1. Spirit Fanfics >
  2. Universitários brilhantes >
  3. O boato

História Universitários brilhantes - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Oiê povo, turu booooom?!?! Eu não consigo para de escrever fanfics (Mesmo que eu seja péssima nisso TwT), então vou postar mais esse capítulo porque EU QUERO!! Kkkk!! Sorry!! TwT
Bom aproveitem a leitura!!

Capítulo 5 - O boato


(Giyuu on)

 

                                                                              06:25 da manhã de sexta.

 

Giyuu já se encontrava na sala de aula mesmo ainda faltando 35 minutos para a aula começar, o motivo?? Nem mesmo ele sabia, apenas o que tinha certeza é que estava nervoso e não sabia o porque, ele tinha levantado às quatro horas da manhã por não conseguir dormir, mesmo tendo ido dormir muito tarde, tentou tomar um café e comer algo, mas seu corpo parecia rejeitar qualquer tipo de alimento, quando foi banhar que era sexta e era também, ficou mais nervoso ainda, o dia em que Tanjiro iria dormir em seu dormitório, como sabia que o ruivo iria ir direto da aula para o quarto, ele, Giyuu, tentou arrumar seu quarto o melhor possível, mas não havia o que arrumar, já que ele sempre fora muito organizado, então se contentou apenas em arrumar sua cama e ajeitar uma para Tanjiro, quando terminou de arrumar tudo ele olhou para o relógio e constou que ainda era cinco e meia, ele definitivamente desistiu de comer e se trocou para ir à aula, e cá está ele sem nada para fazer, na última mesa da fileira direita ao lado da parede, esperando a aula iniciar. Então ele o vê entrando, lindo com o cabelo molhado, algumas mechas, ainda com tanta água que chegava a gotejar, caídas sobre seus olhos, era incrível como ele fazia o coração de Giyuu acelerar, como pode o garoto mais sério da universidade cair nos encantos daquele garoto?? O que ele tem de tão especial?? 

"Olá Giyuu-senpai!!" (Cumprimenta Tanjiro) "Chegou cedo, pensei que quando eu chegasse na aula seria o primeiro!!" (Fala ele com aquele sorriso simpático no rosto indo se sentar ao lado do colega).

"Bom dia Tanjiro-chan." (Responde o rapaz tentando manter sua voz calma e esconder a euforia e felicidade que estava sentindo, nunca pensara que seria tão bom chegar cedo naquele dia, agora teria ao menos uns dez, ou até mais, minutos para falar com ele sem ninguém por perto até que os demais estudantes chegassem). 

"Uaaahhh!!" (Boceja o ruivo) "Estou tãooo cansado!!" (Fala ele se espreguiçando).

"Não conseguiu dormir??" (Pergunta o veterano achando fofo a ação de Tanjiro).

"Na verdade eu consegui, só que eu fui dormir muito tarde já que meus amigos ficaram até tarde lá no meu dormitório..,!!"

"Você não devia convidá-los para ir lá em dias de semana, já que sabe que eles provavelmente irão embora tarde." (Diz sabiamente Giyuu).

"Bom sabe como é... Minha irmãzinha gosta muito deles e queria vê-los e bom... Eu não resisto quando ela pede algo com aquela carinha mais fofa do mundo!! E como o Zenitsu tava falando que queria ver ela pois tinha um presente para dar para ela e o Inosuke queria ver ela também eu acabei concordando hahaha...!! (Fala ele envergonhado por ser tão fácil de se convencer).

" Você é muito inocente, sabia?? Claro, até mesmo eu se tivesse uma irmã doente iria fazer de tudo para agradá-la, mas se você não consegue resistir a uma cara fofa vai acabar se prejudicando algum dia, existem muitas pessoas que sabem atuar bem para enganar os outros." (Comenta o rapaz).

"Bom... Hahaha...!! Você não é o primeiro a me dizer isso, mas eu tenho um olfato bom e, acredite se quiser, se alguém estiver mentindo essa pessoa em questão exala um odor diferente do que exalaria se estivesse falando a verdade!!" (Fala o ruivo muito confiante).

