História V-Min (pjm-kth) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Hot, Parkjimin&kimtaehyung, V-min
Visualizações 18
Palavras 843
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AVISO!

Caro leitor, caso você não goste deste tipo de short, sujiro que não leia.
Deixo claro que sou uma Jikooka shipper, fiz esse pequeno hot por inspiração de uma fanfic que li.
Votem e comentem!
GoodBey!

Capítulo 1 - V-MIN HOT


Era noite de sexta-feira, Jimin avia prometido a TaeHyung que iria ve-lo, mas os ponteiros do relógio beiravam as 23:00hrs e nada do baixinho de cabelos castanhos.

Talvez ele não venha mais...

Pensou o rapaz, levantando-se para ir guardar os jogos — afinal era isso que iriam fazer, jogar —, mas o som da campainha o fez voltar e colocar os jogos no lugar novamente.

A passos leves e calculados, o maior seguiu até a porta, a abrindo.

Jiminie? Pensei que não viria mais... Por que está molhado? Jimin ao menos deu bola aos questionamentos do garoto, apenas adentrou a residência tão conhecida por si.

Jura que não percebeu? O céu esta quase caindo e você ao menos notou! Por Deus TaeHyung... o rapaz baixinho murmurou exasperado.Foi por este motivo que demorei. As ruas estavam impossíveis!

Algo em TaeHyung desligou. Ver o baixinho com os cabelos molhados, as roupas coladas ao corpo, fez uma quentura repentina subi-lher o corpo.

Tão excitante...

Tae? Está me ouvindo? o menor passou as mãos a frente dos olhos do moreno. TaeHyngu avia congelado.Você está bem? perguntou.

Então o maior balançou a cabeça para os lados e assentiu.

Si-sim...  O que dizia? Jimin revirou os olhos.

Aquilo foi o estopim para o Kim. TaeHyung puxou Jimin pela cintura e o beijou, voraz e faminto.

Céus, beijar Jimin era como beijar um anjo!

Então ofegantes separaram-se.

Jiminie... Eu... Me o acastanhado o calou, com um beijo.

A medida que se beijavam, o calor subia e os sucumbia mais e mais.

Kim não consegui parar e Park não queria que ele parasse. As roupas tornaram-se um incomodo.

E em uma investida rapida, a blusa de Jimin fora parar em algum canto da sala.

Kim era o fogo e Jimin a gasolina, apenas bastou se encontrarem e a explosão aconteceu.

Aos poucos Kim foi marcando aquela pele macia e pálida, deixando chupões e mordidas. TaeHyung estava adorando maltratar aquela pele sedosa e antes, imaculada.

Os corpos se chocaram contra o sofá — nem ao menos perceberam andarem durante os beijos que trocavam —, Jimin sorriu.

Era a primeira vez que os jovens amigos passavam dos limites, era sempre um beijo aqui, um beijo acolá, mas apenas beijos.

Era estranho, mas ainda assim era bom. Era como cometer uma travessura quando criança, era excitante e divertido.

Para Kim, explorar o corpo de Park era um sonho, um sonho sendo realizado.

Então em um movimento brusco Jimin — que estava abaixo do Kim — gira os corpos, ficando por cima do mais novo. Era sua vez de marcar a pele alheia.

De uma maneira desengonçada Park retirou a blusa do rapaz, então lambeu os lábios.

Mesmo não tendo um corpo definido Kim em si era muito belo, era um Deus Grego como diria HoSeok.

Jimin explorou com sua boca o pescoço de Kim — ele não seria o único a ser marcado —, deixando por ali chupões. Park foi descendo com sua boca até parar ao cós da calça do outro.

Deixa eu provar teu gosto, Tae... aquilo soou tão maliciosamente, que a única reação do Kim foi rebolar.

Park sorriu, mordendo abaixo do umbigo do mais novo.

Jimin levou suas pequenas mãos, livrando TaeHyung das calças e cueca.

Ver o falo rígido do Kim, fez Park salivar. Era tão grande e grosso.

Jimin de início beijou a cabeça do pênis de Kim, depois levou suas mãos ao mesmo o bombeando, lentamente. Quando Jimin levou a boca e começou a fazer seções de vai-e-vem, Kim quase gritou com o tamanho prazer.

Alguns minutos depois o garoto gozou e Jimin engoliu tudo, não sobrou uma gota.

Era a vez de Park.

TaeHyung trocou as posições, arrancando de Jimin um grito fino e agudo, seguido de uma gargalhada.

De forma astuta Kim livrou Park das últimas peças de roupas, agora ele via o menino por inteiro. E céus, Jimin era a própria perdição.

TaeHyung sorriu, enquanto depositava selares pelo corpo abaixo do seu, então capiturou os lábios rechunchudos para si. O beijo foi quebrado pela falta de ar.

O que você quer ChimChim? Hum... mesmo sabendo, o Kim procurava provocar.

Eu quero você, TaeTae, quero você dentro de mim... Me fodendo com tudo.e com essas palavras TaeHyung parou de pincelar com a cabeça de seu pênis a entrada do menor, investindo contra a mesma de uma vez só.

Os corpos se chocando, os arfares misturados com o calor daquela sala, fazia tudo parecer tão erótico, era excitante demais...

TaeHyung investia cada vez mais forte e rápido, arrancando de Jimin gemidos manhosos, céus Jimin era tão manhoso.

Ahn... Tae... Ah! Ma-mais fu-fundo... Hum... Ma-mais fo-for-te... Jimin brincava com a sanidade quase extinta do Kim. Aqueles gemidos eram músicas para os ouvidos do maia novo.

E em um grito, Jimin se desfaz, melando seu abdômen e o abdômen de Tae. Kim nem mesmo precisou estimular o mais novo para que ele gozasse, Jimin era tão sensível.

Kim aumentou as investida, prolongando o prazer de Jimin. E então gozou, em jatos fortes se desfez dentro do Park.

Kim caiu sobre o menor, ambos estavam ofegantes, nem ao menos conseguiam falar, só gargalhar. Essa noite seria inesquecível.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...