História Vampire girl (Bts) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Lendas Urbanas
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosemarie "Rose" Hathaway
Tags Crossover, Drama, Romance, Terror
Visualizações 8
Palavras 1.078
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Luta, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi mores.
Espero que gostem.
Boa leitura.

Capítulo 1 - Stupid girl


Fanfic / Fanfiction Vampire girl (Bts) - Capítulo 1 - Stupid girl


Tínhamos acabado de sair do avião. Eu já sentia a raiva só de olhar para aquela aéro moça dando encima do Yoongi, mais foda-se ele que se foda com aquela vagabunda humana.

Tiro uma caixinha de cigarro do bolso e coloco um cigarro na boca acendendo.

Rose - Eu vou de skate.

Suga- Mais você nem sabe a onde que é.

Rose - Tchau.

Saio deixando ele para trás, falando sozinho. Ainda não acredito que eu vim parar aqui, a Coreia parece tão pequena ao meu amor chamado Brasil.

Me assusto com um grupo de garotas de rosa gritando e dando pulos de alegria.

Rose - Seres humanas.

Pego meu skate na mão e entro numa loja de conveniência, vou até o freezer e pego uma caixinha de sujo. (Bebida coreana)

??? - posso ver sua carteira de identidade?

Rose - Por que? 

??? - preciso ver sua idade.

Rose - Por que quer dar encima de mim? É seu Velho.

??? - Por favor.

Começo a rir e tiro do bolso a carteira de indentidade falsa da bolsa.

Rose - posso ir agora, ou quer meu número?

??? - Boa tarde.

Pago o sujo e pego a indentidade falsa ,saindo da loja. Abro o sujo na mão mesmo e tomo no bico. Sento num banco que avia ali. Logo um carro preto para na minha frente, revelando um lindo rapaz de cabelos loiros com óculos escuro.

??? - A moça está perdida?

Apenas pego meu skate e deixo ele falando sozinho. Ouço atrás de mim uma porta fechar e o rapaz loiro me chama.

Jimin - Ei! Espere, me chamo Jimin, Park Jimin.

Paro o skate e viro para ele com uma cara de ódio.

Jimin - tem certeza que não quer carona? Você é nova aqui.

Rose - Não... calma espera.

Penso um pouco. O Yoongi sabe que ele não pode mexer comigo.

Rose - Por acaso você conheçe Kim Namjoon, um empresário?

Jimin - claro , ele e meu pai são amigos.

Rose - então se eu entrar com você no carro, voce me deve um favor.

Jimin - Ok.

Entro no carro do mesmo. Ele tentava me fazer perguntas, mais eu apenas o ignorava.

Jimin - Chegamos então oque eu preciso fazer?

Rose - Saia do carro, e abra a porta para mim é apenas corresponda.

Jimin - como assim?

Rose - se você abrir a porta entenderá.

Digo fria.

Ele sai do carro abrindo a minha porta. Me certifico se tem alguém olhando e por minha sorte era Suga. Empurro ele no carro colando nossos lábios num beijo quente e bem agitado. Logo desgrudo nossas bocas.

Jimin - Você beija bem.

Entrego um papelzinho com o meu número viro as costas e entro na mansão.

Suga - O QUE FOI AQUILO?

Rose - um beijo, afinal os humanos são bons na cama, preciso achar um para me diverti e matar minha cede minha garaganta está seca , não acha?

Yoongi sobe as escadas nervoso,  e um sorriso bobo brota em meus labios.

Tento achar a cozinha até eu esbarrar em alguém, a pessoa de cabelos castanhos que por acaso não é nada feio da alguns passos para trás. PENA QUE É UM HUMANO.
Logo a imagem do meus pais surgem na minha mente.

Rose - Você por acaso é cego?

??? - foi você que esbarrou em mim.

Rose - e que você acha que é para me chamar de você, como se fosse umas de suas prostitutas?

Jungkook - Sou jungkook.

Rose - apenas saia da minha frente.

Jungkook - Garota estúpida.

Estava virando as costas para ir embora, mais já to cansada desses humanos querendo saber da minha vida.

Rose - Por acaso você quer um Nariz quebrado.

??? - Você não vai querer o soco dela doi por dias, Vejo que Rose já conheceu jungkook , uns dos meus filhos também.

Jin diz no meios da risadas me abraçando.

Rose - Você sabe que o soco foi sem querer fosse sabe que eu não tava aturando aquela huma... Vadia.

Jungkook me olha com um olhar de desconfiança.

Rose - e pensei também que eu fosse a única filha.

Jungkook-  afinal oque essa estúpida faz aqui.

Rose - estúpida é o cara...

Jin me segura antes que eu pule encima desse  humano.

Jin - Ela é irmã do Rap moster.

Rose - Rap moster, que isso?

Jin - Rose seu irmão está te esperando la encima.

Rose - tá bom.

Subo as escadas, e tinha muitas portas entro em qualquer uma dando uma visão de suga tocando piano.

Rose - Vou entrar.

Entro no quarto e ele para de tocar.

Suga - quem era aquele?.

Rose -onde esta Namjoon?


Suga - Me fala Rose.


Rose - Acho que era um humano qualquer. Não posso conversar o Namjoon está me esperando. Onde ele está?


Suga - Ok ele está na segunda porta a direita.

Saio do quarto do mesmo até o escritório do meu irmão. Entro no mesmo é e me jogo no sofá que avia ali.

Namjoon estava apoiado na mesa olhando atentamente todos os meus movimentos.

Rose - Olá Rap moster.

Namjoon - Como você sobrevivel no Brasil sem sangue?

Rose - Nem vai dizer oi para sua querida irmãzinha?

Namjoon-  como voce conseguia? 

Rose - Eu tinha minhas fontes.

Namjoon - está quase anoitecendo arrume suas roupas no quarto e as 9:00 em ponto venha para jantar que eu preciso te apresentar para a família, amanha voce terá aula então acorde as 6 e não se atrase.

Saio da sala e vou para o meu quarto aonde Namjoon tinha me falado. Minhas malas estava em um canto do quarto. Começo a arrumar as minhas roupas no closet.

Já eram 8:45 . Saio do meu quarto desso a escadas . Avisto Jin de longe e vou até ele.

Rose - Ei não irei comer aqui hoje tá bom?

Jin- mais oque você vai comer minha pequena.

Rose - fica tranquilo eu me viro.bjs te amo.

Jin- se cuida também te amo.

Saio da casa. Jin era a pessoa que mais me apoio quando meus pais morreram , ele é noivo do meu irmão e eu amo muito ele.

Eu Fui até um bar qualquer e pedi uma bebida . Tinha uma atendente muito bonita la.

??? - Olá quer alguma bebida? 

Rose - Não.

Soon- olha me chamo soon e eu sei que você é, se quiser alguma dose? 

Ela diz sussorrando ,dose significa sangue.

Rose - aonde eu posso pegar? 

Ela me da um envelope vermelho e eu escondo de baixo da blusa. É entrego um envelope de dinheiro para ela .

Rose - esse é o meu número.

Entrego um papel para ela e saio para uma floresta qualquer. 

Quando me dei conta da hora já era 1:50  .

Volto para casa pela minha janela que avia deixado aberta e durmo.



Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Bjs mores.
Então como ficou?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...