"Hummmm!! Você está muito molhado..." (Diz Giyuu mudando de assunto ao ver que a blusa de seu colega já estava ficando muito molhada nos ombros) "Affs... Você não sabe se secar não?!?!" (Ele pergunta enquanto tira a própria jaqueta e seca o colega).

"Nã-não precisa dis-disso Giyuu-senpai!!" (Se apressa em dizer o ruivo).

"Por quê está gaguejando??" (Pergunta o rapaz tirando a jaqueta do garoto e ficando envergonhado ao perceber o gaguejo).

"É que eu acabei travando a fala sem querer hahaha...!!" (Responde Tanjiro sinceramente, mas envergonhado por ter aparentado outra coisa).

"Aaahh... Ok... Então termine de se secar." (Ele entrega a jaqueta ao colega) "Se continuar assim pode pegar um resfriado."

"Não tem problema mesmo eu usar sua jaqueta??"

"Imagine, pode usar."

"Obrigada senpai!!" (Agradece ele).

Giyuu sente sua fera interior ronronar com este sorriso lindo que recebe do garoto.

(Giyuu off)

 

                                                                        12:00 da manhã, no intervalo.

 

 

(Tanjiro on)

"Senpai você não gostaria de almoçar comigo e com meus amigos hoje?!?!" (Pergunta Tanjiro que, depois de perceber que seu veterano vivia o observando, deduzira que ele era um pouco tímido em relação a se socializar).

"Eu não gosto de muita gente aglomerada e fazendo bagunça ao mesmo tempo Tanjiro-chan...!!" (Respondeu ele sinceramente).

"Que bom que aceitou!!" (Diz o garoto ignorando a desfeita do colega).

Tanjiro segurou a mão de Giyuu, o veterano ficou envergonhado e feliz ao mesmo tempo, e o levou até à mesa em que seus amigos , atraindo os olhares das pessoas, haviam pego para eles.

"Oi gente!! Esse é o Giyuu-senpai e hoje ele vai passar o intervalo conosco!!" (Fala com animação).

"Ammm... Certeza que ele quer ficar com a gente Tanjiro-kun...?? Ele parecia estar sendo arrastado por você até aqui..." (Comenta Zenitsu).

"Hahahaha!! Verdade!!" (Inosuke diz achando isso engraçado).

"Aaahh...!! Isso não importa agora!! Eu só não quero que ele lanche sozinho!!" (Fala o garoto ainda sem soltar a mão do outro).

"Acho melhor vocês soltarem as mão... Estão atraindo muitos olhares curiosos..." (Diz Zenitsu sabiamente).

"Pffff!! Verdade hahahaha!!" (Começa a rir, Inosuque).

"Aaaahhhh...!! Meu Deus!! Não tinha percebido que ainda segurava a sua mão senpai!! Me desculpe!!" (Comenta o ruivo envergonhado, soltando a mão de seu veterano).

Hahaha...!! Tudo bem Tanjiro-chan...!!" (Responde envergonhado).

"Ei, Zenitsu, acho que descobrimos o motivo do Tanjiro não estar interessado em nenhuma garota!! Ele tá namorando o Giyuu-senpai!! Hahahaha!! (Diz descaradamente, Inosuque).

"AAAAAHHHH!! MAS EU VOU TE MATAR AGORA INOSUKEEEE!!!" (Grita Tanjiro correndo atrás do colega, abandonando seu almoço, Zenitsu e seu veterano no local).

"Desculpe por isso Giyuu-senpai, às vezes o Inosuke é meio sem noção mesmo e o único que consegue controlá-lo é o Tanjiro-kun...!!" (Fala Zenitsu com um certo ar de risos nisso tudo, mas ainda sim com vergonha dos amigos).

