História Unpredictable boy - BTS - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtam Boys, Bts, Hentai, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Linguagem Imprópria, Novela, Rap Monster, Romance, Sexo, Suga
Visualizações 98
Palavras 1.746
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Harem, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaaaaaa. Sim, a sua autora louca voltou com mais uma das minha várias ficssss. Da onde eu arranjo criatividade e tempo pra isso? Num sei .-.

Bem, isso é um TESTE. Se der certo, se termos bastantes comentários e favoritos, terá sim um segundo capítulo!

Enfim, como vocês sabem minhas fics tem hentai, linguagem imprópria, vida louca e tudo mais. Então se você não gosta de fanfics assim, aconselho não ler.

Já estou avisando.

BEM, boa leitura. Nos vemos nas notas finais, boa leitura *-* bjsss

Capítulo 1 - Conhecendo o Bangtam


Fanfic / Fanfiction Unpredictable boy - BTS - Capítulo 1 - Conhecendo o Bangtam

( Jade on )

Eu estava pensando... Pensando que teria que deixar minha vida no Estados Unidos e o pior de tudo... Minha tia. Ela estava tão mal, precisava de alguém para apoia-la nesta terrível doença.

Semana passada eu ganhei pelo correio uma passagem para ir a Coreia, minha cidade natal. Meu appa explicou em uma carta que era porque não queria que eu sofresse e caso minha tia levasse a falecer eu não ficar sozinho, pois na TV andam dizendo que aqui em Nova York anda estando muito perigoso e que ele tinha medo que acontecece algo comigo. Não posso mentir, meu appa sempre foi preocupado comigo, ele foi e é um ótimo appa. Ao contrário de minha mãe que nunca deu valor pra mim.

A anos atrás quando eu tinha 8 anos, meus pais se divorciaram porque minha estava traindo meu appa, eu me irritei e comecei a trata-la mal, pois ela nunca foi uma mãe boa então depois que descobrimos que ela estava traindo meu appa... Nossa relação só piorou.

- Ah... - Suspiro desanimada. - Eu não queria ir... Minha tia precisa de apoio. - Senti uma leve dor no peito. Minha tia sempre me tratou tão bem desde o passado até agora, me sinto uma pessoa tão cruel deixá-la aqui. Enquanto fazia minhas malas, pensando que deixaria tudo o que fazia aqui para viver uma vida atrapalhada lá, o tempo acabou passando voando. - Ah... Lugar novo, pessoas novas, uma vida completamente diferente... - Solto outro suspiro desanimado.

( Jade off )

( Jimin on )

Nosso CEO tinha pedido para nós reunirmos em sua sala, então quando chegamos o vimos sentado em uma poltrona vendo algumas papéis.

- Chegamos... - Namjoon diz, entrando na frente de nós.

- Oh, que bom. - Desvia sua atenção dos papéis, olhando sorridente para nós. - Eu preciso falar sério com vocês.

- É sobre o grupo? - Hoseok levanta um cenho.

- Não. Sobre mim. Eu estou tão feliz, vocês não tem ideia.

- Oh, então... Nos diga. - Sorri simpático.

- Bem... Hoje uma pessoa muito especial e que por sinal eu nunca falei pra vocês, irá vir hoje.

- Oh! Quem? - Jin pergunta entusiasmado.

- Minha filha. - Arregalamos de leve os olhos.

- Filha? - Taehyung pergunta surpresa.

- Oh, Bang PD... Você nunca nos falou que tinha uma filha... - Jungkook diz.

- Eu sei, foi uma surpresa em tanto. Enfim, não é só isso. Ela virá hoje e eu tenho que explicar como será. - Se levanta da poltrona, indo até nossa frente. - Minha filha será colega de dormitório de vocês, mais ela terá o quarto próprio e vocês... Não mudam nada, será a mesma coisa, uma grande sala e sete quartos que são onde cada um de vocês dormem. Não mudará nada a rotina. Só que, como sou um appa um tanto quanto rígido... - Suspira, sorrindo para o nada. - Eu não quero que vocês tenham uma amizade muito íntima com minha filha, me ouviram? Podem conversarem, terem uma boa amizade mais apenas isso okay? Eu já falei sobre isso com minha filha, pois fiz uma ligação e expliquei tudo. Namjoon.

