1. Spirit Fanfics >
  2. Unknown love - fillie >
  3. Capítulo 3

História Unknown love - fillie - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


rai lorenasxx, o cap n tá mto bom pq tô meio q sem criatividade ent relevem, boa leitura e obrigada pelos 8 favoritos. 💗💗

Capítulo 3 - Capítulo 3


- e aí gente, quem é a gostosinha aí?

M - n, pera, você me chamou de que?

- gostos... - interrompi. 

M - eu entendi seu babaca, se me chamar assim de novo eu arranco sua língua e faço você comer. 

- credo, quanta grosseria - sorriu sarcástico e saiu 

M - que diabos foi isso?

N - a parte que você disse que iria fazer ele comer a língua ou a parte que ele te chamou de gostosa na cara dura?

S - NOAH!! - deu um soco no mesmo 

C - não liga pra ele Millie, Joseph é um babaca que acha que mulheres são objetos.

M - Joseph?! Bom de qualquer forma eu qria pular no pescoço dele.

todos riram. 

N - bom, eu vou indo porque fiquei de me encontrar com uma pessoa na biblioteca. - disse se levantando 

F - ja vai dar né Noah 

N - me erra Wolfhard - falou revirando os olhos e saindo em direção a biblioteca. 

Sadie sussurrou algo para Caleb, eles nos olharam e saíram, eu fiquei sem entender nada até ouvir Finn falar comigo 

F - bom, parece que somos só eu e você 

M - jura?! Nem percebi 

F - calma aí docinho, eu não mordo, a não ser que você queira. - disse sorrindo malicioso 

M - idiota. - falei e olhei p outro lado 

F - ja te disseram o quão linda você fica quando está com vergonha?

M - e-eu não estou com vergonha 

F - não é oq parece.

ficamos em um total silêncio até ouvir o sinal tocar 

F - tá afim de matar essa aula?

M - é o meu primeiro dia Wolfhard. - disse como se fosse óbvio 

F - você é tão certinha, me da até vontade de vomitar 

M - não é questão de ser "certinha" - disse fazendo aspas com as mãos. - é questão de ter responsabilidade 

F - ok senhora responsável, eu vou nessa. - disse se levantando 

M - tá legal, só hoje

F - só hoje. - sorriu.

CARALHO QUE SORRISO LINDO 

F - vem. - disse puxando meu braço 

M - pra onde?

F - você vai ver 

Finn me guiou até uma área que parecia ser para os professores, havia mesas redondas, e era tudo extremamente verde e lindo.

M - ah, onde estamos? - disse me soltando de seu braço 

F - bom, estamos em um lugar onde os alunos vem pra matar aula ou transar e serve também para alguns eventos chatos

M - ah.

F - vem, vamos nos sentar ali na grama. - disse me puxando 

M - da pra parar de me puxar feito uma criança de cinco anos?

F - ui, foi mal

nos sentamos e ficamos admirando o dia em silêncio por um tempo 

M - oh, me fale sobre você Wolfhard.- falei e ele rapidamente se virou em minha direção 

F - ok, o que quer saber?

M - ah, sei la, me fale sobre sua família 

F - bom, não tem muito o que falar, meus pais se divorciaram quando eu tinha oito anos e desde então eu tenho que ficar me dividindo entre os dois.

M - que merda 

F - é, uma merda

M - não tem irmãos?

F - não gosto de falar sobre.

M - certo

F - sua vez, porque veio para Vancouver?

M - bom, meu pai era dono de uma empresa em Nova York, mas ela faliu faz um mês, moramos aqui até meus sete anos e meu pai trabalhava com meu avô, pai de minha mãe, então quando meu vô soube chamou meu pai de novo.

F - entendi.

M - você sempre morou aqui?

F - sim, mas me mudei para Los Angeles com meus avós quando tinha 12 anos, mas com o divórcio de meus pais voltei ano retrasado. 

ficamos mais um tempo conversando e dando risada, nesse tempo pude perceber o quão lindo Finn era, sua pele clara, suas sardas que o deixavam mais atraente, seu sorriso; eu já disse o quão lindo ele fica sorrindo? Ele é perfeito, puta merda. 

F - obrigada. 

M - pelo que? - questionei confusa 

F - por ter ficado comigo.- disse sorrindo 

M - de nada Wolfhard - retribui o sorriso. 

F - eu te beijaria agora. 

M - o que está esperando? 

em um segundo ele se aproximou de mim, sua mão subiu até minha buchecha e lá estávamos nós, nos beijando, em um beijo quente e calmo, era tão bom, uma conexão de outro mundo, uma de minhas mãos estava em seus cachos e a outra estava em sua nuca enquanto eu o puxava para mim. Uma de suas mãos desceu até minha cintura nos conectando mais ainda. 

céus, era perfeito. 









Notas Finais


e vamos de momento fillie kjskdhsksj ✊🏽


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...