1. Spirit Fanfics >
  2. Unknown Number - Dahmo (interativa) >
  3. Capítulo 5

História Unknown Number - Dahmo (interativa) - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Opções dois ganhou e a consequência não é tão boa assim, atrasou todo o processo de “desvendar o mistério”

Capítulo 5 - Capítulo 5


Desconhecido | 17:27

E como sabe? 


Momo | 17:27

Ahm..

Eu não sei...

Na verdade, talvez eu saiba quem você é


Desconhecido | 17:28

O que? Sabe? 


Momo | 17:28

Sim.. uma amiga de uma amiga... isso ficou estranho, enfim, ela desapareceu e achamos que pode ser você 


Desconhecido | 17:28

Qual meu nome? Eu realmente não me lembro 



Momo | 17:29

Dahyun 

*mensagem não enviada* 


Desconhecido | 17:29

Não vai me dizer? 


Momo | 17:30

Mas eu já falei 


Desconhecido | 17:30

Como? 


Momo | 17:30 

Oh... a mensagem não enviou 

 Vou mandar de novo


Desconhecido | 17:30

Okay...


Momo | 17:31

Seu nome é Kim Dahyun 

*mensagem não enviada* 



Vejo uma nova notificação, fico um pouco confusa mas clico para ver 



Xxxx - xxxx | 17:32

Sabe por que a mensagem não envia? 

Por que você é insistente, pare de tentar antes que algo ruim aconteça com ela e com você 


Momo | 17:32

Quem é você? 

O que está fazendo com ela? 


Xxxx-xxxx | 17:33

Faço o que quiser com ela 

Mas só para comprovar sua teoria, ela é sim Kim Dahyun

Aliás, já estou com saudades dela, acho que deveria fazer uma visita não? 

Até mais Momo :)


Momo | 17:33

NÃO TOQUE NELA SEU MALUCO 

SE CONSIDERE UM HOMEM MORTO SE FIZER ISSO!!


Xxxx-xxxx | 17:34

E por que tem tanta certeza de que sou homem? ;)



Pov Dahyun 


- dubuu - ouço uma voz feminina cantarolar assim que a porta se abre, ela ainda tinha uma máscara em seu rosto, caminhou calmamente até mim se abaixando 


- o que você quer? - uso toda a minha coragem para dizer, ela riu 


- você anda muito mau educada - diz ela tocando meu rosto - gosto disso  


- não toque em mim - digo e ela riu 


- faço o que quiser com você - ela riu baixo - aliás, vou ver “Hm” hoje, acha que deveria sei lá... fazer algo? 


- não faça nada com ela por favor - digo e ela suspirou 


- se você pelo menos soubesse quem ela é, tenho certeza que surtaria - falou ela e a olho confusa - ah, esquece, você nem ao menos se lembra quem é


- por favor me deixa ir - digo segurando o choro e a ouço rir 


- não vou fazer isso por agora, quer dizer, vou te deixar ir, mas primeiro quero brincar um pouco - ela se aproximou de mim - feche os olhos 


Faço o que ela pediu, sinto o medo me consumir e uma lágrima descer pelo meu rosto 


Sinto os lábios dela se chocarem contra os meus e me permito chorar, é claro que eu não correspondia, mas me sentia violada 


- hey - ouço uma voz grave - saia de perto dela 


A garota se afastou, abro meus olhos e a vejo ajeitar a máscara em seu rosto 


- você é um chato, só estava me divertindo - diz ela saindo de perto de mim 


- saia daqui agora - diz ele com um tom autoritário, o mesmo usava uma roupa toda preta e com uma máscara também 


- okay chefe - diz ela irônica e saindo dali 


Ele caminhou até mim 


- ela é uma idiota, me desculpe por isso - diz ele limpando uma lágrima que escorria por meu rosto - não vou deixar ela tocar em você... está com fome? Trouxe um lanchinho 


Ele caminhou até a mesa e colocou um copo de café e um cupcake 


- venho ver esse machucado depois - e então saiu da sala 


Me levanto e sigo até a mesa, estava faminta 



Pov Momo 


Confesso que fiquei assustada depois daquela mensagem, e se machucarem ela? 


Ouço Nayeon me chamar e a olho 


- sim? 


- Chaeyoung e eu vamos na polícia, vai com a gente? - perguntou ela seguindo até a porta 


- eu... acho que não, estou cansada, vou tomar um banho - ela assente 


Pego meu celular e mando uma mensagem para Dahyun 


Momo | 18:15

Você está bem? 


Desconhecido | 18:15

Sim, agora eu estou 


Momo | 18:16

O que quer dizer com "agora eu estou"?


Desconhecido | 18:16

Ela me beijou 


Momo | 18:17

Ela fez o que? 

Se eu pegar essa garota eu juro pra você, eu mato ela 


Desconhecido | 18:17

Não diga isso 


Você adicionou "desconhecido" aos contatos como "D"


Momo | 18:18

Ela fez mais alguma coisa pra você? 


D | 18:19

Se ele não tivesse a interrompido, talvez ela ainda estivesse aqui... 


Momo | 18:19

Ele?


D | 18:20

Um homem... ele me trouxe comida, não parece ser como ela 


Momo | 18:20

Eu só quero te encontrar 


D | 18:20

E eu só quero que você me encontre... 


