História Unknown Girl - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber, Kylie Jenner
Personagens Justin Bieber, Kylie Jenner
Tags Garota Desconhecida, Justin Bieber, Kylie Jenner
Visualizações 38
Palavras 868
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá sou a purposexe! Essa não é a minha primeira fanfic já tive outra conta aqui onde eu postava algumas fanfics mas acabei excluindo a conta.

Vamos lá ⬇️

✔ Essa fanfic é totalmente de minha autoria.
✔ Ainda não está definido os dias para postagem de capítulos.
✔ A fanfic não será movida a comentários mas peço que comentem para eu saber se vocês estão gostando e o que devo melhorar.
✔ Aceito críticas construtivas.

Espero que gostem e boa leitura.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Unknown Girl - Capítulo 1 - Prólogo

1 ano atrás

Las Vegas - Nevada  09:30 PM

Gwendolyn Collins P.O.V

Eu estava em frente ao espelho encarando a imagem que via. Não estava nada mal, eu usava uma calça jeans preta com alguns rasgos com uma blusa de alças branca um casaco verde musgo e um tênis preto. Hoje é meu aniversário de 19 anos meu pai irá fazer um jantar eu não sei pra que tanta formalidade na verdade e depois eu iria sair para algum racha com os caras.

Escutei batidas na porta e logo vejo meu pai colocar a cabeça na porta pelo reflexo do espelho.

Ethan: A princesa já está pronta ou vai demorar mais 10 anos? - perguntou me fazendo revirar os olhos- Vamos Gwen os caras já estão lá embaixo

Gwen: Já estou pronta exagerado - falei o acompanhando-

Ethan: Você está linda 

Gwen: Obrigado pai - falei e o lancei um sorriso meigo-

Descemos as escadas e logo avistei Luke e Aidan sentados no sofá bebendo cerveja enquanto assistiam a algum jogo. Assim que nos viram já levantaram prontos para soltarem suas graças.

Luke: Finalmente pensei que a rainha do deserto ia demorar mais 100 anos - falou me fazendo rir-

Aidan: Pois é eu não sei pra que essa demora toda continua feia do mesmo jeito - falou me provocando como sempre-

Gwen: Cala a boca eu sou maravilhosa você tem inveja por que queria ser bonito que nem eu mas desculpa cara esse privilégio é para poucos - falei e pisquei para ele-

Aidan: Cada ano que passa essa garota fica mais abusada - falou nos fazendo rir-

Ethan: Vocês que ensinaram agora vamos logo antes que a comida esfrie 

***

Depois do jantar fomos para um racha que faziam nas estradas abandonadas. Estava encostada no carro do meu pai tomando uma bebida qualquer quando meus pensamentos voaram até minha mãe. Nós a perdemos quando eu tinha 10 anos. Elizabeth era uma mulher linda cabelos pretos perfeitamente lisos com um rosto angelical e um sorriso de tirar o fôlego de qualquer um, todos dizem que somos idênticas. Elizabeth morreu vítima de um tumor no cérebro lutamos até o último segundo pela sua vida mas infelizmente ela não resistiu. Foi a pior época da minha vida meu pai entrou em depressão e largou  todos os cassinos e boates. Sim, ele é dono de três cassinos e duas boates. Luke, Aidan e meu pai são amigos de infância e foram eles que cuidaram de tudo até ele se recuperar.

Quem cuidou de mim foi Rose nossa empregada e para mim foi super difícil crescer sem uma figura materna do meu lado eu sentia muita falta da minha mãe e ainda sinto. Rose fez o melhor para me criar, mas Luke e Aidan estragaram tudo. No meu aniversário de 14 anos me colocaram para aprender luta livre como presente e para me defender dos marmanjos que descem em cima de mim disseram eles. E aos 16 anos me ensinaram a atirar, segundo eles sou a melhor lutadora e atiradora depois que eu dei uma chave de braço em cada um.

Sai dos meus pensamentos com uma mão estralando os dedos na minba frente.

Aidan: Ta sonhando acordada Collins? Não me diga que está apaixonada quem é o azarado? - falou rindo-

Gwen: Me respeita Aidan minha vida não é presa à ninguém - falei revirando os olhos- O que você quer?

Aidan: Seu pai vai correr é melhor nós irmos lá para a frente perto da linha de partida antes que encha de gente

Gwen: Ok vamos - falei enquanto desencostava do carro-

Assim que chegamos a linha de partida uma sensação ruim me dominou a mesma que eu senti antes da minha mãe falecer.

Gwen: Ele tem mesmo que correr?

Aidan: Bom... Ele quer correr mas por que a pergunta? - perguntou desconfiado afinal eu sempre ficava animada com as corridas Luke até me ensinou a dirigir para que eu pudesse correr também-

Gwen: Estou com uma sensação ruim - falei o olhando-

Aidan: Deve ser a comida que te fez mal já falei pra você não comer demais - falou em um tom brincalhão-

Gwen: É sério Aidan - falei o repreendendo- É a mesma sensação de quando a minha mãe morreu 

Aidan: Relaxa Gwendolyn vai dar tudo certo não vai acontecer nada seu pai dirigi muito bem e ele sabe o que faz no volante - falou enquanto acariciava minhas costas tentando me acalmar-

Gwen: Espero que dê tudo certo mesmo -sussurrei para mim mesma-

O trajeto que eles tinham que fazer era ir até o final da pista dar a volta no tambor de óleo velho e voltar quem chegasse primeiro ganharia e todos já estavam fazendo suas apostas com seus dinheiros.

Hoje

Aquele foi o pior dia da minha vida a única imagem que vem a minha cabeça é o carro explodindo com meu pai e Luke dentro e o sorriso daquele demónio do outro lado da pista. Não pude ver o rosto deles uma última vez por que o caixão teve que ser fechado pelo fato deles terem sidos carbonizados, mas eu sabia quem tinha sido o responsável pela morte do meu pai e de Luke eu sabia que tinha sido aquele demônio e eu iria o fazer pagar por todo o meu sofrimento nem que eu tenha que ir até o inferno dele.


Notas Finais


Então xuxus por enquanto eu coloquei a capa do capítulo a mesma da fanfic por que o capítulo ainda não tem capa mas já providenciei.
Aliás queria agradecer muito a @worhode que é design do blog Design Anyway e que fez a capa da fanfic que na minha opinião ficou maraaaa kkkk então quem quiser capa para fanfic ou qualquer auxílio para fanfic é só ir lá no blog ( isso não é merchan nem divulgação babys é porque eu realmente gostei).

Enfim amores comentem o que vocês acharam por que isso me incentiva a escrever e postar e deem fav se vocês gostaram.

Beijos e até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...