História Vampire - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Tags Jeon, Jungkook, Kim, Taehyung
Visualizações 2
Palavras 684
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Então gente esse é o primeiro capítulo dessa nova fanfic , eu me inspirei na série apesar de só ter visto pelo menos uns dois capítulos então vai ter muitas coisas que provavelmente não tem na série e serão adaptações minhas mas eu espero que gostem mesmo assim (◍•ᴗ•◍)❤

Capítulo 1 - O Acidente


*6 Meses Atrás*

S/N *POV*


Meus pais tinham acabado de sofrer um acidente na estrada , meu pai só teve alguns ferimentos leves e foi trazido para o hospital , já minha mãe, ela está em estado grave e os médicos disseram que ela tem poucas chances de sobreviver...

Saí de meus pensamentos quando ouço a máquina que indicava os batimentos cardíacos na qual estava ligada a minha mãe começa a apitar fazendo um Piiiiiiiiiiiiiii , nesse momento me desesperei só sabia chorar e clamar por ajuda 

- Mãe! ... Por favor não me deixe *disse aos prantos*

- Se afaste por favor - disse o médico 

Eles pediram para que eu saísse da sala e esperasse pois eles iriam fazer um processo de reanimação. Quando sai da sala encontrei meu pai sentado em umas das cadeiras da recepção provavelmente esperando alguma notícia , estava com o braço engessado e alguns arranhões mas aparentemente estava bem , quando me viu correu para me encontrar.

- O senhor está bem? - disse logo depois me sentei ao seu lado

- Estou minha filha , agora quero saber como está sua mãe? Por que saiu da sala chorando?

- Ai pai estou muito preocupada , ela está muito mal , quando sai daquela sala ela não estava mais conseguindo respirar , os médicos estão tentando reanima-la.

- Calma S/N ela vai sobreviver , confie que ela vai sobreviver. - meu pai disse tentando me consolar e me envolveu em um abraço apertado , tentando se manter forte , mas eu sei que ele estava sofrendo com essa situação tanto quando eu . Ali abraçada ao meu pai avistamos um dos médicos saindo do quarto com uma cara triste.

- Doutor , por favor me fale que a minha esposa está viva que vocês conseguiram salva-la - disse meu pai em completo desespero

- Tentamos de tudo mas... Eu sinto muito mais infelizmente ela não resistiu... - disse o doutor

- Não... Eu não acredito nisso - disse

Meu pai tentou manter-se firme mas não conseguiu , desabou junto comigo ainda não acreditavamos ainda no que tínhamos escutado , o fato de eu ter perdido a minha mãe a pessoa mais importante da minha vida não entrava na minha cabeça , pra mim ela ainda estava comigo.

Definitivamente aquele foi o pior dia da minha vida , um dia que ficaria marcado para sempre na minha memória e no meu coração...


           * Atualmente *


Já se faziam 6 meses desde que minha mãe morreu , pode parecer mas eu nunca superei essa perda , no caso do meu pai foi pior , ele entrou em depressão não suportou ter perdido a minha mãe a mulher que ele amava tanto . Estava me arrumando para ir a escola quando meu pai me chamou

- S/n ... Você já estava indo para o colégio?

- Sim pai , por que ?

- É que chegou uma carta para você mas eu não consegui ler por que estava escrita em uma língua estranha - disse me entregando o envelope

- Ah sim ! Está escrita em coreano... Eu acho que é de uma universidade...

- Universidade!? Então abra minha filha

- Ok

Abri o envelope li e reli a carta e não estava acreditando no que estava lendo estava surpresa e ao mesmo tempo muito contente , na carta eles me concediam uma bolsa de estudos em uma das melhores universidades de Seul na Coréia, pelo que li eles se surpreenderam com minhas notas e por isso ganhei a bolsa. Fiquei tão chocada que abri minha boca em um perfeito 'O'

- Anda S/N , o que está escrito nesse papel afinal de contas

- Pai... Eu ganhei uma bolsa pra fazer intercâmbio na Coréia!

- Sério?! Que bom filha eu estou tão orgulhoso de você, que bom que conseguiu passar no teste.

-  Mas e agora eu vou ter que ir embora daqui , e me separar do Senhor...

- Não se preocupe minha filha , eu sei que estou acabado , mas seu velho pai sabe se cuidar.

- O senhor não está velho pai - disse o abraçando - Eu estou muito feliz - disse quase pulando de felicidade



...




Notas Finais


Esse foi o capítulo gente , ficou pequeno mas espero que gostem até o próximo (◍•ᴗ•◍)❤(◍•ᴗ•◍)❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...