- Sim, Bang PD. - Namjoon sorri o olhando.

- Não infeitice minha filha com suas covinhas. - Ele ri baixo, brincalhão. - Vocês todos tem uma beleza impecável, então por favor a controlem. - Rimos baixo. - Enfim é isso meus jovens, podem ir. - Saímos da sala, os garotos falavam sobre a tal garota entusiasmados.

- Será que é bonita? - Tae indaga curioso.

- Imagino que seja. - Yoongi sorri, entrando no assunto.

- Espero que ela goste de dançar! - Hoseok aparece ao meu lado.

- E eu que seja uma garota simpática e bonita. - Ri baixo.

- Ei, tira o olho! - Jungkook me dá um tapa no ombro. Gemi de dor.

- É, você acha que pode ter algo com ela? - Namjoon levanta um cenho.

- Se esqueceu do que Bang acabou de dizer? - Jin debocha. - Não podemos ter nada, a não ser amizade.

- Então seremos melhores amigos. - Eu e Jungkook falamos em uníssono, nos olhos e ambos reviramos os olhos.

- Qual será o trabalho da garota aqui? - Tae indaga novamente.

- Não sei... - Namjoon diz. - Acho que ela ajudará seu appa nos papéis.

Estou tão curioso... Posso ser um garoto um pouco tímido em relação a garotas mais tenho meus lados. Imagino que seja uma bela garota com rosto angelical, corpo bonito, gentil e brincalhona. Não falo isso para os garotos se não eles já começam a fazer brincadeiras e isso se torna chato.

( Jimin off )

( Jade on )

Já eram 16:00, o avião já havia pousado, eu estava no meio do aeroporto esperando meu appa.

Olhei em volta e arregalei os olhos ao ver meu appa abanando para mim, sorri singela. Eu sentia tanta falta dele, pois a última vez que o vi foi quando eu tinha 18 anos, depois desse dia eu nunca mais o visitei. Com algumas lágrimas no canto dos olhos, corri até meu appa com minha mala de rodinhas, quando cheguei o abracei forte, sendo correspondida com sucesso.

- Minha loirinha... - Afaga meus cabelos. - Você cresceu... Mudou muito.

- Você também appa. - O olhei sorrindo. - Está mais bonito.

- Eu senti tanto a sua falta. - Nos afastamos.

- Eu também. Muita. - Suspiro. - Então... Appa, onde está seus guarda costas?

- No carro. Vamos lá. - Pega em minha mão. - Vou te levar para seu dormitório e depois te levar para conhecer o bangtam.

- Ok! - Exclamo alegre. Eles são tão bonitos... Os sete. Pesquisei muito sobre eles essa semana e são tão bonitos... Mais não terei nenhuma coisa íntima com eles. Apenas amizade, pois como appa disse. Não posso ter nada com eles, pois são muito famosos e isso pode enfurecer as fãs e acabar com sua popularidade. Sem contar nas saesengs, que basicamente irão querer me matar se descobrirem que posso ter algo com eles. Seria um risco de vida.

(...)

Chegando no meu dormitório, appa me mostrou onde ficava o local. Era tão grande, bem bonito o local. Tinha laje de vidro, o banheiro era grande com uma banheira redonda grande muito linda, acho que cabia três de mim ali. Uma cama de casal gigante que eu fiz questão de me jogar pra ver se era boa e um lindo closet, gigantesco. Nunca morei em apartamento, ou dormitório não sei bem o que é pois sempre morei em casas, e vi que era lindo!

- Depois você arruma suas malas, agora vamos ao dormitório dos garotos. - Larguei minha mala em cima da cama e saí de cima da mesma. - Aliás, a senha de seu dormitório é 2222. Sua idade. - Me olha, sorrindo. - Vamos. - Digitei a senha e saímos, indo até o dia garotos. Meu appa digitou a senha e entrou. - Garotos! - Ele exclama, estava atrás dele num corredor bem bonito, que também tinha no meu. - Onde estão eles... - Caminha até a sala, timidamente fui indo atrás de si. Olhei em volta e pude ver que era bem diferente, era uma sala grande e espaçosa a cozinha era bem a mostra mais separada por pequena escadaria e sete portas, com nomes. Vulgo ser o quarto dos garotos, tinha laje e era lindo.