Não deu outra, no final das aulas todos já tinham quase certeza de que o Tanjiro da turma A parecia estar em um relacionamento com um terceiranista promissor chamado Giyuu, também da turma A, o motivo deste boato não era os dois terem andado de mãos dadas na frente de todos, já que todos sabiam que o primeiranista era muito espontâneo, o motivo real era que alguém tinha ouvido o que Inosuke havia falado  sobre eles estarem "namorando" e o boato correu a solta já que todos sabiam que os dois eram melhores amigos e provavelmente o garoto com o capacete de javali saberia tudo da vida amorosa do rapaz ruivo, além de que todos sabiam que  Tanjiro iria dormir na casa de Giyuu nesta noite, isso foi o que praticamente "confirmou" que a teoria dos outros universitários estava correta.

 

                                                                                      18:15 da noite.

 

"Bom então eu conto com vocês para cuidarem da Nezuko, e Inosuke..." (Diz o rapaz ruivo olhando para o amigo que estava com os dois olhos roxos por ter dito aquela frase e por ter sido culpa dele que Tanjiro e Giyuu estavam sendo o assunto principal das fofocas) "Fique de olho no Zenitsu por mim, não deixe ele atormentar minha irmã."

"Ei!!' (Protesta Zenitsu).

"Sério que você só vai dizer isso?!?! Não vai nem pedir desculpas para mim?!?!" (Fala Inosuke indignado)

"Sério, já que a culpa foi inteiramente sua!!" (Diz o ruivo com firmeza se dirigindo até a porta com sua bolsa) "Bom, até mais!!" (Fala ele fechando a porta).

Enquanto Tanjiro se dirigia ao dormitório de seu veterano percebeu que tinha mais gente nos corredores do que o normal e que, por uma INCRÍVEL coincidência, todos o olhava, "Devem estar querendo saber se os boatos são reais...!! Maldito Inosuke!! Quando a gente se ver de novo vou dar uma cabeçada nele só de raiva!!" pensa o garoto enraivecido. Ao chegar na área dos terceiranistas da turma A, encontrou uma aglomeração maior do que a dos outros corredores, parecia até que todos os alunos da universidade estavam ali ou talvez apenas todos os terceiranistas e quartanistas tanto da turma A quanto das outras, quando estava próximo ao dormitório de número 46, que era o que Giyuu morava, viu alguns de seus veteranos saírem do local, entre eles estavam  Mitsuri, Shinobu, Sanemi, Muichiro, Obanai e Kyojuro, todos da turma A, ao chegar lá eles o olharam com um olhar de "Ummm...!! Então os boatos são reais...!!" o que fez com que o ruivo ficasse muitos envergonhado, mas mesmo assim os cumprimentou.

"Boa noite senpais!!"

"Ah!! Olá Tanjiro-chan!!" (Responde Mitsuri muito amorosa).

"Como vai Tanjiro-kun." (Diz Obanai logo em seguida, provavelmente para agradar Mitsuri, pensou o ruivo).

"Boa noite Tanjiro-chan!!" (Fala Kyojuro com aquela animação anormal).

"Oi Tanjiro-chan!!" (Cumprimenta Shinobu calma como sempre).

"Ummm..." (Resmunga Muichiro distraído como se nem estivesse prestando atenção na cena).

"Então os boatos são reas?!?!" (Pergunta Sanemi sem rodeios com aquele ar de estressado de sempre).

"Por favor Sanemi, já conversamos sobre isso." (Fala calmamente Giyuu à porta, Tanjiro nem havia reparado que ele estivera ali).

"Só estou querendo confirmar ué!! Não posso?!?!"

"Quer mesmo ouvir minha resposta?!?!"

"Po-por favor meninos, não vamos brigar!!" (Diz um pouco nervosa, Mitsuri).

"Exatamente." (Concorda Obanai muito calmo).

"Bom já estávamos indo mesmo!! Pense sobre o que conversamos Giyuu-kun!! (Fala Shinobu empurrando Sanemi para longe, sendo seguida pelos outros terceiranistas).

As pessoa no corredor pareciam estar achando aquela conversa muito signicativa.

"Entre Tanjiro-chan." (Diz Giyuu).

(Tanjiro off)

Continua...


Notas Finais


Desculpem o capítulo ter acabado assim sem mais nem menos, mas meu pulso está doendo de tanto digitar e eu tive que parar, mas eu prometo postar o próximo capítulo logo, só isso mesmo, byeee!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...