Momo | 18:21 

Eu vou conseguir, pode ter certeza 

Eu preciso ir agora 


D | 18:21 

Promete que vai voltar? 


Momo | 18:21 

Nunca te deixaria sozinha, mas realmente preciso ir agora 

Cuide-se 




Fecho o aplicativo e olho para Sana 


- estou nervosa - digo e ela suspira 


- vocês foram até a casa onde Dahyun está... eu também ficaria nervosa - falou ela


- preciso rever todas as pessoas - digo e Sana assente 


- se lembra de alguém? - perguntou ela 


- Lisa, Somi, Sehun, Beakhyun... entre outros que não conheço - digo e ela assente 


- já pode descartar esses nomes - diz Sana 


- claro... até por que nem faz sentido, pensei em ir até lá amanhã, e tentar conversar com as pessoas 


- eu vou com você, tenho certeza que Chaeyoung vai querer ir também - assenti 


- Somi também - digo e ela assente 


- agora vá tomar um banho e descansar, mais tarde nós vamos sair - disse me abraçando de lado 


-  estou indo - me levanto e sigo até o banheiro, tomo um banho rápido 


Mais tarde naquele dia, fomos até o bar de sempre para nos distrair 


- vou buscar as bebidas - diz Lisa e nós assentimos 


- eu vou com você - falou Somi se levantando 


- eu também, são muitas bebidas - diz Jihyo seguindo com elas


Logo as mesmas voltaram, nós tomamos e conversamos muito, aquilo estava me ajudando a não pensar muito em Dahyun, tinha medo de a machucarem mais ainda 


Sinto minha cabeça doer, meus olhos estavam pesando e meu corpo estava mole 


- Momo você está bem? - ouço Somi me perguntar, tocando meu braço de leve 


- e-eu acho que vou... que vou desmaiar - e assim apaguei 



..................................


Abro meus olhos com um pouco de dificuldade, olho em volta daquele quarto desconhecido por mim, eu estava no hospital? 


- Momo - ouço a voz desesperada de Nayeon - você acordou - ela sorriu 


- o que aconteceu? 


- nós estávamos bebendo, você começou a ficar estranha e então desmaiou 


- o que- 


Sou interrompida pela porta do quarto sendo aberta, o médico entrou e laçou um sorriso simpático 


- que bom que está acordada - diz ele se aproximando - já temos o resultado do exame 


- o que ela tem? - Nayeon perguntou preocupada 


- ela ingeriu uma quantidade absurda de benzodiazepina - ele me olhou - que é um sonífero muito eficaz, digamos assim, muitas pessoas já morreram por ingeri-lo em excesso, por esse motivo ele é bem difícil de ser encontrado, confesso que estou impressionado por ainda estar viva 


- meu Deus - Nayeon diz baixo 


- preciso que fique aqui por mais alguns dias em observação - falou ele anotando algo na folha em sua mão - assim que tivermos certeza que está bem, poderá ir para a casa 


Então quer dizer que... não! Não pode ser... será que um dos sequestradores estavam lá? Eles sabem quem eu sou?


- a quanto tempo estou aqui? - pergunto para Nayeon assim que o médico saiu 


- três dias - disse ela e eu arregalo os olhos 


- o que? Cadê meu celular? Preciso falar com a Dahyun - digo desesperada, Nayeon foi até sua bolsa pegando o celular e me entregando 


Haviam várias mensagens de Dahyun 


A três dias 

D | 19:12

Ela disse que iria te ver hoje, você está bem? 


D | 19:26

Me diz que está bem por favor 


A dois dias 


D | 11:37

Ela disse que você está no hospital

Eu não acredito que ela te machucou 


D | 11:49

Ela voltou aqui... e tocou em partes do meu corpo... 

eu estou com medo dela... 


A um dia 


D | 01:56

Você disse que não me deixaria sozinha...


Hoje


D | 20:37

Ele disse que você acordou 

Como está? 

Está machucada?


Momo | 20:38

Estou bem 


D | 20:39

Graças a Deus 

O que ela fez pra você? 


Momo | 20:39

Me deu uma quantidade absurda de sonífero 

Mas já estou bem 


D | 20:40

Fiquei tão preocupada esses dias 


Momo | 20:40

Eu que estou preocupada 

Que história é essa de “tocou meu corpo”?

Ela te violou? 

Meu Deus eu estou fervendo de raiva 


D | 20:40

Ela só tocou mesmo... 

foi horrível mas já passou 


Momo | 20:41

Eu vou te encontrar 

Mas... eu não queria pensar nisso porém, se a sequestradora sabe de tudo isso, significa que ela convive comigo 


D | 20:41

O que quer dizer com isso? 


Momo | 2041 

 Que ela é uma das minhas amigas...


Direciono meu olhar para Nayeon que estava sentada na poltrona com o celular em mãos 


Ela me olhou e sorriu 


Será que posso confiar nela? 


_____________________


Opções:


1- contar a Nayeon sobre a sequestradora ser uma de suas amigas e ter a ajuda da garota 


2- começar a observar todos e não confiar em ninguém 



O que aconteceria se a opção um tivesse ganhado? 


Momo iria dizer a Dahyun que era ela e as amigas na foto 

Dahyun começaria a ter fleshs de memória e consequentemente se lembraria de Momo 

Isso ajudaria as meninas a começarem a desconfiar de algumas pessoas 


E vocês? Desconfiam de alguém? 


Notas Finais


Hmkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...