- E-estamos aqui! - Escuto uma voz grave, logo um garoto bem alto, moreno e muito atraente aparece na sala, juntamente com mais seis.

- Bem... Filha esses são o bangtam. - Eu estava um pouco envergonhada pois afinal... Tinha sete garotos bonitos a minha frente. - Não seja tímida. - Sorri para mim, saí de trás de si e um pouco corada vou para o seu lado.

- Sou Bang Jade, tenho 22 anos e sou um pouco Coreana e Americana. - Digo sem jeito, fazendo uma reverência.

- Se apresentem garotos. - Appa sorri para eles.

- Me chamo Kim Namjoon, mais conhecido como Rap Monster. - Sorri para mim. Ele... Tem covinhas! Isso foi como um tiro para mim. Ele tem covinhas... Que fofo! - Tenho 24 anos, sou o rapper e o líder do Bts.

- Kim SeokJin. - Um garoto com ombros largos e lindos diz, sorrindo alegremente. - Sou vocal e visual do grupo e o mais velho pois tenho 26 anos. Espero que sejamos bons amigos.

- Min Yoongi. - O garoto me olha discretamente de cima a baixo, me senti um pouco constrangida. Esse era pálido e tinha uma aparência muito sexy. - Sou rapper, tenho 25 anos. Sou o segundo mais velho do grupo e meu nome artístico é Suga. - Sorri fraco para mim.

- Olá! Me chamo Jung Hoseok! - O garoto de cabelos da cor vinho me olha animado. Esse parecia ser o animado do grupo, e assim como os três anteriores muito atraente. - Tenho 24, sou o terceiro mais velho do grupo, sou rapper e dançarino principal. Também sou a esperança do grupo. Meu nome artístico é J-hope.

- Prazer Hoseok. - Ri fraco, o olhando de cima a baixo discreta.

- Kim Taehyung. - Escuto outra voz grave e intensa, olho para o que se chama Taehyung e me apaixonei pelo seu sorriso quadrado e sua fofura. - Tenho 22 anos, meu nome artístico é V que vem da palavra vitória, sou o que mais gosta de fazer brincadeiras e também sou chamado de 4D. - Sorri quadrado novamente.

- Jeon Jungkook. - Sorri singelo para mim. Ele era tão lindo, parecia um coelhinho de tão fofo. - Tenho 21, sou o Maknae do grupo mais conhecido como Gold Maknae. Sou o vocal principal, meu apelido é Kook, mais se quiser pode me chamar como o futuro amor da sua vi... - Rap Monster, o pega por trás, tapando sua boca fazendo-o não conseguir terminar de dizer sua frase.

- Sou Park Jimin. - Uma voz baixa... Olho para o garoto de cabelos loiros e me surpreendi pelo seu rosto angelical e fofo. Ele parecia um anjo. Meu Deus, eu vou ter um orgasmo de tanta fofura. - Tenho 23, como pode ver sou o mais baixo. Sou o vocal do grupo, dançarino e o como todos dizem... O mais fofo. - Revira os olhos. Isso o fez ficar tão fofo! Ele estava com sua bochechas levementes coradas e isso o fazia ficar tão angelical.

- Será um prazer conviver com vocês Bangtam. - Sorri singela. - Espero sermos ótimos amigos!

- Sim, amigos. - Appa ri fraco. - E nada mais que isso.

É.... Nada mais que isso.


Notas Finais


GOSTARAM DO CAP? Espero que sim ^-^

Gente, eu levei basicamente o dia inteiro para fazer tudo... Foi um trabalhão socorr. Eu espero que essa fic tenha bastante favoritos e comentários, pois realmente... Eu fiz com muito carinho e amor ♥

Então será assim, se a fic nesse capítulo ter um bom indício de leitores obviamente terá continuação. Causo contrário ela será excluída. O que será um grande pecado T.T

Bem, por favor comentem, favoritem e amem a fic para ter continuação!

Bjsss, amo vcs ♥
Conto com vocês gente!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...