipe e exijo respeito,assim como para minha esposa e para mim.

Falei montando em meu cavalo.

Luna:Ela não está grávida,isso é impossivel.

Falou com lágrimas nos olhos.

- Veremos.

Disse dando meia volta e partindo daquele local com meu cavalo,voltando para o palácio.

Repencei meus atos com Min,ela não merecia ter escutado aquilo,sem contar que eu devia cuidar dela e não trata-la mal,ela não merece isso.

Deixei meu cavalo com um dos empregados e fui até o quarto dela,e bati na porta.

- Min Hee,sou eu,me deixa falar com você?

Disse esperando sua resposta.

Min:Saia Jeon.

Falou com a voz chorosa.

- Amor não chora,me deixe entrar.

Disse tentando abrir a porta que estava trancada.

Min:Por favor me deixe.

Falou soluçando.

- Amor abre precisamos conversar.

Falei esperando que ela abrisse.

E assim foi,ela abriu a porta é deu as costas,entrei e tranquei a mesma a olhando.

- Vem cá.

Eu disse estendendo a minha mão.

A mesma pegou,sua mão estava trêmula,não sei o que aconteceu então apenas a abraçei.

- O que você tem?

Min:Você foi falar com a Luna,eu vi vocês dois conversando e vi ela passando as mãos em seu corpo,então sai antes que vocês...

- Tá achando que eu transei com ela?

Min:É não foi?

- Já te disse que não,amor eu quero só você,só o seu corpo,só o seu beijo,para com isso,eu não quero mas brigar por causa daquela garota.

Min:Mas ela tocou você,eu vi.

- Eu fui lá pra tentar saber o que ela queria pra nós deixar em paz.

Min:É ela disse que queria o seu corpo?

- Sim mas eu não fiz,recusei e pedi pra ela se afastar,então eu não quero ver você chorando.

Disse secando suas lágrimas.

Min:Tá bom kook.

Ela disse me dando um abraço.

Como eu disse amo o carinho dela,a prenssei mas em meu corpo dando beijinhos em meu rosto.

- E melhor agente dormir,se não amanhã nós não iremos levantar direito.

Min:Vai ficar aqui?

- Sim,irei.

Falei pegando ela no colo é deitando a mesma na cama,é depois me deitei também nos cobrindo por estar frio.

Irei ficar até ela dormir,é depois irei até meu quarto.

Fiquei lá fazendo carinho nela que estava deitada em meu peitoral,a mesma não demorou a pegar no sono,porém ela se remexia e dizia algumas coisas,como se pedisse para que eu parasse,e me afastasse dela.

Gostaria de saber o que ela sonha,só assim eu entenderia o que se passa na cabeça dela.

Tenho medo que ela faça algo então decidi ficar e pegar no sono ao lado dela,dei um beijo em sua testa e a abraçei forte.

           Continua....


Notas Finais


Eai gostaram? espero que sim até a próximas meus pandinhas fofos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...